Sign in to follow this  
Eder Jofre55

Médico relata ter recebido ofensas e até ameaças de morte por parar luta entre Diaz e Masvidal

Recommended Posts

Médico relata ter recebido ofensas e até ameaças de morte por parar luta entre Diaz e Masvidal

Consultório do neurologista Nitin K. Sethi foi alvo de ligações de fãs irritados por ele ter impedido Diaz de prosseguir no combate, interrompido no intervalo do terceiro para o quarto round

Por Combate.com 

 

Ser médico do UFC não é uma tarefa fácil. Pelo menos foi o que descobriu o médico Nitin K. Sethi, que atua em Nova York e foi escalado para ser o responsável pelo UFC 244, realizado no Madison Square Garden no último sábado. O neurologista revelou, em entrevista ao site "MMA Fighting" ter recebido ofensas e até ameaças de morte por ter decidido interromper no intervalo do terceiro para o quarto round a luta principal do evento, entre Nate Diaz e Jorge Masvidal. Sethi revelou ter recebido ofensas via internet e até ameaças de morte.

gettyimages-1185157091.jpg

Médico Nitin K. Sethi examina Nate Diaz no UFC 244 — Foto: Getty Images

- Sou um ótimo neurologista e um médico muito bom. Me chamaram de m*** na internet, ligaram para o meu consultório e xingaram as pessoas, me fizeram ameaças de morte... Temo pela minha segurança. Alguém pode se machucar com tudo isso, e provavelmente serei eu. As pessoas não se dão conta do que estão fazendo quando agem assim. Essa é a dura realidade do MMA. É uma vergonha que esse tipo de coisa aconteça. Tods que estão envolvidos com esse esporte deveriam se sentir envergonhados por situações como essa. Não deveriam acontecer coisas asim no MMA. Nunca passei por isso, e já atuei em muitos esportes. As pessoas estão muito exaltadas, e esse tipo de coisa só as exalta ainda mais. No caminho para os bastidores, vi pessoas me xingando com muita raiva.

O médico explicou que a sua decisão foi baseada no exame que fez de Nate Diaz, que teve o supercílio descolado do crânio por conta dos golpes de Masvidal. Segundo ele, a integridade física e a saúde de Diaz não podiam mais ser garantidas além do ponto em que a luta estava, e por isso Sith decidiu interromper a disputa.

- Tomei uma decisão objetiva baseada no exame que fiz do lutador. Não foi apenas o corte, mas uma análise geral dele e de como a luta estava se desenvolvendo. A partir do momento em que percebi que não poderia garantir sua segurança e sua saúde, tive que tomar a decisão. Se, em algum momento, eu perder a minha objetividade e passar a me preocupar em como as minhas decisões serão vistas pelo UFC, pelos fãs e pela imprensa, eu deixo de ser o médico da luta e abandono a minha carreira. Eu tenho que ser objetivo, e objetivamente tomar as minhas decisões. Se houver qualquer dúvida, você tem que fazer o que for preciso para proteger o atleta. A saúde dele vem em primeiro lugar. Todas as minhas ações precisam ser vistas a partir desse prisma pelas pessoas, mas não é isso o que acontece.

ufc244-f12-masvidal-vs-diaz353.jpg

Nate Diaz sofreu uma grande laceração no supercílio no UFC 244 — Foto: Jason Silva

O neurologista disse que é preciso que respeitem os limites dos atletas, mas principalmente que confiem nos médicos e nos seus pareceres quanto à capacidade física de um atleta poder continuar a receber golpes. Segundo ele, pessoas sem formação médica têm uma visão muito diferente da que um profissional possui de determinados cenários.

- Os protocolos respaldam as minhas decisões médicas. Tenho o maior respeito pelo senhor Diaz. Ele é um daqueles lutadores que nunca desiste, e certamente teria continuado a lutar. Foi o que ele me disse no octógono, e eu admiro isso. Mas cada um tem uma visão do limite ao qual se deve chegar antes de se interromper uma luta. Um fã, um árbitro ou um jornalista têm as suas visões. Um médico vê as coisas de uma forma diferente, e é preciso que se respeite a decisão de quem está lá exatamente para avaliar se o limite clínico de um atleta foi atingido.

