Eder Jofre55

Paulo ‘Borrachinha’ revela artimanhas e catimba de Romero durante luta no UFC 241

Recommended Posts

Paulo ‘Borrachinha’ revela artimanhas e catimba de Romero durante luta no UFC 241

Diego Ribas

borrachinha-2.jpg

Foram três rounds de pura trocação em pé, e ao final dos 15 minutos da guerra travada no octógono do UFC neste sábado (17), em Anaheim (EUA), Paulo ‘Borrachinha’ carregava as marcas da batalha em seu rosto. Mancando, com os lábios inchados e com um breve sangramento no nariz, o peso-médio (84 kg) compareceu à coletiva de imprensa e revelou que além de lidar com o talento de Yoel Romero no octógono, precisou administrar as tentativas de catimba do cubano.

De acordo com o relato de Borrachinha, Yoel usou o limite das regras e da malandragem para confundi-lo e por vezes ganhar minutos de descanso no octógono. E se não fosse tamanha experiência do vice-campeão de wrestling, o atleta brasileiro de 27 anos afirma que poderia ter liquidado a fatura antes do final do tempo regulamentar.

“Eu lembro de três momentos. Dei um soco nele e ele sentiu, ele levou knock down. Aí ele apontou para o lado e eu olhei, e ele me deu um golpe. Foi primeira artimanha (utilizada)”, narrou, sem parecer estar irritado com as dificuldades impostas além do previsto.

“Depois, no segundo round, acertei uma forte joelhada no abdômen e ele sentiu. Dei outra e ele disse que foi nas testículos. Mas acho que não pegou, e se pegou, não foi em cheio, ele valorizou, descansou muito tempo. E depois ainda teve um dedo no olho. Fiquei com a visão turva e precisei de tempo para me recuperar. Isso ajudou ele a recuperar o gás. Não fosse isso, talvez eu teria nocauteado”, analisou cerca de uma horas após o duelo chegar ao fim.

Curiosamente, Borrachinha, que ampliou sua invencibilidade para 13 triunfos no MMA profissional, não foi reverenciado pelo torcida presente no ginásio Honda Center. Ao ser anunciado como vencedor do duelo, o atleta brasileiro rapidamente foi vaiado a ponto de precisar esperar uma brecha dos críticos para poder se manifestar no microfone.

“Olha, me surpreendeu, mas acho que é porque gostam muito dele aqui na Califórnia. Também ouvi vaias na pesagem, ele é um atleta querido pelos fãs”, minimizou o lutador que enalteceu o trabalho de ser corner por orientá-lo de forma correta quando à pontuação de cada round.

“Sim, eu sabia que tinha vencido. Meu irmão me falou que tinha vencido o primeiro e o segundo rounds. Mas, claro, também parti para cima no terceiro porque nunca sabemos como é a cabela dos juízes”, finalizou Paulo Costa, que prometeu esperar pela sua chance de disputar o cinturão dos pesos-médios (84 kg) contra o vencedor da luta entre Israel Adesanya e Robert Whittaker.

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

A marra do Borrachinha é de campeão, pqp que fdp confiante.

Podem falar merda do Wallid, que é aproveitador e o escambau, mas o cara ajuda demais o Borracha. Tenho certeza que o cara faz questão de ter ao lado dele o careca doidão.

Edited by Farmaceutico

Share this post


Link to post
Share on other sites
8 hours ago, Farmaceutico said:

 

A marra do Borrachinha é de campeão, pqp que fdp confiante.

Podem falar merda do Wallid, que é aproveitador e o escambau, mas o cara ajuda demais o Borracha. Tenho certeza que o cara faz questão de ter ao lado dele o careca doidão.

Com certeza  . O walid e essencial nessa marra do borracha e do jeito q ele se promove.  Tá seguindo a cartilha direitinho.   Vai fazer muita grana na carreira 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Maior bilheteria da California em um main event;

Luta da noite: Costa x Romero

Dana disse que encontrou o Romero antes da coletiva e ele estava numa cadeira de rodas;

Disse que viu 2 x 1 em favor do Borrachinha;

Colby estava lá e rolou uma treta, os seguranças tiveram que intervir várias vezes, ele usou a expressão “jardim de infância”, referindo-se ao Colby, Holloway e Masvidal.

Basicamente foram os pontos principais que ele mencionou!!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Foi um lutao mas num possivel title shot , o Borrachinha vai ter que aprender a dosar o gas dele, numa luta de 5 rounds se ele nao tiver esse controle e tiver um preparo fisico a mais vai ter problemas

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, gabriel floripa disse:

Derrotou um monstro. Fato.

