Anderson Kozama

Membros
  • Content Count

    393
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutra

About Anderson Kozama

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. Ngannou se preparou, sua maior dificuldade era se defender das quedas, Miocic até temtou quedar, mas depois disso a confiança foi para 0, incrível foi como o croata conseguiu vencer esta fera solta, o cara é foea do comum, mas ouso dizer que jones irá castigar seus joelhos e quedar facil.
  2. Justificaveis as demissões, cigano engatou uma sequencia contra os tops da categoria onde demostrou ser presa fácil, ja o overeen é o famoso queixo de vidro, bateu ele cai.
  3. esse nocaute contra o blaydes é um dos mais espetaculares que ja vi.
  4. Interessante a serenidade do Sonnen, falando sobre o caso da recusa do Wanderlei em relação a fazer o teste da USADA e também sobre os personagens que ele e o Wanderlei fizeram no TUF.
  5. Sem alarde, UFC lança barca com nove lutadores, sendo oito não-americanos e um russo invicto Lista de demitidos conta com quatro europeus, dois australianos, um jordaniano, uma japonesa e um americano. Cartéis somados dos atletas apontam oito vitórias e 22 derrotas no evento Por Combate.com — Rio de Janeiro 19/02/2021 14h00 Atualizado há 2 horas O UFC segue enxugando o seu quadro de lutadores. Sem muito alarde, a organização deixou de contar com mais nove atletas nos últimos meses. Segundo o site "MMA Junkie", os lutadores e lutadoras desligados da organização são Aleksandra Albu e Dmitry Sosnovskiy (Rússia), Ali Alqaisi (Jordânia), Cyril Asker (França), Alex Chambers e Suman Mokhtarian (Austrália), Chris le La Rocha (EUA), Syuri Kondo (Japão) e Bojan Mihajlovic (Sérvia). Mesmo invicto na carreira e tendo vencido sua única luta no UFC, Dmitry Sosnovskiy foi demitido pela organização — Foto: Getty Images Os cartéis somados dos atletas que foram desligados ou não tiveram seus contratos renovados no UFC é de oito vitórias e 22 derrotas. A maior surpresa foi a demissão do russo Dmitry Sosnovskiy, que está invicto na carreira (11-0) e venceu a única luta que fez pelo UFC - finalizou Mark Godbeer no segundo round em 2018. Segundo informações da imprensa russa, Sosnovskiy foi preso recentemente, acusado de sequestro e extorsão. Outras demissões já eram esperadas. Aleksandra Albu não lutava desde 2019; Alex Chambers, que perdeu quatro de suas cinco lutas, não subia no octógono desde 2018; Chris de la Rocha, o único americano demitido da lista, perdeu três de suas quatro lutas e também não atuava desde 2018. https://globoesporte.globo.com/combate/noticia/sem-alarde-ufc-lanca-barca-com-nove-lutadores-sendo-oito-nao-americanos-e-um-russo-invicto.ghtml
  6. Tivemos uma experiencia, douglas lima ficou pequeno perto do mousasi. Sinceramente, não vejo pitbull favorito contra nenhum top da categoria do ufc, faria frente a alguns lutadores menos expressivos.
  7. aquelas pedaladas que ele tava fazendo no chão é sim um esforço, faltou gas e perna no segundo round e terceiro.
  8. Durinho afoito demais, depois de ter nocauteado o Usman tinha que sair do raio de ação, procurar sair da frente do negão, mas a toda hora ia afoito pra tentar outro overhand, corner do Usman o instruiu a usar mais os jabs, equipe é pra isso, acalmar o lutador após um susto no primeiro round.
  9. Problema é qualquer um dos dois que vier a mão é pesada , contra ngannou teria que fazer uma luta perfeita, no chão, contra o miocic o cara sabe se defender de quedas e tem um bom boxe.
  10. Não é a primeira vez que ele se encolhe
  11. Penso o seguinte Ngannou quando desafiou Miocic perdeu uma luta onde foi quedado varias vezes, terminou sua luta com zero de gas, poderia ate ter feito uma revanche imediata contra Miocic, mas Courmier mesmo estando numa divisão abaixo tinha uma história e apelo midiatico muito maior nos pesados que o Ngannou. Outro fator que o afastou de uma revanche mais cedo foi a derrota para Derrick Lewis, onde se apresentou de forma grotesca, admitindo depois que não se preparou de uma forma mais profissional. Hoje merece ser desafiante, mas se quer lutar agora, case uma luta com outro lutador e que possa ter as mesmas caracteristicas que Miocic, claro que vai esperar novamente uma nova luta pelo titulo.
  12. Não é demerito acabar a carreira aos 45 anos nocauteado, varios outros tambem terminaram assim, corpo nao obedece mais.
  13. Assistir no canal combate é dose, pro luciano andrade mesmo apos o nocaute no terceiro round nao tinha certeza se o hall havia vencido kkk, muito pachequismo, luta equilibrada ate pelo respeito, pra mim deu 10 a 10 nos dois primeiros rounds, ja era pra ter terimando a luta no final do terceiro.
  14. nao vejo assim, claro que alguns lutadores sao visivelmente inferiores a alguns do ufc, mas douglas lima e macdonald nao sao serie B, porem o Mussassi precisa ganhar dinheiro, patrocinio no UFC esta amarrado a uma marca, lutador tem prazo de validade, final de carreira ta logo ali.