Sign in to follow this  
Eder Jofre55

Khabib se recusa a atacar Tony Ferguson por problemas com saúde mental

Recommended Posts

Khabib se recusa a atacar Tony Ferguson por problemas com saúde mental

Diego Ribas

Como pôde ser visto na coletiva de imprensa realizada na última sexta-feira (6) para promover a luta principal do UFC 249, Tony Ferguson tem tentado de tudo para provocar e desestabilizar Khabib Nurmagomedov antes da disputa pelo título peso-leve (70 kg) marcada para o dia 18 de abril. Apesar de já ter demonstrado, na própria conferência, seu descontentamento com a postura do desafiante, ao chutar o cinturão interino levado pelo rival, o russo não parece disposto a entrar nessa batalha de ‘trash talk’, especialmente quando o assunto é a saúde mental do oponente.

Em março de 2019, a esposa de Ferguson solicitou na Justiça uma ordem de restrição contra o lutador por um suposto comportamento anormal. A alegação citava paranoia, falta de sono por dias e a destruição completa da lareira da casa do casal. O assunto chegou a ser abordado por um jornalista durante a coletiva, em pergunta a Khabib, mas Tony interrompeu de maneira brusca o questionamento antes que o russo pudesse responder. Já no media day da ‘Dominance MMA’ – empresa que gerencia sua carreira -, o campeão peso-leve foi novamente indagado sobre o tema, mas preferiu demonstrar respeito ao oponente e a seriedade da situação ao não comentar profundamente sobre.

“Honestamente, não tem nada pessoal aqui. Eu não quero falar sobre seu problema, como coisas de família, coisas mentais. Isso é problema dele. Deixe-o em paz. Eu não quero falar sobre ele, sobre seus problemas”, afirmou Khabib, antes de completar.

“Todo mundo que senta aqui, todo mundo tem problemas. Ninguém está salvo. Se ele precisa de ajuda, nós temos que ajudá-lo, mas nós vamos lutar no próximo mês. Eu não quero pensar sobre ele, ele é meu oponente. Falar sobre o problema mental dele, eu não acho que seja uma coisa boa”, finalizou o campeão do UFC, de acordo com o site ‘MMA Fighting’.

Campeão peso-leve do UFC desde abril de 2018, quando derrotou Al Iaquinta para conquistar o cinturão vago da categoria, Khabib Nurmagomedov fará sua terceira defesa de título no próximo dia 18 de abril, ao encarar Tony Ferguson. Após 28 combates no MMA profissional, o russo segue invicto em sua carreira. Por sua vez, o desafiante vem de 12 triunfos consecutivos no Ultimate e ocupa a primeira posição no ranking da categoria. O americano soma 25 vitórias e apenas três reveses em seu cartel.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Isso sim é um lutador de verdade

Share this post


Link to post
Share on other sites

Isso é a postura de um campeão.
É lógico que de vez em qdo até o próprio campeão estravaza, pula na torcida e dá voadora no sparring da outra equipe, etc... Mas desde 'que'... Desde que você haja como um pau no c* e tire esse lutador do sério rsrs.
Mas tirando isso, Khabib tem essa postura fora dos holofotes e eu acho fenomenal.

Share this post


Link to post
Share on other sites

olha isso!

isso é esporte. isso é arte marcial. em vez de valorizar um atleta exemplar.

ficam promovendo mc chicken,adesanya, brock lesnars da vida...

público americano é um lixo. amam aquele teatro bizarro e tosco.

infelizmente essa parte de promoção, involuiu demais depois que o ufc monopolizou. esporte ficou com aquela cara de boxe só q pior.

enquanto isso ONE crescendo  e sendo exemplar na promocao e tratamento dos atletas.vendem os atletas como herois,como exemplo para a sociedade.

ufc tem que acabar...nao da mais.

 

 

Edited by Pride Event

Share this post


Link to post
Share on other sites

Caramba, que postura, está de parabéns. O próprio Cucuy, Adesanya e outros bocudos de plantão deveriam aprender um pouco com ele. Sobrou hombridade aí.

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 minutos atrás, Moicano79 disse:

Pior que se fosse o inverso, sabemos que o c* de cachorro ia explorar.

Parabéns ao campeão, já tá 10x9 antes da luta.

Muito bom! Mas acho que esse round foi 10x7! Kkkk!

Share this post


Link to post
Share on other sites
58 minutos atrás, Pride Event disse:

olha isso!

isso é esporte. isso é arte marcial. em vez de valorizar um atleta exemplar.

ficam promovendo mc chicken,adesanya, brock lesnars da vida...

público americano é um lixo. amam aquele teatro bizarro e tosco.

infelizmente essa parte de promoção, involuiu demais depois que o ufc monopolizou. esporte ficou com aquela cara de boxe só q pior.

enquanto isso ONE crescendo  e sendo exemplar na promocao e tratamento dos atletas.vendem os atletas como herois,como exemplo para a sociedade.

ufc tem que acabar...nao da mais.

 

 

Perfeito Pride!

 

Engracado... no meu tempo (e quando falo “meu tempo” quer dizer MUITO tempo atrás), a gente ia lutar e muitos atletas realmente carregavam hostilidade para o ringue. Fechavam a cara, faziam cara de mau e nas vezes que perdiam, saiam putos da vida, com a cabeça baixa... mas sempre cumprimentavam o adversário e seu mestre. Antes da luta o máximo que acontecia era falar que ia bater no outro, moer, matar, falar que a técnica do oponente era pior... mas nunca acontecia de ficar trocando ofensas pessoais e xingamentos, de usar todas as formas mais baixas possíveis para se promover e desmerecer o outro. Havia animosidade, mas também havia respeito.

Hoje elogiamos uma atitude louvável de um atleta (e foi louvável mesmo), que nem deveria ser tão elogiada, já que todos, na verdade, teriam obrigação de agir assim.

Na boa, é muito difícil engolir atitudes babacas, e pior, vê-las defendidas e elogiadas no interesse da promoção do espetáculo.

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 horas atrás, Pride Event disse:

olha isso!

isso é esporte. isso é arte marcial. em vez de valorizar um atleta exemplar.

ficam promovendo mc chicken,adesanya, brock lesnars da vida...

público americano é um lixo. amam aquele teatro bizarro e tosco.

infelizmente essa parte de promoção, involuiu demais depois que o ufc monopolizou. esporte ficou com aquela cara de boxe só q pior.

enquanto isso ONE crescendo  e sendo exemplar na promocao e tratamento dos atletas.vendem os atletas como herois,como exemplo para a sociedade.

ufc tem que acabar...nao da mais.

 

 

Existe algum dado sobre os fans americanos do Connor? Do Lesnar a popularidade vem do wwe...acho que Connor e popular mas nao querido pelo.publico Americano.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this