-=Luiz_Guilherme=-

Jon Jones minimiza poder de nocaute de Marreta, mas exalta história do rival: "Me tornei fã"

Recommended Posts

Campeão do peso-meio-pesado diz ter estudado a vida do brasileiro e que passou a respeitá-lo mais por isso: "É um homem de verdade"

Por Evelyn Rodrigues, Guilherme Roseguini e Raphael Marinho — Direto de Las Vegas, EUA

03/07/2019 10h00  Atualizado há 31 minutos

 
 

Raphael Marinho

 

Quando Jon Jones pisar no octógono no próximo sábado, na luta principal do UFC 239, ele sabe exatamente que tipo de pessoa irá enfrentar do outro lado. O campeão dos pesos-meio-pesados (até 93kg) estudou não apenas as habilidades de Thiago Marreta, mas também sua história de vida. E, após ler sobre tudo que o brasileiro já enfrentou dentro e fora do cage, ele revelou ter se tornado fã do seu próximo desafiante ao título.

- Comecei a prestar atenção no Thiago um pouco antes da nossa coletiva de imprensa. A gente teve uma coletiva em que eu estava doente e não compareci, e naquela época comecei a estudá-lo, a ler sobre o seu passado e sobre quem ele era. Me tornei um fã dele. Por que? Eu o respeito. Sei que ele tem um trabalho social no Brasil, que ele vem fazendo artes marciais a vida toda, que ele já serviu o exército brasileiro. Sei que ele veio da favela, e eu realmente respeito o fato de ele estar ajudando a sua comunidade. Acho que é um cara confiável. Ele é pai solteiro? Eu respeito isso também sobre ele. Ele é um homem de verdade, com todo o sentido da palavra - contou, em entrevista ao Combate.com.

 
image.jpeg.fef0b365afbbc36fe60b13cb73fd2757.jpeg

Jon Jones e Thiago Marreta fazem a luta principal do UFC 239 — Foto: Reprodução

Jon Jones e Thiago Marreta fazem a luta principal do UFC 239 — Foto: Reprodução

Se a história de Marreta fora da luta impressionou Jones, o mesmo não pode ser dito sobre o jogo do brasileiro. Para o campeão, o poder de nocaute do rival, que é o segundo com mais vitórias desta forma na história do Ultimate, com 11 - um a menos que Vitor Belfort, que lidera a lista -, não o impressiona. Para explicar, ele aponta que bateu, inclusive, o próprio Fenômeno, entre outros grandes nomes.

- Como eu vejo o jogo do Thiago? Acho que ele tem um poder de nocaute muito bom, mas como eu disse, todo mundo tem isso. Ele sempre vem pra luta de forma bem agressiva, mas eu também sei que ele vem ganhando muita massa muscular e estou empolgado com isso. Luta não é um esporte de resistência. Eu ganhei muita massa quando enfrentei o Ovince St-Preux e me cansei muito rápido. Thiago ganhou muito músculo para me enfrentar, e eu estou mais magro para essa luta. Acho que o biotipo dele, a explosão e a agressividade vão acabar funcionando contra ele mesmo. Muitas pessoas têm condições de nocautear alguém, mas você precisa ter a habilidade de acertar o golpe. Eu enfrentei o Vitor Belfort quando ele era todo musculoso, muita gente acha que ele estava usando TRT quando eu o enfrentei, e ainda assim o venci. Não tenho nenhuma razão para achar que essa luta de agora vai acabar de uma forma diferente. Quinton Rampage Jackson tinha poder de nocaute, Rashad Evans e Lyoto Machida também. Alexander Gustafsson nocauteava muita gente. Eu só tenho que saber que não foi coincidência ter vencido todos eles, e acreditar que vou continuar fazendo o que sempre fiz desde que era criança.

O estudo de Jones sobre Marreta foi profundo e uma das coisas que chamou a atenção do americano foi o uso da capoeira no jogo de seu oponente.

