Sign in to follow this  
pipo

Amanda Nunes explica como Kayla Harrison impactou sua decisão de deixar a ATT: “Não estou segura nem no meu território”

Recommended Posts

 

De
 Susan Cox
 -
18 de maio de 2022
Amanda Nunes
 

Amanda Nunes explicou como Kayla Harrison impactou sua decisão de deixar a ATT (American Top Team).

Nunes, lutador de MMA brasileiro que atualmente compete no UFC, confirmou que Kayla Harrison foi parte do motivo de sua saída da academia da Flórida.

Amanda Nunes, speaking on an episode of the MMA Fighting podcast ‘Trocação Franca’ shared:

“Existe aquele ditado, goste ou não. Fiquei incomodado com toda a situação, é claro.”

 

“Não havia garotas quando cheguei ao American Top Team. Fui a primeira mulher a trazer dois cinturões e colocar o time feminino na história. Quando Kayla chegou lá e depois Kunitskaya, começou a criar uma situação estranha para mim porque esse era o meu território.”

Continuando Nunes disse:

“Outros pesos-galos estavam chegando. Kunitskaya, que já estava no topo e poderia ter sido um futuro adversário com uma vitória sobre Ketlen (Vieira em 2021). Ela chegou bem, quando estava perto de se tornar a próxima adversária. Ela apareceu na academia e eu levei um susto quando entrei. Eu fiquei tipo, 'Não, não é possível.' Já estava criando essa situação.”

Falando especificamente de Kayla Harrison, Amanda Nunes continuou:

 

“E então Kayla começou a falar. Eu estava tipo, 'Cara, eu não estou seguro nem no meu território.' Fiquei meio encurralado, até porque compartilhamos os mesmos treinadores. Ela treina com Mike Brown e eu treino com Mike Brown . Eu já estava treinando com eles quando ela chegou lá.”

“Se tem alguém que leva o nome do time, sou eu, que trouxe dois cinturões (para a ATT). Se eu não fosse quem realmente sou, campeão em duas divisões, legal, sem problemas. Mas eu já era o campeão. Ela teria que treinar em outro lugar para lutar comigo.”

“Mas então ela acabou assinando (com a PFL) novamente. Não é uma luta que eu não queria. Se houver oportunidade e ela quiser, legal, estou dentro. Um lutador precisa de desafios, de pessoas que falem de você e queiram lutar com você.”

Finalizando a entrevista Amanda Nunes concluiu:

 

“Se ela vai assinar (com o UFC) ou não, isso é com Kayla. Eu estarei esperando. Essa seria a forma correta, na minha opinião, dela falar de mim, porque eu não estou mais lá (na ATT). Essa é a maneira correta de dizer o que ela quiser no microfone, me chamar ou fazer o que ela quiser, e eu estarei esperando por ela lá. Quando ela assinar (com o UFC), estarei lá para defender (meu cinturão).”

“Todo desafio é bem-vindo. Se você luta e gosta de estar no topo e se testar o tempo todo, você realmente quer motivação para continuar quebrando recordes. Depois da minha saída (da ATT), cabe inteiramente à Kayla assinar com o UFC. Estarei lá esperando qualquer coisa. Claro, será muito melhor agora que estamos em lados diferentes.”

Amanda Nunes, 'A Leoa', está aberta para enfrentar Kayla Harrison (13-0 MMA), agora que não são mais companheiras de time, caso ela decida se juntar ao UFC.

Atualmente Nunes (21-5 MMA) está de olho em uma revanche com Julianna Pena (12-4 MMA) neste verão para recuperar o cinturão peso galo do UFC. Os dois se conheceram em dezembro de 2021 no UFC 269, onde Nunes foi derrotado por finalização no segundo round no que alguns dizem ter sido uma das maiores viradas da história do MMA.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Posted (edited)

Não  mudou nada até hoje é  a maior mala

Edited by NEGO DÁGUA

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ué, mas então a academia só poderia ter ela de mulher... Não faz sentido. Que material humano ela teria pra treinar?

Bixa mala

Share this post


Link to post
Share on other sites
Posted (edited)

Situação muito complicado treinar com pessoas e mesmos treinadores que podem desafiar seu cinturão. Diversos lutadores já saíram ou mudaram de academias por isso sem serem criticados. Pessoal pega muito no pé dela. 

Edited by Daniel Mendoza

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 horas atrás, Daniel Mendoza disse:

Situação muito complicado treinar com pessoas e mesmos treinadores que podem desafiar seu cinturão. Diversos lutadores já saíram ou mudaram de academias por isso sem serem criticados. Pessoal pega muito no pé dela. 

Quando se tem antipatia por tal pessoa não importa o que ela faça, seja bom ou ruim será criticado(a).

Share this post


Link to post
Share on other sites

Normal, pô.  E é o risco de ir p um academia "global", as aspas são provocativas mesmo.  Natural ela se sentir acuada num país q não é o dela numa língua no qual não é a nativa e ver uma Kayla ou outra americana tbm treinando com os mesmos treinadores conterrâneos e podendo ter mais proximidade o q seria normal.  A ATT por ser gigante já tem essa cultura de abrir portas p lutas entre lutadores da mesma equipe.   Na fase q ela já tá acho q ela pode mto bem investir pesado em preparadores específicos com seu próprio time.

Share this post


Link to post
Share on other sites
12 horas atrás, Daniel Mendoza disse:

Situação muito complicado treinar com pessoas e mesmos treinadores que podem desafiar seu cinturão. Diversos lutadores já saíram ou mudaram de academias por isso sem serem criticados. Pessoal pega muito no pé dela. 

normal mesmo

mas só acho que em algum momento vc perdem sair pelo material humano. Será que ele mesmo com outros coachs foda, vai ter parceiros de treino como na ATT?

a Kayla nem no UFC ta pra ter esse problema instalado.. eu acho que aí juntou com outras questões

mas é isso, vida que segue

Share this post


Link to post
Share on other sites
38 minutos atrás, pipo disse:

normal mesmo

mas só acho que em algum momento vc perdem sair pelo material humano. Será que ele mesmo com outros coachs foda, vai ter parceiros de treino como na ATT?

a Kayla nem no UFC ta pra ter esse problema instalado.. eu acho que aí juntou com outras questões

mas é isso, vida que segue

Complicado  né,  vc pode coach foda e não  ter material humano Complica...

Só o Poatan se fez sem material humano praticamente  que cara esquisito. 

Vc precisa ter uns 4 parceiros bons pra desenvolver bem.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
41 minutos atrás, NEGO DÁGUA disse:

Complicado  né,  vc pode coach foda e não  ter material humano Complica...

Só o Poatan se fez sem material humano praticamente  que cara esquisito. 

Vc precisa ter uns 4 parceiros bons pra desenvolver bem.

 

concordo

tem que ter gente, tem que ter parametro..

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this