Raphael Rezende

Membros
  • Content Count

    9077
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutra

2 Followers

About Raphael Rezende

Profile Information

  • Gender
    Male

Recent Profile Visitors

11147 profile views
  1. Absolutamente nada a ver. Bota Stephen Thompson, Leon Edwards... Jorge Masvidal, não.
  2. E detalhe: Borrachinha bebeu uma garrafa de vinho, dormiu, acordou, tomou café, almoçou, descansou, se aqueceu, e quase 24 horas depois, ainda estava "meio bêbado". Guerreiro, espero que tua assessoria de imprensa leia alguns sites especializados em lutas, pra que você saiba que tá na hora de calar a boca e focar nos treinos. É um bom lutador, ainda um dos maiores do peso, mas chega de historinhas.
  3. Verdade. Eu que sou um mero competidor de campeonatos regionais de jiu-jitsu/submission/luta livre, paro com álcool por pelo menos umas duas semanas antes do evento... Já o Borrachinha, joga pra dentro uma garrafa de vinho na noite anterior à disputa de cinturão do maior evento de MMA do mundo??? Já passou da hora do Borrachinha calar a boca, e esquecer a internet.
  4. Boa entrevista, bem sensato, bem diferente do Borrachinha. Só discordo quanto à parte que ele disse que todos os lutadores passam por altos e baixos... Jacaré já passou do auge, e infelizmente, daqui pra frente, terá muito mais derrotas do que vitórias.
  5. Há um tempo, eu achava que o Borrachinha tava se aproximando do ridículo; hoje, posso afirmar que ele conseguiu chegar ao seu intento!!! Porra, bicho... Larga essa merda de internet e vai treinar, potencial você tem, para de ficar dando desculpas a todo o tempo, tu tem muito o que provar ainda. Perdeu, já foi, já se passaram vários meses, você não é nenhum Rickson Gracie, que a galera ficaria abismada vendo-o perder, siga em frente de uma vez, porque tua próxima luta vai ser uma pedreira!!!
  6. Grande evento. Marco Ruas despontou pro mundo, e Ken Shamrock anulou o Oleg Taktarov.
  7. Bicho, vejo que você é fã do Royce, problema nenhum, quem não é? Mas, acho que você tá exagerando em alguns pontos aí (querendo deixar bem claro que todos os adversários do Gracie que você citou, são de fato, grandes lutadores)... . Ken Shamrock foi atropelado pelo Tito Ortiz nas três lutas que fizeram. A primeira foi realmente um pouco menos, mas as habilidades não estavam tão equilibradas como você citou não... . Em relação ao Dan Severn, não tenho o que comentar. . Kimo tirou pra nada um estreante, muito, mais muito longe do auge, que foi o Saku. E, Kimo Vs Dan Severn foi uma luta horrível, amarrada demais, o wrestler explodiu no final e só, ambos não fizeram nada. . Quais brasileiros que o Pat Smith porrou direto aqui no Brasil???
  8. Concordo. Henry Cejudo é um excelente lutador, mas tá com esse poder todo de barganha que ele acredita ter. Melhor ele voltar logo atrás, pois cada dia que se passa, é mais um dia que ele vai caindo no esquecimento, além de ir fortalecendo outros nomes nas categorias.
  9. Sim, também acho. Eu daria mais ênfase ao Renzo, acho que ele pegou mais tops (Oleg Taktarov, Maurice Smith, Eugênio Tadeu, Frank Shamrock, Carlos Newton, Dan Henderson, Kazushi Sakuraba, Pat Miletich) que o Royce (Ken Shamrock, Dan Severn, Kazushi Sakuraba, Kimo). Royce, talvez, tenha sido o mais importante, pois introduziu o jiu-jitsu, de uma vez por todas, no mundo das artes marciais.
  10. Não sei se o Volka tem o antijogo perfeito pro Max Holloway não, mesmo tendo vencido seu oponente nas duas vezes que lutaram. Os dois combates foram bem próximos, não foram vitórias dominantes, inclusive tem muita gente que discordou do resultado da revanche.
  11. Sim, Helio Gracie foi o cara, sem dúvidas. Eu não tenho o hábito de citá-lo, pois eu só menciono os Gracie's da era moderna, Rickson em diante. Quanto ao outro tema, só falei sobre Roger e Royler, pois o assunto era sobre os dois. Mas, também acho que o Gracie que mais se destacou foi o Renzo, ganhou alguns títulos no jiu-jitsu, fez muito bonito no ADCC e colocou seu nome e o de sua família na história no MMA.
  12. Pois é. Eu ainda iria mais longe: Roger foi melhor no jiu-jitsu, e Royler no submission e MMA (no submission cabe margem pra uma discussão polêmica, no MMA creio que tenha se testado bem mais).
  13. Cara, saindo um pouco do eixo Rickson/Royce, eu curtia muito o Royler. O bicho foi muito brabo, tetra campeão mundial de jiu-jitsu, tri do ADCC, e boas vitórias no MMA. Fez excelentes combates, lutou contra o monstro Zé Mário no absoluto do Brasileiro de jiu-jitsu, onde nem era preciso fazer isso, foi pela honra mesmo - se testou, da mesma forma, contra o Amaury Bitetti; ainda no jiu-jitsu, fez uma luta casada contra o duro e mais pesado Leo Dalla, e meteu uns 50x0, finalizando no final; venceu o Soca três vezes em Abu Dhabi; enfrentou o mais pesado e um dos melhores do mundo Kazushi Sakuraba; finalizou o muito mais pesado Yohi Sano no Pride 2, entre outros muitos e muitos feitos. Muito se fala nos já citados Rickson, Royce e Renzo, mas não devemos esquecer do Royler, representou muito bem a família e o nosso país.