jaspion89

Membros
  • Content Count

    981
  • Joined

  • Last visited

Posts posted by jaspion89


  1. 7 horas atrás, The Joker disse:

    Assino embaixo. Sem o Pipo aqui , o PVT acaba....

    Aliás...

    @pipo : Sócio

    @NEGO DÁGUA : Moderador Senior (Foi o primeiro a falar do Poatan)

    @Rody Stark @Silverchair  @Tyler Durden  @Maracatu @jaspion89 @hvalentim @André Filho @Andrey @Timbó e @oxeboxing : Moderadores

     

    Organograma do PVT rsrsr

    Opa, agradeço a citação brother, mas meu tempo anda bem escasso kkk, só dou uma futucada aqui de vez em quando, e tenho comentado pouco tb, gosto mais de me manter informado e ver a opinião da galera mesmo.


  2. Adesanya está engasgado com o Poatan, tecnicamente acho o nigeriano superior, mas pra vencer seu algoz terá que mostrar mais do que fez nas suas últimas lutas, mas acredito que ele leva, TB acho que o brasileiro deveria ser mais testado antes dessa luta, o Vettori seria uma luta excelente.


  3. 1 hora atrás, The Joker disse:

    Nenhum lutador de MMA no mundo profissional passa o trator no Jones...Ngannou tem um poder absurdo, mas tecnicamente falando, não chega aos pés do Jones. Se o Jones, consegue derrubar o Ngannou...azeda a marmita pro lado do Francis.

    Então pq ele não para de graça e luta logo com o Ngannou??? Está esperando o quê pra deitar a fera africana unidimensional??? Ultimamente ele só bateu na mulher mesmo.


  4. 2 horas atrás, Rucci disse:

    É, meu caro, mas se fosse você nessa situação teria o mesmo fim que ele terá: Faria a merda, passaria um bom tempo no xilindró e tua família perderia um provedor. É só estúpido achar que bancar o "se fosse com a minha família eu faria o mesmo" faria algum bem para a vítima da violência inicial.
    Se tem uma coisa que eu aprendi com as artes marciais foi a ter auto controle. Cair nesse tipo de ideia só vai fazer de você mais um agressor, já que quem perde no fim é a tua própria família. Será que é mesmo tão difícil de perceber isso?
     

    Penso exatamente assim, os maiores prejudicados nessa história toda é a própria família do Cain, que ficarão sem referência paterna, e seus filhos estarão mais vulneráveis. Ele foi inconsequente, é claro que no calor do momento a primeira reação é resolver com as próprias mãos, mas o tiro saiu pela culatra e não resolveu nada, só piorou.


  5. 23 minutos atrás, kachorro_loko disse:

    Oficialmente eles não podem divulgar a identidade da vítima por ser menor de idade, nas informações oficiais eles usam o termo close relative que é usado normalmente pra se referir a familiares diretamente ligados a pessoa, pai, mãe, irmãos, filhos. Várias matérias falavam que provavelmente seria a filha dele. 

    Mas lendo uma notícia mais recente no site da ESPN diz que a vítima era um menino, provavelmente o filho mais novo do Cain, parece que ele tem uma menina mais velha e um menino mais novo. 

    Sim, a menina deve ter 10/11 anos, e por isso já não frequentava a creche onde tudo aconteceu, tem muita gente espalhando essa fake news no twitter, inclusive o lutador Igor Araújo. Acho errado pq expõe uma criança sem necessidade nenhuma.


  6. Dana White nega title shot após Islam Makhachev recusar luta com Dos Anjos

     
     
    Islam Makhachev estava muito perto de ter garantido sua chance de disputar o cinturão dos pesos-leves (70 kg) ao vencer Bobby Green no último fim de semana. No entanto, a frustrada negociação do russo para enfrentar Rafael dos Anjos neste sábado (5) parece ter incomodado Dana White, presidente do show.
     
    Durante entrevista nesta quarta-feira ao programa 'My Mom's Basement', o cartola afirmou que o peso-leve (70 kg) não terá a chance imediata de enfrentar o vencedor de Charles 'Do Bronx' e Justin Gaethje. Em vez disso, Islam deve ter pela frente Beneil Dariush, seu oponente original para sua última apresentação no octógono do UFC.
     
    "Amo essa luta com o Dariush. Desde que ele (Islam) negou a luta (com Dos Anjos), nós vamos remarcar sua luta com o Dariush. Vamos fazer essa luta, mal posso esperar. Ele contra o Dariush, super interessante", analisou Dana.
     
