Eder Jofre55

Mackenzie detalha dificuldades com o corte de peso e lamenta: “Vergonha”

Recommended Posts

1 hora atrás, Andrey disse:

Exato.

Sem contar que ta todo mundo falando que ela só quer balada, etc e nem conhecem ela, só ”ouviram falar aqui”.

Cara, ela acabou de ser expulsa da academia que treinava, chega com esse shape pra pesagem e possui histórico da mesma falha. Infelizmente não dá pra passar a mão na cabeça.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 minutos atrás, Shaun disse:

Cara, ela acabou de ser expulsa da academia que treinava, chega com esse shape pra pesagem e possui histórico da mesma falha. Infelizmente não dá pra passar a mão na cabeça.

Eu não disse em momento algum que ela não errou, mas quem tem que punir é a empresa na qual ela trabalha, ela tem 7 lutas na carreira sendo só duas pelo UFC, que tirando uma meia dúzia de lutadoras, a maioria é bem amadora ainda.

Só acho que tão crucificando demais, 

Sobre a academia, o motivo foi porque ela quase não ia lá pois passa a maior parte do tempo na California, e a meu ver ela tem muito mais a ganhar e aprender treinando na California com inúmeros ótimas academias e vivendo um lifestyle muito melhor do que onde é sua antiga equipe.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
47 minutos atrás, Andrey disse:

Ela é estadunidense com cidadania brasileira. Nascida, criada, mora e treina nos Estados Unidos.

 

Ela é tão brasileira quanto eu sou Italiano e inglês.

Cain é nascido e criado nos EUA, mora e treina nos EUA, mas se associa ele ao que? EUA ou México?

Eu citei todos os motivos que levam a ela ser brasileira também, nada anormal 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
17 minutos atrás, Lucas Timbó disse:

Cain é nascido e criado nos EUA, mora e treina nos EUA, mas se associa ele ao que? EUA ou México?

Eu citei todos os motivos que levam a ela ser brasileira também, nada anormal 

Ela tem cidadania brasileira, nasceu, foi criada, mora nos Estados Unidos, ela é de lá assim como Cain que fala espanhol pior até do que eu.

 

Falar mal do MMA brasileiro por um erro dela não da.

 

Concordamos em discordar, abraço.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, ravi disse:

todo mundo lá fora ta chamando ela de brasileira

e indo na do colby

BRAZIL IS A DUMB

FILTHY ANIMALS

Ben Johnson, famoso corredor pego por doping há algumas décadas, era jamaicano naturalizado canadense. Quando tava no topo, era canadense, depois que ficou manchado, lembraram que era jamaicano.

Esses países de primeiro mundo tratam a gente como lixo mesmo. Se a menina tivesse dando show, iam bater no peito. Como anda dando bola fora, é brasileira. Dureza...

1 hora atrás, Lucas Timbó disse:

O português da Mackenzie é melhor do que o de muita gente nascida aqui no Brasil. Em todas as entrevistas dela, ela mostrou apenas um certo sotaque, mas fala perfeitamente bem. 

A ligação dela com o Brasil não é apenas ser filha do Megaton. Tem um vídeo do mundial de bjj de 2001, salvo engano, no Rio, em que ela aparece ainda criança lá. Sempre ficava entre Brasil e EUA, inclusive aprendeu a falar português juntamente com o inglês, segundo ela. Fora que tem nacionalidade brasileira, então constitucionalmente é brasileira sim. 

Pô, Timbó, 10 anos de curso, e respondendo coisas que eu não falei? rs. Ela é brasileira sim, por conta de ser filha de brasileiro (critério do ius sanguini), mas não por ter nascido aqui (critério do ius soli), ter sido criada aqui etc. Nasceu nos EUA e foi criada lá. Brasileira igual o Velasques ser mexicano. Lembra do rolo que deu quando ele foi lutar com o Werdum?

E sobre a língua portuguesa, lembro ela mesma ter admitido certa dificuldade em uma entrevista, mas infelizmente não estou encontrando aqui na net pra te citar a fonte.

Abs,

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Lucas Timbó disse:

O português da Mackenzie é melhor do que o de muita gente nascida aqui no Brasil. Em todas as entrevistas dela, ela mostrou apenas um certo sotaque, mas fala perfeitamente bem. 

A ligação dela com o Brasil não é apenas ser filha do Megaton. Tem um vídeo do mundial de bjj de 2001, salvo engano, no Rio, em que ela aparece ainda criança lá. Sempre ficava entre Brasil e EUA, inclusive aprendeu a falar português juntamente com o inglês, segundo ela. Fora que tem nacionalidade brasileira, então constitucionalmente é brasileira sim. 

Pra mim o português dela é melhor que o inglês 

Editado por Roy Munson

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
52 minutos atrás, Andrey disse:

Eu não disse em momento algum que ela não errou, mas quem tem que punir é a empresa na qual ela trabalha, ela tem 7 lutas na carreira sendo só duas pelo UFC, que tirando uma meia dúzia de lutadoras, a maioria é bem amadora ainda.

