Sign in to follow this  
Eder Jofre55

Kevin Lee sobe para o meio-médio e enfrenta Rafael dos Anjos na luta principal do UFC Rochester

Recommended Posts

Kevin Lee sobe para o meio-médio e enfrenta Rafael dos Anjos na luta principal do UFC Rochester

Americano, que acumula problemas com a balança no peso-leve, decide subir para enfrentar o brasileiro no evento marcado para o dia 18 de maio, quando farão a luta principal

Por Combate.com

 

es3n40bzr1nnmlhlrkyl.gif

O UFC Rochester já tem sua luta principal no dia 18 de maio, no estado americano de Nova York. O brasileiro Rafael dos Anjos, número 4 do peso-meio-médio (até 77kg), recebe na divisão de cima Kevin Lee, número 5 do peso-leve (até 71kg). A informação é do jornal “Democrat and Chronicle”, de Rochester, e logo depois foi oficializada em anúncio do próprio UFC.

Vindo de sequência de derrotas para Colby Covington - quando lutou pelo título interino do meio-médio - e Kamaru Usman - hoje o novo campeão da divisão -, Rafael dos Anjos tenta retomar as vitórias na categoria onde começou com uma trinca de triunfos, em 2017. São três vitórias e duas derrotas desde que o ex-campeão peso-leve subiu de divisão. Aos 34 anos, Dos Anjos tem um cartel com 28 vitórias e 11 derrotas.

View image on Twitter

Kevin Lee também vem de derrota, depois de perder para Al Iaquinta em dezembro passado. Com um cartel de 17 vitórias e quatro derrotas, o lutador americano de 26 anos fará sua primeira incursão no peso-meio-médio.

Lee já teve problemas para bater o peso anteriormente, como quando lutou com Tony Ferguson no UFC 216 pelo título interino dos leves, em que precisou de mais uma hora para tirar as 450g a mais que pesou da primeira vez. Depois disso, ficou de novo 450g acima na pesagem para a luta com o brasileiro Edson Barbosa, quando acabou multado em 20% da bolsa e acabou vencendo a luta.

UFC Rochester
18 de maio de 2019, em Nova York (EUA)
CARD DO EVENTO (até o momento):
Peso-meio-médio: Rafael dos Anjos x Kevin Lee
Peso-galo: Aspen Ladd x Sijara Eubanks
Peso-médio: Trevin Giles x Zak Cummings
Peso-meio-pesado: Patrick Cummins x Ed Herman
Peso-pena: Mike Trizano x Grant Dawson

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

RDS ou fica fera lutando contra tantos wrestler em seguida ou fica fera! Confio na determinação desse cara, uma hora ele se acha contra os wrestler. Dai é estouro!

Edited by Castor troy

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 minuto atrás, Castor troy disse:

RDS ou fica fera lutando contra tantos wrestler em seguida ou fica fera! Confio na determinação desse cara, uma hora ele se acha contra os wrestler. Dai é estouro!

2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Veremos mais do mesmo. Luta horrível e que não vale a pena o risco para o RDA, nem se falarmos do aspecto comercial. Seu agente deu mole!

Share this post


Link to post
Share on other sites
7 minutos atrás, Castor troy disse:

RDS ou fica fera lutando contra tantos wrestler em seguida ou fica fera! Confio na determinação desse cara, uma hora ele se acha contra os wrestler. Dai é estouro!

Com 34 anos nas costas, 15 anos de carreira quase, se não se achou até agora, não se acha mais

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom, para aceitar três lutadores com o mesmo perfil na sequência ele tá determinado a aprender esse jogo. Se quiser ser campeão uma hora vai ter que aprender mesmo, né?

Vamos ver o que rola dessa luta. Torcida tá sempre com ele.

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Dudu show disse:

Veremos mais do mesmo. Luta horrível e que não vale a pena o risco para o RDA, nem se falarmos do aspecto comercial. Seu agente deu mole!

