Eder Jofre55

Brasil pode conquistar mais quatro cinturões do UFC no segundo semestre de 2020

Recommended Posts

Brasil pode conquistar mais quatro cinturões do UFC no segundo semestre de 2020

Gilbert Durinho, José Aldo, Deiveson Figueiredo e Paulo Borrachinha têm a chance de se juntar a Amanda Nunes e deixar o país com o seu maior número de títulos na história da organização

Por Combate.com 

O segundo semestre de 2020 pode entrar para a história do MMA brasileiro. Pela primeira vez o país poderá ter nada menos que seis cinturões do UFC ao mesmo tempo. O recorde do país é de quatro cinturões em 2012, quando Renan Barão (peso-galo interino), José Aldo (peso-pena), Anderson Silva (peso-médio) e Junior Cigano (peso-pesado) deixavam o país empatado com os EUA - Demetrious Johnson (peso-mosca), Dominick Cruz (peso-galo), Benson Henderson (peso-leve) e Jon Jones (peso-meio-pesado) -, e deixando o Canadá com o cinturão restante: de Georges St-Pierre (peso-meio-médio).

carrossel-ufc.jpg

 

Cinco lutadores brasileiros podem ter o número recorde de seis cinturões do UFC em 2020 — Foto: Infoesporte

Contando hoje apenas com os dois cinturões de Amanda Nunes (peso-galo e peso-pena), o Brasil poderá conquistar mais quatro cinturões nos próximos meses. A corrida começa no UFC 251, em 11 de julho, quando Gilbert Durinho e José Aldo disputarão os cinturões do peso-meio-médio e do peso-galo, respectivamente. Durinho encara o amigo e companheiro de treinos Kamaru Usman, da Nigéria, que é o atual detentor do cinturão; e José Aldo decide com o russo Petr Yan a posse do cinturão que Henry Cejudo deixou vago ao se aposentar. Caso os dois vençam, o país igualará a sua melhor marca da história (quatro), assumindo a liderança no ranking dos países - os EUA estarão em segundo lugar, com três cinturões.

carrossel-jose-aldo-x-petr-yan.jpg

José Aldo pode entra para o clube dos campeões em duas categorias do UFC contra Petr Yan no UFC 251 — Foto: Info Esporte

A próxima disputa acontece exatamente uma semana depois, quando Deiveson Figueiredo fará a revanche contra o americano Joseph Benavidez pelo cinturão peso-mosca, também vagado por Henry Cejudo. Na primeira vez em que se enfrentaram, no UFC Norfolk, em 29 de fevereiro deste ano, Figueiredo nocauteou Benavidez na melhor atuação da sua vida, e só não ficou com o título inédito para o país na categoria porque não havia batido o peso na véspera da luta. Caso derrote Benavidez, Figueiredo dará o recorde de cinturões ao Brasil em sua história - cinco.

carrossel-joseph-benavidez-x-deiveson-fi

Deiveson Figueiredo vai em busca do cinturão inédito do peso-mosca contra Joseph Benavidez em 18 de julho — Foto: Infoesporte

Ainda sem data marcada, mas com potencial para ser a disputa de cinturão mais emocionante do ano, Paulo Borrachinha terá pela frente o nigeriano Israel Adesanya pelo cinturão dos pesos-médios. Os dois lutadores vêm se provocando constantemente nas redes sociais, e a disputa já ganhou contornos épicos, uma vez que os dois estão invictos em suas carreiras, e possuem poder de nocaute e muita autoconfiança.

 

borracha-adesanya.jpg

Paulo Borrachinha é o próximo desafiante ao cinturão dos pesos-médios, atualmente em poder de Israel Adesanya — Foto: Getty Images

Ainda existe a possibilidade de um sétimo cinturão para o Brasil: no peso-meio-pesado. Caso Jon Jones realmente cumpra a promessa de vagar o título da categoria, em função das divergências com Dana White e o UFC sobre a sua bolsa, Thiago Marreta aparece como um dos mais fortes candidatos a ficar com o cinturão, ao lado de Dominick Reyes e Jan Blachowicz. O brasileiro está em fase final de recuperação de cirurgias nos dois joelhos após a derrota por decisão dividida para Jones no UFC 239.

