Andrey

Membros
  • Content Count

    7923
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutra

2 Followers

About Andrey

  • Birthday 10/23/1915

Contact Methods

  • Website URL
    http://

Profile Information

  • Gender
    Male

Recent Profile Visitors

9651 profile views
  1. Não vi nada demais na declaração, só mais uma prova do quanto o Borrachinha é chato e falador, tomara que não seja campeão, pois vai ficar impossível.
  2. Eu aposto por diversão, não faz diferença na minha vida os valores. Vou mandar mensagem privada pra acertarmos.
  3. Com ou sem camp Usman seria favorito, Masvidal é bom lutador mas cheio de brechas no jogo.
  4. Releia os meus posts. Não é preto no branco pra falar o motivo de um nocaute, existem N fatores pra isso, mas o queixo vencer é um deles e é algo tão óbvio que acredito estarmos perdendo tempo discutindo isso.
  5. Eu sei que posso apostar em casa de apostas, mas não vejo tanta graça nessas situações no MMA. Casamos 100 reais 1x1? Você tem quase certeza da derrota do Werdum... Como não fazem sentido? O chão do HW que lutou com Werdum é muito melhor do que o do Gustafsson, vejo totais possibilidades do Werdum finalizar o sueco da guarda, além de ter possibilidades de colocá-lo pra baixo, assim como colocou o Overemm, aliás ele trocou porrada com o holandês a luta toda e o Fabrício tava bem fora de forma nessa luta. Você está se baseando 100% na última apresentação do gaúcho que estava a mais de dois anos sem lutar e com a mão quebrada e não está baseando o desempenho do sueco somente na última apresentação. Você não leva em consideração que o sueco está subindo de categoria e nem que está a mais tempo parado, que o punch, a velocidade e o gás dele podem não ser os mesmos na HW
  6. Isso, existem N variáveis que influenciam e nem todos os nocautes são simplesmente por causa do queixo, mas que o queixo “gasta” com o tempo e com os golpes levados, isso é bem óbvio. Olhe o Minotauro na época que citei e no fim de carreira.
  7. Aliás, grau de certeza num fato óbvio, sempre vai ser alto. É tipo achar que os pneus do carro não vão gastar se você andar com ele, rs. Exemplo fraco mas é o resultado de churrasco e cerveja desde as 11 kkkkk
  8. Você acha que o queixo do Minotauro quando tomou um highkick limpo do Mirko estava igual a quando foi nocauteado pelo Cain? Ou o próprio Wand, olhe o queixo como ficou, o Lidell e tantos outros exemplos... Isso não quer dizer que eles não poderiam ser nocauteados no início de carreira e nem que podem ter sido nocauteados no final da carreira por outro motivo que não seja o queixo vencido.
  9. Perda de reflexos, lentidão e queixo vencido não são excludentes e são todos resultados da idade e de km alta no esporte.
  10. To impressionado que existam dúvidas aqui sobre vencimento do queixo de um lutador.
  11. Ele nem precisa quedar pra vencer no chão, né? O Werdum lutou como HW a carreira toda, é mais forte, tem um chão MUITO superior até se jogar na guarda. E em pé, o Gustafsson é mais técnico mas se ficarem se baseando nas atuaçōes antigas dele, não podem esquecer que o Werdum trocou de igual para igual com o Cain, Hunt, Overeem, entre outros. Como disse, AMBOS estão em um mal momento, mas aposto no Werdum. Casamos 100 pila? 200? Ou como você citou, casamos 3x1?
  12. Não tenho acompanhado muitas análises pós-lutas, mas pelo que vejo do Vitor Miranda, acho ele muito bom tecnicamente. Anos luz do Renato.
  13. Eu tbm acho que a questão da co-promoção com a M1 foi coisa do antigo empresário dele e que ali sim o empresário ia embolsar muita grana, muito mais do que se pegasse metade da bolsa de 5 milhões (que não se sabe se é verdade também). Com relação ao Renato do canal citado, acho que ele melhorou, mas as análises técnicas dele eu não acho nada demais, como comunicador ele é bom. Pra leigos ele fala muito bem, explica minuciosamente coisas óbvias, merece todo o reconhecimento que está tendo. O vídeo do tópico eu não gostei muito, ficou metade do vídeo falando do porque ele assiste ou não assiste outros canais e no final baseou o vídeo no único que ele assiste (segundo ele).