Entre para seguir isso  
Henry Chinasky

As estatísticas que definirão Robert Whittaker vs. Yoel Romero II

Recommended Posts

 

As estatísticas que definirão Robert Whittaker vs. Yoel Romero II no UFC 225

 

Romero-x-Robert-Whittaker.jpgNo evento principal do UFC 225 na noite de sábado, o campeão dos médios Robert Whittaker colocará seu título em jogo contra Yoel Romero. Os dois se enfrentaram pelo título provisório no UFC 213 e Whittaker saiu com uma vitória decisiva. Desde aquela noite, Whittaker foi promovido a campeão indiscutível e ficou de fora com uma lesão, enquanto Romero derrotou o ex-campeão do UFC Luke Rockhold.
A primeira luta de Whittaker-Romero destacou várias divergências estilísticas entre os dois lutadores. No sábado, muitas dessas diferenças provavelmente terão papéis importantes no combate.
O que se segue é a análise das categorias estatísticas ligadas a essas diferenças estilísticas que podem acabar sendo a diferença.
 

Takedowns

Um dos aspectos mais impressionantes da primeira apresentação de Whittaker contra Romero foi a sua capacidade de manter a luta em pé. Romero, ex-medalhista olímpico no wrestling , conseguiu quatro quedas, mas também perdeu 14 tentativas e conseguiu apenas uma nos três rounds finais. Com as 14 quedas perdidas, Romero empatou Mark Munoz e Rousimar Palhares na terceiro lugar em número de quedas perdidas entre os médios.
A exibição de Wrestling defensivo de Whittaker não foi uma aberração de uma luta. Em sus carreira no UFC, ele defendeu com sucesso 86% das tentativas de queda de seus oponentes. Até a luta com Romero, ele havia permitido apenas três takedowns em 11 lutas.
Apesar de ter vindo de um histórico de wrestling, Romero nunca foi excessivamente dependente de wrestling. Ele não conseguiu uma queda em mais da metade de suas lutas no UFC / Strikeforce, e em sua última luta contra Rockhold, ele nem tentou uma queda. No entanto, a luta defensiva de Whittaker pode ajudar a limitar o impacto do wrestling de Romero e fazer desta uma competição impressionante.
 

Golpes Desferidos

No UFC 213, Whittaker ultrapassou Romero por 74 a 48 em ataques significativos. Um elemento-chave que levou ao seu domínio estatístico foram os golpes lancados . Ele tentou 221 ataques significativos, enquanto Romero tentou apenas 107.
Esses números representam uma grande diferença estilística entre os dois lutadores. Em toda a sua carreira no UFC, Whittaker tentou 11,63 ataques significativos por minuto e alcançou 4,77. Romero chega com uma precisão maior, 52% comparado a 41%, mas ele é muito menos ativo como atacante. Ele tenta apenas 5.87 ataques significativos por minuto, o que o deixa com 3.06 alcancados por minuto.
Se Whittaker for mais uma vez capaz de manter a luta em pé, deverá ser capaz de desgastar Romero com seu volume. Em sua primeira luta, ele conseguiu apenas 33 por cento de suas tentativas de striking mas como que ele jogou 221, seus ataques foram mais que suficientes para levá-lo a uma vitória decisiva.
 

Golpes Acertados

Não só Whittaker, mas também Rockhold teve uma vantagem considerável em termos golpes Desferidos na cabeça. Ele conseguiu 46 ataques de cabeça significativos, absorvendo apenas 20. No geral, Romero é um atacante muito mais diversificado em termos de alvo. Ele consegue 55% de seus ataques na cabeça, 21% no corpo e 24% nas pernas. Enquanto isso, Whittaker é muito mais um "headhunter". Ele consegue uma esmagadora maioria de seus ataques significativos (75%,)  nas cabeças de seus oponentes.
No decorrer de sua carreira, Romero fez um bom trabalho defendendo golpes na cabeça e forçando oponentes a procurar outros alvos, já que apenas 49% de seus ataques absorvidos foram na cabeça. No entanto, na primeira luta, 62% dos ataques de Whittaker foram para a cabeça de Romero.
Para ser bem sucedido, Romero terá que encontrar uma maneira de escapar dos golpes  cabeça e fazer valer seu striking  mais diversificado.
 

