GRGM

Membros
  • Content Count

    105
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutra

About GRGM

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. Sim, é verdade sobre o giratório, mas creio que isso foi após o Jones ter "amaciado" bem no GnP. Daí, a partir disso, sim, é um fato que o Vitor não achou absolutamente nada, mas também já estava baleado. Fora ter sido um camp curto, a diferença enorme de tamanho etc. Mas concordo com você que fora esses, o Ngannou, e o Gane, acho que o Jones venceria todos. Talvez o Volkov, o Blaydes e o Overeem pudessem criar dificuldades, também. Fora esses, o Jones brincaria com todos, a não ser que tivesse um daquelas mãos mágicas, o que nunca esteve nem perto de acontecer com o Jones, aliás. Aproveitando, como você é lutador, queria te fazer uma pergunta: eu acho que o Gane atualmente é mais veloz e fluido na movimentação do que o Jones. Estou falando do presente, vendo as últimas lutas do Gane e do Jones, não do passado glorioso do Bones. O que você pensa sobre isso?
  2. Não sei se parece que tenho birra dele, juro que não é isso, mas discordo de você. O Victor teve menos de um mês pra se preparar pro Jones, só pegou a luta porque caiu a do Hendo e o Lyoto não quis. http://sportv.globo.com/site/combate/noticia/2012/08/lyoto-recusa-luta-e-vitor-belfort-sera-rival-de-jon-jones-no-ufc-152.html Mesmo assim, não lembro do Jones fazer nada de relevante com o Victor em pé. Sim, é verdade que o Victor tampouco achou nada, mas a luta se decidiu basicamente no chão, pra mim, e com as cotoveladas do Jones no GnP, que na época eram um terror. Eu acho ruim de dar palpite em qualquer luta do Fedor. Acho que ele pode ganhar (muito explosivo e nocauteador) de qualquer um, mas também pode perder de qualquer um (muito aberto). Mas, em princípio, veria o Jones como favorito. Jogos ruins para o Jones, para mim, teriam sido o Cain, o Cigano e o Miocic no auge. Nenhum deles seria facilmente derrubado por ele, e todos têm muito poder de nocaute. De resto, acho que ele se sairia muito bem contra quase todos os pesados do passado.
  3. Legal você contar isto! Gosto também deste depoimento do Stephen Thompson, dizendo que o Anderson é o melhor com quem ele já treinou na vida: https://www.ufc.com.br/news/mma-education-stephen-thompson Isso sem contar que o Anderson tem FÃS mesmo, como Jones e Adesanya, gente que se inspirou nele... Enfim, fico assustado como há haters do Anderson.
  4. Desculpe, Nego, mas o Jones não amassa ninguém com o cotovelo desde a luta contra o Victor há quase 10 anos. É evidente que os lutadores aprenderam a se proteger disso, tanto que o uso de cotovelos no gnp nunca mais foi determinante em lutas. Fora que ultimamente o Jones não tem conseguido nem derrubar direito tipos como Marreta e Reyes (que ele só derrubou nos últimos rounds, quando já estava morto), imagine gigantes como Ngannou e Gane. Você comentou que ele "virou a luta" contra o Reyes. Não virou, ele perdeu os três primeiros e venceu os dois últimos, a partir do momento em que o Reyes não conseguia mais manter o mesmo ritmo frenético dos 3 primeiros. Outro colega disse que "a última boa luta que ele fez foi contra o Gustafsson, nas últimas parece que ele não achava o adversário digno". Vocês lembram como foram as últimas lutas do sueco? Anthony Smith e Werdum ganharam dele com sobras, o Vai Cavalo com muito mais facilidade do que o Jones...
  5. Concordo inteiramente com você! E o pessoal também está esquecendo que o Gane derrubou o Ngannou também, coisa que o Miocic (na revanche) e o Blaydes não conseguiram... Eu diria que o Ngannou venceu a luta, mas o Gane se mostrou melhor. Teve mais golpes, mais golpes significativos, 1 queda contra 4 do camaronês e 3 tentativas de finalização contra nenhuma do africano. A não ser que o joelho do Ngannou tenha prejudicado demais sua movimentação, em uma revanche eu aposto no Gane mesmo.
