Eder Jofre55

Admin
  • Content Count

    5730
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutra

About Eder Jofre55

Profile Information

  • Gender
    Not Telling

Recent Profile Visitors

11833 profile views
  1. Se sou ele pediria o Lewis ,tem um jogo parecido com o Jairzinho ,joga plantado ,chuta um pouco mais e tem uma marreta na mão e é explosivo mas vencível com o jogo que o Gané apresentou ,além de estar melhor no ranking ,porém acho que o Dana não vai dar pelo fato de não ter rolado nocaute , Jairzinho lutou muito abaixo , foi apático ,Gané até tentou o nocaute e foi esperto em não correr riscos com uma trocação franca ,a luta pode não ter sido uma maravilha mas muito por conta do Jairzinho!
  2. Peço que evite colocar essas discussões politicas que não agregam em nada sobre o tema mma e só servem para causar polêmicas desnecessárias desvirtuando o tópico ,conto com sua colaboração!
  3. Será que foi só eu que achou que o Gane (dadas as devidas proporções ) emulou o jogo do Jones? mão à frente pra medir distância, movimentação, socos e chutes em contra golpes ,quedas ou tentativas junto a grade ,troca de base , superior em todos os rounds, sem correr riscos controlando a distância e sabendo usar a maior envergadura e dosando o gás ,nem o dedo no olho faltou ,rs! Tem muita pedreira ainda para se firmar ,mas um cara desse tamanho, com essa inteligência pra lutar nessa categoria mantendo a luta em pé pode complicar pra qualquer um ,o tempo dirá se foi uma exceção ou temos um cara diferenciado na HW !
  4. Se não afetar as vendas de ppv não vai fazer muita diferença para o UFC , além do fato de que campeões de outros países podem ajudar a alavancar as vendas em outros mercados , tendo boas lutas e categorias em movimento é só uma questão de tempo para um ou mais campeões americanos voltarem a reinar , as melhores equipes ,treinadores ,academias ,estrutura etc... em sua maioria ainda se encontram lá!
  5. O cara ficou de 2013 a 19 enfileirando 12 vitórias consecutivas, oito bônus de performance na categoria considerada a mais casca do evento e tem quem ache que ele não é bom o suficiente porque toma muita porrada, legal se todos fossem que nem o GSP, bom moço, estrategista e quase sempre saía com o rosto limpo depois de desfilar sua técnica durante cinco rounds e ganhar nas papeletas! Ferguson sempre caiu pra dentro, não tem essa de ficar analisando o adversário ,ele vai pra matar ou morrer ,queria ver se o russo ia aguentar sem bater com uma finalização encaixada pelo Charles ou apanhar por cinco rounds do Justin até o juiz parar a luta, o cara faz luta boa até quando é tirado pra nada ,agora não pode apanhar quando ganha e reverter a luta ...
  6. Dominick Cruz questiona interesse do UFC no retorno de Cejudo: “Dana não se importa” Ag Fight Desde o anúncio da aposentadoria de Henry Cejudo, muitas especulações surgiram sobre um possível retorno do ex-campeão peso-mosca (57 kg) e peso-galo (61 kg) ao UFC. O próprio ‘Triple C’ já deixou claro que aceitaria negociar sua volta caso recebesse uma oferta financeira vantajosa do Ultimate. Mas, contrariando a expectativa da maioria, um antigo rival do americano aposta que, no que depender da entidade presidida por Dana White, o agora ex-lutador nunca mais pisará no octógono mais famoso do mundo. Em entrevista à ‘ESPN’ americana, Dominick Cruz – ex-campeão dos galos e último lutador a encarar Cejudo antes de sua aposentadoria – minimizou o possível interesse por parte do UFC no retorno de ‘Triple C’. Na visão do veterano, Cejudo superestima seu real valor comercial para a liga, tendo um poder de barganha muito menor do que acredita ter. Por essa razão, Cruz aposta que a alta cúpula do Ultimate não considere abrir os cofres para atender a demanda financeira do ex-campeão e garantir seu retorno. O veterano ainda citou a atual situação da divisão dos galos, com jovens atletas com potencial e baixos salários, como outra carta na manga da organização para evitar pagar a mais pelos serviços de Cejudo. “Eu não acho (que ele vai voltar). Ele tem essa coisa onde ele acha que vale milhões e milhões de dólares, e eu acho que Dana (White) não se importa. Então, provavelmente não (volte), porque ele quer uma certa quantia de dinheiro antes de voltar e lutar, e eu não sei se ele vai conseguir isso algum dia”, analisou Cruz, antes de pontuar os motivos pelos quais o UFC não teria interesse em contar