Potência nos Golpes

Ainda que a primeira luta tenha durado  25 minutos, ambos os lutadores têm a capacidade de terminar um combate  com seu poder de ataque.Whittaker conseguiu pelo menos um knockdown em seis de suas 12 lutas no UFC, e ele tem médias de 0,87 knockdowns por 15 minutos de luta. Por outro lado, Romero conseguiu pelo menos um knockdown em seis de suas 11 lutas no UFC / Strikeforce. O ex-lutador tem em média 0,75 knockdowns por 15 minutos. Nenhum lutador registrou um knockdown na primeira luta, mas ambos os lutadores precisam ser afiados defensivamente. Caso contrário, eles poderão ir para a lona depois de um duro golpe.
 
 
Editado por Henry Chinasky

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
53 minutos atrás, destructor666 disse:

romero deve vir sedento pelo titulo, deve vencer sem dificuldades pela inatividade do uiteiquer.

é difícil prever. Já vimos muitos caras sentir a volta de lesão, como o Velasquez (pode já ter sido a Usada tb), mas já vimos caras voltarem voando, como o Cruz depois de dois anos e não sei quantas cirurgias, desacreditado por todos até que voltaria a lutar..

 

mas uma coisa é certa, o Romero vem com o cão querendo esse cinturão..

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O Whitaker tem muito mais volume mesmo de jogo. Enquanto o Romero se faz valer da mão pesada.

Vamos ver qual vai ser a Estratégia do Romero. As estatísticas mostram que ele derrubou 4 em 18 na luta anterior, com 22% de aproveitamento. Número mais significativo do que os 14% de eficiência do próprio Whitaker em defender as quedas.

Se ele esquecer a trocação e tentar 30 quedas, semelhante ao número que o Demian tentou contra o Woodley, e mantendo a eficiência de 22%, ele deve conseguir algo em torno de 7 ou 8 quedas que o ajudariam numa eventual decisão.

Some-se isso ao fato de o campeão vir de uma lesão, que não sabemos se vai limitar o jogo de wrestling, ou a forte base que ele tem, e isso poderá ser um fator decisivo na luta.

Se inventar de trocar, vai cair no mesmo alçapão. Whitaker tem mais volume, mais velocidade e mais gás, euito queixo, diga-se de passagem. Não perde essa luta em pé.

Se eu fosse o Romero, jogaria com os números e iria buscar um porto mais seguro pra atracar meu barco...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ninguém comentou das pernas do Whittaker, mas eu o farei. Essas se mostraram suscetíveis aos potentes chutes do cubano e acredito que isso precisa ser repetido. Quase acaba a luta com aquilo. A mira tem que ser nas pernas. Mas acredito na vitória do Whittaker.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
4 minutos atrás, junior-sjc disse:

O Whitaker tem muito mais volume mesmo de jogo. Enquanto o Romero se faz valer da mão pesada.

Vamos ver qual vai ser a Estratégia do Romero. As estatísticas mostram que ele derrubou 4 em 18 na luta anterior, com 22% de aproveitamento. Número mais significativo do que os 14% de eficiência do próprio Whitaker em defender as quedas.

Se ele esquecer a trocação e tentar 30 quedas, semelhante ao número que o Demian tentou contra o Woodley, e mantendo a eficiência de 22%, ele deve conseguir algo em torno de 7 ou 8 quedas que o ajudariam numa eventual decisão.

Some-se isso ao fato de o campeão vir de uma lesão, que não sabemos se vai limitar o jogo de wrestling, ou a forte base que ele tem, e isso poderá ser um fator decisivo na luta.

Se inventar de trocar, vai cair no mesmo alçapão. Whitaker tem mais volume, mais velocidade e mais gás, euito queixo, diga-se de passagem. Não perde essa luta em pé.

Se eu fosse o Romero, jogaria com os números e iria buscar um porto mais seguro pra atracar meu barco...

mas como fica a cabeça do lutador lembrando da ultima luta onde não conseguia derrubar? psicológico de atleta de alto rendimento é foda.. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
8 minutos atrás, SuperBushido disse:

Ninguém comentou das pernas do Whittaker, mas eu o farei. Essas se mostraram suscetíveis aos potentes chutes do cubano e acredito que isso precisa ser repetido. Quase acaba a luta com aquilo. A mira tem que ser nas pernas. Mas acredito na vitória do Whittaker.

bem lembrado..

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
54 minutos atrás, SuperBushido disse:

Ninguém comentou das pernas do Whittaker, mas eu o farei. Essas se mostraram suscetíveis aos potentes chutes do cubano e acredito que isso precisa ser repetido. Quase acaba a luta com aquilo. A mira tem que ser nas pernas. Mas acredito na vitória do Whittaker.

Em compensação, agora o Whittaker tá ligado nisso tbm. Pode montar um contragolpe pra isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso