RicardoBJJ

Membros
  • Content Count

    1340
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutra

About RicardoBJJ

  • Birthday 05/11/1982

Previous Fields

  • Cidade:
    São Paulo

Profile Information

  • Gender
    Male

Recent Profile Visitors

5131 profile views
  1. Olá, espero que voltem. A única merda pra mim acessar aqui é que o PVT é bloqueado aqui na minha empresa. BJJF tá fora do ar, o que será que houve?
  2. Bom, eu treinei com os Miyao bros, quando eles eram azuis. O meu maior orgulho foi um dia ter conseguido amarrar a luta na guarda fechada contra o Paulo até o tempo acabar, sem ele conseguir abrir ou passar kkk. De resto, era só atropelo, até pq eu era/sou um pangaré e eles já eram "pontos fora da curva", e como.
  3. ótima matéria essa da Graciemag. Veja só que comentário pertinente do Renzo: "não deixe o adversário passar a linha do seu joelho". E como se faz isso? mantendo seu quadril afastado do quadril dele, sempre em movimento. Mas cara, na boa, só de vc já estar se expondo ao fazer guarda desde a faixa branca já é algo muito bom, independente dos caras estarem te amassando ou não. Veja na própria matéria o relato do fx preta Sergio Ignácio, que se achava com a perna dura e até a fx marrom só jogava passando. Isso é muito comum, o cara só desenvolver um tipo de jogo a vida toda, no caso como passador, pra só depois de graduado tentar se aperfeiçoar na guarda. Ok, o cara pode ser casca grossa, ganhar campeonatos só passando, mas sempre vai faltar parte muito importante no seu jogo.
  4. De fato, tal movimento de puxar o adv pra trás quando ele está de 4 apoios pode lesionar os joelhos. Joelheira só serve pra proteger a pele contra o atrito. Não vai te livrar de possíveis lesões nos ligamentos. O certo é você ir aprendendo quais posições te oferecem risco de lesão e saber parar na hora certa e se corrigir.
  5. padawan, vc resume sua dificuldade em dar triângulo nesta frase: Bom, triângulo da guarda tb não é o meu forte. Mas vou tentar te ajudar. Ao que parece, vc está tendo dificuldades de encaixar o golpe pois o adversário te passa a guarda com facilidade. Vc aparentemente até sabe, em teoria, os passos para se dar o golpe, mas na prática não está funcionando. Isso é perfeitamente normal, ainda mais se vc está tentando aplicar em alguém mais experiente que vc. Quando vc descreve os passos aí que vc falou, fazer as pegadas, guarda aranha, se defender etc, vc não cita o mais importante: a mobilidade do seu quadril. Não adianta fazer a aranha por fazer e esperar o cara vacilar pra vc simplesmente laçar o pescoço do cabra e fechar o cadeado. Não é tão simples assim. Tanto para se defender da passagem quanto para atacar o triangulo, as fugas e posicionamento do seu quadril são as coisas mais importantes. Tem um video muito bom do Renzo ensinando defender a passagem contra caras grandes e aplicando o triangulo de forma segura e eficiente. Aqui eu não consigo acessar o youtube, mas dá uma pesquisada.
  6. rafa, o evento foi filmado oficialmente? estou muito curioso para ver essas lutas, mas não achei em lugar algum.
  7. Era exatamente o que eu ia comentar. Sem falar que, sem dúvidas, um atleta dopado pode ter sua movimentação e agilidade aumentados, o que pode influenciar em um melhor posicionamento do corpo na hora de receber os golpes, reduzindo o impacto.
  8. Mas bem que poderia. Quantos faixas-roxa aqui durariam mais de 10 minutos nas mão do Galvão, como o Sonnen fez?
  9. O que me preocupa com essa história é o fato de as equipes usarem dessa devoção que os alunos passam a ter por elas para, de certa forma, obter ganhos de uma maneira, como posso dizer, um pouco abusiva. Começa a parecer uma seita, sabem? Veja só o comentário do Alex de Souza, que respeito muito como atleta e imagino que deva ser um ótimo professor. "comprem tudo de sua equipe, ajudem a empresa que VCs representam..." Desculpe, Alex, mas a grande maioria aqui é apenas aluno, que paga para treinar, paga pra competir, muitas vezes paga pra ver seminário dos próprios professores da equipe... não representamos empresa nenhuma. Isso deveria partir de forma natural, voluntária. As equipes deveriam tirar melhor proveito de suas marcas pra obter ganhos extras, sem ter que "obrigar" os alunos a comprar kimono. Como falei, quando implementaram isso na minha equipe, torci o nariz de cara, mas quando soube que o preço não era abusivo, comprei de boa, e certamente comprarei outros modelos, de outras cores quando lançarem. Se fosse 400,00 num modelo que sei que custa metade o preço no mercado, não sei se continuaria.
  10. estão tentando emplacar isso na minha equipe, mas pelo menos o kimono é bonito, fabricante de renome (Dragão) e o preço é parecido com o do mercado (259,00 o branco).
  11. Esta semana comecei a assistir essa série pelo Now, da NET. Já assisti os 5 primeiros capítulos. Sensacional, que figura. Em um dos episódios, um amigo brasileiro dele que mora no Hawai fala que quando ele chegou lá disse que era branquinho, mas que não tinha medo de ninguém, que era casca-grossa e aluno do Medi (aquele do Judô onde o pessoal da Carlson treinava tb?). Na hora que ela vai fazer a tatuagem, ele pega um foto do Carlson e diz "esse é o cara, o chefe da porrada", mas se eu não me engano ele até chama de Helio Gracie em vez de Carlson, não lembro que na foto tb tinha o Hélio, só lembro do Carlson. Ele deve ter se confundido.
  12. Porra, eu ia até comprar, mas 16 mangos de frete via PAC????? 25 via sedex ???? Que frete é esse? Vão entregar um livro ou uma TV de LCD de 50"? É muita sacanagem, deixa aparecer na saraiva de novo que eu compro.