novamente com Cejudo em seu plantel de atletas. “Você olha para o resto da divisão, Petr Yan e Aljamain Sterling, dois concorrentes que vão lutar pelo cinturão, esses caras não estão pedindo uma tonelada de dinheiro, e eles vão trazer uma luta maluca. Por que você traria Cejudo de volta, que não está se arriscando do lado de fora? Pelo que? Ele não traz mais audiência. Se você é um Conor McGregor, uma Ronda Rousey, sim, você resolveria isso. Mas se você é Henry Cejudo? Ele não traz aquele fator de veneração para essas lutas onde todo mundo não pode esperar para assistir. Eles estão só rindo dele. Ele dá vergonha alheia”, concluiu. Medalhista de ouro no wrestling na Olimpíada de Pequim, em 2008, Henry Cejudo migrou para o MMA profissional em 2013, alcançando um cartel de 16 vitórias e apenas duas derrotas. Depois de se sagrar campeão peso-mosca e peso-galo do UFC, o americano anunciou sua retirada do esporte em maio do ano passado, após derrotar justamente Dominick Cruz e defender o cinturão até 61 kg da organização.
  7. Contra a chinesa ela fez igual a Zingano quando lutou contra Ronda ,partiu que nem louca indo pro tudo ou nada e se lascou , a Valentina pelo menos não tem a mão tão dura ,mas compensa em pé e no chão! Leitura perfeita , acho que o caminho para a Jessica é minar o gás da Valentina grudar e fazer a campeã se desgastar ,bater o máximo na linha de cintura e pernas ,a campeã tem uma ótima movimentação !
  8. Se a Jessica conseguir encurtar e desgastar a Valentina na grade ou derrubar e amassar no chão tem alguma chance, se deixar a adversária confortável na distância aí complica! Valentina é top , e o fato de lutar em uma categoria que o baixo nível técnico é enorme faz ela parecer ainda melhor do que é, não tem culpa nenhuma disso mas se estivesse nos galos acredito que seu domínio não seria o mesmo!
  9. Essa babação exagerada do Dana e a categoria ridiculamente sem campeão lotada de cara top enquanto o russo posa de rainha da Inglaterra dá nisso ,as vitórias do Ferguson foram todas na grosseria, sorte e adversários fracos ...
  10. 31 anos não é velho ,mas também não é mais nenhum garoto ,tem que aprender o básico pra sobreviver em pé em primeiro lugar pra depois pensar em se arriscar a trocar contra alguém, ele é cru demais pra quem está no UFC! Durinho é uma exceção infelizmente, evoluiu demais e em pouco tempo para um cara que também era basicamente jj , Demian nunca foi nenhum refino técnico mas conseguiu sobreviver e vencer caras melhores graças a sua inteligência e técnica pra quedar em momentos chave das lutas, tem muito lutador que não é top em nada mas tem essa capacidade de saber mudar o nível de uma luta quando o plano A não dá certo! Se o Rodolfo não consegue fazer nada disso não tem treinador que resolva ,lutador unidimensional geralmente tem vida curta no mma!
  11. Quanta merda , Justin falou algo parecido faz pouco tempo, a aposentadoria está fazendo mal para o russo ou ele está mostrando o lado idiota! Mas deve ter sido a transcrição de algum jornalista maldoso ou o empresário dele ,o russo é um gentleman, jamais falaria uma bobagem dessas! Ferguson tem muitas falhas no seu jogo mas é um cara que não afina nem quando é tirado pra nada como nas duas últimas lutas depois de doze vitórias consecutivas, ninguém tem o coração desse maluco no mma atual! Não que fosse ganhar, isso não tem como afirmar ,mas não deveria ter aceitado o Justin tendo se preparado para enfrentar o russo e feito a besteira de bater o peso sem necessidade e depois da surra ter pego o Charles, era pra ter dado um tempo, pagou o preço !
  12. Na real eu acho que o Patricio tá louco que algum lutador do UFC mande ele tomar suco de caju pra esse lero lero ter alguma relevância além de fóruns na internet e pagina em rede social ,ele não está ofendendo ninguém ,é um ótimo lutador e tem evoluído ,só força a barra quando manda esse papo de melhor de todos com o currículo de lutadores que ele enfrentou ,até ele sabe disso ,mas não custa nada aumentar os feitos ,vai que alguém acredita ,ainda mais se for o Dana ! Bellator é ótimo ,paga legal , pode ter patrocinios etc... mas os verdadeiros desafios estão no evento do careca e ele quer ir pra lá sim e já que quem foi o escolhido foi o Chandler o negócio é pegar "carona" nessa onda e tentar cavar a sua contratação pelo evento ,já que a massa consumidora ainda não o conhece muito , não está errado no fim das contas ,só mais um chatinho de vez em quando ...
  13. Bellator anuncia criação de sistema de rankings por categoria e peso-por-peso Ag Fight Assim como já acontece no UFC, seu principal rival, o Bellator vai implementar um sistema de rankings para classificar os atletas de seu plantel em suas respectivas divisões, além de duas listas peso-por-peso, uma do elenco masculino e outra do feminino. A medida, inédita na história da franquia, foi divulgada pela própria organização, através de comunicado oficial em seu site e nas redes sociais. A primeira lista deve ser divulgada pouco antes do primeiro evento da temporada 2021 promovido pela entidade, marcado para o dia 2 de abril. Os rankings serão definidos por 15 membros da mídia especializada, que votarão após cada show realizado pela liga. O processo será supervisionado pela Combat Registry, uma empresa terceirizada independente do Bellator. Ao contrário do sistema utilizado pelo UFC, onde cada categoria possui 15 lutadores ranqueados, os rankings do Bellator serão compostos apenas por dez atletas, além do campeão de cada divisão, que ficará acima do primeiro colocado. Ao todo, a organização presidida por Scott Coker terá sete rankings de divisão masculinos, dois femininos e dois peso-por-peso, um de cada gênero. “Esse é o maior plantel na história do Bellator. Enquanto continuamos a contratar os principais agentes livres do esporte e vemos o sucesso de jovens promessas dentro do cage do Bellator, nós sentimos que era a hora certa de introduzir os rankings de lutadores oficiais. Nós estamos sempre procurando formas de melhorar nosso produto e isso adiciona um novo e empolgante aspecto à organização, e que vai ter um impacto significativo em como os fãs assistem o Bellator. Toda divisão é competitiva, todo confronto é importante, e nós estamos prontos para várias lutas com potencial de terem grande sucesso de bilheteria ao iniciarmos um novo ano na Showtime”, declarou Scott Coker, presidente do Bellator.
  14. Não vi nada demais nessa resposta, alguém perguntou e o Dana respondeu, e pode tanto ter mentido quanto ter sido sincero, se o Charles topa e vence não tem lero lero ,fica com uma moral gigante e passa todos na corrida pela cinta ! Acho que está certo em não ter aceito com tão pouco tempo, mas podia ter acertado pra daqui um mês ou 45 dias ,outro vai acabar pegando essa luta e vai sobrar pra ele o Dariusch que vem embalado e já falou que quer ! Grandes objetivos as vezes implicam em grandes riscos ...
  15. Dana defende Do Bronx por recusar luta com Chandler: "Se quer camp completo, é justo" Presidente do UFC explica que não quer fazer soar a história como "Oliveira recusou Michael Chandler, porque não é verdade". Luta foi oferecida para o UFC 258, card do último sábado Por Combate.com A recusa de Charles do Bronx por uma luta com Michael Chandler no último sábado, no UFC 258, voltou à pauta numa entrevista de Dana White ao site “Complex”. O presidente do UFC explicou a situação e defendeu a decisão de Charles de não enfrentar o americano recém-chegado ao Ultimate. Michael Chandler estreou no UFC com nocaute em 2m30 de luta com Dan Hooker, em 23 de janeiro, e já queria um novo compromisso imediatamente. Charles do Bronx vem de vitória contra Tony Ferguson em 12 de dezembro. - Teve uma oferta para Chandler lutar com Oliveira (Do Bronx)? Sim, mas para ser justo com Oliveira, foi em cima da luta. Nós estávamos apenas checando para ver se esses caras queriam um retorno rápido. Oliveira disse: “Quero um camp completo”. E não tem nada de errado com isso - disse o chefão do UFC. Adiante, Dana disse que seria uma luta que o UFC gostaria de fazer acontecer, mas frisou que o brasileiro não tinha obrigação de aceitar o duelo com tão pouco tempo para a luta. - Não quero fazer isso soar como: "Oliveira recusou Michael Chandler", porque não é verdade. O que Oliveira recusou foi uma luta de última hora. Se nós pudéssemos fazer isso, queria fazer isso. Se ele quer um camp completo, é absolutamente justo. Michael Chandler, após a estreia com vitória, surgiu em quarto lugar no ranking peso-leve (até 70g). Charles do Bronx é o número 3 na mesma lista. Acima deles estão o (ainda) campeão Khabib Nurmagomedov, o primeiro colocado, Dustin Poirier, e o segundo, Justin Gaethje. O brasileiro tem dito em entrevistas que espera luta pela luta pelo cinturão na sequência. Do Bronx soma oito vitórias seguidas nas últimas lutas.