GRGM

Membros
  • Content Count

    45
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutra

About GRGM

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. Racionalmente eu acho que o Gaethje tem tudo pra ganhar. Mas, não sei, estou com uma intuição de que o Justin vai magoar, vai provar que tem todas as condições de derrotar o Khabib, mai vai acabar perdendo. Vamos ver...
  2. Juro que não estou querendo causar, mas eu acho que vai dar Justin. Claro que é difícil dizer que o Khabib não vai vencer uma luta, mas acho que o diferencial dele é simplesmente impor seu jogo de quedas e, a partir daí, controlar o adversário de uma maneira incrível, além de um ground and pound tenebroso. Mas se não conseguir derrubar o Justin, que além do mais é um cara que não precisa de distância pra golpear, acho que ele não deve ganhar. Enfim, não vou apostar nada, e acho que o Khabib pode ser o mais dominante da história, mas EU acredito que o Justin vai vencer.
  3. Fiquei impressionado com o Ortega e o Zombie na entrada no octógono, apresentação, encarada etc. Os dois absolutamente tranquilos, nunca vi tão pouca tensão numa luta antes.
  4. Eu não falei que a "batalha de egos" fez com que eles mudassem o que seria a luta. Eu quis dizer que o que aconteceu entre Jones e Cormier quando trocaram wrestling teve mais efeito em relação ao ego do que qualquer outra coisa, porque nada de efetivo aconteceu. Como outro forista destacou depois, o Jones tentou e não conseguiu impor seu wrestling contra Reyes e um marreta lesionado. Não é que "não quis". Para finalizar, desculpe, mas é bizarro você querer comparar a dinâmica de uma luta do Jones contra o Cormier e contra o Adesanya. O primeiro precisa pressionar e se aproximar o tempo todo, em função da enorme desvantagem na envergadura, e sequer tem vantagem de velocidade. Já o segundo tem a mesma altura, mesmo alcance de pernas e "só" 12 cm a menos de envergadura, o que é compensado com mais velocidade e muito mais técnica em pé. São jogos completamente diferentes para o Jones, e certamente ele teria muito mais dificuldades para se aproximar do Adesanya do que do Cormier.
  5. Depois o Nego D'Agua ainda me chama de hater (coisa que eu definitivamente não sou, afinal, acho que é fato que o Jones tem o melhor cartal da história do MMA)... como assim o Jones NÃO PRECISOU fazer wresting com ninguém? Por algum acaso ele foi para a decisão contra o Marreta e o Reyes convicto da vitória? Precisou só administrar? Para a maioria das pessoas ele perdeu essas duas últimas lutas, e não derrubou porque não conseguiu. O Jones se saiu melhor do que o Cormier no wrestling nas lutas entre eles, mas isso foi praticamente só para a batalha de egos e de confiança. A realidade é que para a luta não fez quase nenhuma diferença, visto que quando um derrubou o outro (acho que foram 5 quedas a 1 pro Jones), a luta já voltou imediatamente em pé. Conta só para pontuação, critério de desempate para contagem dos rounds, porque de efetivo o Jones não faz nada no chão há uns 7 anos (tirando a revanche contra o Gustafson, que foi finalizado por Smith e Werdum).
  6. Eu não acho mesmo o Adesanya superior ao Anderson no auge, mas acho que eles têm uma grande diferença: o Adesanya é muito mais difícil de ser quedado, por causa do dinamismo dele. Não sou das lutas, só fiz umas aulinhas de thai, hahaha, mas para o Adesanya e o Anderson têm muitas diferenças. Ambos são técnicos, observadores, contra-golpeadores e longilíneos, além de esquivarem com perfeição. Mas acho que o Adesanya é muito mais dinâmico do que o Anderson, que estudava mais. O Anderson era mais letal e cirúrgico, além de ser mais surpreendente e genial, mas o Adesanya é mais pragmático (não tem problema em CORRER quando se vê em dificuldade, não se coloca tanto em risco etc.) e bem mais explosivo, acho que sofre muito menos com jogo de abafa do que o Anderson. Por exemplo, se o Brunson fosse lutar com o Anderson como lutou contra o Adesanya, acho que ia conseguir impor muito mais dificuldades. Já contra o Adesanya ele não achou nada, porque o Adesanya é mais rápido, explosivo e dinâmico. O Anderson tem a vantagem de ser faixa-preta, né, nunca passou muitos apuros no chão, desde que foi pro UFC. Já o Israel ninguém sabe como seria nisso. Mas em pé, acho o Adesanya MUITO mais difícil de ser caçado e colocado pra baixo.
