Daniel Mendoza

Discussão de Jiu-jitsu brasileiro para o MMA.

Recommended Posts

24 minutos atrás, Axe_Spartan disse:

Sabe uma coisa que eu acho que atrapalha no treinamento do jiu jitsuka para o MMA (que eu nunca vi ser treinado em nenhuma academia de jiu)? É a "passividade" do oponente que está por baixo, tentando repor a guarda, finalizar, raspar, mas NUNCA escapar e ficar de pé (até pelo formato de treino e campeonato de jiu-jitsu), isso leva ao jiu jitsuka não habituado ao treino de MMA ter dificuldade em controlar um adversário que está tentando escapar de todo jeito do chão, o que é a coisa mais comum que vemos no MMA hoje em dia, são pouquíssimos os adversários que aceitam na boa em ficar por baixo de barriga pra cima.

Com certeza a falta de necessidade de impedir o oponente voltar em pé é uma grande dificuldade, mas bastante adaptável. 

Eu fazia, principalmente com os atletas amadores, um treino de bloqueio onde o objetivo era manter o oponente por baixo enquanto faz ground and pound e/ou avança posição. 

Caso deixe o oponente voltar em pé, é tua vez de começar por baixo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
10 horas atrás, Axe_Spartan disse:

Sabe uma coisa que eu acho que atrapalha no treinamento do jiu jitsuka para o MMA (que eu nunca vi ser treinado em nenhuma academia de jiu)? É a "passividade" do oponente que está por baixo, tentando repor a guarda, finalizar, raspar, mas NUNCA escapar e ficar de pé (até pelo formato de treino e campeonato de jiu-jitsu), isso leva ao jiu jitsuka não habituado ao treino de MMA ter dificuldade em controlar um adversário que está tentando escapar de todo jeito do chão, o que é a coisa mais comum que vemos no MMA hoje em dia, são pouquíssimos os adversários que aceitam na boa em ficar por baixo de barriga pra cima.

Mas ficar em pé estando costas no chao com a guarda passada, ou na meia guarda por baixo é uma coisa muito dificil, ainda mais quando se tem um bom wrestler ou alguém que estabiliza bem a posiçao.

 

Sem contar que é muito arriscado se levantar com o adversario colado em vocé ou muito proximo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
14 horas atrás, Daniel Mendoza disse:

Vi seu comentário depois que respondi. Quais acham que são os maiores erros ao pegar as costas no mma?  @ValderazziValderazzi @MASINA@Andrey

Queria marcar mais pessoas mas eu não conheço.

Uma outra questão, quais aos os detalhes técnicos mais importantes controlar alguém por cima na meia guarda?

Me desculpem se as perguntas são bobas, sou bem leigo no chão.

Maioria das respostas ja foram ditas principalmente pelo Valdez, mas estando na meia guarda e no MMA, você deve controlar o quadril do adversario e fazer certeza de que a perna dominada dele está segura.

E uma coisa que eu vejo como falha em muitos jiu-jiteiros é que batem pouco estando por cima, bater não só machuca o adversario como tambem o faz pensar em se defender e menos em repor posicoes.

Mas tudo é meio que relativo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
7 minutos atrás, Andrey disse:

Mas ficar em pé estando costas no chao com a guarda passada, ou na meia guarda por baixo é uma coisa muito dificil, ainda mais quando se tem um bom wrestler ou alguém que estabiliza bem a posiçao.

 

Sem contar que é muito arriscado se levantar com o adversario colado em vocé ou muito proximo.

Até pode ser difícil, mas a questão é, que Jiu Jitsuka treina (tirando o Valderazzi, como dito por ele) sair de baixo a todo custo (não na brutalidade, mas na técnica mesmo) depois de derrubado? Muitos que estão por cima nem se preocupam com isso, pois no treino de jiu-jitsu não se tem adversário que está por baixo tentando sair e ficar em pé, o problema é essa falta de treino específico para esse tipo de situação que pode atrapalhar no desenvolvimento do jiu jitsuka no MMA, problema esse mais relacionado ao passador que está acostumado a treinar com guardeiro.

Além disso tudo, ainda temos a grade do octagon, que acaba ajudando a quem precisa ficar em pé.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 minuto atrás, Axe_Spartan disse:

Até pode ser difícil, mas a questão é, que Jiu Jitsuka treina (tirando o Valderazzi, como dito por ele) sair de baixo a todo custo (não na brutalidade, mas na técnica mesmo) depois de derrubado? Muitos que estão por cima nem se preocupam com isso, pois no treino de jiu-jitsu não se tem adversário que está por baixo tentando sair e ficar em pé, o problema é essa falta de treino específico para esse tipo de situação que pode atrapalhar no desenvolvimento do jiu jitsuka no MMA, problema esse mais relacionado ao passador que está acostumado a treinar com guardeiro.

Além disso tudo, ainda temos a grade do octagon, que acaba ajudando a quem precisa ficar em pé.

Na verdade ja vi muita gente muito boa em levantar e sair de posiçoes de baixo, mas em academias de jj,  no MMA tudo muda pois pra ficar em pé você terá que se expor a cotoveladas e socos.

 

Geralmente quem é passador levanta muito bem, pelo simples fato de nao confiar na propria guarda.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Uma raspagem que vejo muito pouca gente usando e acho eficiente demais é a pegando o katagami da guarda, principalmente quando voce toma uma cotovelada o golpe ta quase encaixado.

Vejo muita reposição de montada (e pior virar de costa) e pouco upa usando a cabeça. Acho que falta drills especificos para essas posições

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
18 horas atrás, Valderazzi disse:

Em primeiro lugar, alô meu brother! Tudo certo?

Pra quem nao sabe eu e o Masina dividimos tatame desde branca.

Exatamente isso.

A falta de controle de posição é algo que me assusta na atual geração de jiu jitsukas no MMA.

Fico impressionado com o número de pegada de costas e montadas perdidas bobamente hoje em dia.

 

Valdez, meu irmão. Saudade de ti. 

Concordo plenamente. No MMA, não dá para perder posição boa (pegada de costas e montadas, nem se fala). 

A distribuição do peso é algo que eu noto que a galera de antigamente fazia muito melhor do que a de hoje...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
17 horas atrás, Daniel Mendoza disse:

Vi seu comentário depois que respondi. Quais acham que são os maiores erros ao pegar as costas no mma?  @ValderazziValderazzi @MASINA@Andrey

Queria marcar mais pessoas mas eu não conheço.

Uma outra questão, quais aos os detalhes técnicos mais importantes controlar alguém por cima na meia guarda?

Me desculpem se as perguntas são bobas, sou bem leigo no chão.

Muita coisa já foi dita pelo Valderazzi. 

Mas acho que tem algo dificil de explicar que se soma a tudo isso que ele falou... Algo que o Rickson chamava de jiu jitsu invisivel...

Na minha cabeça, tem a ver exatamente com a distribuição de peso e com o conhecimento do timing de se movimentar...O bom lutador de Jiu está sempre pesando uma tonelada em cima do outro, EXCETO no momento em que o outro dá uma relaxada... É exatamente nesse momento da relaxada (ou do vacilo), que o cara de cima vai aliviar a pressão para bater, para tentar passar a guarda, para evoluir na posição... Pressão e timing... Timing e pressão...

Por isso que os rounds curtos dificultam para quem luta Jiu... Com a preparação física absurda de hoje em dia e sabendo um Jiu defensivo mais ou menos, o cara que está por baixo aguenta os 2 ou 3 minutos necessários para sobreviver...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
4 horas atrás, Andrey disse:

Mas ficar em pé estando costas no chao com a guarda passada, ou na meia guarda por baixo é uma coisa muito dificil, ainda mais quando se tem um bom wrestler ou alguém que estabiliza bem a posiçao.

 

Sem contar que é muito arriscado se levantar com o adversario colado em vocé ou muito proximo.

é bem difícil mesmo e se o cara é bom de g'n'p piora... pq você precisa usar as mãos pra tentar levantar, deixa de defender e toma porrada... então é bem difícil... antes era um parque de diversão pq não sabiam jiu-jítsu... depois que geral aprendeu ficar por baixo é muuuito complicado...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, MASINA disse:

Muita coisa já foi dita pelo Valderazzi. 

Mas acho que tem algo dificil de explicar que se soma a tudo isso que ele falou... Algo que o Rickson chamava de jiu jitsu invisivel...

Na minha cabeça, tem a ver exatamente com a distribuição de peso e com o conhecimento do timing de se movimentar...O bom lutador de Jiu está sempre pesando uma tonelada em cima do outro, EXCETO no momento em que o outro dá uma relaxada... É exatamente nesse momento da relaxada (ou do vacilo), que o cara de cima vai aliviar a pressão para bater, para tentar passar a guarda, para evoluir na posição... Pressão e timing... Timing e pressão...

