Fórum Portal do Vale Tudo: Aldo duvida de revanche com Conor McGregor - Fórum Portal do Vale Tudo

Ir para

  • 8 Páginas +
  • « Primeiro
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • Novo tópico
  • Responder

Aldo duvida de revanche com Conor McGregor e de luta entre o irlandês e Mayweather

#91 Membro offline   Kim louco 

  • Grupo: Membros
  • Posts: 3415
  • Cadastrado: 26-January 16

Postou 20 March 2017 - 05:34 PM

 jbreno, em 19 March 2017 - 10:06 PM, disse:

Cara, você até me faria rir se estivesse trollando, mas não acho que seja o caso...

Poderia dizer que o Conor foge do Khabib, Woodley e sla mais quem... Mas do Aldo? Jura?

Fico espantado vindo de você, que me parece ser um cara inteligente...

Pq o irlandes não defendeu a cinta na categoria que lutou a vida toda?
Agora resolveu q não dá pra bater o peso?
0



#92 Membro offline   Wand Forever 

  • Grupo: Membros
  • Posts: 8713
  • Cadastrado: 14-November 14
  • Gender:Male

Postou 21 March 2017 - 12:05 PM

Ver postValderazzi, em 20 March 2017 - 03:38 PM, disse:

Que sorte o que!!! Lazy jab do Cain, demorou a recompor e tomou o overhand que é marca registrada do Cigano. DAONDE ISSO É SORTE?

huahuahuauahahuahuahuahuahuahuahuaauha

Maluco acha que MMA é videogame.
Atuais: Aldo, Werdum, Weidman, Robbie Lawler, Jacaré, Rafael dos Anjos, Holloway, Poirier, Anthony Johnson, Glover, Tony Ferguson, Cerrone, Jeremy Stephens, Thomas Almeida, Johnny Eduardo, John Lineker.
Lendas: Dan Henderson, Fedor, Wand, Lidell.
0

#93 Membro offline   jbreno 

  • Grupo: Membros
  • Posts: 3326
  • Cadastrado: 01-September 12
  • Gender:Male

Postou 21 March 2017 - 08:42 PM

 Kim louco, em 20 March 2017 - 05:34 PM, disse:

Pq o irlandes não defendeu a cinta na categoria que lutou a vida toda?
Agora resolveu q não dá pra bater o peso?

1. Ele lutava tanto na 66kg, quanto na 70kg, tanto é que era campeao nas duas categorias no outro evento que lutava também

2. O sistema de corte de peso mudou, ficou sabendo não?

3. Ele foi buscar outros objetivos, maiores e mais importantes que defender uma categoria que ele praticamente já limpou e nocauteou o até então "rei" em apenas 13 segundos.

Este post foi editado por jbreno: 21 March 2017 - 08:44 PM

"There's no talent here, this is hard work. This is an obsession. Talent does not exist, we are all equals as human beings. You could be anyone if you put in the time. You will reach the top, and that's that. I am not talented, I am obsessed."

"The only person who can give you problems is the guy in the mirror, the person that you stare at every day."

"At the end of the day you gotta feel some way. So why not feel unbeatable? Why not feel untouchable? Why not feel like the best to ever do it?"

"I don't say hard luck, I say well done."
0

#94 Membro online   M_Savitsky 

  • Grupo: Membros
  • Posts: 1459
  • Cadastrado: 14-December 15

Postou 21 March 2017 - 10:04 PM

Pessoal nem sabe o conceito de "golpe de sorte" e fala bobagem.
Todo lutador lógico precisa de sorte, pro golpe entrar em cheio e etc, óbvio isso, agora vocês caracterizam golpe de sorte como "um soco mal dado sem querer que pegou", sendo que não teve nada disso em Aldo x Conor e Cigano x Cain pois não teve aquela trocação frenética ou o adversário jogando o rosto de encontro com o oponente, tem nada a ver

O Aldo pode dar trezentas surras no Conor que aquela derrota nunca terá sido na cagada
0

#95 Membro offline   Wand Forever 

  • Grupo: Membros
  • Posts: 8713
  • Cadastrado: 14-November 14
  • Gender:Male

Postou 22 March 2017 - 02:47 PM

Ver postM_Savitsky, em 21 March 2017 - 10:04 PM, disse:

Pessoal nem sabe o conceito de "golpe de sorte" e fala bobagem.
Todo lutador lógico precisa de sorte, pro golpe entrar em cheio e etc, óbvio isso, agora vocês caracterizam golpe de sorte como "um soco mal dado sem querer que pegou", sendo que não teve nada disso em Aldo x Conor e Cigano x Cain pois não teve aquela trocação frenética ou o adversário jogando o rosto de encontro com o oponente, tem nada a ver

O Aldo pode dar trezentas surras no Conor que aquela derrota nunca terá sido na cagada

Não vi ninguém falando em golpe mal dado ou sem querer.