    Empolgado com a possibilidade do atleta russo aceitar o desafio com Dos Anjos uma semana antes do confronto, White garantiu que faltou pouco para o acordo sair do papel. No entanto, Islam foi o responsável por negar o confronto.
     
    "Muito perto, eu pensei que estava fechado. Quando fui dormir, pensei que o acerto estava feito. Acordei e na manhã seguinte descobri que o Islam tinha desistido. Não sei o motivo", afirmou confirmado.
     
     
    Excelente notícia! Ansioso pra essa luta!

     

  7. Em 3/2/2022 at 5:02 AM, kachorro_loko disse:

    Saíram mais alguns detalhes, o cara abusou mais de 100 vezes da filha do Cain e foi liberado pela justiça uns 3 dias antes do Cain atirar contra o carro. O cara é filho da dona da creche onde a criança ficava.

    Velasquez é um herói e deveria estar em liberdade. Infelizmente provavelmente vai acabar pagando.

    Aquele outro herói americano que matou alguns pedófilos a marretadas pegou quase 30 anos de prisão quando deveria estar em liberdade e sendo homenageado. 

     

    Mas foi a filha do Cain? Onde tu viu isso? Eu vi que foi uma criança de um parente dele mas não a filha dele.


  8. 34 minutos atrás, rodrigo_violim disse:

    Reflexo dessa sociedade onde vivemos, onde um cidadão, que tem muito dinheiro e holofotes em cima, implora por atenção e quer se manter na mídia de qualquer maneira. E infelizmente esse é o "maior nome do MMA" assim como o Neymar "é o maior nome do futebol" e faz algumas merdas. e outros que por serem os "Maiores nomes" acabam usando disso para fazer o que querem ou dizer o que querem e se acham o dono do mundo. Mas, sempre terá um besta que vai defender e aplaudir babacas como este!

    Concordo com quase tudo, mas Neymar não é o maior nome do futebol não, aliás, está longe disso, só aqui no Brasil que ele é colocado assim. 

    Conor se mostrando um tremendo mau caráter, mas enquanto houver gente aplaudindo essas m**** e dando palco pra esse tipo de coisa, ele vai continuar assim. Espero que se recupere bem e volte a ser surrado e humilhado no octógono.


  9. 22 minutos atrás, Odorico disse:

    Na coletiva o Dana estava claramente contrariado com o desfecho da luta e a derrota do Connor. Descaradamente! Já falou em quarta luta quando o COnnor voltar (se ele voltar) e evitou ao máximo dar os créditos ao Poirier. Tbm ficou claro que ele não curtiu a vitória do Durinho, principalmente pela maneira como foi.

    Está perdendo a galinha dos ovos de ouro dele, mas esportivamente falando, é bem melhor para o esporte um cara como McGregor quebrar a cara desse jeito.


  10. McGregor está perdido, já não é nenhuma unanimidade dentro do UFC, baixou de nível tanto dentro quanto fora do octógono, seu trash talk é simplesmente vergonhoso e desrespeitoso, aliás, sempre foi, mas antigamente ele pelo menos era engraçado, agora provou do próprio veneno e se lutar 10 vezes contra o Poirier, perde as 10, e como bem disse o americano, "o carma não é uma vadia, é um espelho".


  11. 18 minutos atrás, The Joker disse:

    Também acho que não é....Acho que você não entendeu o que eu quis dizer...Quis citar da vida dura dele porque o caráter do cara foi questionado na luta contra o Demian.

    O Anderson errou ? Errou....Mas se você vai julgar a personalidade do cara e não o lutador em si...Faça isso sabendo de tudo e não por 20 minutos que você viu na TV.

    Sobre o seu professor de Muay Thai que vendia lanche na barraquinha...É muito bacana ver um cara batalhador assim. Mas pergunta pra ele se é normal sair dessa vida e virar um concorrente a GOAT no UFC, milionário...e etc. 

    Uma coisa é ser batalhador...outra é o cara conquistar o que o Anderson conquistou. É diferente.