  6. Não é suposição: dois juízes deram 4 a 1 pro Ngannou. Ou seja, ainda que o Gane tivesse vencido o quinto round - o que provavelmente teria acontecido se ele não tentasse atacar a perna do Ngannou e perdesse a posição por cima, assim mantendo-se em posição dominante, mesmo que só enrolando -, ele perderia a luta mesmo assim, afinal, seria uma decisão dividida com dois árbitros dando a vitória para o camaronês por 48 a 47. Seria um dos maiores absurdos que já vi, tal qual Reyes x Jones.
  7. Obrigado pela correção. Mas lembro que, então, o GSP ficou mais tempo por cima. Sei que marquei o round pro Hendricks (bem como a luta), enquanto os árbitros deram pro GSP. De todo modo, insisto no meu ponto: algumas lutas são realmente mais difíceis de pontuar, mais subjetivas, como Jones x Marreta, Jones x Gustafsson 1 etc. Mas Ngannou x Gane e Reyes x Jones me pareceram claras como a água, fico realmente surpreso com qualquer divergência de pontuação, muito mais com o erro ser majoritário...
  8. Sim, claro, o Ngannou venceu de toda forma. Mas imagine só que loucura seria se o Gane ficasse por cima no quinto round, e todos esperássemos sua vitória por um claro 3 a 2, e anunciarem a divisão dividida: 48 x 47 Gane e dois 48 x 47 Ngannou, "and still"...
  9. E o pessoal nem nota que o Gane deu uma queda no Ngannou no quinto round, e o wrestler Miocic não conseguiu fazer o mesmo na última luta...
  10. Esse papo de que o Miocic chegou muito mais leve pra luta contra o Ngannou é outra lenda. Contra o Werdum, por exemplo, quando ganhou a cinta, ele estava com 241 libras, enquanto na segunda luta contra o Ngannou, 234 libras. Dá uns 3 quilos de diferença, só. Já o Gane SECO pesa 247... E também esquecem que se o Miocic vier mais pesado para enfrentar o Ngannou, seguira levando desvantagem na força, e estará mais lento e pesado para enfrentar a trocação do monstro camaronês...
  11. Sinceramente, dar 49 x 46 pro Ngannou num caso desses é total insanidade pra mim. Juro, não quero polemizar, mas eu simplesmente não consigo entender qual margem há para que alguém não tenha visto os dois primeiros rounds pro Gane e os 3 últimos para o Ngannou. Para mim é como Reyes x Jones: os 3 primeiros rounds do Reyes e os dois últimos do Jones, sem nenhum tipo de ponderação a ser feita. Não é como, sei lá, o primeiro round de GSP x Hendricks, no qual o canadense derrubou uma vez, mas o americano causou mais dano, ou como alguns desses do Deyveson x Moreno, em que o primeiro tinha mais contundência e o segundo controlou e golpeou mais. Não, foram rounds claríssimos, juro que gostaria de entender como alguém enxergou coisa diferente.
  12. Esqueci de comentar que na narração em inglês o Joe Rogan e o DC ficaram impressionados com o tamanho do Ngannou. Disseram que na pesagem ele e o Gane pareciam do mesmo tamanho, mas que na luta o Ngannou estava muito maior, que a perna dele era assustadora. O DC chutou que ele deveria estar com umas 270 libras, e o Joe Rogan perguntou "Então você acha possível que ele corte peso para poder lutar nos pesados?". A resposta eu não entendi 😄
  13. O pessoal, como sempre, é muito imeditista. Agora fica todo mundo dizendo que o Jones derrotaria esses dois monstros, mas esquecem de como foram todas as últimas atuações do Jones. O Jones não conseguiu derrubar direito o Marreta e o Reyes. Acham mesmo que ele faria isso tranquilamente com Ngannou e Gane? Daí falam que "se o Stipe fizer o jogo certo e tentar derrubar". Bem, ele tentou derrubar o Ngannou na última luta e não chegou perto de conseguir. E isso porque o Miocic é um peso pesado maior do que a média. Sim, maior. Exemplo: estava mais pesado na pesagem do que Cigano e Werdum, além de ter envergadura maior do que a deles. Ngannou e Gane representam simplesmente outra escala, parecem super-pesados. E concordo com o colega que disse que o Gane é superior ao Jones em pé. Lembrando que qualquer um dos dois representaria o adversário com maior envergadura já enfrentado pelo Jones. Ou seja, seria muito mais difícil pra ele fazer o famoso controle de distância...