CIPIÃO

Membros
  • Content Count

    289
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutra

About CIPIÃO

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. Acredito que o Spider fez uma manobra inteligente. É uma luta que dará muito dinheiro e fecharia, independente do resultado com a aposentadoria. A diferença de envergadura favorável ao Spider é facilmente equilibrada pela diferença de idade entre ambos os lutadores. E ainda assim, apostaria no McGregor, De toda forma eu, pessoalmente, gostaria de ver essa disputa.
  2. Argumentar que a responsabilidade de parar a luta é do próprio lutador, não considero um bom argumento. Os atletas estão sob adrenalina e furor da luta. Por essa razão há pessoas que zelam por eles, como o juiz e seus respectivos corners que, por sinal, durante a luta a observam de fora e possuem uma visão mais ampla do que está ocorrendo..
  3. O investimento do Maranhão em educação é referência para todo o país.
  4. O que me intriga foi o Zulu ter aceito. Provavelmente ele achava que venceria. Ou será que havia outras variáveis?
  5. Sinceramente, apenas a última luta entre eles, apenas. Os achei em pé de igualdade.
  6. Ele foi um lutador incrível e muito bem assessorado por seus técnicos. Tem status de GOAT e irá entrar sempre que essa discussão for evocada, e com razão. Mas diante do cenário atual, não vejo o mesmo acrescentando nada às lutas em si. Na luta contra o Reyes vi o resultado tendencioso. Há lutadores parelhos ao mesmo, como o Marreta e o Reyes. Acrescentando isso à vida desregrada do mesmo. O paternalismo do UFC em relação a ele e ao McGregor é vergonhoso. Por mim, deveriam tirar ele da competição até isso se resolver. Claro que ele não deve ser descartado como lixo. Não é isso que defendo. Mas tira o cinturão desse cara, urgente e coloca ele pra lutar quando assim for possível, mas jamais pelo cinturão. Esse ciclo de bobagens fora do octógono sempre vai se repetir. Chances já foram dadas aos montes. Assim nega-se esse protecionismo todo a ele, ao mesmo tempo que não lhe priva de lutar. devo ter falado muita bobagem, mas pra mim artes marciais não combina com esse tipo de postura, ainda mais se relacionar à imagem de um campeão, figura de referência ao esporte.
  7. Sim, é uma excelente perspectiva. O único ponto que me indago: se ele atacasse o UFC teria a mesma repercussão, o mesmo impacto? Digo isso porque, na minha perspectiva, no máximo, o Dana faria algum comentário pejorativo sobre a situação. Mas retribuindo o "favor" do Aldo, como pode-se observar, a luta parece sempre ser trazida à superfície novamente. Será que focando no UFC ao exigir uma luta importante, por exemplo, o resultado seria melhor?
  8. Marlon está fazendo o papel dele, afinal essas provocações partirão do ex campeão: o Aldo capitalizou a mídia de uma maneira ímpar com suas declarações após a luta, ainda que perdendo. O Marlon apenas está fazendo o mesmo jogo meta-luta.
  9. Jogou de maneira desleal, ainda que tenha seguido as regras. Perdeu a luta, ainda que moralmente. O adversário deveria ter sido punido e a luta deveria ter prosseguido.
  10. Esse negócio de quem ganhou não tem achismo. O critério é objetivo. Os números da luta falam por si. Tinha que entrar com recurso contra esse resultado. No mais concordo com a revanche: Jones tentando recuperar o título que pertence a Reyes.
  11. Esse negócio de quem ganhou não tem achismo. O critério é objetivo. Os números da luta falam por si. Tinha que entrar com recurso contra esse resultado. No mais concordo com a revanche: Jones tentando recuperar o título que pertence a Reyes.
  12. Sim! Quis enaltecer sua análise e complemento com meu comentário anterior. Concordo em todos os pontos por vc destacados, inclusive agora, quanto às armas do Reyes. Muito perspicaz! Logo mais veremos o que o destino reserva à luta.
  13. Acredito que pra ganhar do Jones, Reyes tem que botar pressão no primeiro round. Não pode ter respeito nenhum pelo adversário (que é um monstro), senão vai ser engolido com o passar da luta. Estou com o colega, com a sensação de Reyes esta noite. Zebra, mesmo.