No melhor dos cenários, o Brasil terminará o ano de 2020 com os cinturões masculinos no peso-mosca (inédito), peso-galo, peso-meio-médio (inédito), peso-médio e peso-meio-pesado, além dos cinturões femininos do peso-galo e peso-pena.

 

Confira os atuais donos dos cinturões do UFC:

 

Peso-palha: Weili Zhang (China)
Peso-mosca feminino: Valentina Shevchenko (Quirguistão)
Peso-galo feminino: Amanda Nunes (BRASIL)
Peso-pena feminino: Amanda Nunes (BRASIL)

Peso-pena masculino: Alexander Volkanovski (Austrália)
Peso-leve: Khabib Nurmagomedov (Rússia)
Peso-meio-médio: Kamaru Usman (Nigéria)
Peso-médio: Israel Adesanya (Nigéria)
Peso-meio-pesado: Jon Jones (EUA)
Peso-pesado: Stipe Miocic (EUA)

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

São chances reais.

Hoje vejo de forma muito dificil alguém tomar a cinta na HW, LHW, WW e Palha feminino.

Nos médios o Adesanya tem folga com uma unica exceção que é justamente o Borrachinha que além de ter condições de apagar o Adesanya, ainda irá pega-lo super pilhado.

Share this post


Link to post
Share on other sites
6 horas atrás, Silverchair disse:

São chances reais.

Hoje vejo de forma muito dificil alguém tomar a cinta na HW, LHW, WW e Palha feminino.

Nos médios o Adesanya tem folga com uma unica exceção que é justamente o Borrachinha que além de ter condições de apagar o Adesanya, ainda irá pega-lo super pilhado.

Na minha opinião, o que tem maiores chances é o Deiveson, de resto será mais parelho.

Share this post


Link to post
Share on other sites
6 horas atrás, Ominöser disse:

Na minha opinião, o que tem maiores chances é o Deiveson, de resto será mais parelho.

Deiveson realmente é o que tem mais chances, porém Benavides é muito bom, além de experiente, e pode surpreender... mas a pujança do brazuca deve levá-lo ao titulo!

Durinho tem boas chances tbm, pois além da evolução monstra, principalmente em pé, conhece bem o adversário... mas Usman é duríssimo e muitooooo forte...

Aldo terá pela frente o monstrinho Russo, que além de todas as qualidades vem faminto e km baixa... torcida pro Junior mas Yan é favorito...

Borrachero pode KOzar nos 2 primeiros rounds, mas acredito que será dominado pelo Izzy...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Único com grande vantagem é o Deiveson mesmo, muito por conta da superioridade física meio absurda que ele tem na divisão, o cara é enorme de forte

Se não inventar de virar boxer e lutando com inteligência, Aldo pode surpreender o Yan

Borrachinha não acredito que arrume algo contra o Israel, ainda mais com o gás ruim que já mostrou e a péssima defesa de jabs

Durinho e Usman é luta dura e que vai se transcorrer em pé, acredito que o nigeriano tenha mais pegada e isso pode fazer diferença 

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 horas atrás, Cesar_Rasec disse:

Deiveson acabou de vencer o Benavidez... se não tiver problema com a balança será o franco favorito.

O Luciano Andrade disse na transmissão do último UFC que o Yan não arrumava nada com o Aldo quando treinavam juntos na Nova União. Não sei quanto tempo faz isso, mas eu ainda acho o russo favorito. Mesmo porque no treino cada um devia estar no peso natural, então a vantagem era toda pro brasileiro.

