Sign in to follow this  
Ultimate Fighter

Israel Adesanya explica revide a Borrachinha: "Eu sei o que a faixa significa, já apanhei com ela"

Recommended Posts

  • BUTTOCampeão dos pesos-médios do UFC diz que brasileiro precisa "das câmeras e do teatrinho" e acha que ideia da provocação deve ter sido do técnico Eric Albarracin, que também treina Henry Cejudo

O revide à provocação de Paulo Borrachinha, que jogou a ele uma faixa branca de jiu-jítsu, em alusão ao seu pouco conhecimento na "arte suave", durante a encarada do UFC 253 não afetou Israel Adesanya. Pelo menos foi o que o nigeriano, atual campeão dos pesos-médios da organização, disse ao Combate em entrevista exclusiva em Abu Dhabi.

Imagem
Israel Adesanya arremessa a faixa branca de volta em Paulo Borrachinha na encarada UFC 253 — Foto: Getty Images

- Não me incomodou em nada. Ele me deu a faixa e eu joguei nele de volta. Se você joga uma faixa em um homem, você apanha. Não ligo nem um pouco. Eu quero lutar. Vou fazer de novo quando for a hora da luta. Vou dar uma surra nele de novo. Eu já o peguei uma vez com o meu movimento, e o acertei. Mal posso esperar para fazer de novo.

Em resposta ao brasileiro, Adesanya disse que é um faixa branca da vida, que está sempre aprendendo, e que jogou a faixa de volta em Borrachinha pelo que o objeto representa, na sua opinião.

- Eu sou um faixa branca da vida, porque continuo aprendendo. Tenho certeza que no Brasil o castigo é um assunto importante quando se está crescendo. Eu sou da Nigéria. Lá, quando alguém fazia algo errado, você apanhava com um cinto. Eu sei o que a faixa significa, já apanhei com ela. Quando ele me jogou a faixa, eu tive que tacar na cara dele.

Para Adesanya, a atitude de Borrachinha confirmou o que ele acha do brasileiro e, segundo ele, o motivou ainda mais para a luta. O campeão acredita, ainda, que a ideia da provocação com a faixa foi de Eric Albarracin, que também treina Henry Cejudo, ex-campeão dos pesos-moscas e dos pesos-galos do UFC e que ficou famoso pelas provocações que fez com seus rivais nas encaradas.

- Isso tudo só me empolgou ainda mais, e só confirmou o que eu já sabia: que ele precisa das câmeras, do teatrinho. Provavelmente foi ideia do técnico do Cejudo, ele deve ter dito para ele fazer tudo aquilo. Foi muito idiota! Mas funcionou, porque acendeu em mim a vontade de acabar com ele de novo.

O UFC 253 acontece neste sábado, dia 26 de setembro. A transmissão do Combate terá início às 19h30 (horário de Brasília), com o "Aquecimento Combate". O card preliminar, que começa às 20h, terá narração de André Azevedo e comentários de Luciano Andrade. Já o card principal, marcado para as 23h, será comandado por Rhoodes Lima, com os comentários de Ana Hissa. O SporTV 3 e o Combate.com transmitem o "Aquecimento" e as duas primeiras lutas. O site acompanha todo o evento em Tempo Real.

UFC 253
26 de setembro de 2020, na Ilha da Luta, em Abu Dhabi
CARD PRINCIPAL (23h, horário de Brasília):
Peso-médio: Israel Adesanya x Paulo Borrachinha
Peso-meio-pesado: Dominick Reyes x Jan Blachowicz
Peso-mosca: Kai Kara-France x Brandon Royval
Peso-galo: Ketlen Vieira x Sijara Eubanks
Peso-pena: Hakeem Dawodu x Zubaira Tukhugov
CARD PRELIMINAR (20h, horário de Brasília):
Peso-leve: Brad Riddell x Alex Leko
Peso-meio-médio: Diego Sanchez x Jake Matthews
Peso-pena: Shane Young x Ludovit Klein
Peso-meio-pesado: William Knight x Aleksa Camur
Peso-pesado: Juan Espino x Jeff Hughes
Peso-meio-pesado: Khadis Ibragimov x Danilo Marques

https://globoesporte.globo.com/combate/ ... -ela.ghtml

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sei não , demonstrando nervosismo demais , vai entrar meio assustado ao meu ver! Borrachinha pode capitalizar esse sentimento fazendo um split inicial bem pesado 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nessa luta o Adesanya engoliu muitos golpes duros do gastelun e no final teve troca franca de golpes e  os braços do Adesanya estavam em câmera lenta, o que mostra que quando ele parte pra briga como o Borrachinha costuma fazer o nigeriano tb fica bem cansado, ter gás lutando estrategicamente e atacando na hora é mole, até o borracha tem gás assim. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
27 minutos atrás, Ultimate Fighter disse:

Nessa luta o Adesanya engoliu muitos golpes duros do gastelun e no final teve troca franca de golpes e  os braços do Adesanya estavam em câmera lenta, o que mostra que quando ele parte pra briga como o Borrachinha costuma fazer o nigeriano tb fica bem cansado, ter gás lutando estrategicamente e atacando na hora é mole, até o borracha tem gás assim. 

Torcendo, mas baseado nos estilos e no nivel tecnico do Israel (apesar de chato pra caramba) pra mim e 60x40 Israel..meu maior receio e essa Luta ser Uma decepcao...esperamos que nao...torcendo pra entrar umas maozadas do Borracha.

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 horas atrás, Ultimate Fighter disse:

 ter gás lutando estrategicamente e atacando na hora é mole, até o borracha tem gás assim. 

Ter gás assim é mole, difícil é conseguir lutar assim.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Cara analisando o resultado e a maneira com que  o "Borrachinha" se comportou durante a luta cheguei a uma conclusão, pra mim ficou claro que desde que foi anunciada a luta entre os dois se tem alguem que entrou na mente de alguém foi Adesanya na do borrachinha e não o contrario, o brasileiro sentiu que precisava começar derrotar  o nigeriano pelo menos psicologicamente pois somente  "na mão" o brasileiro tinha conciencia de que não ia dar, quem estava cagado desde a primeiro anuncio da luta entre eles era o proprio Borrachinha, todas as insinuações do borracha em relação a frouxidão do Adesanya eram na verdade uma projeção dos seus próprios sentimentos em relação a essa luta, ele estava com medo do Nigéria, mas o orgulho nos faz querer mostrar o contrario. 

Pensem bem, um homem ciente de sua superioridade física e técnica vai perder seu tempo chutando cachorro morto com aquela quantidade de provocação? 

Só se esse "cachorro morto" tiver qualidades que vc sabe que não possui, foi o que aconteceu com o borrachinha, queria ganhar no psicológico mas não se ligou que quem já estava derrotado psicologicamente era ele, a prova disso foi o excesso de provocações infantis feitas pelo brasileiro.

A lição que o borrachinha tira disso tudo é que lutador tem que mostrar serviço dentro do octagon e não fora, senão fica parecendo "palhaço venerado pela sua platéia" para depois  passar vergonha e ser zuado pela mesma plateia que ria de suas piadas.

O Adesanya no final foi sem dó nem piadade no "anel" do nosso borracha estilo pele vs macaco, que humilhação, fica a lição.

Edited by Ultimate Fighter

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pior que ser um faixa branca (e ele é azul), é ser tirado pra nada, nocauteado e ainda ser enrabado por quem você chamou de faixa branca.

kkkkkkkkkkkk essa luta foi engraçada.

Edited by Andrey

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this