Sign in to follow this  
pipo

Análise pesos médios do PFL: qual versão de Rory MacDonald veremos em 2021?

Recommended Posts

 

O desafio de Rory MacDonald em 2015 contra o campeão dos meio-médios do UFC Robbie Lawler foi um clássico absoluto. Um ano e meio depois de Lawler ter derrotado MacDonald por decisão dividida em uma luta sem título, eles se enfrentaram implacavelmente pelo cinturão por 21 minutos sangrentos e dolorosos.

MacDonald balançou Lawler com um chute na cabeça no terceiro round e fez isso novamente no quarto, e quando ele desencadeou um enxame de cotovelos e joelhos contra a gaiola, e o árbitro John McCarthy implorou a Lawler para revidar, parecia que estava prestes a para ser um novo campeão.

Mas Lawler revidou, sobreviveu à trompa e encontrou descanso em seu banquinho. O campeão então saiu de seu canto para a rodada final determinado a tomar uma atitude. Os rostos de ambos os homens estavam vermelhos quando se encontraram no centro da jaula, e a multidão de Las Vegas rugia. Momentos depois, Lawler soltou uma mão esquerda reta que esmigalhou MacDonald, com o nariz esmagado.

 

A luta acabou. Mas os elogios apenas começaram. Lawler vs. MacDonald 2 ganhou as honras de Luta do Ano da ESPN e vários outros meios de comunicação. Há um argumento de que é a maior luta de MMA de todos os tempos, e os fãs certamente se sentiram assim em 2017 .

Com a glória, veio um custo . Essas quatro rodadas de brutalidade tiraram muito dos dois homens. Lawler reinou por apenas mais uma defesa de título e perdeu cinco de suas seis lutas desde então, incluindo as quatro mais recentes. MacDonald desistiu de sua próxima luta, depois foi embora do UFC.

Dizer que MacDonald acabou como lutador depois da briga de Lawler seria um exagero. O nativo de British Columbia, Canadá, que treina em Montreal, venceu o campeonato do Bellator em 2018. Mas então ele levou outra surra quando tentou adicionar o cinturão dos médios do Bellator para se tornar um bicampeão, e isso o colocou em um derrapagem que continua até hoje. Ele venceu apenas uma de suas últimas cinco lutas. MacDonald tem apenas 31 anos, mas já faz anos desde que ele se parecia com sua antiga elite.

Agora ele tem um novo palco para mostrar do que ainda é capaz. MacDonald ingressou no PFL em dezembro de 2019 , a maior contratação da curta história da promoção. O plano era que ele fizesse sua estreia em 2020, mas essa temporada foi cancelada por causa da pandemia do coronavírus. MacDonald finalmente entrará na gaiola do PFL em 29 de abril em Atlantic City, New Jersey, para abrir a temporada de 2021 dos médios do PFL.

 

 

A expectativa entre os fãs casuais pode ser que MacDonald, cujo nome ainda significa alguma coisa, vá em frente e comece a gastar o $ 1 milhão que certamente vai embolsar na véspera de Ano Novo por vencer o campeonato de 2021. Afinal, é o PFL, não o UFC nem o Bellator. Mas um olhar mais atento para a divisão de 170 libras do PFL revela um elenco bastante grande, começando com o oponente de abertura da temporada de MacDonald, o colega ex-UFC David Michaud . O Oglala Lakota de Dakota do Sul foi finalista do peso meio-médio na temporada de 2019 do PFL.

Os campeões de ambas as temporadas do PFL - o vencedor de 2019 Ray Cooper III e o vencedor de 2018 Magomedkerimov - estão de volta para mais em 2021. E entre os estreantes promocionais estão os ex-lutadores do UFC Gleison Tibau e Aleksei Kunchenko . Parece uma temporada competitiva.

Ainda assim, se este fosse o velho MacDonald invadindo a jaula do PFL, não seria problema para ele receber o grande cheque. Mas a versão de hoje? Como a maioria do elenco do PFL, ele não compete desde 2019. A última vez que o vimos, em uma derrota apática por decisão para Douglas Lima que devolveu o cinturão do Bellator ao homem de quem MacDonald o havia tirado, ele não mostrou a energia e agressividade isso uma vez o tornou especial. MacDonald pode recapturar isso neste novo capítulo?

Por mais que a contratação de sua estrela pelo PFL tenha gerado reações de ponto de exclamação, também há muitos pontos de interrogação. É hora de algumas respostas.

Temporada favorita: Magomed Magomedkerimov

3094530.png&w=350&h=254

É isso mesmo, eu não vou com MacDonald aqui ou mesmo com o campeão Ray Cooper III . Para mim, o favorito é Magomedkerimov, que venceu Cooper pelo título de meio-médio em 2018, temporada inaugural do PFL. O russo de 31 anos estava escalado para enfrentar o havaiano novamente nas semifinais de 2019, mas teve que desistir devido a uma doença pouco antes da luta, depois de já ter lutado uma vez naquela noite. Então, embora ele não tenha conseguido um segundo $ 1 milhão consecutivo, Magomedkerimov ainda tem uma seqüência de 11 vitórias consecutivas que remonta a 2015. Ele vai ser difícil de vencer.