  7. Ué, vários pararam as quedas dele. Na verdade, desde que ele detonou o médio Sonnen, em 2013 (há sete anos), só na revanche contra o Gustafsson ele conseguiu derrubar, controlar e causar estrago no chão. De resto, ou não derrubou, ou derrubou e não fez nada/o adversário logo levantou. Sério, tenho a sensação que muita gente ainda romantiza o Jones da época em que surgiu e era um pesadelo por cima, como contra Ryan Bader, Matt Hammil, Shogun, Lyoto, Belfort... não quero ser prepotente, mas isso já ficou pra trás, é passado. Mais ou menos como o pessoal que seguia achando o Aldo um demolidor, por causa do começo no WEC, e não percebia que ele tinha virado uma espécie de GSP, um administrador...
  8. Fora o Gustafsson semi-aposentado, qual a última vez que o Jones quedou alguém, manteve no chão e fez estrago?
  9. Bom, você deve admitir que a maioria das pessoas viu vitória do Marreta e do Reyes. Ou seja, o Jones perder não é algo tão insano assim. E acho que todos concordam que o Adesanya é muito mais especial do que os dois citados, e é um fato que ele é maior (tem a altura do Reyes, mas tem a envergadura maior)
  10. Repito: queria saber o que você diria antes das lutas do Jones contra Marreta e Reyes (para mim o Jones perdeu as duas). E se formos falar de Marreta e Smith quando eram médios, então, vixe, imagino que você diria que o Jones jantaria os dois ao mesmo tempo...
  11. Nego, desculpa, mas desde quando o Jones não consegue botar pra baixo e dar chuva de cotovelos? Acho que só conseguiu com o Gustafsson, na revanche. De resto, não é mais aquele wrestler que derrubava e destruia "todo mundo" (sempre lutadores muito mais baixos e com envergadura muito menor) com cotoveladas, já há uns 6 anos, pelo menos...
  12. Eu sinceramente gostaria de saber o que você diria há alguns anos se alguém falasse sobre a possibilidade de Jones x Marreta ou Smith (ambos menores do que o Israel). Aliás, pra mim, o Marreta com os joelhos detonados VENCEU o Jones.
  13. Nossa, acho que o pessoal está viajando muito ao analisar essa luta. Falar que o Jones é favorito em pé? Vocês estão loucos? O Adesanya tem a altura do Jones, creio que seria o adversário com maior envergadura que este já enfrentou, e é um kickboxer de ELITE MUNDIAL. Em pé ele teria tudo para acabar com o Jones, e tem uma grande diferença de velocidade, a meu ver. Falaram do QI de luta do Jones, o que é fato, mas o Israel também parece ter! Enfim, acho que a única chance do Jones seria no grapling. O Adesanya parece ser difícil de quedar, porque é muito rápido e se defende na movimentação, além de explodir bem e na hora certa. Fora que, como alguém disse, para enfrentar o Jones ele ganharia mais massa. Enfim, eu me arrisco a dizer que o Adesanya seria favorito. Mas melhorando o wrestling e o chão, seria claramente favorito, a meu ver.
  14. PERFEITO! Eu pretendia falar algo parecido, mas você fez de maneira impecável, não tenho nada a acrescentar! É claro que o Adesanya era favorito, que a luta seria muito difícil para o Borrachinha de qualquer jeito etc. Mas NÃO HÁ COMO NEGAR que o Borrachinha não fez seu jogo! Se fizesse daria certo? Não sabemos, mas não dá pra dizer que o Borracha tentou fazer isso. Admitir isso não significa que ele venceria, nem nada do tipo, mas simplesmente não vimos o cenário que TODOS imaginavam antes da luta, e isso se deveu à estratégia adotada, é um fato. É um absurdo que um lutador que vinha tendo total sucesso com sua postura, mude isso do nada. Normalmente um atleta faz isso em uma revanche, quando é superado pelo outro, mas não do nada, assim. Enfim, foi muito frustrante.