Acho um xarope, mas merece disputar o título.

Se ele fosse gringo estavam endeusando o cara.

Mesmo vindo de grandes atuações continuavam desvalorizando o cara e sua postura é como de muitos caras confiantes como Conor. Mas como é brasileiro, pessoal pega no pé.

Falava que a trocação do Borrachinha era boa e a do Romero limitadíssima. E Romero, como sempre idolatrado, apelou na luta como Borrachinha falou certíssimo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Borrachinha calou a minha boca. Achei que o Romero era muito pra ele (apesar de achar que a tática do cubano não foi a correta, praticamente só buscou - e conseguiu- as quedas nos finais dos rounds).

O gás do Borrachinha, realmente, tem que melhorar muito, na metade do segundo round já estava respirando fundo e sem a mesma potência nos golpes.

Ou melhora o preparo ou dosa a força nos golpes. Luta de 5 rounds não sei não, viu...mas lógico que fará uma preparação específica pra isso.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
43 minutos atrás, Lucas Timbó disse:

Maluco falar que aquela joelhada não pegou é forçar ao extremo. A joelhada foi ilegal e pegou em cheio 

 

15 minutos atrás, LP Ribeiro Silva disse:

Borrachinha calou a minha boca. Achei que o Romero era muito pra ele (apesar de achar que a tática do cubano não foi a correta, praticamente só buscou - e conseguiu- as quedas nos finais dos rounds).

O gás do Borrachinha, realmente, tem que melhorar muito, na metade do segundo round já estava respirando fundo e sem a mesma potência nos golpes.

Ou melhora o preparo ou dosa a força nos golpes. Luta de 5 rounds não sei não, viu...mas lógico que fará uma preparação específica pra isso.

 

Não vi pegar. Pra mim foi abaixo do umbigo e quem tomou sabe que dói pra caralho. É uma dor sinistra!!!

Não seria demérito perder pro Romero! Mas o que valeu mais que a vitória foi a disposição de partir pra cima e tomar as rédeas da luta!

Whitaker entrou assim e se deu bem na trocação com Romero e Borrachinha tá com a trocação boa e muito forte!

Bom pra renovar a categoria! Parar com aquela geração "ultrahípermegapower" que tantos analteciam pra depreciar o cartel do Spider... Rockhold, Romero, Weidman e Jacaré... já passou o tempo deles.

Edited by Axiotis

Share this post


Link to post
Share on other sites

Borrachinha lutou muito ontem, mas tomou una pressão mortal no fim. Ainda não está pronto para ser campeão, mas tem muito potencial sem dúvidas.

Venceu um cara que tem essas artimanhas perigosas e é explosivo nos últimos rounds. Que usa uma estratégia perfeita de luta, pois sabe do poder que tem nas mãos. 

No entanto, o Romero está longe de ser um trocador dos mais técnicos, e talvez é isso que me deixa com a pulga atrás da orelha ainda sobre o ponto de o Borrachinha estar pronto para ser campeão.

De todas essas lutas que o Romero venceu para se credenciar ao título, não me lembro de nenhuma que ele estava vencendo na trocação. Weidman, Jacaré, Rockhold, todos esses vinham vencendo o Romero até o Romero explodir e vencer.

Não quero dizer que o Romero é mal lutador. Ele é um monstro de fato, mas vencê-lo na trocação é algo que quase todos estavam fazendo, até com certa margem. A vantagem do Borrachinha aí, é que o Romero não teve tempo de se recuperar como nas outras. Méritos totais do Borrachinha, com até uma pitada de sorte, pois o Romero, aos olhos dos juízes, não conseguiu virar aquele segundo round.

Borrachinha ainda tem que evoluir bastante, principalmente em qi de luta. Ele gastou tudo o que tinha no primeiro round, contra um cara que explode no final. Ficou sem gás e correu riscos de perder a luta por não ter feito a leitura correta, talvez.

Mas foi uma vitória maiúscula de um cara que tem tudo para ser a nova estrela da organização.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olhem de novo a joelhada

1 hora atrás, Lucas Timbó disse:

Maluco falar que aquela joelhada não pegou é forçar ao extremo. A joelhada foi ilegal e pegou em cheio 

Deixa de ser hater Timbó. Tu é um cara respeitado aqui e que tem várias opiniões boa e embasadas, mas está deixando o lado (anti) torcedor tomar conta. Às vezes é bom ouvir opiniões adversas e reconhecer quando estamos errados. Inclusive isso faz muito bem.

Pra facilitar estou anexando essa imagem. Se não falar por si só, deixa quieto e toquemos o barco.

Joelhada_legal.JPG

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now