Sign in to follow this  
Eder Jofre55

Cannonier defende ‘Borrachinha’ após brasileiro cobrar valorização do UFC

Recommended Posts

Cannonier defende ‘Borrachinha’ após brasileiro cobrar valorização do UFC

Ag Fight

Ao que parece, a guerra entre Dana White e Paulo ‘Borrachinha’ está longe de ter um fim. Recentemente, o brasileiro informou que não assinou o contrato para enfrentar Jared Cannonier no dia 21 de agosto, e explicou que tomou tal decisão pelo fato de discordar do valor oferecido pelo UFC. Na sequência, o cartola criticou, de forma veemente, a postura do mineiro. Envolvido diretamente no caso, Cannonier se pronunciou a respeito.

Em entrevista ao site ‘Submission Radio’, Cannonier, que agora enfrenta Kelvin Gastelum no evento, ficou do lado de ‘Borrachinha’ e o parabenizou, porque são poucos os lutadores que têm a coragem que o mesmo demonstrou ao bater de frente com o UFC. Apesar de sair de um combate de maior proporção, já que o brasileiro se encontra na segunda posição no ranking do peso-médio (84 kg) e o atual adversário é o nono colocado, o americano deixou claro que não guarda rancor, pois a decisão tomada pelo mineiro é importante.

Vale lembrar que ‘Borrachinha’ não foi o único lutador que entrou em rota de colisão com o UFC e, principalmente, com Dana White. Antes, Jon Jones, ex-campeão dos meio-pesados (93 kg) discutiu com o cartola a respeito de uma maior valorização por parte da companhia para estrear no peso-pesado contra Francis Ngannou. Como não houve acordo, o futuro de ‘Bones’ na organização é incerto. De acordo com Cannonier, os demais profissionais deveriam entrar em cena, pois esta é uma luta de interesse de todos.

“Eu não sei quanto ele está recebendo por luta, mas é um argumento comum. Lutadores de MMA em geral não recebem tanto em comparação com as organizações. Então, sim, eu entendo o argumento. Eu não posso odiá-lo, bater nele ou castigá-lo por essa postura. É uma postura muito ousada dizer que não vai lutar a menos que paguem mais. Alguém tem que lutar por nós, lutadores, para recebermos mais. Eu também não vou recusar um cheque mais gordo”, declarou Cannonier, antes de completar.

“Essa foi a escolha dele. Com isso dito, ele tem que ser capaz de lidar com as consequências e talvez até mesmo perder sua posição. Ele está classificado como número dois, acabou de lutar pelo título, então ele está no topo. Ele pode voltar com algumas vitórias. Quando você consegue uma luta pelo título, é quando você começa a receber pontos de pay-per-view, é quando ouço que o dinheiro começa a entrar. Eu não sei, porque ainda não cheguei lá. Ele está lutando por algo pelo qual eu lutaria. Ele está lutando por mim”, concluiu.

Jared Cannonier, de 36 anos, é um dos lutadores mais temidos do peso-médio por conta de seu poder de nocaute e, atualmente, se encontra na quarta posição no ranking da categoria. No MMA, desde 2011, ‘The Killa Gorilla’ disputou 17 lutas, venceu 13, sendo nove por nocaute, e perdeu quatro vezes.

A curiosidade é que o veterano atuou por três divisões diferentes (peso-pesado, meio-pesado e peso-médio). A última aparição do lutador no octógono ocorreu em outubro de 2020, quando foi derrotado por Robert Whittaker. Já os triunfos mais importantes de Cannonier foram sobre Anderson Silva e Jack Hermansson.

Share this post


Link to post
Share on other sites

esse movimento vai crescer...

mas precisam de organização. Um ou outro ligar a metralhadora não funciona

Share this post


Link to post
Share on other sites
18 minutos atrás, pipo disse:

esse movimento vai crescer...

mas precisam de organização. Um ou outro ligar a metralhadora não funciona

Sem dúvidas, 

E eu estou gostando desse negócio. O Cannonier jogou a letra ali. O cara está lutando por um salário melhor apenas para si mesmo, mas isso movimenta todo o mercado

Share this post


Link to post
Share on other sites
Posted (edited)
1 hora atrás, pipo disse:

esse movimento vai crescer...

mas precisam de organização. Um ou outro ligar a metralhadora não funciona

Isso acontece volta e meia. O único jeito é se unirem e não renovarem o contrato.

Eu só assisto UFC pra ver Aldo, Jones, Miocic, Ngannou e etc... os melhores estão lá. Se eles forem pro Bellator, os fãs migram...

Mas e aí? Bellator vai pagar bem? Vai dar boas condições? Melhor que o UFC duvido.

