Rafael A

Queda De Libido + Resultado De Exames De Testosterona + Espermograma..

23 posts neste tópico

Bom dia a todos,

Depois de pesquisar muito a respeito do problema que tenho sofrido, encontrei neste fórum inúmeros tópicos que responderam dúvidas de pessoas com quadro semelhante ao meu embora, na maioria das vezes, o problema das mesmas fosse decorrente de histórico com EA's, TPC realizados incorretamente, etc. No meu caso, não tenho histórico com uso destes produtos.

Solicito a opinião de vocês quanto ao meu caso.

Eu tenho 32 anos e, há aproximadamente 6 anos, tenho sentido uma diminuição muito grande da libido e da duração da minha ereção. Eu não tinha ideia se era coincidência mas, neste período de tempo, ingressei no curso superior de Engenharia enquanto trabalhava, e o nível de cansaço e estresse aumentaram muito nesse período... Por falta de tempo, acabei assumindo uma vida sedentária para atividades físicas, o que acabou me trazendo um excesso de peso (1,70 m e 87 kg), diferente de uma vida pregressa envolvido com esportes, artes marciais...

Estou casado há 11 anos. Durante esses últimos anos, a rotina sexual com minha esposa diminuiu bastante, por falta de interesse de minha parte.

Imaginei que todas essas mudanças em mim estavam ocorrendo em função da vida que eu tinha. Mas após o término da faculdade e a diminuição do estresse, nada mudou.

...

Passei a usar Cialis em nossas relações sexuais, o que me fez sentir "vivo" outra vez...

Apesar de tudo, preciso voltar no tempo e dizer que a minha esposa usou anticoncepcional por muitos anos, mas nos últimos 4 ou 5 anos ela não usava mais. Tínhamos relações sexuais e eu ejaculava dentro, mas durante todo esse tempo ela não havia engravidado. Em agosto de 2013 foi diagnosticado que ela estava grávida de nosso único filho, que hoje está com pouco 1 ano e 2 meses.

...

Resolvi procurar um urologista para passar todo o meu histórico pra ele, tanto da falta de libido, ereção pouco duradoura, quanto do motivo dela ter demorado tanto para engravidar...

...

Após contar a minha história para ele, ele passou exames de sangue, testosterona e um espermograma... Fiquei desesperado na época com o resultado!!!!

...

Alterações no Exame de Sangue:

- GLICOSE: 101 (Referência: 70 a 99)

- COLESTEROL TOTAL: 202 (Referência:Inferior a 200)

- COLESTEROL HDL: 45 (Referência: Superior a 60)

- COLESTEROL LDL: 130 (Referência: Inferior a 100)

- COLESTEROL NÃO HDL: 157 (Referência: Inferior a 130)

- TESTOSTERONA TOTAL: 281 (Referência: 262 a 1595). Muito baixa?

- GLOBULINA LIG. DOS HOR. SEXUAIS: 10 (Referência: 13 a 71)

- HORM. FOLÍCULO ESTIMULANTE (FSH): 1,1 (Referência: 1,5 a 12,4)

Valores normais no exame de sangue:

- HORMÔNIO LUTEINIZANTE (LH): 3,4 (Referência: 1,7 a 8,6)

- TESTOSTERONA LIVRE: 8,88 (Referência: 3,8 a 18,5)

- TESTOSTERONA BIODISPONÍVEL: 213,0 (Referência: 131 a 682)

- PROLACTINA: 8,9 (Referência: 4 a 17)

Resultados do Espermograma:

- VOLUME: 2,9 (Referência: 2 a 5)

- COR: Branco Opalescente (Referência: Branco Opalescente)

- VISCOSIDADE: Aumentada (Referência: Normal)

- LIQUEFAÇÃO SECUNDÁRIA: 60 min (Referência: 15 a 60 min)

- REAÇÃO (ph): 7.5 (Referência: 7,2 a 8)

- OBSERVAÇÃO: Quantidade de espermatozóides inferior a 1 milhão, impossibilitando avaliações de vitalidade, motilidade e morfologia.