Mas pra mim acertar um golpe fulminante num cara com um excelente queixo como o Aldo, no primeiro golpe desferido, e o apagar em 13 segundos é sorte sim.

Como compararam com futebol ai, é como o gol do Pet em 2001. Pet é exímio batedor de faltas, mas acertar aquele chute no angulo aos 43 do segundo tempo é sorte sim, e muita. Tem técnica e habilidade mas muita sorte também. E foi exatamente o que aconteceu com o McGregor.
Atuais: Aldo, Werdum, Weidman, Robbie Lawler, Jacaré, Rafael dos Anjos, Holloway, Poirier, Anthony Johnson, Glover, Tony Ferguson, Cerrone, Jeremy Stephens, Thomas Almeida, Johnny Eduardo, John Lineker.
Lendas: Dan Henderson, Fedor, Wand, Lidell.
0

#96 Membro offline   cisao 

  • Grupo: Membros
  • Posts: 6393
  • Cadastrado: 16-August 11
  • Gender:Male

Postou 22 March 2017 - 03:01 PM

Ver postWand Forever, em 22 March 2017 - 02:47 PM, disse:

Não vi ninguém falando em golpe mal dado ou sem querer.

Mas pra mim acertar um golpe fulminante num cara com um excelente queixo como o Aldo, no primeiro golpe desferido, e o apagar em 13 segundos é sorte sim.

Como compararam com futebol ai, é como o gol do Pet em 2001. Pet é exímio batedor de faltas, mas acertar aquele chute no angulo aos 43 do segundo tempo é sorte sim, e muita. Tem técnica e habilidade mas muita sorte também. E foi exatamente o que aconteceu com o McGregor.

Você deu dois ótimos exemplos de como habilidade bem utilizada não é necessária sorte.
Pet fazendo um gol daqueles de falta e o Conor kozando em um contragolpe no queixo.

O que me parece é que a circunstância é o que incomoda (13 segundos e 43 minutos) e não a qualidade em si do jogador e lutador. O que é bem confuso, ao meu ver. Pois o principal é justamente a qualidade do cara para fazer aquilo. Você não vai ver o Formiga kozando o DJ em 13 segundos com um contragolpe no queixo e nem o Obina fazendo um gol de falta aos 43 minutos em uma final. Porque os caras não possuem essa habilidade.
Na falta de argumento a ignorância usufrui da agressividade e da ofensa como modo de ataque.


Todos querem ser campeões. Mas ninguém quer comer como um campeão, treinar como campeão, descansar como campeão e viver como um campeão. -Rafael dos Anjos

"Precision beats power, and timing beats speed" - The Notorious
0

#97 Membro offline   Wand Forever 

  • Grupo: Membros
  • Posts: 8713
  • Cadastrado: 14-November 14
  • Gender:Male

Postou 22 March 2017 - 03:09 PM

Ver postcisao, em 22 March 2017 - 03:01 PM, disse:

Você deu dois ótimos exemplos de como habilidade bem utilizada não é necessária sorte.
Pet fazendo um gol daqueles de falta e o Conor kozando em um contragolpe no queixo.

O que me parece é que a circunstância é o que incomoda (13 segundos e 43 minutos) e não a qualidade em si do jogador e lutador. O que é bem confuso, ao meu ver. Pois o principal é justamente a qualidade do cara para fazer aquilo. Você não vai ver o Formiga kozando o DJ em 13 segundos com um contragolpe no queixo e nem o Obina fazendo um gol de falta aos 43 minutos em uma final. Porque os caras não possuem essa habilidade.

Mas justamente é a circunstância que gera a sorte, cisao.

Fazer um gol de falta naquela distância com aquela pressão psicológica, faltando 2 minutos para o fim do jogo, é necessário muita sorte além da técnica.

Assim como acertar um golpe fulminante daquele combinando com a velocidade do Aldo em 13 segundos de luta, no primeiro golpe conectado, ainda frio, é muita sorte sim, e a estrela do irlandês brilhou. Ainda mais sendo caras com 70 e poucos quilos, não são pesos pesados. Apesar de ter a mão pesada não é comum um nocaute daquele na 66. Basta ver quantos golpes fortes foram precisos para ele nocautear Álvarez, Denis Siver, Chad, etc.

Teve sorte sim cara, normal. E a sorte só pinta para quem está preparado.