Para Sethi, a reação raivosa dos fãs pode deixar um legado negativo no que diz respeito à segurança dos atletas, uma vez que os médicos podem vir a se sentir intimidados a interromper lutas mesmo se acharem necessário, por medo das consequências em suas vidas.

- Após o que aconteceu no sábado, acho que a única coisa triste sobre tudo isso é que haverá médicos que agora terão muito medo de tomar suas decisões, e quando médicos temem decidir para uma luta por medo da repercussão que a sua decisão terá, passamos a entrar em um território muito perigoso.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, ravi disse:

A luta pararia de qualquer maneira. Ele salvou foi o olho do diaz isso sim.   

sim, tipo qdo interromperam a luta do wand com o artur mariano. wanderlei agradeceu depois, mas no calor da luta queria continuar

Share this post


Link to post
Share on other sites

nem tem muito o que dizer. o cara fez o trabalho dele. se não querem façam um document pedindo pro UFC tirar médicos das lutas. Se tem médico, está sujeito a isso..e foi o que rolou. Diaz aguentaria mais? com certeza. assim como se um lutador quiser ele aguenta um braço esticado até quebrar... como o Minota fez com o Mir 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Baita relato e de certa forma um desabafo.

Fico impressionado com a didática de explicação dos americanos.

Mas temos que ver que essa situação é até "normal" acontecer. E acontece, em outros esportes inclusive. E em vários países.

Mas condeno essas atitudes, principalmente porque o doutor não roubou de ninguém. Somente quis o melhor pro lutador.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Como disse o bisping no poadcast dele deve ser pivetes que não tem pq fazer e ficam enchendo o saco do cara no instagram e ligando p consultório dele 

Share this post


Link to post
Share on other sites
24 minutos atrás, ravi disse:

Como disse o bisping no poadcast dele deve ser pivetes que não tem pq fazer e ficam enchendo o saco do cara no instagram e ligando p consultório dele 

Também acho isso... seria insano pensar num adulto se dando ao trabalho de ligar pra um médico, por causa de uma interrupção de uma luta... ainda por cima pra ameaçar de morte... coisa de moleque de 15 anos mesmo. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 minute ago, Cesar_Rasec said:

Também acho isso... seria insano pensar num adulto se dando ao trabalho de ligar pra um médico, por causa de uma interrupção de uma luta... ainda por cima pra ameaçar de morte... coisa de moleque de 15 anos mesmo. 

pois é....quem é que vai se fuder por causa de luta...?!

 

como ja diz o ditado  " don´t do the crime if you can´t do the time"

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
4 horas atrás, Filipovic disse:

nem tem muito o que dizer. o cara fez o trabalho dele. se não querem façam um document pedindo pro UFC tirar médicos das lutas. Se tem médico, está sujeito a isso..e foi o que rolou. Diaz aguentaria mais? com certeza. assim como se um lutador quiser ele aguenta um braço esticado até quebrar... como o Minota fez com o Mir 


Na verdade não tem como tirar médicos das lutas, por lei eles têm que estar lá.

 

E o Minotauro não teve o braço esticado até quebrar contra o Mir, foi uma kimura.

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, ravi disse:

Como disse o bisping no poadcast dele deve ser pivetes que não tem pq fazer e ficam enchendo o saco do cara no instagram e ligando p consultório dele 

Tbm acho que seja, mas a partir do momento que tem 0,01% de ser verdade e sua família está em jogo é complicado né, muita gente apavora, mais que compreensível. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
9 hours ago, Jon Jones Suzarte said:

Se não parasse, Diaz poderia ficar sem olho igual ao Bisping

Verdade. Aquela luta pararia no decorrer do 4 round.  Só pioraria. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
13 hours ago, Eder Jofre55 said:

Nos dias atuais não ficaria surpreso  que a idade dos pivetes varie entre 15 e 50 anos!

Sem duvida. Tem muito idiota que leva a seria a a declaração do nate como " nate diaz army motherfucks ".      Achando q fazem parte desse "Exército".  P vc ver como idiotas tem em todo lugar. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this