Campeonato Italiano de futebol já foi o mais foda. Pq? Os jogadores mais fodas estavam lá. Foram pro espanhol e premiere league, acabou o italiano, só tem a marca milan, inter, juve... e sem os astros já era.

Edited by Axiotis

Share this post


Link to post
Share on other sites
32 minutos atrás, Axiotis disse:

Isso acontece volta e meia. O único jeito é se unirem e não renovarem o contrato.

Eu só assisto UFC pra ver Aldo, Jones, Miocic, Ngannou e etc... os melhores estão lá. Se eles forem pro Bellator, os fãs migram...

Mas e aí? Bellator vai pagar bem? Vai dar boas condições? Melhor que o UFC duvido.

Campeonato Italiano de futebol já foi o mais foda. Pq? Os jogadores mais fodas estavam lá. Foram pro espanhol e premiere league, acabou o italiano, só tem a marca milan, inter, juve... e sem os astros já era.

Concordo, e só complementando.

O campeonato italiano "acabou" pq quem sustentava era a máfia, eram políticos corruptos que faziam o dinheiro transitar. Acabou isso, acabou o dinheiro e sem dinheiro vc não paga os grandes nomes.

A semelhança se daria se lá artrás, ainda com essa grana jorrando, fosse repassado menos de 10% pra pagar todos os jogadores.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mas o foda é isso.

Tão pegando no pé do Borrachinha pq não gostam dele.

A atitude do cara foi nobre e certa. Mas pelo haterismo, estão o criticando com a alcunha de dizer que não era o momento.

Por isso eu to sempre batendo na tecla do Jones e enfatizando que ele, como maior lutador de MMA e pra muitos tido como o maior de todos os tempos, ainda invicto, está tendo dificuldades pra negociar.

Então, qual seria o momento? Se ser campeão, invicto, melhor de todos os tempos não te da o direito de reivindicar, qual seria o momento?

Share this post


Link to post
Share on other sites
Posted (edited)

Na NBA há a associação dos jogadores.  Eles conseguiram regularizar mtas coisas interessantes como salários mínimos (q são bem altos por sinal).  Aquele jogador q só completa elenco e q aparece apenas girando toalha no banco depois de alguma enterrada ganha (US$ 815 mil/ano para novatos e US$ 2,3 milhões/ano para veteranos de mais de 10 anos de liga).   Se alguém jogar um game da NBA vai ver ali na entrada q os direitos de imagem são negociados diretamente com essa associação. 

Em resumo:  isso protegeria mais o lado mais baixo da pirâmide.  Agora falar de Jake Paul e cia, querendo cifras de estrela, vai na lei da oferta x procura. Dana tem razão ao dizer q esses garotos têm seus méritos, pois desde criança trabalham para vender os nomes na mídia.  Pra nós brasileiros são desconhecidos, lá são celebridades.  Atrairiam holofotes lutando boxe, MMA ou q for.  

Complementando sobre  o caso da NBA:

Para garantir benefícios das classes mais baixas, a classe mais alta tb teve que abdicar de alguns benefícios.  Há o teto de salário máximo pra jogadores.  Não pode ultrapassar 25% do cap de cada time (orçamento estabelecido pela liga pra cada time). 

Edited by Rappa Hemp

Share this post


Link to post
Share on other sites
Posted (edited)
2 horas atrás, Rappa Hemp disse:

Na NBA há a associação dos jogadores.  Eles conseguiram regularizar mtas coisas interessantes como salários mínimos (q são bem altos por sinal).  Aquele jogador q só completa elenco e q aparece apenas girando toalha no banco depois de alguma enterrada ganha (US$ 815 mil/ano para novatos e US$ 2,3 milhões/ano para veteranos de mais de 10 anos de liga).   Se alguém jogar um game da NBA vai ver ali na entrada q os direitos de imagem são negociados diretamente com essa associação. 

Em resumo:  isso protegeria mais o lado mais baixo da pirâmide.  Agora falar de Jake Paul e cia, querendo cifras de estrela, vai na lei da oferta x procura. Dana tem razão ao dizer q esses garotos têm seus méritos, pois desde criança trabalham para vender os nomes na mídia.  Pra nós brasileiros são desconhecidos, lá são celebridades.  Atrairiam holofotes lutando boxe, MMA ou q for.  

Complementando sobre  o caso da NBA:

Para garantir benefícios das classes mais baixas, a classe mais alta tb teve que abdicar de alguns benefícios.  Há o teto de salário máximo pra jogadores.  Não pode ultrapassar 25% do cap de cada time (orçamento estabelecido pela liga pra cada time). 

Isso é interessante, mas a NBA é uma liga com mais de 70 anos, quanto ao MMA, muitos ainda o consideram um esporte profissional/feito por amadores. No entanto uma hora essas associações precisaraão chegar no MMA.

