Eder Jofre55

UFC e USADA anunciam fim da suspensão por uso de maconha; entenda

Recommended Posts

UFC e USADA anunciam fim da suspensão por uso de maconha; entenda

Ag Fight

Nesta quinta-feira (14), o UFC – em conjunto com a USADA (agência antidoping americana) – anunciou uma significativa mudança em seu programa antidoping. De acordo com uma nova regra implementada pela entidade, a partir do dia 1º de janeiro deste ano, nenhum atleta que testar positivo para maconha, ou, mais especificamente, que tenha vestígio de THC – principal psicoativo da droga – no organismo, será passível de punição.

A nova medida determina ainda que atletas só receberão sanções caso existam evidências adicionais que comprovem que o atleta utilizou a maconha de forma intencional com o propósito de ter uma melhora de desempenho. Anteriormente, o programa antidoping do UFC trabalhava com um limite pré-estabelecido e aqueles que ultrapassavam a marca estavam sujeitos à punição.

“Enquanto nós queremos continuar a impedir atletas de competirem sob a influência da marijuana, e nós aprendemos que níveis de carboxy-THC na urina são altamente variáveis depois de uso fora de competição e tem uma correlação científica fraca com incapacidade em competição. THC é solúvel em gordura, que significa que uma vez ingerido, ele é armazenado nos tecidos adiposos e órgãos no corpo, e pode ser liberado de volta na circulação, e consequentemente o carboxy-THC aparece na urina, algumas vezes muito depois da ingestão. Não é, portanto, um marcador ideal em atletas para indicar incapacidade em competição”, explicou Jeff Novitzky, vice-presidente de Saúde e Performance do UFC, em comunicado à imprensa.

“A conclusão é que, no que diz respeito à marijuana, nós nos importamos com o que um atleta consumiu no dia da luta, não dias ou semanas antes da luta, o que costumeiramente é o caso no nosso histórico de casos positivos de THC. Atletas do UFC ainda serão alvo das regras de marijuana sob a regulamentação de várias Comissões Atléticas, mas nós esperamos que esse seja o início de uma discussão mais ampla e mudanças neste tema com esse grupo”, completou o dirigente do UFC.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Deveriam abolir o antidoping totalmente,MMA é essencialmente um esporte de submundo,sem regras(ou com pouquíssimas,tipo: não pode agredir o juiz) e com monstros a solta,fica muito melhor. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 horas atrás, Derly Minakov disse:

Deveriam abolir o antidoping totalmente,MMA é essencialmente um esporte de submundo,sem regras(ou com pouquíssimas,tipo: não pode agredir o juiz) e com monstros a solta,fica muito melhor. 

Discordo. O MMA é um esporte violento e se alguém tiver mais condições de usar drogas para melhorar a performance, muitos lutadores humildes sem condições de ter acesso a essas drogas , não terão chances de competir de igual para igual. Fora que o excesso de força pode matar e até causar um dano irreparável. Veja o ex- lutador Michael Bisping que perdeu a visão do olho direito numa luta contra o Vitor Belfort que lutava cheio de veneno no corpo.  É muito fácil ser a favor da violência sentado no sofá.

Share this post


Link to post
Share on other sites
29 minutos atrás, malva disse:

Discordo. O MMA é um esporte violento e se alguém tiver mais condições de usar drogas para melhorar a performance, muitos lutadores humildes sem condições de ter acesso a essas drogas , não terão chances de competir de igual para igual. Fora que o excesso de força pode matar e até causar um dano irreparável. Veja o ex- lutador Michael Bisping que perdeu a visão do olho direito numa luta contra o Vitor Belfort que lutava cheio de veneno no corpo.  É muito fácil ser a favor da violência sentado no sofá.

sobre o bispin nao foi o veneno do bel4.

foi onde o belf4 atingiu o bispo.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 1/16/2021 at 3:02 PM, Pride Event disse:

sobre o bispin nao foi o veneno do bel4.

foi onde o belf4 atingiu o bispo.

Ia citar isso...e não lembro de algum dano irreparável/irreversível que tenha acontecido no Pride onde era tudo liberado...

Frisando que não sou a favor da "liberação total" mas poderiam achar um meio termo em relação a reposição hormonal, soro intravenoso etc

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 1/16/2021 at 8:31 AM, Derly Minakov disse:

Deveriam abolir o antidoping totalmente,MMA é essencialmente um esporte de submundo,sem regras(ou com pouquíssimas,tipo: não pode agredir o juiz) e com monstros a solta,fica muito melhor. 

Apaga que dá tempo!

