Raphael Rezende

Membros
  • Content Count

    9421
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutra

2 Followers

About Raphael Rezende

Profile Information

  • Gender
    Male

Recent Profile Visitors

11756 profile views
  1. Mica deu uma declaração, dizendo que não faz parte dos seus planos migrar, futuramente, pro MMA. Até alguns anos atrás, os grapplers precisavam ir pro Vale Tudo pra poder fazer um pé de meia, hoje em dia, os eventos de luta agarrada estão pagando bem, tá fazendo com que os atletas cresçam financeiramente.
  2. Show, gostei da declaração. Mesmo vindo de quatro derrotas, também acho que tem lenha pra queimar.
  3. Pois é, irmão... É inegável que o evento proteja o MVP, concordo com isso. Mas, temos que reconhecer seu valor, o bicho dá show em pé, nocautes contundentes, faz grandes apresentações. Tô na torcida por sua evolução.
  4. Gostei da declaração do MVP, assumiu a derrota, não desmereceu seu oponente, e reconheceu que precisa melhorar. Page é um lutador duro, e pode sim, futuramente, chegar ao cinturão.
  5. Putz, Charles tava perto... Agora, vai ter que lutar novamente pra reconquistar o cinturão, depois defendê-lo em mais quatro oportunidades, pra ser o novo recordista. Ou seja, está a cinco lutas do acontecimento.
  6. Quem é o recordista de defesas nos leves? Com quantas defesas?? Não me lembro. * Ah, mas também não adianta... Pelo certo, Charles perdeu o cinturão, ou seja, teria que recomeçar sua escalada.
  7. Acho que tem outro ponto importante, quando se fala em brigas de rua: ou você entra de vez, ou deixa bem claro que não tá afim de se envolver na confusão. Ficar no meio termo, discussão, empurra empurra, etc, é a maior furada. Fui uma vez numa casa noturna, hoje já extinta, em Jacarepaguá/RJ, chamada Kokeluxe, bastante conhecida pelos tumultos constantes... Entrei numa discussão de bobeira, no interior do local, e ao invés de sair (ou iniciar logo o problema), fiquei igual a um pela saco, esbravejando, tentando intimidar, etc... Pqp, veio um gigante por trás do cara que eu tava discutindo, deu um soco na minha boca, que fez com que eu caísse sentado. Depois disso aí, foi só derrota, apanhei pra cacete, não consegui mais me recompor. Porém, mais uma vez, conselho de um "velho" de 37 anos: esqueça problemas!!!
  8. Protagonizei cerca de 15/20 brigas de rua na minha vida, isso sem contar algumas em torcidas organizadas e bailes funks pelo RJ, e hoje, um pouco mais velho, posso afirmar: talvez todas pudessem ser evitadas. Então, logo de cara, esse seria meu conselho, evitem brigas, na maioria das vezes, não se sabe exatamente quem está do outro lado, isso pode ter consequências desastrosas. Bom, em relação ao que funciona (e ao que não funciona), creio que no "mano a mano", a arte marcial mais eficiente seja o jiu-jitsu, ou a luta livre. Aquela velha tática, encurtar e jogar pro chão, sempre será a melhor opção. Eu inclusive, em uma dessas aventuras, tava em uma festa, num salão, e o chão escorregadio, fui entrar num queda, escorreguei e caí por baixo. De imediato, fechei a meia, e logo raspei, caindo montado. Ou seja, só o jiu-jitsu salva mesmo rsrs...
  9. "Charles tem vencido a duras penas" Bicho, tu ficou um tempão sem comentar, mas pelo visto, não mudou nada, né??? Impressionante como você sempre tenta desmerecer os feitos dos brasileiros... Do Bronx vem em ótima fase, atropelou o Tony Ferguson, nocauteou o duríssimo Michael Chandler e finalizou o top Dustin Poirier, mas mesmo assim, você enxerga pelo lado de que "ele tem encontrado muitas dificuldades em vencer suas lutas".
  10. Excelente. Um dos grandes problemas do Brasil, sem dúvidas, são os próprios brasileiros. Mas isso hoje, infelizmente, é "normal", geração preguiçosa, acreditam na primeira matéria que lêem, complicado... No mais, grande performance do Charles, creio que hoje seja, disparado, o lutador que mais entrega shows e entretenimento pro público do UFC, e o principal, com efetividade!! Temos um grande campeão que é o Kamaru Usman, mas que em matéria de diversão (e não tem problema nenhum nisso), tá muito atrás do brasileiro.
  11. Não é bem assim. Primeiro, tem que se ver a razão dele não ter batido o peso, nem sempre isso acontece por falta de profissionalismo (por mais que, logicamente, aconteça na maioria das vezes). Segundo, cancelar a luta? E o Justin Gaethje? E os fãs, público pagante??
  12. Dei uma conferida aqui, bizarro! Ele só enfrentou dois tops, e justamente, nas suas primeiras lutas no UFC!! Venceu o Mike Brown, e perdeu pro Chad Mendes, essa inclusive eu assisti ao vivo, tinha me esquecido. Depois destes combates, nunca mais enfrentou ninguém de ponta.
  13. Bicho, Rani Yahya é um cara que tem o chão fino, grappling de alto nível, e já está há bastante tempo no UFC... Agora, sinceramente, não me lembro: ele já enfrentou algum top no evento? Eu tenho a impressão de que a carreira dele foi muito mal gerenciada, nunca teve boas oportunidades de crescimento, mesmo com tanto tempo de casa.
  14. Não, de jeito nenhum. Na real, acho que ele se conteve, mas não por pegar leve, e sim por medo de se expor, e sair derrotado.
  15. Eu já acho que o Daniel Cormier quis fazer o trabalho de casa, sem correr riscos - tendo em vista que, era ele quem tinha muito a perder com aquele confronto.