Sign in to follow this  
André Filho

Francisco Filho - A jornada épica do brasileiro que tornou-se um ícone do Kyokushin

Recommended Posts

Um Brasileiro que se tornou um ícone do Karate Kyokushin no Japão. Passou com maestria pelo famoso teste das 100 lutas, e foi o único estrangeiro a conquistar o titulo mundial da modalidade. Ainda se tornaria uma lenda do K-1, vencendo todos os grandes campeões do evento. Francisco Filho, natural de Souto Soares/ Bahia, começou na modalidade ainda criança, sem muitas expectativas. Porém o contato com o respeitado Shihan Seiji Isobe o fez observar um mundo o qual ele se identificou fortemente. Apesar disso, em sua primeira luta, aos 12 anos, perderia para um faixa azul. A cobrança de seu mestre para que ele levantasse a cabeça, corrigisse os erros e seguisse adiante, foi fundamental para seu sucesso posterior na modalidade. Dali em diante, foram anos de grandes conquistas e aprendizados. Aos 18 anos, se sagraria campeão sul americano e em 1991, no 5º campeonato mundial, colocaria definitivamente seu nome no radar de elite Kyokushin. Venceria o amplo favorito da noite, Andy Hug , com um nocaute espetacular nos últimos segundos de luta. Apesar do feito, ainda não se sagraria campeão, perdendo na final para o japonês Kazume Haijime. Nos anos seguintes, alcançaria outros feitos históricos na modalidade: Seria o primeiro Brasileiro a concluir o duríssimo teste das 100 lutas no Japão, e o primeiro do mundo a não precisar ser hospitalizado após o feito. Além disso também bateria o recorde de menor duração de prova e de vitórias. Após isso, chegaria como um dos grandes favoritos no campeonato mundial daquele ano, mas para sua grande decepção, perderia novamente na final. Essa foi uma etapa difícil de sua caminhada, onde Filho, após muitos sacrifícios e 4 anos dedicados exclusivamente a esse objetivo, pensou se já não seria a hora de parar. Mas após um convite para uma temporada de seminários no Japão, reviveu aquele espírito de resiliência, e não desistiu. E de fato, sua persistência o recompensou, já que em 1999, se tornaria o primeiro campeão estrangeiro da história, no 7º campeonato mundial, em Tóquio. Após isso, ainda embarcaria em uma jornada vitoriosa no K-1, vencendo todos os grandes campeões do Evento, sendo eles: Peter Aerts, Ernesto Hoost, Andy Hug (2x) e Remy Bonjasky. Relembre a incrível história e trajetória de Francisco Filho !

 

Fonte: Zion INC.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Só uma correção, ele não foi o primeiro brasileiro a terminar o teste das 100 lutas do Kyokushin, o primeiro foi o Ademir da Costa em 1987, anos depois ele brigou com os japoneses e saiu do Kyokushin e lançou a sua modalidade de Karate, muito semelhante ao Kyokushin o Seiwakai.

Treinei Kickboxing no dojo dele na época que eu morei em São Paulo e muita gente migrava do Karate Seiwakai para o treino de Kickboxing e era um pessoal duro, bem calejado mas via uma clara diferença técnica entre o Muay Thai de Curitiba e o Kickboxing deles, vejo o mesmo dos karatecas do Kyokushin do K1 para o pessoal que veio da Holanda ou mesmo do Muay Thai entre os mais leves, talvez pelo fato de na modalidade deles não valer soco no rosto.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this