André Filho

Com quatro derrotas nas últimas cinco lutas, Cat Zingano é dispensada do Ultimate

Recommended Posts

Americana, que chegou a disputar o cinturão do peso-galo mas foi finalizada por Ronda Rousey em 48 segundos, é a última lutadora a vencer a atual campeã, Amanda Nunes

Por Marcelo Barone e Raphael Marinho — Rio de Janeiro

14/08/2019 16h04  Atualizado há 15 horas

 
image.jpeg.4745808a6865bed899e4c71cb2c3e1fd.jpeg

Com quatro derrotas nas últimas cinco lutas, Cat Zingano é dispensada do UltimateGetty Images

 

A má fase de Cat Zingano em suas últimas lutas custou caro para a lutadora. Com quatro derrotas nos últimos cinco compromissos, a americana foi dispensada pelo Ultimate, conforme apurou o Combate.com com fontes próximas à companhia, e agora está livre para negociar com outros eventos.

- Não quis pegar o ultimato desta vez. Acredito que pode-se dizer que foi algo mútuo. Tinha um projeto muito, muito importante para mim, para a comunidade do MMA e para os fãs. Precisava colocar a mim, meu filho e o treinamento antes de ter algo a dar ao UFC. É uma me** de timing, mas acontece. Eu ainda sou uma lutadora e estou pronta para botar para fod** - declarou a atleta, em comunicado enviado para a "ESPN" americana.

Aos 37 anos, Zingano tem 10 vitórias e quatro derrotas no cartel. Ela chegou ao Ultimate invicta em sete lutas e nocauteou Miesha Tate e Amanda Nunes, ganhando a chance disputar o cinturão do peso-galo. Entretanto, diante da então campeã Ronda Rousey, foi finalizada em apenas 48 segundos.

Após o revés contra Ronda, Cat Zingano ainda perdeu para Julianna Peña e Ketlen Vieira, mas recuperou-se ao bater Marion Reneau. Porém, em seu confronto mais recente, foi superada por Megan Anderson no primeiro assalto, após lesionar o olho, em dezembro do ano passado.

Fonte: https://sportv.globo.com/site/combate/noticia/com-quatro-derrotas-nas-ultimas-cinco-lutas-cat-zingano-e-dispensada-do-ultimate.ghtml

Edited by André Filho

Share this post


Link to post
Share on other sites

Zingano teve uma excelente fase com vitórias sobre a Tate e Amanda, mas a derrota pra Ronda e as graves lesões , parecem ter tido um forte impacto em sua carreira.

Edited by André Filho

Share this post


Link to post
Share on other sites

Gosto muito da Zingano. Má fase apenas. Na melhor luta dela, deu uma surra na Amanda, que nunca apanhou tanto. Se subir para os penas, tem lugar no Bellator na categoria dos penas. Se Cyborg for para o Bellator, essa divisão começa a ficar muito interessante pois, além dessas duas, tem a Julia Budd de top também.

Share this post


Link to post
Share on other sites

É boa lutadora e carismática, acredito que tenha saído não pelas derrotas, mas pela limitação de dar a volta por cima. O UFC não pode ficar esperando 3, 5, 10 derrotas até ela decidir suas prioridades pessoais.

Vai acrescentar valor em outra organização, mas não creio que faça diferença a ponto de voltar um dia ao UFC

Share this post


Link to post
Share on other sites

Amanda esgotou o tanque e foi dominada no terceiro round ,tinha vencido os dois primeiros mas a luta estava equilibrada, a derrota avassaladora contra a Ronda e as lesões diminuíram e muito a sua confiança, virou outra lutadora depois disso,uma pena! 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Teve a morte no marido dela também. Que foi encontrado enforcado, se suicidou, isso mexe com a cabeça de qualquer um também.

Lembrando que ela tem um filho pequeno com o falecido marido, que teve que criar depois do ocorrido.

Além do mais, ele era o treinador dela.

http://www.espn.com.br/noticia/381840_brasileiro-marido-de-lutadora-do-ufc-morre-enforcado-nos-eua

https://ndmais.com.br/esportes/marido-de-lutadora-do-ufc-brasileiro-comete-suicidio-nos-eua/

Share this post


Link to post
Share on other sites
Agora, SgtBlackStar disse:

Teve a morte no marido dela também. Que foi encontrado enforcado, se suicidou, isso mexe com a cabeça de qualquer um também.

Lembrando que ela tem um filho pequeno com o falecido marido, que teve que criar depois do ocorrido.

Além do mais, ele era o treinador dela.

http://www.espn.com.br/noticia/381840_brasileiro-marido-de-lutadora-do-ufc-morre-enforcado-nos-eua

https://ndmais.com.br/esportes/marido-de-lutadora-do-ufc-brasileiro-comete-suicidio-nos-eua/

Isso mexe com o psicológico de qualquer um, suicídio do marido, e seguidas lesões é complicado.

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 horas atrás, ThePenetrator disse:

É boa lutadora e carismática, acredito que tenha saído não pelas derrotas, mas pela limitação de dar a volta por cima. O UFC não pode ficar esperando 3, 5, 10 derrotas até ela decidir suas prioridades pessoais.

Vai acrescentar valor em outra organização, mas não creio que faça diferença a ponto de voltar um dia ao UFC

Exato amigo! Dar a volta por cima implica em muitos sacrifícios pessoais, e alguns atletas já não têm mais essa gana. Mas talvez mudar os ares já ajude bastante...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Depois que o marido dela se suicidou, foi ladeira abaixo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu ainda manteria ...e uma.boa lutadora...e com a escasses no feminino ...mas acho que ela tambem nao estava afim de ficar Dana deve ter feito uma oferta ridicula...poder fazer grana e vencer tranquilente em outros eventos...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now