Ao retornar ao urologista, ele disse que eu tinha oligozoospermia e era impossível eu ter engravidado a minha esposa.

Contei a ela o que o urologista disse e, na mesma hora, além de ficar p. da vida comigo, falou pra fazer um exame pra compatibilidade de DNA. Obviamente que a declaração do urologista me chocou, mas não me surpreendi com o resultado do exame de DNA ter dado positivo semanas depois.

Logo, a minha oligozoospermia é temporária? Como isso é possível?

...

O urologista também disse que seria necessário fazer reposição hormonal através do NEBIDO, mas antes iria prescrever um medicamento natural (Tribulus, Ioimbina, Isoflavonas) por 3 meses e repetir os exames. Caso não melhorasse, iria prescrever a reposição hormonal.

...

Após 3 meses, percebi uma melhora descomunal no libido nos primeiros 15 dias. Depois, sem efeito algum (Não sei se o laboratório de manipulação me sabotou ou o meu organismo deixou de reagir).

...

Ao refazer os exames após o tratamento com Tribulus, os resultados foram:

FSH: 1,4 (Piorou!)

LH: 1,1

Testosterona Total: 280 (Piorou!)

O urologista prescreveu NEBIDO de 3 em 3 meses.

Ainda não comecei a usar, pois pesquisei muito na internet, inclusive aqui neste fórum, e vi que nos casos de FSH, LH e Testosterona com valores abaixo do normal, o meu caso seria de HIPOGONADISMO HIPOGONADOTRÓFICO. E esta patologia se trata não com reposição de testosterona e sim com HCG.

Diante do exposto, solicito que me ajudem nas informações sobre o meu quadro. Estou desesperado com esses resultados...

Qual tratamento devo seguir?

Procuro um endócrino?

Sou infertil?

NEBIDO ou HCG? Ou outro rotina, ex. TPC?

É reversível?

Agradeço pela atenção e conto com o apoio de vocês.

Abraço.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Te receitou

(Tribulus, Ioimbina, Isoflavonas).

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!!!

Manda teu Urologista dar uma olhada neste site e nesa pesquisa cientifica:http://www.ergo-log.com/tribnoeffect.html

Suprise motha fucka. Tribulus nao funciona... "AHH mas amigo meu so tomou isso e ganhou 10kg em massa em 2 semanas..."

Nem vo falar da Ioimbina, praticamente um viagra que so funciona se tiver em extreme jejum e as vezes usado pra queimar gordura teimosa (tb em jejum).

Bem vindo ao mundo onde os nutrcionistas indicam Glutamina, Tribulus e ZMA e os trouxa acreditam.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acompanhando o Tópico.............. sinto perda de libido tb, estou c 43 anos, e sinto isso de 3 anos p cá, será a maldita fase dos 40 ?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Posso estar falando asneira... mas vai fazer um exame para tireóide... Pode ser hipotireoidismo... tive algo similar quando terminava meu curso de engenharia tbm kkkkk.

Me sentia muito cansado, desmotivado e com diminuição da libido tbm... fui fazer exame de sangue e estava tudo mto bem: testosterona, colesterol etc... mas tireóide estava zoado, tinha hipotireoidismo... vai no endocrinologista

Editado por rivvithead

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vou te falar uma coisa que é a real mesmo, coisa das 'internas' que normalmente não se fala oficial, nem em papo de bar e essas coisas (quase ninguém admite essas coisas né?): já trabalhei muitos anos em farmácia, e por mais que o médico diga que não, PODE SIM acontecer a perda de libido com AEs ou mesmo certos medicamentos de uso comum hoje em dia. Digo isso porque eu mesmo já atendi vários clientes relatando. Se você não teve uso de AEs, mantenha assim. Essas porcarias não servem pra nada e o motivo mais comum pro uso delas não justifica os colaterais, que virão mais cedo ou mais tarde, independente do uso ser acompanhado ou feito da maneira correta (na palavra dos caras que usam).

Não entrando em detalhes sobre seus exames (até porque não sou médico), o bizu mesmo é continuar a prática esportiva e focar na boa alimentação. Não reparei se vc mencionou, mas se faz uso de bebida alcóolica também, vai na moderação (tipo, só nas folgas, fim de semana, etc).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu no seu caso iria em um bom endocrinologista, mas um bom mesmo, nem que fosse caro, pq pelo jeito esse urologista ja falou muita merda, do tipo que vc não era pai do seu filho e etc.

E depois de normalizar sua testosterona e etc... se não aumentar sua libido ai com certeza será apenas um problema psicológico.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

médico so vai te passar coisinhas naturebas ou coisas do tipo.

Tenta ir em algum endócrino cabeça aberta para fazer uma TRH...mas lembre-se é para sempre.

Sua texto esta em um nível RIDICULO.

COm um cipionato 100mg semana acredito que suba para no mínimo 800 a sua Texto.a qual é ainda um valor baixo, mas vc vai virar HOMEM novamente.

Editado por frankshamrock

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu sofri 1 acidente de carro e passei a ter problemas na coluna, hérnia cervical q mais tarde tb passei a ter problemas na lombar, tive uma crise de 3 meses e passei a tomar remédios p dor (relaxantes musculares).........quase fiquei broxa.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Já vi um lance parecido onde eu morava. Só que o cara ficou broxa mesmo. Geral falava que ele não sentia nada...detalhe: a mulher era MUITO boa...geral babava. Não sei se a mulher segurou o tchan... :rolleyes: , deve ser uma situação foda mesmo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

médico so vai te passar coisinhas naturebas ou coisas do tipo.

Tenta ir em algum endócrino cabeça aberta para fazer uma TRH...mas lembre-se é para sempre.

Sua texto esta em um nível RIDICULO.

COm um cipionato 100mg semana acredito que suba para no mínimo 800 a sua Texto.a qual é ainda um valor baixo, mas vc vai virar HOMEM novamente.

800 é baixo ? É acima do máximo do padrão do exame... a minha é em torno de 300 e eu pratico atividades esportivas com bom desempenho. Teria melhor desempenho se tivesse 800 ?Lógico, mas acho foda ficar escravo de medicação para o resto da vida se vc realmente não precisa...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal das antigas aqui me conhece.

Sou Educador Físico de formação. Tive uma academia por 6 anos e durante 10 anos fui usuário ininterrupto de esteróides. Usei muito, muito mesmo!

Há 3 anos comecei a me decepcionar demais com a minha área. O que me levou a querer largar tudo. Chutar o balde. E resolvi parar de treinar completamente e parar de usar qualquer tipo de substância, fosse hormonal, fosse nutricional (suplementação).

Sou limpo há 3 anos de esteróides, e há 2 anos não sei o que é tomar um Whey Protein sequer. Acabei conhecendo o Powerlifting naquela época em que não queria mais saber de nada, e me apaixonei. Contratei uma treinadora (que me treina até hoje, campeã Mundial de Powerlifting, Ana Rosa Castellain). Se não fosse esse esporte, eu estaria fodido!

E explico: tive várias consequências adquiridas do uso de AEs, as principais foram psicológicas. Meu humor não é mais estável, muito pelo contrário, eu tinha picos de euforia, seguidos de quedas brutais de alegria e entrava numa depressão profunda, com perda total de amor próprio e brilho pela vida. Tenho até hoje problemas para controlar emoções como raiva. Isso me levou a desacreditar em mim de várias formas. E até nisso o Powerlifting me ajudou, como se fosse uma forma de psicólogo. Entrar debaixo daquela barra pesada me faz ter fé em mim novamente.

Hoje não sou mais educador físico, não quero ser, não tenho mais academia e não quero ter, não prescrevo mais treinamento para ninguém. Acabei me tornando Corretor de Planos de Saúde!

A bagagem trazida dos esteróides foram ginecomastia que só corrigirei com cirurgia (e nem quero fazer agora pois a estética deixou de ser importante pra mim). Tive problemas prostáticos, gerando infecções urinárias absurdas sem causa aparente, até que constatou-se inflamação prostática. Tratado graças a Deus! Fora os problemas psicológicos....além de quedas brutais de imunidade, que já me levaram pelo menos há 3 internações.