Pensei a mesma coisa... não tá nem na boca do title shot, vem de duas derrotas para dois wrestlers... poderia ter negociado uma luta melhor, um jogo que casasse mais com o seu estilo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Criou-se um estigma de que o Rafael perde para todos os wrestlers, que quando se fala em qualquer wrestler, logo já chegam a conclusão de uma certa derrota. Não é bem assim...

Rafael perdeu para wrestlers que quase todos perderiam....e mesmo assim, contra o Colby, o Rafael derrubou 3 vezes e defendeu 70% das quedas, sendo que para alguns veículos no mma decisions viram vitória dele. Naquela luta em sí o que mais me surpreendeu, foi que em vários momentos em pé o Rafael levou a pior contra o falastrão, algo que teoricamente não estaria no script. Mas na parte da luta agarrada ele se comportou relativamente bem. Ele perdeu no conjunto da obra, não isoladamente no grappling. 

Contra o Usman, que  tem porte físico de peso médio, ele foi, em ao menos 2 rounds competitivo, tirando kimuras que incomodavam o Usman, pedalada e alguns lampejos em pé. Do 3 round pra frente realmente foi um massacre. Mas se a luta fosse em 3 rounds, Usman, nas papeletas oficiais teria vencido apenas em uma split decision. Não estou entrando no mérito da justiça ou não de quem deu o 1 round para o Rafael. Estou discutindo os fatos.

Agora, contra o Khabib, realmente foi um passeio na luta agarrada e somente nela, que foi o que rolou a luta toda deles. Mas, quem que enfrentou o russo que não tomou uma passada de carro?

Kevin Lee é inferior wrestler a esses 3 que eu citei e tem a trocação pífia, além de nunca ter lutado com 77 kg. Então é um casamento na medida para o Rafael tirar esse estigma que ficou nele e que parece que pelo que o povo fala, que ele sempre é atropelado por wrestlers, sendo na prática não tão bem assim....apesar das derrotas recentes para caras que estão no topo da montanha.

 

Edited by Lucius Malfoy

Share this post


Link to post
Share on other sites
17 minutos atrás, Lucius Malfoy disse:

Criou-se um estigma de que o Rafael perde para todos os wrestlers, que quando se fala em qualquer wrestler, logo já chegam a conclusão de uma certa derrota. Não é bem assim...

Rafael perdeu para wrestlers que quase todos perderiam....e mesmo assim, contra o Colby, o Rafael derrubou 3 vezes e defendeu 70% das quedas, sendo que para alguns veículos no mma decisions viram vitória dele. Naquela luta em sí o que mais me surpreendeu, foi que em vários momentos em pé o Rafael levou a pior contra o falastrão, algo que teoricamente não estaria no script. Mas na parte da luta agarrada ele se comportou relativamente bem. Ele perdeu no conjunto da obra, não isoladamente no grappling. 

Contra o Usman, que  tem porte físico de peso médio, ele foi, em ao menos 2 rounds competitivo, tirando kimuras que incomodavam o Usman, pedalada e alguns lampejos em pé. Do 3 round pra frente realmente foi um massacre. Mas se a luta fosse em 3 rounds, Usman, nas papeletas oficiais teria vencido apenas em uma split decision. Não estou entrando no mérito da justiça ou não de quem deu o 1 round para o Rafael. Estou discutindo os fatos.

Agora, contra o Khabib, realmente foi um passeio na luta agarrada e somente nela, que foi o que rolou a luta toda deles. Mas, quem que enfrentou o russo que não tomou uma passada de carro?

Kevin Lee é inferior wrestler a esses 3 que eu citei e tem a trocação pífia, além de nunca ter lutado com 77 kg. Então é um casamento na medida para o Rafael tirar esse estigma que ficou nele e que parece que pelo que o povo fala, que ele sempre é atropelado por wrestlers, sendo na prática não tão bem assim....apesar das derrotas recentes para caras que estão no topo da montanha.

 

Parabéns pela análise!

Acho que o Rafael leva, está adaptado à categoria.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this