O principal candidato: Rory MacDonald

2501814.png&w=350&h=254

Esta escolha pode parecer boba em alguns meses. Se MacDonald está preso na gaiola na véspera de Ano Novo segurando uma réplica de cheque gigante como campeão de 2021, o pensamento entre muitos observadores será, claro, o ex-desafiante ao título do UFC e campeão do Bellator superou a competição do PFL. Por outro lado, se MacDonald estiver com a mesma aparência nesta temporada de suas últimas partidas e não conseguir assumir o comando da divisão dos meio-médios do PFL, o pensamento será claro que ele não tem mais nada, não era óbvio? Então esse parece um lugar razoável para colocar um lutador que pode ser o melhor que o PFL já viu, mas também pode provar que não é mais aquele cara.

 

Durante 12 anos no UFC, Gleison Tibau enfrentou muitos dos maiores nomes da organização, incluindo Tony Ferguson (foto), Khabib Nurmagomedov e Nick Diaz. Ed Mulholland para ESPN

Luta para assistir na noite de estreia: Gleison Tibau x Aleksei Kunchenko

Tibau encerrou sua sequência de 28 lutas no UFC em 2018, depois de sofrer quatro derrotas consecutivas, embora duas delas tenham sido contra os fortes Tony Ferguson e Islam Makhachev . Ele tem 37 anos, então quem sabe onde esse brasileiro está agora como lutador ao entrar no PFL? Kunchenko vai testá-lo logo de cara. O russo estava com 20-0 e estava bem no UFC quando se deparou com o futuro desafiante ao título Gilbert Burns em 2019. Ele perdeu aquele e sua próxima aparição no octógono, e aqui está ele no PFL, recomeçando aos 36 anos.

Visão geral da divisão peso meio-médio

Ray Cooper III

4339208.png&w=65&h=90&scale=crop&background=0xcccccc&transparent=trueIdade: 28
Altura: 5 pés-7 | Alcance: 70 polegadas
Recorde da carreira: 20-7-1
Recorde do PFL: 8-2
Luta (s) notável (s) do PFL : Defendendo o campeão dos médios do PFL de 2019 (def. David Michaud ); perdeu para Magomed Magomedkerimov na final do peso meio-médio do PFL 2018

David Michaud

3102615.png&w=65&h=90&scale=crop&background=0xcccccc&transparent=trueIdade: 32
Altura: 5 pés-9 | Alcance: 71 polegadas
Recorde da carreira: 18-6
Recorde do PFL: 3-2
Luta (s) notável (s) do PFL : Perdida na final dos médios do PFL de 2019 para Ray Cooper III

Aleksei Kunchenko

3999124.png&w=65&h=90&scale=crop&background=0xcccccc&transparent=trueIdade: 36
Altura: 5 pés-8
Registro de carreira: 20-2
Registro de PFL: N / A

Gleison Tibau

2354336.png&w=65&h=90&scale=crop&background=0xcccccc&transparent=trueIdade: 37
Altura: 5 pés-8 | Alcance: 70 polegadas
Recorde de carreira: 35-14 Recorde de
PFL: N / A

Jason Ponet
Idade: 32
Altura: 5 pés-10
Registro da carreira: 20-12-1, 1
registro do NC PFL: N / A

Joao zeferino

3031339.png&w=65&h=90&scale=crop&background=0xcccccc&transparent=trueIdade: 35
Altura: 5 pés-9 | Alcance: 69 polegadas
Recorde da carreira: 24-9
Recorde do PFL: 3-0
Destaques notáveis do PFL: Foi o segundo peso meio-médio semeado na temporada 2018 do PFL, mas foi forçado a desistir devido a uma lesão no joelho; entrou na temporada 2019 do PFL no meio como substituto de Gamzat Khiramagomedov e venceu sua única luta em 2019, mas não conseguiu se classificar para os playoffs

Nikolay Aleksakhin

3156611.png&w=65&h=90&scale=crop&background=0xcccccc&transparent=trueIdade: 30
Altura: 5 pés-9 | Alcance: 74 polegadas
Recorde da carreira: 24-5
Recorde do PFL: 1-0
Destaques notáveis do PFL: Venceu a luta alternativa do playoff dos médios do PFL em 2019 contra Jesse Ronson

Sadibou Sy

4231144.png&w=65&h=90&scale=crop&background=0xcccccc&transparent=trueIdade: 34
Altura: 6 pés-3 | Alcance: 80 polegadas
Recorde da carreira: 8-5
Recorde do PFL: 2-3-2
Luta (s) notável (s) do PFL : Perdida nas semifinais dos médios do PFL de 2018 para Abuspiyan Magomedov; Perdeu nas quartas de final do PFL em 2019 para Ray Cooper III; Vitória por nocaute corporal de 17 segundos sobre David Michaud na temporada regular do PFL de 2019

 