Durinho e Usman também treinaram juntos e pelo que disse o brasileiro ninguém levava muita vantagem. Eu aposto no nigeriano pelo tamanho e por enxergar o gringo como um atleta com mais pujança física.

Borrachinha e Adesanya é uma luta que eu acredito que algum dos dois vai ser tirado pra nada. Ou o Borrachinha atropela e consegue o nocaute até o segundo round, ou o nigeriano sobrevive e começa a passear a partir do terceiro round (com direito a brincadeiras e guarda baixa). 

Resumindo, se tivesse que arriscar um prognóstico: Deiveson (70%), Yan (60%), Usman (60%), Adesanya (50,1%)

O que é até sem noção o cara soltar uma dessa na transmissão. Tem que ver a época mesmo, se era aquele Aldo que dominou o Edgar de boas e fez uma guerra com o Mendes, por exemplo. Fora que o Yan ainda tem 27 anos, tá na fase de evolução, quando treinou com o Aldo ainda era mais novo

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 horas atrás, Cesar_Rasec disse:

Deiveson acabou de vencer o Benavidez... se não tiver problema com a balança será o franco favorito.

O Luciano Andrade disse na transmissão do último UFC que o Yan não arrumava nada com o Aldo quando treinavam juntos na Nova União. Não sei quanto tempo faz isso, mas eu ainda acho o russo favorito. Mesmo porque no treino cada um devia estar no peso natural, então a vantagem era toda pro brasileiro.

Durinho e Usman também treinaram juntos e pelo que disse o brasileiro ninguém levava muita vantagem. Eu aposto no nigeriano pelo tamanho e por enxergar o gringo como um atleta com mais pujança física.

Borrachinha e Adesanya é uma luta que eu acredito que algum dos dois vai ser tirado pra nada. Ou o Borrachinha atropela e consegue o nocaute até o segundo round, ou o nigeriano sobrevive e começa a passear a partir do terceiro round (com direito a brincadeiras e guarda baixa). 

Resumindo, se tivesse que arriscar um prognóstico: Deiveson (70%), Yan (60%), Usman (60%), Adesanya (50,1%)

Ele deveria saber muito bem que é anti ético comentar treinos, ainda mais com o intuito de querer prever resultado de luta. Treino é treino, luta é luta. Mancada gigante do Luciano nessa.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olha, eu acho que o Durinho tem muitas chances. Momento ótimo. Se não for amarrado na grade achar que vence no chão e em pé. Mas nenhum dos dois é um primor técnico, se valem mais de aspectos físicos, penso que vai ser uma guerra. Acho o Usman mais travado que o durinho em pé.

Deiveson e Aldo/Yan eu precisaria rever as lutas para opinar minimamente. 

Quanto ao borrachinha:

Se for esperto o borrachinha deve estar treinando contra golpe de jab até não aguentar mais, além de entrar mais na defensiva esperando o Israel, tirando o Israel da zona de conforto, atrapalhando muito a mão da frente, com muita movimentação de cabeça. Explodindo após defender um chute, ou em um passo. Acho que assim ele conseguiria dosar mais o gás e tirar o adesanya    da zona de conforto. Se uma mão entrar no começo ele tem chance, se não, se ele for pra cima sendo muito agressivo ele vai tomar uma aula, ao meu ver. Borracha não tem o refino técnico pra pressionar frontalmente o israel, tem que esperar por ele para explodir. Se caçar o Israel não vai o achar, vai é achar muito contra golpe. Pra mim é sempre melhorar esperar o lutador que tem uma movimentação melhor e que é mais longínquo. Pressione sobre o próprio eixo, com movimentos sutis, sem se mover muito, tentando o levar pra grade mais com fintas, se correr atrás no Centro do octógono acho que não vai arrumar nada é vai tomar contra golpe. Se não mover a cabeça vai comer jab.

Acho que em pé esse seria o melhor caminho. É acho que deveria entrar pra surfar para encurtar também.