Tratar problemas como hipogonadismo com Nebido é complicado. Já há formas de testosterona mais modernas no mercado como a bioidêntica (que funciona sim, apesar das controvérsias). E o principal truque para estimular a produção de testo endógena, é saber utilizar o HCG! Tribulus é placebo! Esqueça isso

fuja dos "Psicofisiculturisfarmacêuticocientistas" de internet!!! Eu já fui esse tipo de câncer, e acredite, não é nada bonito o resultado final!

Tenho asco de neguinho que chega na academia estourando e com as bochechas mais inchadas que bolas de boliche! E pensar que hoje tenho muito, mas MUITO mais força do que naquela época. Ahh se eu soubesse como treinar naquele tempo. Nada disso teria acontecido!

O relato foi extenso e chato, mas é para alertar. Quem me conhece sabe que sempre estudei muito a área. Sempre me informei e pesquisei. Nunca fiz nada de olhos vendados. Porém meu erro foi achar que eu era imune a danos colaterais. Me fodi bonito!!!

Se eu não tivesse parado há 3 anos, não sei se estaria saudável hoje (apesar de tudo o que já aconteceu)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ótimo o seu relato Rhapsody. Posto no fórum Hipertrofia também, e seu relato lá iria gerar muitos protestos da igreja dos AEs... :rolleyes: (você sabe que é mais ou menos isso: tamanha a fé dos caras que acham que NUNCA vai dar nada errado se 'souber usar' os AEs direitinho e tal).

Acho inclusive que isso merecia um tópico próprio aqui na seção. Se quiser abrir, fica a vontade. Gosto muito de me informar disso com infos reais, de vivências reais mesmo. Só conheço do assunto pela convivência com algumas pessoas e por já ter trabalhado em farmácia. Nunca cogitei usar AEs, por vários outros motivos.

Sei que isso não ajuda talvez quem já faz uso (e normalmente é teimoso que só...). Mas se UMA pessoa deixar de usar essas merdas, graças a relatos como o seu, já é lucro.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

E aí pessoal!

Então, eu prefiro não fazer tal tópico. Sinceramente, eu meio que cansei de explicar isso para os outros. TODOS sabem ou deveriam saber, ou na verdade, se tiverem um mínimo de integridade intelectual, sabem lá no fundo, que o fim de quem se entope de AE´s tem consequências SIM. Se serão graves ou não, dependerá de vários fatores, pra começar da individualidade biológica. Cada organismo responde de um modo diferente!

Agora, é costumeiro eu estar treinando e vir gente me pedir conselhos do que usar pra também ficar forte. Eu sempre digo, com certa ânsia de vômito misturado com vontade de dar um lindo soco naqueles narizes, dos malefícios que os esteróides nos trazem a longo prazo! Já escolho horários de treino em que sei que terá muito pouca gente na academia. Ou treino muito cedo, ou muito tarde. E os dias em que realmente preciso ir à academia em horários de pico, já preparo o psicológico para explicar da forma mais sucinta possível e com paciência angelical.

Integridade intelectual, só posso dizer isso. Afinal é de conhecimento CIENTÍFICO que não há estudos conclusivos sobre o uso de ergogênicos e seus reais efeitos EXATOS. Tudo muda muito de organismo para organismo, as respostas SEMPRE diferem. Então quem usa ao menos um pequeno percentual de massa encefálica, entende que por este motivo, pode ser apenas pouco maléfico, maléfico ou muito maléfico. Tudo depende!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bem isso mesmo cara. O ruim desse assunto é que não dá pra se basear muito em 'estudos', mas tão somente nas vivências mesmo. Mas você tá certo: no fundo, todo cara sabe, ou pelo menos desconfia, que o uso dos AEs não compensa os tais benefícios (basicamente só estéticos), salvo em casos de doenças ou casos bem específicos (atrofia muscular, por exemplo).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar Agora