Tiago Bentes

Membros
  • Content Count

    361
  • Joined

  • Last visited

Everything posted by Tiago Bentes

  1. Deiveson tá às portas de virar uma estrela. O interessante é que o cara tá conseguindo a torcida dos estrangeiros sem falar inglês, com um pouco de marra e ainda assim com carisma. Quando ele abre a boca pra falar - principalmente no pós-luta -, logo se cria simpatia por ele.
  2. Curioso é a quantidade de gente com nome iniciando em "J" nesse evento. Das 9 lutas, 6 possuem lutador de nome iniciando com essa letra.
  3. RESULTADOS do Bellator 252 CARD DO EVENTO Peso pena: Patrício Pitbull derrotou Pedro Carvalho por nocaute a 2m10sdo R1 – Luta pelo cinturão Peso meio-médio: Yaroslav Amosov derrotou Logan Storley na decisão dividida dos juízes (28-29, 29-28, 29-28) Peso pena: Emmanuel Sanchez derrotou Daniel Weichel na decisão unânime dos juízes (48-46, 49-46, 49-45) Peso pena: Aaron Pico derrotou John De Jesus por nocaute a 4m12 do R2 Peso palha: Keri Taylor-Melendez finalizou Emilee King com um mata-leão a 3m02s do R1 Peso leve: Manny Muro derrotou Devin Powell na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 30-27) Peso galo: Jornel Lugo derrotou Schyler Sootho na decisão unânime dos juízes (29-28, 30-27, 30-27) Peso pena: Lucas Brennan derrotou Andrew Salas na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-26, 30-26) Peso meio-médio: Roman Faraldo derrotou Pat Casey por nocaute a 2m30s do R2 Peso meio-medio: Trevor Gudde derrotou Khonry Gracie por nocaute técnico a 3m28s do R3 Fonte: https://www.superlutas.com.br/noticias/130848/bellator-252-patricio-pitbull-x-pedro-carvalho-resultados/ __ O evento ontem foi bastante importante, mas a gente acabou não criando PbP de novo. Abraço, galera!
  4. A questão toda sobre ser um esporte de aceitação e forte adesão familiar tá bastante relacionada à estética do esporte. Futebol, na minha opinião, é extremamente violento em alguns momento, mas a estética desse esporte é limpa o suficiente para atrair a família e a sujeira costumeira do futebol é lama, suor, grama, etc. Não envolve sangue, não é algo que sai do corpo de alguém. Considerem que o sangue tá muito ligado à vida, por isso tanta gente se assusta quando vê. Também é um esporte pouco relacionado com deformidades faciais. É muito comum no MMA alguém sair com o rosto desfigurado. Nesse sentido, precisamos lembrar que o rosto é a parte do corpo mais ligada à nossa identidade, é por onde somos reconhecidos. Quando alguém sai desfigurado, no inconsciente popular é que é algo tão brutal que faz com que você tenha lesada uma parte importante de si mesmo, que é sua identidade. Futebol tem sua violência, Hockey também, esportes que promovam contato físico, em geral. Mas o MMA consegue ficar acima quando o quesito é caos estético explícito. Por fim, pensem num pai que vê os lances mais bonitos de um jogo de futebol, que é o que faz com que jogadores se consagrem, e finge replicar aquilo com os filhos. Agora considerem aquilo que torna um lutador legendário, como o Jones batendo no Shogun daquela forma, ou o Korean Zombie tendo o ombro deslocado e tomando chutes do Aldo. É algo diferente e com um apelo diferente. É mais complexo e a estética é o que atrai no esporte. Além de que a violência explícita é algo sempre questionável.
  5. CARD PRINCIPAL Peso médio (até 83,9kg.): Gegard Mousasi derrotou Douglas Lima na decisão unânime dos juízes (48-47, 49-46, 49-46) Luta pelo cinturão Peso casado: Henry Corrales derrotou Brandon Girtz na decisão dividida dos juízes (30-27, 27-30, 30-27) Peso médio (até 83,9kg.): Dalton Rosta derrotou Ty Gwerder na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27) CARD PRELIMINAR Peso pesado (até 120,2kg.): Jake Hager derrotou Brandon Calton na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29.28) Peso meio-médio (até 77kg.): Sabah Homasi derrotou Bobby Voelker por nocaute a 0m20s do R2 Peso médio (até 83,9kg.): Johnny Eblen derrotou Taylor Johnson na decisão unânime dos juízes (29-28, 30-27, 30-27) Peso casado: Adam Borics derrotou Erick Sanchez na decisão unânime dos juízes (29-28, 30-27, 30-27) Peso casado: Cody Law derrotou Orlando Ortega por finalização a 2m41s do R1 Fonte: https://www.superlutas.com.br/noticias/129534/bellator-250-douglas-lima-x-gegard-mousasi-resultados/ ----- O evento ocorreu numa noite de quinta-feira, talvez por isso sequer tenhamos atentado para a criação de um PBP.
  6. Pois é, fiquei foi confuso agora.
  7. Se o Gilbert estiver com fôlego financeiro, que ele se agarre a esse Title Shot e a gana só aumente. Se lutar contra outro, pode ficar pra trás mesmo que ganhe a próxima luta. Lesão, cansaço, a criação de outra querela com outro lutador por parte do Usman, etc. Muito risco.
  8. Na verdade, é difícil imaginar o Thompson perdendo pra alguém que não vá pra amarrar (e com muita competência) ou que acerte um golpe bem inesperado, como o Pettis fez depois de apanhar um bocado.
  9. Reyes se comportando como se fosse um campeão dominante. Sequer é campeão, cuidado pra não cair.
  10. Borrachinha pode ter alguns pontos reprovados por alguns aqui, mas ele tem tudo pra se tornar um campeão muito popular - caso consiga o cinturão.