    Eu admiro o AS por todos os seus feitos no UFC. Como lutador, ele merece o meu respeito e de todos daqui, nunca menosprezei suas conquistas e o seu legado para o esporte. Também não estou aqui para ficar falando dos erros do AS, todo mundo erra, e isso não é motivo pra desmerecer o cara, mas sendo um cara que veio de baixo como ele, poderia ser mais humilde como pessoa (minha opinião). Ele nasceu com um dom especial pra lutar e soube extrair o máximo do seu potencial como lutador, daí veio todas as suas conquistas pessoais, isso também é louvável e uma inspiração pra outros lutadores de gerações mais recentes, mas ele não é o único que fez isso, no próprio UFC existem outros grandes exemplos como o Ngannou, que foi morador de rua em Paris e hoje está disputando o cinturão dos pesados com o Miocic. Pra finalizar, cada caso é um caso, todos nós somos batalhadores no dia a dia, e cada pessoa busca a seu próprio bem estar pessoal, citei o exemplo do meu professor de Muai Thai pq foi um cara que me inspirou demais na minha vida, principalmente quando eu era ingrato e ficava me queixando por coisas pequenas.

     


  12. 2 horas atrás, The Joker disse:

    Não conhecemos os atletas como pessoa, somente como atleta...

    Se você for julgar o cara...Lembre-se que ele era atendente de McDonalds aos 18 anos eu acho....Olha onde o cara chegou.

    Só porque vez ou outra ele fala algo que você nao gosta, não é motivo para diminui-lo. Não sei quem é teu favorito nessa historia, mas se procurar, vai ver que este falou M alguma vez tbm.

    Eu não curto o Anderson por uma série de motivos, mas não desmereço o que ele fez no UFC, o cara é uma lenda, gostando dele ou não. Essa história dele ter sido atendente do McDonald's com 18 anos, eu acho perfeitamente normal, inclusive tive um professor de Muay Thai que trabalhava vendendo lanche na barraquinha pra complementar a sua renda, todo mundo tem suas dificuldades pessoais, acho que isso não é motivo pra glorificar ninguém.


  13. Depois de decretar que Anderson Silva jamais lutará no UFC novamente, logo após o brasileiro ser nocauteado por Uriah Hall no último sábado (31), em Las Vegas (EUA), Dana White não se furtou de comentar alguns dos momentos mais importantes da carreira do atleta. E como esperado, as tão sonhadas super lutas que nunca se tornaram realidade no octógono foram novamente assunto.

    Desta vez, no entanto, o presidente do evento foi direto ao ponto e garantiu que, de fato, os hipotéticos duelos de Anderson Silva contra Jon Jones e Georges St-Pierre nunca chegaram perto de acontecer. Isso porquê nenhum deles esteve disposto a mudar de categoria.

    "Nunca (estiveram perto de acontecer). GSP não queria essa luta. Naquele tempo, o Anderson estava em uma posição única e poderia lutar com o GSP, poderíamos ter feito um peso-casado. Ou ele poderia subir e fazer um peso-casado com o Jon Jones. Anderson não quis subir para enfrentar Jones e GSP não quis subir para enfrentar Silva", explicou o cartola, em coletiva marcada pelo seu pedido de aposentadoria para o Spider.

    Mas apesar do tom crítico, Dana fez questão de pregar respeito ao histórico do brasileiro na organização. Ex-campeão dos pesos-médios (84 kg), o Spider acumulou recordes e até hoje é dono da maior sequência de triunfos no octógono, com 16 no total. 

    "Ele é um dos melhores de todos os tempos. Não posso apontar uma posição, mas o esporte continua crescendo e melhorando. Vamos ver grandes novos talentos vindos nos próximos cinco ou seis anos. Anderson é um dos melhores de todos os tempos, muitos jovens começaram no esporte vendo o Anderson Silva. Ele teve impacto imenso nessa empresa", finalizou.

    Aos 45 anos, Anderson foi nocauteado por Uriah Hall no quarto assalto do duelo realizado no UFC Apex, em Las Vegas. Com o resultado, o brasileiro anotou sua sétima derrota dentre suas nove últimas apresentações. Ao todo, o Spider acumula cartel com 34 triunfos, 11 reveses e um 'no contest' (sem resultado).

    Fonte: https://www.uol.com.br/esporte/ultimas-noticias/ag-fight/2020/11/01/dana-white-explica-por-que-anderson-silva-nunca-enfrentou-jones-e-gsp-no-ufc.htm


  14. O gosto que fica é que o AS não soube a hora de parar, poderia ter preservado o seu legado e sua história, após a segunda luta com Weidman era a hora, fazer uma luta de retorno de despedida pós fratura e encerrar a carreira dignamente. Acho que esse alongamento de carreira dele foi extremamente desnecessário e manchou um pouco o seu legado mas mesmo assim é uma lenda e Hall of Fame do UFC e merece todo o respeito. Morre o lutador mas vive a lenda.