PFL 2021 - Noite 2: quinta-feira, 29 de abril

ESPN2, 21h00 ET
Rory MacDonald vs David Michaud | Peso meio-médio
Ray Cooper III x Jason Ponet | Peso meio-médio
Antonio Carlos Junior x Tom Lawlor | Peso meio-pesado
Emiliano Sordi x Chris Camozzi | Peso-pesado leve

ESPN +, 17h30 ET
Magomed Magomedkerimov x João Zeferino João | Peso meio-
médio Smealinho Rama x Jordan Young | Peso meio-pesado
Cezar Ferreira x Nick Roehnick | Peso meio-pesado
Gleison Tibau x Aleksei Kunchenko | Peso meio-
médio Sadibou Sy x Nikolay Aleksakhin | Peso meio- médio
Dan Spohn x Marthin Nielson | Peso-pesado leve

Share this post


Link to post
Share on other sites

Desde o papo que Jesus não queria que ele batesse nas pessoas em uma entrevista pós luta eu já não boto fé nenhuma no Rory, qualidade técnica sem nenhum "sanguenuzói" não adianta muito. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Daniel Mendoza disse:

Desde o papo que Jesus não queria que ele batesse nas pessoas em uma entrevista pós luta eu já não boto fé nenhuma no Rory, qualidade técnica sem nenhum "sanguenuzói" não adianta muito. 

Puta papo estranho pra um lutador mesmo...te falo que uma das principais qualidades que um lutador precisa ter é maldade e ele tinha isto mas algo aconteceu ali que ele perdeu isto. Tem muito cara aí que tecnicamente é um gênio mas que chega lá e não consegue emplacar pq falta isto e tem cara que é grosso mas compensa na maldade.

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Daniel Mendoza disse:

Desde o papo que Jesus não queria que ele batesse nas pessoas em uma entrevista pós luta eu já não boto fé nenhuma no Rory, qualidade técnica sem nenhum "sanguenuzói" não adianta muito. 

 

46 minutos atrás, João P disse:

Puta papo estranho pra um lutador mesmo...te falo que uma das principais qualidades que um lutador precisa ter é maldade e ele tinha isto mas algo aconteceu ali que ele perdeu isto. Tem muito cara aí que tecnicamente é um gênio mas que chega lá e não consegue emplacar pq falta isto e tem cara que é grosso mas compensa na maldade.

Estranho igual ao Fedor Qndo começou a andar com aquele padre (ou sei lá oq aquela aberração era)

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 horas atrás, João P disse:

Puta papo estranho pra um lutador mesmo...te falo que uma das principais qualidades que um lutador precisa ter é maldade e ele tinha isto mas algo aconteceu ali que ele perdeu isto. Tem muito cara aí que tecnicamente é um gênio mas que chega lá e não consegue emplacar pq falta isto e tem cara que é grosso mas compensa na maldade.

 

2 horas atrás, pipo disse:

 

Estranho igual ao Fedor Qndo começou a andar com aquele padre (ou sei lá oq aquela aberração era)

Eu acho que o Rory pode ser algo neurológico, sei lá, eu fiquei preocupado com a saúde mental e cerebral dele depois daquela entrevista, papo estranho demais. Sério mesmo. Espero que seja só algo religioso mesmo e não resultado sequelas e 'confusões' mentais, digamos assim. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Depois daquela guerra contra o Lawler o Rory nunca mais foi o mesmo. Ganhou algumas, perdeu outras...mas aquela luta mudou ele.

Share this post


Link to post
Share on other sites
12 horas atrás, Daniel Mendoza disse:

 

Eu acho que o Rory pode ser algo neurológico, sei lá, eu fiquei preocupado com a saúde mental e cerebral dele depois daquela entrevista, papo estranho demais. Sério mesmo. Espero que seja só algo religioso mesmo e não resultado sequelas e 'confusões' mentais, digamos assim. 

aquela luta contra o Lawler ele envelheceu ele 20 anos 

e ainda teve outras duras depois

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, pipo disse:

aquela luta contra o Lawler ele envelheceu ele 20 anos 

e ainda teve outras duras depois

Aquela luta arrancou a alma do Rory pelo nariz. o castigo foi brutal demais! Dá pra comparar com a do Wand vs crocop 2, depois daquele combate o brasileiro ficou diferente. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
8 horas atrás, Milden79 disse:

Aquela luta arrancou a alma do Rory pelo nariz. o castigo foi brutal demais! Dá pra comparar com a do Wand vs crocop 2, depois daquele combate o brasileiro ficou diferente. 

Bem lembrado o Wand

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 4/7/2021 at 5:12 PM, Daniel Mendoza disse:

Desde o papo que Jesus não queria que ele batesse nas pessoas em uma entrevista pós luta eu já não boto fé nenhuma no Rory, qualidade técnica sem nenhum "sanguenuzói" não adianta muito. 

Verdade. Rory era top 3 do mundo na categoria, completo, técnico e com bom IQ de luta, mas depois dessa merda de jesus, perdi a fé nele...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this