SgtBlackStar

Ação trabalhista movida contra o UFC revela porcentagem paga aos atletas

Recommended Posts

1 hora atrás, Genilson Lopes disse:

Falta pro Bellator alguém com visão tbm...

Por exemplo, mal o Vitor foi contratado pelo One e já veio no Rio firmar parceria com o Governo.

O cara é chato mas é cheio de ideias diferentes e arrojadas para o mundo do MMA.

 

o Vitor sempre foi um gênio no quesito Business

não entendo como caras no Auge como o Aldo, não tinha milhões de patrocinios

o AS teve uma época que ficou na agência do Ronaldo Fenômeno e tb ganhou muita grana

Share this post


Link to post
Share on other sites
21 horas atrás, masterblaster disse:

Exato. E para piorar, no UFC ainda tem o contrato com a Reebok, que ainda faz o atleta perder as verbas de patrocínio.

Teve um lutador que teve dar entrevista descalço porque não tava com o tênis da reebok ?

Share this post


Link to post
Share on other sites
14 horas atrás, MV8 disse:

Pra mim isto não é hardcore

Se o sujeito fica com mimimi UFC circo e etc e só assiste UFC pra mim ele é igual mulher de bandido

Eu não reclamo de UFC e assisto tudo que posso MMA russo, japonês, Bellator etc.

Admito que eu tô mais interessado em procurar vídeo antigo de eventos obscuros de vale tudo, documentários etc... Do que ver qlqr coisa do MMA. Acho mais legal ver IVC... WVC... Essas coisas, do que acompanhar atualmente...

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 horas atrás, Baía Pinto disse:

Teve um lutador que teve dar entrevista descalço porque não tava com o tênis da reebok ?

Fogo. Não tem como desvalorizar mais um atleta.

Share this post


Link to post
Share on other sites
18 horas atrás, Cesar_Rasec disse:

Só acho que falando de Brasil, poderia incluir o próprio evento na lista de “desinteresse”.

Não tem só a Globo de rede aberta... Band Sports poderia fazer com a Bandeirantes a mesma coisa que o combate faz com o sportv. Talvez não tenha interesse da mídia? Ok. 

Mas o Bellator tem grandes nomes, se tratando de atletas brasileiros. Na linha do título, até mais do que o UFC. Poderiam colocar o Pit Bull disputando cinturão aqui, seu irmão, Wanderlei, Lyoto, Douglas Lima, Dudu Dantas, entre varios outros atletas... imagina se eles fizessem um baita card no Brasil, investissem em publicidade? 

Talvez a falta de interesse seja porque o grosso mesmo do $$$ tá nos EUA. Tanto que eles mensuram as vendas de ppv apenas por lá.

O UFC quando tava na merda fez o TUF e até por conta da grande luta entre Bonnar e Griffin, colocaram eles no hall da fama. 

Enfim, o Bellator vai ter que criar mecanismos pra se popularizar. Esse negócio de torneio já achei uma excelente jogada. Acredito que grande parte das pessoas gostam desse formato de competição. 

Acho que agora é mais não querer arriscar mesmo um evento por aqui... Acredito que eles saibam o tamanho do Bellator no Brasil, e devem saber que quem acompanha o evento é mais quem acompanha o MMA e não a grande massa, e que isso não é o suficiente para encher sei lá, um ginásio aqui ainda... Isso somando ao fato de.que o fã ocasional de MMA vai procurar na mídia esportiva que ele conhece de MMA (combate) e não acha nada, e quando procura por aqui lê que o bellator não passa de 'segunda divisão', o cara nem se interessa em ir ver. Isso de marca é foda, aposto que o pessoal (muitos aqui desse fórum inclusos) preferem ver, por exemplo Maldonado vs Miocic do que Pitbull, Diego Lima, Wanderlei, Lyoto... Pro fã ocasional eles nem devem saber que Wanderlei e Lyoto ainda lutam, devem achar que se aposentaram, e provavelmente ao ler que eles estão na "segunda divisão do MMA'" o interesse cai absurdamente mesmo que os caras sejam medalhões.

Agora tem todo custo de trazer gente, trazer estrutura, pagar bolsa, pagar salário de pessoal, aluguel, tributos... Aí fazem a análise de viabilidade e percebem que pra ajudar a pagar esses custos, eles teriam que colocar ingresso a 20 reais pra nem talvez lotar um Ibirapuera, e com patrocínio querendo pagar não mto pq, afinal, bellator não é UFC... Complicado... Vale a pena? Não sei.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 8/29/2019 at 11:47 AM, MrCampos disse:

Eu queria ver os números tirando os 4 mais bem pagos de cada categoria.

Certamente iria pra tipo 8%

Bingo

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu vejo como nem tanto ao mar e nem tanto à terra. A forma mais equilibrada de se ver a situação é avaliar o número nominal. Ganham mais no UFC, claro, senão os atletas não dariam preferência a permanecer no evento. Duvido que qualquer um aqui defenda que um porteiro de uma indústria que fatura 1000 vezes a de outra dever ter seu salário majorado nessa mesma proporção em relação ao seu correlato da indústria mais modesta. Não faz sentido.... O que acho justo, sim, é que exista um percentual variável de remuneração atrelado à receita ( que ele mesmo gera ), mas isso não significa que tenha que acompanhar essa análise maluca que é o argumento central dessa ação. Cada empresa tem sua estrutura de custos com um % de participação de remuneração específica dentro dessa.... Não da sequer para argumentar que o UFC os prejudicou com essa conversa de monopólio pois, hoje, se existe uma enorme visibilidade para a prática em boa parte do mundo foi graças ao UFC. Não fosse por eles, quem se dedicasse à essa atividade , estaria ganhando bolsas ridicularmente mais baixas.  

Dito isso, o que vai trazer melhoras no médio prazo para os participantes do evento não são chorumelas, mas o desenvolvimento concreto do business e profissionalismo em torno da atividade. Medidas  que achei bem bacana foram as criações de estruturas que oferecem aos atletas apoio na parte médica, avaliações e treinamento.  Acho que o caminho é esse. 
 

Edited by Piatigorsky

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now