Sign in to follow this  
Henry Chinasky

Josh Barnett fará estreia no Bellator contra Ronny Markes

Recommended Posts

Josh Barnett fará sua estreia no Bellator contra Ronny Markes, veterano do UFC
Josh Barnett finalmente tem um parceiro de dança para sua estréia no Bellator.

O ex-campeão dos pesos pesados do UFC fará sua estréia na  organização de propriedade da Viacom na sexta-feira, 20 de dezembro no Havaí, na luta  principal do segundo evento anual do Bellator, "Salute the Troops". Essa card fará parte de um fim de semana com dois eventos do Bellator.

O Bellator anunciou esta notícia em um comunicado nessa quarta-feira:

“Para homenagear os bravos homens e mulheres das Forças Armadas dos EUA, o Bellator MMA firmou uma parceria com a USO para apresentar um evento ao vivo especial gratuito para as tropas, juntamente com seus amigos e familiares, na sexta-feira, 20 de dezembro. Direto da Neal S. Blaisdell Arena, em Honolulu, Havaí, este show único será encabeçado por uma luta de pesos pesados com as estreias no Bellator de “The Warmaster” Josh Barnett (35-8) e Ronny Markes (19-7)…

Após assinar com o Bellator em abril, o ex-campeão dos pesos pesados do UFC Josh Barnett retornará às competições de MMA pela primeira vez desde 2016. Faixa-preta segundo grau de BJJ, Barnett permaneceu predominante no campo dos esportes de combate, competindo em eventos de jiu-jitsu, promovendo e se apresentando em seus próprios shows  de wrestling e trabalhando como comentarista do New Japan Pro Wrestling. Barnett não é um estranho para a dedicada base de fãs de MMA no Havaí, ja que lutou também pela promoção regional havaiana Superbrawl em 1999 e 2000, um período que incluiu três lutas em uma noite para vencer o torneio pesado Superbrawl 13. Um dos principais pesos pesados de todos os tempos, um dos principais suportes do Strikeforce, Pride, UFC, K-1, NJPW, Pancrase e Affliction, ele possui vitórias sobre estrelas lendárias, incluindo Dan Severn (2x), Semmy Schilt (2x), Randy Couture, Mark Hunt, Antonio Rodrigo Nogueira, Pedro Rizzo, Sergei Kharitonov, Frank Mir, Roy Nelson e Andrei Arlovski.

Lutando profissionalmente desde 2007, Ronny Markes se juntará ao Bellator após 26 lutas pelo mundo, incluindo três vitórias no UFC. Competindo pela maior parte de sua carreira de quase 13 anos no peso médio, o lutador de 31 anos agora calçará as luvas como peso pesado do Bellator. Vindo de Natal, Brasil, Markes vem de uma vitória por nocaute técnico em junho e adicionará outro lutador de renome à sua lista de opositores, uma lista que inclui nomes como Yoel Romero, Thiago Santos, Aaron Simpson e Paulo Filho.

https://www.bjpenn.com/mma-news/bellator/josh-barnett-to-make-bellator-debut-against-fellow-ufc-veteran-ronny-markes/

Alguém será amassado.

Share this post


Link to post
Share on other sites
41 minutos atrás, TNT disse:

Baby Face tiozão.

 

Será que ainda tem lenha pra queimar?

Um dos poucos remanescentes do Pride.

Josh Barnett sempre terá minha torcida, um dos maiores pesados da história.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
52 minutos atrás, MMAniako disse:

Ué o Ronny luta na categoria 83kg e o Barnett é peso pesado... não entendi.

O Ronny lutou na 93kg nas últimas lutas. Inclusive participou do torneio meio pesado da PFL!

Vai subir pro pesado pra enfrentar o Barnett. 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 minutos atrás, Peludo_SAS disse:

Se  lutarem rony vai estar acima sos 100 certamente 

Pela potencial de carcaça do bicho, tenho certeza que flutua pelos 100 em doante off. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
11 hours ago, Raphael Rezende said:

Um dos poucos remanescentes do Pride.

Josh Barnett sempre terá minha torcida, um dos maiores pesados da história.

 

Detalhe.  Ele estreou no pride já bem no final. Meio q representando os EUA e ufc

 Mais ainda lutou muitas vezes.  Veteranos do pride mesmo são caras como o wand e o Igor. Desde as primeiras edições.   

Share this post


Link to post
Share on other sites

O problema desses eventos para as tropas ( com todo respeito aos que delas fazem parte) é que tem mais tempo de "saudações" que de luta. O intervalo entre os combates é absurdamente demorado, o que deixa o evento cansativo de se acompanhar. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Um dos maiores HW da história, uma honra ainda poder ver ele lutar, e acho que ele ganha do Ronny que apesar de mais novo, é mais leve e nunca foi um lutador top.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this