Este post foi editado por Wand Forever: 22 March 2017 - 03:10 PM

Atuais: Aldo, Werdum, Weidman, Robbie Lawler, Jacaré, Rafael dos Anjos, Holloway, Poirier, Anthony Johnson, Glover, Tony Ferguson, Cerrone, Jeremy Stephens, Thomas Almeida, Johnny Eduardo, John Lineker.
Lendas: Dan Henderson, Fedor, Wand, Lidell.
0

#98 Membro offline   Luiz Melo 

  • Grupo: Membros
  • Posts: 701
  • Cadastrado: 10-February 16

Postou 22 March 2017 - 03:34 PM

 Wand Forever, em 22 March 2017 - 03:09 PM, disse:

Mas justamente é a circunstância que gera a sorte, cisao.

Fazer um gol de falta naquela distância com aquela pressão psicológica, faltando 2 minutos para o fim do jogo, é necessário muita sorte além da técnica.

Assim como acertar um golpe fulminante daquele combinando com a velocidade do Aldo em 13 segundos de luta, no primeiro golpe conectado, ainda frio, é muita sorte sim, e a estrela do irlandês brilhou. Ainda mais sendo caras com 70 e poucos quilos, não são pesos pesados. Apesar de ter a mão pesada não é comum um nocaute daquele na 66. Basta ver quantos golpes fortes foram precisos para ele nocautear Álvarez, Denis Siver, Chad, etc.

Teve sorte sim cara, normal. E a sorte só pinta para quem está preparado.

Mas aí vc ta comparando coisas distintas. Aldo teve um giro de tronco brusco pra surpreender o irlandês com a canhota... isso o deixou totalmente desguarnecido e amplificou o resultado do soco... pra mim, se pegasse no orbital, na testa, na têmpora - qualquer lugar da cabeça - tbm apagaria - a movimentação do brasileiro foi muito brusca.

O cenário em que o soco foi conectado na verdade não tem muito a ver com os outros que vc citou... nenhum deles foi pego girando o tronco - aproveitando o balanço de um direto e entrando com um gancho... foram rebatidos quando atacaram com um direto - estavam indo em linha reta e foram pegos de lado - ou simplesmente receberam um direto normal que varou a guarda.

Por exemplo o golpe queno Alvarez recebeu foi igualmente sinistro no quesito timing. Mesmo pegando num lugar insuportável - têmpora, orelha - foi menos letal que o do Aldo onde se tinha um queixão indo num sentido contrário ao da mão... tanho é que o soco nem foi violento - e nem precisaria ser.

Eu entendo seu ponto se vista quando fala em sorte e até concordo em partes...digamos que o cara foi feliz em executar exatamente o que queria - mas a expressão sorte meio que minimiza o mérito da pessoa

Discordo quando vc atribui o local do soco à sorte.

Como falei: naquele contexto pegando em qualquer região da cabeça o brasileiro não suportaria, ninguém na verdade. Se os outros tivessem sido pegos exatamente assim tbm cairíam.

Este post foi editado por Luiz Melo: 22 March 2017 - 03:44 PM

0

#99 Membro offline   badock 

  • Grupo: Membros
  • Posts: 1682
  • Cadastrado: 12-September 09

Postou 22 March 2017 - 04:06 PM

Claro que existe a "sorte". Isso é muito óbvio.

Só que não acho correto afirmar que o McGregor venceu o Aldo na "sorte".

Isso desmerece e muito, a vitória, o nocaute. Fica parecendo que se não fosse a "sorte" ele não venceria.

McGregor é um pegador, tem a maioria das sua vitórias por nocaute. Venceu o campeão da categoria de cima por nocaute.

Então, mesmo que tenha havido "sorte", ela não foi o fator preponderante para a vitória contra o Aldo.
0

#100 Membro offline   Wand Forever 

  • Grupo: Membros
  • Posts: 8713
  • Cadastrado: 14-November 14
  • Gender:Male

Postou 22 March 2017 - 04:08 PM

Ver postLuiz Melo, em 22 March 2017 - 03:34 PM, disse:

Mas aí vc ta comparando coisas distintas. Aldo teve um giro de tronco brusco pra surpreender o irlandês com a canhota... isso o deixou totalmente desguarnecido e amplificou o resultado do soco... pra mim, se pegasse no orbital, na testa, na têmpora - qualquer lugar da cabeça - tbm apagaria - a movimentação do brasileiro foi muito brusca.

O cenário em que o soco foi conectado na verdade não tem muito a ver com os outros que vc citou... nenhum deles foi pego girando o tronco - aproveitando o balanço de um direto e entrando com um gancho... foram rebatidos quando atacaram com um direto - estavam indo em linha reta e foram pegos de lado - ou simplesmente receberam um direto normal que varou a guarda.

Por exemplo o golpe queno Alvarez recebeu foi igualmente sinistro no quesito timing. Mesmo pegando num lugar insuportável - têmpora, orelha - foi menos letal que o do Aldo onde se tinha um queixão indo num sentido contrário ao da mão... tanho é que o soco nem foi violento - e nem precisaria ser.

Eu entendo seu ponto se vista quando fala em sorte e até concordo em partes...digamos que o cara foi feliz em executar exatamente o que queria - mas a expressão sorte meio que minimiza o mérito da pessoa

Discordo quando vc atribui o local do soco à sorte.

Como falei: naquele contexto pegando em qualquer região da cabeça o brasileiro não suportaria, ninguém na verdade. Se os outros tivessem sido pegos exatamente assim tbm cairíam.

E se o soco do Aldo tivesse acertado primeiro e desviasse o golpe do McGregor? Era algo possível de acontecer. Por isso que estou dizendo, naquele momento da luta com os 2 frios, teve uma porção de sorte.

E não comparei com os outros cenários, e sim foi um exemplo de que não é algo normal nas categorias mais leves.

Nesse nível, tem que haver uma combinação de fatores para haver um nocaute fulminante, na minha opinião: técnica, velocidade, precipitação do oponente e sorte. Ainda mais com os dois atletas frios e no primeiro golpe conectado.
Atuais: Aldo, Werdum, Weidman, Robbie Lawler, Jacaré, Rafael dos Anjos, Holloway, Poirier, Anthony Johnson, Glover, Tony Ferguson, Cerrone, Jeremy Stephens, Thomas Almeida, Johnny Eduardo, John Lineker.
Lendas: Dan Henderson, Fedor, Wand, Lidell.
0

#101 Membro offline   Wand Forever 

  • Grupo: Membros
  • Posts: 8713
  • Cadastrado: 14-November 14
  • Gender:Male

Postou 22 March 2017 - 04:15 PM

Ver postbadock, em 22 March 2017 - 04:06 PM, disse:

Claro que existe a "sorte". Isso é muito óbvio.

Só que não acho correto afirmar que o McGregor venceu o Aldo na "sorte".

Isso desmerece e muito, a vitória, o nocaute. Fica parecendo que se não fosse a "sorte" ele não venceria.

McGregor é um pegador, tem a maioria das sua vitórias por nocaute. Venceu o campeão da categoria de cima por nocaute.

Então, mesmo que tenha havido "sorte", ela não foi o fator preponderante para a vitória contra o Aldo.

Sim, mas essa vitória existiu o fator sorte. O que alguns fãs do irlandês negam, acham que foi somente mérito, e não foi.

O que não quer dizer que numa revanche que o irlandês poderia nocautear novamente.

Por isso essa revanche era primordial, mas nunca vai ter, infelizmente.

Este post foi editado por Wand Forever: 22 March 2017 - 05:03 PM

Atuais: Aldo, Werdum, Weidman, Robbie Lawler, Jacaré, Rafael dos Anjos, Holloway, Poirier, Anthony Johnson, Glover, Tony Ferguson, Cerrone, Jeremy Stephens, Thomas Almeida, Johnny Eduardo, John Lineker.
Lendas: Dan Henderson, Fedor, Wand, Lidell.
0

#102 Membro offline   Luiz Melo 

  • Grupo: Membros
  • Posts: 701
  • Cadastrado: 10-February 16

Postou 22 March 2017 - 04:23 PM

 Wand Forever, em 22 March 2017 - 04:08 PM, disse:

E se o soco do Aldo tivesse acertado primeiro e desviasse o golpe do McGregor? Era algo possível de acontecer. Por isso que estou dizendo, naquele momento da luta com os 2 frios, teve uma porção de sorte.

E não comparei com os outros cenários, e sim foi um exemplo de que não é algo normal nas categorias mais leves.

Nesse nível, tem que haver uma combinação de fatores para haver um nocaute fulminante, na minha opinião: técnica, velocidade, precipitação do oponente e sorte. Ainda mais com os dois atletas frios e no primeiro golpe conectado.

Mas aí é improvável um soco de um cara com 12cm a menos de envergadura chegar antes sobretudi contra um atleta com mais tarimba nas mãos. E esse foi exatamente o ponto. Não botaram muita fé no irlandês.
Incorporaram mesmo essa fala de que era farsa, engodo, frango... achou que era mais duro, pagou pra ver, caiu pra dentro e pagou o preço.


Não houve sorte ali... entrou com aquele combo na cartola e foi pego. O ponto é que o irlandês já esperava que um golpe nesse nível de brutalidade viria tanto é que falou a semana inteira que daria passo pra trás e conectaria o gancho de esquerda; também comentou que ele colocava peso demais na mão e etc.
0

#103 Membro offline   badock 

  • Grupo: Membros
  • Posts: 1682
  • Cadastrado: 12-September 09

Postou 22 March 2017 - 04:37 PM

Ver postWand Forever, em 22 March 2017 - 04:15 PM, disse:

Sim, mas essa vitória existiu o fator sorte. O que alguns fãs do irlandês negam, acham que foi somente mérito, e não foi.

O que não quer dizer que numa revanche que o irlandês poderia nocautear novamente.


É complicada a questão.

Porque quando falamos em "sorte", parece que automaticamente não houve competência. E não é bem assim.

Pode haver "sorte" junto com a competência. Que pra mim, é o que aconteceu.

Vamos pensar assim: se Aldo e McGregor lutarem 100 vezes, quais são as chances do Irlandês nocautear novamente em 13 SEGUNDOS?

McGregor nocautear o Aldo, me parece um resultado bem provável de acontecer várias vezes, já em 13 segundos nos primeiros movimentos da luta, creio que seja bem difícil.
0

#104 Membro offline   Wand Forever 

  • Grupo: Membros
  • Posts: 8713
  • Cadastrado: 14-November 14
  • Gender:Male

Postou 22 March 2017 - 05:09 PM

Ver postLuiz Melo, em 22 March 2017 - 04:23 PM, disse:

Mas aí é improvável um soco de um cara com 12cm a menos de envergadura chegar antes sobretudi contra um atleta com mais tarimba nas mãos. E esse foi exatamente o ponto. Não botaram muita fé no irlandês.
Incorporaram mesmo essa fala de que era farsa, engodo, frango... achou que era mais duro, pagou pra ver, caiu pra dentro e pagou o preço.


Não houve sorte ali... entrou com aquele combo na cartola e foi pego. O ponto é que o irlandês já esperava que um golpe nesse nível de brutalidade viria tanto é que falou a semana inteira que daria passo pra trás e conectaria o gancho de esquerda; também comentou que ele colocava peso demais na mão e etc.

McGregor falou que nocautearia o Siver em 2 minutos, demorou 2 rounds... Falou tb que o Nate era luta fácil, achou que nocautearia fácil e foi finalizado.

Enfim, o que ele fala não se escreve. Ele ter falado não quer dizer absolutamente nada.

E se vc acha que não teve nenhuma sorte, acha que é possível ele nocautear outro lutador TOP em 13 segundos?
Atuais: Aldo, Werdum, Weidman, Robbie Lawler, Jacaré, Rafael dos Anjos, Holloway, Poirier, Anthony Johnson, Glover, Tony Ferguson, Cerrone, Jeremy Stephens, Thomas Almeida, Johnny Eduardo, John Lineker.
Lendas: Dan Henderson, Fedor, Wand, Lidell.
0

#105 Membro offline   Wand Forever 

  • Grupo: Membros
  • Posts: 8713
  • Cadastrado: 14-November 14
  • Gender:Male

Postou 22 March 2017 - 05:10 PM

Ver postbadock, em 22 March 2017 - 04:37 PM, disse:

É complicada a questão.

Porque quando falamos em "sorte", parece que automaticamente não houve competência. E não é bem assim.

Pode haver "sorte" junto com a competência. Que pra mim, é o que aconteceu.

Vamos pensar assim: se Aldo e McGregor lutarem 100 vezes, quais são as chances do Irlandês nocautear novamente em 13 SEGUNDOS?

McGregor nocautear o Aldo, me parece um resultado bem provável de acontecer várias vezes, já em 13 segundos nos primeiros movimentos da luta, creio que seja bem difícil.

Isso, é exatamente o que estou falando. Sorte com competência, mas seus fãs nunca vão admitir.
Atuais: Aldo, Werdum, Weidman, Robbie Lawler, Jacaré, Rafael dos Anjos, Holloway, Poirier, Anthony Johnson, Glover, Tony Ferguson, Cerrone, Jeremy Stephens, Thomas Almeida, Johnny Eduardo, John Lineker.
Lendas: Dan Henderson, Fedor, Wand, Lidell.
0

Compartilhar este tópico:


  • 8 Páginas +
  • « Primeiro
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • Novo tópico
  • Responder

1 usuário(s) está(ão) lendo este tópico
0 membro(s), 1 visitante(s) e 0 membros anônimo(s)