- Thiago começou a sua carreira lutando capoeira, e eu queria entender um pouco sobre isso. Então comecei a assistir alguns vídeos para tentar entender a cultura. Tive até alguns parceiros de treino me dando alguns chutes rodados e chutes usando o calcanhar, e sei que o Thiago usa isso de vez em quando, quando está se sentindo bem na luta. Mas o meu trabalho é fazer com que ele não se sinta assim durante a nossa luta. Eu nunca treinei capoeira oficialmente, mas respeito muito. Ouvi que é uma disciplina das artes marciais que foi criada por pessoas que queriam esconder que estavam fazendo arte marcial, para parecer que elas estavam dançando. Então eu realmente respeito toda a cultura da capoeira - concluiu.

 

Fonte: https://sportv.globo.com/site/combate/noticia/jon-jones-minimiza-poder-de-nocaute-de-marreta-mas-exalta-historia-do-rival-me-tornei-fa.ghtml

Share this post


Link to post
Share on other sites

Jones é inteligente, um estrategista! 

Ele não trocará em pé, o cara já colocou DC no chão, não será o Marreta que segurará as quedas de JJ... Essa luta termina no GNP, com chuva de cotoveladas... 

 

Pra mim, o maior da história, mesmo com tantas polemicas e não sabendo lidar o sucesso, o cara nunca foi derrotado e derrubou os maiores

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boa entrevista. Legal as declarações. Eu paguei minha língua com o Marreta, nunca que imaginava ele chegando onde chegou. Independente das limitações está de parabéns demais. Depois que fiquei sabendo do trabalho social dela na Cidade de Deus eu passei a respeitar muito mais ele. E é nítida a melhora dele, apesar de ainda ter limitações e falhas em pé, que é o forte dele, ele melhorou consideravelmente. E acabar que algumas dessas "falhas" acabam sendo para maximizar o poder de nocaute dele.

Share this post


Link to post
Share on other sites
25 minutos atrás, Daniel Mendoza disse:

Boa entrevista. Legal as declarações. Eu paguei minha língua com o Marreta, nunca que imaginava ele chegando onde chegou. Independente das limitações está de parabéns demais. Depois que fiquei sabendo do trabalho social dela na Cidade de Deus eu passei a respeitar muito mais ele. E é nítida a melhora dele, apesar de ainda ter limitações e falhas em pé, que é o forte dele, ele melhorou consideravelmente. E acabar que algumas dessas "falhas" acabam sendo para maximizar o poder de nocaute dele.

boa

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bacana! Acho que é isso, Jones muito favorito, mas Marreta já tem todos os méritos do mundo por sair de onde saiu e chegar a uma disputa de título com um dos maiores da história

Share this post


Link to post
Share on other sites

Torço para o marreta pois trabalho na área social e posso afirmar que o cinturão dará uma visibilidade absurda ao projeto dele!

Share this post


Link to post
Share on other sites

SE ... repito, SE isso for verdade aí as chances do Marreta caem de 0,5% pra 0%

Lembro das declarações do Rampage após a luta, sempre muito sincero, dizendo que não tinha desculpas, que naquela luta foi a melhor versão que ele poderia ter .... e o JJ tirou pra nada

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 horas atrás, Paulo wand disse:

Jones parece ser um cara gente boa, quando nao bebe,ou usa as paradas,

kkkkkk ... só não deixar dirigir

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 horas atrás, JonJonesTHEBEST disse:

"GOAT" pq e humilde mesmo sabendo que é o maior lutador de todos os tempos.

Daki 20, 30, 50, 100 anos nós ouviremos falar dele como o Pelé, Michael Jordan do UFC.

Não  o esporte é muito jovem e tem falhas inexploradas ele não punch o boxe não tão bom , nunca soubemos ele por baixo ..

Ele é melhor da história mais breve coisa de 10 anos será ultrapassado talvez não em legado mas em condições técnicas .

Imagine Ngannou treinando desde de Jovem

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now