Por isso que os rounds curtos dificultam para quem luta Jiu... Com a preparação física absurda de hoje em dia e sabendo um Jiu defensivo mais ou menos, o cara que está por baixo aguenta os 2 ou 3 minutos necessários para sobreviver...

o timing é falado muito em luta de trocação... daquele centésimo de segundo que pega primeiro. ou marcar a guarda do cara, marcar a sequência pra contra atacar quando o cara dá mole na guarda...

agora, no jiu-jítsu, particularmente... acho que é a segunda vez que ouço falarem timing...

jiu-jítsu precisa de tempo, isso em combate real e o vale-tudo era o mais próximo... o ufc sem limite de tempo e tal... depois que entrou rounds, como disse, o cara aguenta sobreviver esses minutinhos e depois ainda aprenderam a lutar jiu-jítsu e sobrevive ainda mais...

o jiu-jítsu é tudo, sem ele não sobrevive. mas a partir do momento que todos sabem o jogo trava no chão, fica muito difícil... os fora de série como Du Bronx, Demian, Serginho, Jacaré... esses ainda fazem a diferença e finalizam bastante...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, MASINA disse:

Na minha cabeça, tem a ver exatamente com a distribuição de peso e com o conhecimento do timing de se movimentar...O bom lutador de Jiu está sempre pesando uma tonelada em cima do outro, EXCETO no momento em que o outro dá uma relaxada... É exatamente nesse momento da relaxada (ou do vacilo), que o cara de cima vai aliviar a pressão para bater, para tentar passar a guarda, para evoluir na posição... Pressão e timing... Timing e pressão...

Exato. Depois que postei percebi que faltou falar isso. O problema é que essa dinamica de 5min de round meio que afoba o lutador (isso eu escrevi), quando o ideal é exatamente como tu descreveu. 

Isso que eu quis dizer pro Mendoza antez, com o "defender, controlar, atacar". A parte do "controlar" tem de ser exatamente dessa forma. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
6 horas atrás, Andrey disse:

Na verdade ja vi muita gente muito boa em levantar e sair de posiçoes de baixo, mas em academias de jj,  no MMA tudo muda pois pra ficar em pé você terá que se expor a cotoveladas e socos.

 

Geralmente quem é passador levanta muito bem, pelo simples fato de nao confiar na propria guarda.

Você não entendeu o que eu quis dizer ali, não estou falando do passador levantar, estou dizendo de ele evitar o cara de baixo dele levantar, já que não treinam isso na maioria das academia de jiu. Sei que um passador bom coloca MUITA pressão por cima, mas sem kimono, suando e sem treinar especificamente isso, acho que acaba complicando. Entretanto, talvez seja facilmente adaptável como o Valderazzi disse. Só estou dando meu pitaco aqui mesmo, não treino a arte (ainda) e não acompanho muito (a não ser campeonatos de sub-only). 😄

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
29 minutos atrás, Axe_Spartan disse:

Você não entendeu o que eu quis dizer ali, não estou falando do passador levantar, estou dizendo de ele evitar o cara de baixo dele levantar, já que não treinam isso na maioria das academia de jiu. Sei que um passador bom coloca MUITA pressão por cima, mas sem kimono, suando e sem treinar especificamente isso, acho que acaba complicando. Entretanto, talvez seja facilmente adaptável como o Valderazzi disse. Só estou dando meu pitaco aqui mesmo, não treino a arte (ainda) e não acompanho muito (a não ser campeonatos de sub-only). 😄

O treinamento é adaptável. Já o atleta, depende.

Você foi muito preciso na observação, é algo inerente à dinâmica de combate da midalidade enquanto esporte o atleta de baixo nao buscar voltar em pé. 

Mas para MMA já no final dos anos 90 a orientação do proprio Carlson era pé na virilha e levantada técnica. 

O problema era quando se enfrentava wrestler melhor de trocacao. Aí acontecia algo do tipo Frye x Bitetti (ali alem de tudo tinha uma boa diferença de peso).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Coloquei neste link duas opiniões diferentes que servem para esta discussao sobre JJ para o MMA.  Ambas tem seu merito, mas ainda fico com o Relson.  

E sem querer desvirtuar o topico, um video que mostra o obvio que muitos esquecem as vezes. Como o Judo pode ser importante. 

 

Editado por Gurkha

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora