Ultimate Fighter

Entrevista com Kazushi Sakuraba- 2011

Recommended Posts

SUPER ENTREVISTA COM KAZUSHI SAKURABA

 
saku.jpg
 
Em uma super entrevista, Sakuraba sem papas na lingua critica MMA atual, diz que não luta mais nenhum GP, fala sobre o UFC, Anderson Silva e muito mais, vale a pena conferir.


Kamipro - Você ainda não lutou em 2011. Quais são os seus planos para o segundo semestre deste ano?
Eu não lutei porque estava sem condições (se recuperando de um corte na orelha, após derrota para o lituano Marius Zaromskis). Hoje eu não tenho pressa para lutar. Luto para entreter os meus fãs e faço pensando neles.



Kamipro - Muito se especula a respeito de uma luta sua contra Hayato "Mach" Sakurai ainda para 2011. Você confirma o combate?
Pode ser. A única situação que não acontecerá é Grand Prix. Eu não lutarei mais em Grand Prixs e já informei isso à direção do evento (DREAM).


Kamipro - O que você pensa sobre Hayato "Mach" Sakurai?
Ele é mais novo e mais feio, mas é um bom rapaz. Se houver uma luta entre nós, eu sei que estarei enfrentando um oponente forte.



Kamipro - Você vem de três derrotas consecutivas (para Ralek Gracie, Jason Miller e Marius Zaromskis). Pensou em se aposentar após essas lutas?
Eu não pensei, porque ainda me sinto bem para lutar. No dia em que eu resolver parar, será naturalmente. Não vou avisar nada a ninguém. Vou parar no dia em que não estiver mais com vontade de subir em um ringue. O que não é o caso.


Kamipro - Você sente saudades dos anos dourados de PRIDE? Como anda o seu relacionamento com os antigos membros do Takada Dojo?
Eu não sou uma pessoa saudosista. Eu sempre gosto de olhar para frente. O que passou já ficou para trás. Levo boas lembranças, mas não fico pensando nisso.



Kamipro - Como você vê o momento atual do MMA japonês?
Vejo com preocupação. Hoje em dia, o sonho dos jovens atletas japoneses é lutar na América. No meu tempo, nós queríamos lutar para os nossos torcedores, nos eventos que aconteciam aqui.


Kamipro - Você considera que, com o fim do PRIDE, o polo do esporte se inverteu?
Como assim? Não entendi a sua pergunta...


Kamipro - Estou falando de UFC. O Japão hoje se tornou mais um país exportador para o octógono americano. Você concorda com isso?
O Japão possui bons eventos. Acho que muitos lutadores bons estão lutando por aqui. A questão é o mercado. Os americanos fazem os eventos para ganhar dinheiro. Eles pensam somente em dinheiro. Nós sempre nos preocupamos com a diversão, em trazer os melhores para cá e entreter o público. Nunca pensamos em transformar o esporte em negócio. Hoje o MMA virou um negócio, perdeu a essência.



Kamipro - Se o UFC por exemplo resolvesse te contratar pagando uma bolsa alta, você aceitaria lutar na América?
Eu já lutei na América (K-1 Dynamite!! USA 2007), e não penso em voltar lá. Não para lutar. Eu não me importo mais com bolsas. Quem se preocupa com isso são os jovens atletas.


Kamipro - Mas há lutadores experientes e consagrados no Japão, como Yoshihiro Akiyama, Norifumi Yamamoto e Takanori Gomi, que aceitaram o desafio de lutar no UFC. O que você pensa sobre isso?
Eu penso que se eles lutassem no Japão, talvez a situação do esporte por aqui estivesse melhor. Eu não vou julgar esses lutadores. Se eles acham que não ganharam dinheiro o bastante...


Kamipro - Então, na sua visão, eles deixaram o Japão pelo dinheiro?
Eu disse que os americanos pensam no dinheiro. É o que eu acho. Akiyama tem mais motivos para não lutar no Japão do que Gomi.


Kamipro - E que motivos seriam esses?
Prefiro não comentar isso.


Kamipro - Você acredita que algum atleta japonês possa se tornar campeão na América?
Eu achei que Shinya Aoki conseguiria o cinturão (perdeu para Gilbert Melendez, no Strikeforce, em 2010). Também vejo Gomi com alguma chance, embora ele não goste muito de treinar. Vamos ver como Okami se sairá...



Kamipro - Yushin Okami enfrentará o maior lutador do UFC nos últimos tempos, o brasileiro Anderson Silva. Como você avalia as chances do japonês?
Silva? Aquele que chamam de Aranha? É um apelido esquisito, porque ele não parece uma aranha. Silva é um lutador muito bom, mas Okami tem uma chance. Todos têm uma chance até que se encerre um combate. Acho bom para o Japão que Okami consiga o título, embora eu prefira que ele lute aqui, para os japoneses.


Kamipro - E a última derrota de Wanderlei Silva (para Chris Leben, no UFC 132)? Você assistiu? Qual a sua impressão sobre a luta?
Eu não assisti. Wanderlei é, como dizem no Brasil, "um grande cara". Espero que ele se recupere logo.


Kamipro - Para terminar, você ainda pensa em uma luta contra "o irmão mais velho" (Rickson Gracie)?
Seria interessante. Eu tenho muito respeito pelos Gracie, mas não acredito que esse combate possa acontecer um dia.



Colaboração: Kamipro.com e Tamaki Isuno

Share this post


Link to post
Share on other sites

Túnel do tempo eu sei, mas o Sakuraba já tinha uma visão da porcaria que o mma virou hj  (de só pensarem em lucrar a qualquer custo)

Edited by Ultimate Fighter

Share this post


Link to post
Share on other sites

Lenda, foi um dos melhores de seu tempo, enfrentava qualquer um. 

Aquele Pride GP 2000 foi sensacional, Saku saiu de um confronto de 90 minutos contra o o Royce, e ainda encontrou forças pra lutar contra um dos mais perigosos da época, que era o Igor Vovchanchin.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Um dos meus ídolos. Sakuraba além de macho pra caralho (lutava com peso pesado sendo um meio médio/médio), foi o primeiro lutador estrangeiro a realmente mostrar um grappling fino dentro do MMA. Infelizmente, nunca teve uma vida de atleta, bebia e fumava pra caralho até em camp

Share this post


Link to post
Share on other sites

"Aquele que chamam de Aranha? Estranho, ele não parece uma aranha" hahahah . Tô chorando de rir até agora 

Esse japonês é lenda demais. Quem viu esse cara lutar contra caras maiores, encarar os gracies, encarar pesos pesados como crocop... O cara era um maluco incondicional

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
20 minutos atrás, Daniel Mendoza disse:

Acho que é praticamente impossível para um fã de luta não simpatizar e admirar o Sakuraba. Mas temo pelo velhice dele.

Sakuraba parece bem, só exagera no saque , vira e mexe posta umas doideiras de doido no Instagram, mas tá em forma e aparentemente bem.

O Sakuraba lavou a alma dos japoneses ao vencer os principais membros da família Gracie daquela época, o Japão precisava disso, sem falar nas outras lutas, contra caras mais pesados, ele levou pedaladas limpas do Alan goes na cara, soco limpo do vovchanchin, chutes do cro cop, e em nenhum golpe desses ele demonstrou dor, o semblante esteve sempre  inalterável, como se tivesse meditando, as vezes até ensaiava um sorriso irônico. Mostrou ao mundo das lutas que a calma do povo oriental não é coisa só de filme de artes marciais não. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now