A diferença de envergadura vai ser gritante. 

Acho que esperar para contra golpear os jabs, diretos e chutes de forma bem explosiva, com MUITO movimento de cabeça e passos sem padrão, não deixando o Israel achar a distância com o jab. Pressionar com fintas para o levar para a grade e encurtar com tentando quedas para explicitar quando o Israel defender a queda, e estar ao seu alcance para explodir.

Fora isso vejo, se ele lutar indo reto pra cima querendo pressionar atacando, como normalmente faz, o vejo socando ar, tomando muito jab, se afinando e comendo contra golpe. Entrando em um ciclo que só o fará tomar mais golpes e cansar mais.

O que acham? Quais os caminhos para cada um deles vencer?

Share this post


Link to post
Share on other sites
6 horas atrás, Ominöser disse:

Ele deveria saber muito bem que é anti ético comentar treinos, ainda mais com o intuito de querer prever resultado de luta. Treino é treino, luta é luta. Mancada gigante do Luciano nessa.

Luciano é “jornalista” então não tem mancada nenhuma em comentar o resultado de treino. Esse código de ética fica para os lutadores e treinadores.

Share this post


Link to post
Share on other sites
6 horas atrás, Dudu show disse:

Luciano é “jornalista” então não tem mancada nenhuma em comentar o resultado de treino. Esse código de ética fica para os lutadores e treinadores.

Ele não é " faixa preta"?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Maiores chances realmente são do Deiveson pelo que mostrou na luta anterior mas nesta vai precisar bater o peso e isto pode contar contra.   Aldo entra como azarão, o treino de algum tempo atrás não conta em nada. Vantagem dele é a experiência mas o russo vem mais motivado.                                                                    Durinho me surpreendeu muito positivamente nesta última luta, estou curioso pra ver a luta mas o favoritismo é do nigeriano, acho que tem punch e Wrestling pra manter a luta onde se sente mais confortável.                                          Borrachinha não pode entrar no jogo do nigeriano, se for inteligente e lutar com estratégia (inclusive levar para o chão) pode levar mas também dou um leve favoritismo para o Adesanya pela frieza.                                    Marreta acho difícil ganhar o title shot este ano, precisa fazer uma boa luta de recuperação  antes e ver o desenrolar da categoria, o que vai acontecer com o JJ, etc. Diante do JJ acho que perde de novo, Reyes acho uma luta complicada pra ele tbm e Blachovitz se ele tiver 100% acredito nele.          

Share this post


Link to post
Share on other sites

não sei pq, mas ando achando que o Aldo vai surpreender e vencer. E isso acontecendo, pode se aposentar como um dos maiores da história 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não sei oq esperar do Borrachinha.. muito tempo parado, não sei se vai se encontrar no jogo do Nigeriano.. 

o Deivdson primeiro seja homem e bata o peso. Será que vai entrar tão bem? mas é favorito

 

O usman é um tanque de guerra mas o Durinho vem com vontade, isso é muito bom.

Share this post


Link to post
Share on other sites

O único brasuca favorito, ao meu ver, é o Deiveson Figueiredo.

Acho que o Borrachinha tem boas chances de vitória, talvez 50/50; Durinho é azarão, mas se vier embalado como em sua última luta, poderá surpreender; e José Aldo, o que tem menos condição de ser campeão, Petr Yan é um monstro, ótima fase, difícil sair derrotado nessa.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Deiveson tem tudo pra sair com o cinturão. É bater o peso com profissionalismo e lutar como lutou na primeira;

Aldo PODE ganhar do Yan, se fizer a estratégia correta e tiver gás, mas o favoritismo é do russo.

Borrachinha pode nocautear o Izzy sim. Gastelum já mostrou que isso é possível. Um adendo: Gastelum bate muito pesado, mas tem metade do tamanho do Borracha.

Durinho e Usman será lutão. Qualquer um dos dois pode ganhar. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now