Edited by André Filho

Share this post


Link to post
Share on other sites
Posted (edited)
3 horas atrás, Silverchair disse:

Concordo, e só complementando.

O campeonato italiano "acabou" pq quem sustentava era a máfia, eram políticos corruptos que faziam o dinheiro transitar. Acabou isso, acabou o dinheiro e sem dinheiro vc não paga os grandes nomes.

A semelhança se daria se lá artrás, ainda com essa grana jorrando, fosse repassado menos de 10% pra pagar todos os jogadores.

Quando se lava dinheiro, o dinheiro sujo vem fácil... aí as equipes e ligas cagaram e andaram pra se renovarem, venderem e melhorarem o "produto" liga e etc.

Igual o Pride que lavava dinheiro da máfia tb  as estrelas foram pro UFC e a galera migrou junto. 

O Pride voltou, sem as estrelas da atualidade, quem assiste? Quase ninguém!

One tá indo legal na ásia e no ocidente é fraco pq não tem as estrelas, levar o DJ deu muito visibilidade, mas levar a galera mais pesada é pica.

Edited by Axiotis

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 horas atrás, Silverchair disse:

Mas o foda é isso.

Tão pegando no pé do Borrachinha pq não gostam dele.

A atitude do cara foi nobre e certa. Mas pelo haterismo, estão o criticando com a alcunha de dizer que não era o momento.

Por isso eu to sempre batendo na tecla do Jones e enfatizando que ele, como maior lutador de MMA e pra muitos tido como o maior de todos os tempos, ainda invicto, está tendo dificuldades pra negociar.

Então, qual seria o momento? Se ser campeão, invicto, melhor de todos os tempos não te da o direito de reivindicar, qual seria o momento?

Pegando no pé pq borrachinha renovou contrato e fez uma péssima luta. Se ganha lutando bem do tipo que teria apelo da galera pra revanche, beleza. Mas não foi.

e ele quis usar luta de youtuber que tem 24 milhões de seguidores VS um dos maiores boxers da história, o mais bem pago e vendedor de ppv da históriando boxe.

Eu achei uma estratégia muito ruim.

Share this post


Link to post
Share on other sites
8 horas atrás, Silverchair disse:

Concordo, e só complementando.

O campeonato italiano "acabou" pq quem sustentava era a máfia, eram políticos corruptos que faziam o dinheiro transitar. Acabou isso, acabou o dinheiro e sem dinheiro vc não paga os grandes nomes.

A semelhança se daria se lá artrás, ainda com essa grana jorrando, fosse repassado menos de 10% pra pagar todos os jogadores.

Na verdade o maior jogador da atualidade joga na Itália e lembrando que boa parte da payroll das lutas em Las Vegas tbm é paga pela máfia.

Share this post


Link to post
Share on other sites
8 horas atrás, Silverchair disse:

Mas o foda é isso.

Tão pegando no pé do Borrachinha pq não gostam dele.

A atitude do cara foi nobre e certa. Mas pelo haterismo, estão o criticando com a alcunha de dizer que não era o momento.

Por isso eu to sempre batendo na tecla do Jones e enfatizando que ele, como maior lutador de MMA e pra muitos tido como o maior de todos os tempos, ainda invicto, está tendo dificuldades pra negociar.

Então, qual seria o momento? Se ser campeão, invicto, melhor de todos os tempos não te da o direito de reivindicar, qual seria o momento?

Muito pegam no pé por não gostar dele e não tiro a razão dessas pessoas, mas o Borrachinha deu um baita tiro no pé, é fato. O próprio Wallid disse isso, vc vem de uma surra em que prometeu fazer e acontecer, da mil desculpas esfarrapadas pela derrota, sai de duas lutas após isso e ainda vai a público gritar contra o contrato que vc mesmo assinou como se estivesse em alta pra pedir valorização...

 

E não estou defendendo Dana White, muito longe disso.

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 horas atrás, André Filho disse:

Isso é interessante, mas a NBA é uma liga com mais de 70 anos, quanto ao MMA, muitos ainda o consideram um esporte profissional/feito por amadores. No entanto uma hora essas associações precisaraão chegar no MMA.

NBA e UFC são totalmente diferentes, UFC promove MMA, que é um esporte individual. Poder de barganha muda tudo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Coisas que ficam evidentes.

Primeiro o borrachinha continua bebendo vinho demais ao que tudo indica, pq estar bêbado justifica isso.

E além disso agora ele não deve mais pegar evento principal, e se der mole jogam até no under card.

Odeio acreditar nisso mas parece que ele tá com medo e pediu algo absurdo para não lutar e poder dizer que só não lutou pq não deram o dinheiro.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this