Share this post


Link to post
Share on other sites

UFC realmente está a cada vez mais longe ser esporte... é e sempre será um entretenimento... esporte não combina com drogas e ninguém vai me convencer do contrário... se comparado aos esportes olímpicos então, Phelps foi flagrado se não me engano por fotos e foi suspenso e ainda pediu desculpas, tá tudo do avesso nesse mundo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

E lendo nos instagrans da vida é assustador o número de atletas viciados e praticantes tb, até professores de "artes marciais" fazendo apologia ao uso, tentando argumentar que a parte "ruim" da droga não é usada só a parte "boa" que serve como anestésico, como se os Diaz ou Jones ou a maioria dos lutadores não usassem pra ficar chapados. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

A maconha caminha para ser tratada mais como um cigarro que como cocaína. Acho que só faz parte desse processo, acredito que em algumas décadas já será uma droga lícita na maior parte do mundo. É muito mais prejudicial para a sociedade as consequências do tráfico ilegal de maconha que uma comercialização legal da maconha, com controle e rendendo impostos. Maconheiro por si só, comprando de lugar legalizado, não faz mal para a sociedade. É tanto quanto alguém que sai para beber eventualmente. É questão de tempo para ser tratada como álcool e cigarro, inclusive com as restrições do tipo 'proibido dirigir chapado', claro. Até hoje se reproduzem muitos malefícios que as organizações de saúde já desmentiram, que se propagaram por lobby político há muitas décadas atrás. Fora o uso excessivo, e durante período de formação da pessoa (infância e adolescência), e para quem tem tendências a ter problemas psiquiátricos, o uso esporádico e recreativo faz mais mal pela fumaça no pulmão que pela substância em si. É como o álcool, não se pode tratar todo mundo como alcóolatra. Vejo isso como parte de um processo maior, quanto a forma que os Estados estão vendo que é melhor lidar com essa substância e cálculo de benefício de malefício das consequências de cada política. 
Por favor, não vejam meu post como uma defesa disso, estou apenas citando a minha leitura do processo que está ocorrendo em muitos lugares do mundo. Não estou abrindo discussão de quem é contra ou a favor disso.   

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 1/16/2021 at 8:31 AM, Derly Minakov disse:

Deveriam abolir o antidoping totalmente,MMA é essencialmente um esporte de submundo,sem regras(ou com pouquíssimas,tipo: não pode agredir o juiz) e com monstros a solta,fica muito melhor. 

Totalmente de acordo.

Seria muito mais justo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Essa coisa de tentar proibir alguém de fumar uma planta (que só vai fazer bem ou mal pra ela mesma) futuramente vai ser visto como uma baita loucura, ainda mais pensando nas consequências que esse proibição gera ( reserva de mercado pra traficantes, vidas policiais em risco, gasto público no combate).

 

Ótima notícia!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 1/16/2021 at 5:32 PM, malva disse:

Discordo. O MMA é um esporte violento e se alguém tiver mais condições de usar drogas para melhorar a performance, muitos lutadores humildes sem condições de ter acesso a essas drogas , não terão chances de competir de igual para igual. Fora que o excesso de força pode matar e até causar um dano irreparável. Veja o ex- lutador Michael Bisping que perdeu a visão do olho direito numa luta contra o Vitor Belfort que lutava cheio de veneno no corpo.  É muito fácil ser a favor da violência sentado no sofá.

Torço pela violência desenfreada sim,quero ver o pau cantar,mas eu não contrato ou arrasto ninguém para a jaula,a participação dos caras é consensual,nenhum deles entrou lá acreditando que estavam entrando no parquinho,até porque,nas antigas,os caras saiam de academias em bairros violentos ou das ruas mesmo,no mais,soltem os monstros... 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 1/18/2021 at 4:44 PM, Derly Minakov disse:

Torço pela violência desenfreada sim,quero ver o pau cantar,mas eu não contrato ou arrasto ninguém para a jaula,a participação dos caras é consensual,nenhum deles entrou lá acreditando que estavam entrando no parquinho,até porque,nas antigas,os caras saiam de academias em bairros violentos ou das ruas mesmo,no mais,soltem os monstros... 

Vai assistir Bob Sapp então 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 1/18/2021 at 9:00 AM, Raio imortal disse:

E lendo nos instagrans da vida é assustador o número de atletas viciados e praticantes tb, até professores de "artes marciais" fazendo apologia ao uso, tentando argumentar que a parte "ruim" da droga não é usada só a parte "boa" que serve como anestésico, como se os Diaz ou Jones ou a maioria dos lutadores não usassem pra ficar chapados. 

E daí se o cara quer ficar chapado? Vc n toma

uma cervejinha de vez em quando? Sua moral e

bons costumes de cidadão de bem da família brasileira vc passa pros seus filhos, o resto cada um faz o que quer

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now