Só acho que tão crucificando demais, 

Sobre a academia, o motivo foi porque ela quase não ia lá pois passa a maior parte do tempo na California, e a meu ver ela tem muito mais a ganhar e aprender treinando na California com inúmeros ótimas academias e vivendo um lifestyle muito melhor do que onde é sua antiga equipe.

 

Vc foi bem claro em reconhecer o erro dela. Acho que ela atraiu essa cobrança pelos motivos que debatemos acima. São frutos da maior exposição. Quanto mais holofotes, mais gente de olho no que acontece. E algumas pessoas até gostam disso.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Andrey disse:

Ela é estadunidense com cidadania brasileira. Nascida, criada, mora e treina nos Estados Unidos.

 

Ela é tão brasileira quanto eu sou Italiano e inglês.

Tá forçanda a barra demais...

Zidane não é francês.

Seedorff não é holandês.

Hoost não é holandês...

Se for tudo muito preto no branco ninguém tirava dupla cidadania e etc. As maiores potências do primeiro mundo aceitam cidadania e tal.

Tem passaporte por patentesco, sangue... é, ponto e acabou. O planeta pensa assim.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Gordelícia news

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
20 minutos atrás, Axiotis disse:

Tá forçanda a barra demais...

Zidane não é francês.

Seedorff não é holandês.

Hoost não é holandês...

Se for tudo muito preto no branco ninguém tirava dupla cidadania e etc. As maiores potências do primeiro mundo aceitam cidadania e tal.

Tem passaporte por patentesco, sangue... é, ponto e acabou. O planeta pensa assim.

 

Brother, falaram mal do MMA brasileiro por causa do erro dela, ela tem documentos brasileiros mas nasceu lá, treina lá, luta lá, ou seja, “confundiram” as coisas na hora de criticar. Simples assim.

 

E o argumento que ela fala melhor português do que inglês, é ou falta de conhecimento de português, ou de inglês, ou ambos.

 

Abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
3 horas atrás, Sartori disse:

Que bata o peso das proximas vezes e pronto, pessoal falando horrores ai sendo que varios outros atletas já não bateram e ninguem fez esse auê todo.

 

3 horas atrás, Andrey disse:

Exato.

Sem contar que ta todo mundo falando que ela só quer balada, etc e nem conhecem ela, só ”ouviram falar aqui”.

O que mais tem é lutador baladeiro, mas não é porque no instagram dela ela fica postando foto na praia que ela não treine pesado.

Ela errou, mas a partir do momento que a adversária pegou 30% da bolsa e aceitou lutar, não pode mais chorar.

Concordo com os dois.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 hours ago, Barbas said:

Ben Johnson, famoso corredor pego por doping há algumas décadas, era jamaicano naturalizado canadense. Quando tava no topo, era canadense, depois que ficou manchado, lembraram que era jamaicano.

Esses países de primeiro mundo tratam a gente como lixo mesmo. Se a menina tivesse dando show, iam bater no peito. Como anda dando bola fora, é brasileira. Dureza...

Pô, Timbó, 10 anos de curso, e respondendo coisas que eu não falei? rs. Ela é brasileira sim, por conta de ser filha de brasileiro (critério do ius sanguini), mas não por ter nascido aqui (critério do ius soli), ter sido criada aqui etc. Nasceu nos EUA e foi criada lá. Brasileira igual o Velasques ser mexicano. Lembra do rolo que deu quando ele foi lutar com o Werdum?

E sobre a língua portuguesa, lembro ela mesma ter admitido certa dificuldade em uma entrevista, mas infelizmente não estou encontrando aqui na net pra te citar a fonte.

Abs,

exatamente cara

mandou bem concordo

se fosse limpa era americana

mas como foi trapaceira é brasileira

Não se enganem o americano padrão é estilo colby !

 

puta que pariu se o rda perder p esse cara...

adoro esse nosso lugar cara mas as vezes é foda queimam demais agente la fora

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

caralho mermao.....o rda perder p esse cara vai ser fodaaaaa

Editado por ravi

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
6 horas atrás, Barbas disse:

Ela é norte-americana, nascida lá inclusive. Sequer o português dela é 100%. Acho que um dos pais é brasileiro, é somente essa a ligação dela com o Brasil. A crítica, nesse caso específico, não é justa aos brasileiros. 

Acho que vc não precisava ir tão longe, pelo fato dela não ser brasileira. E não acho que ela mandou bem falando da questão das drogas. Ela errou, dise que vai melhorar, já era o suficiente. Não precisava mencionar o vício do outro, parece que tá se nivelando por baixo. Só faltou falar do outro que quebrou o ônibus.

Você entendeu que foi uma ironia, certo?

Não é se nivelar por baixo: é escancarar a hipocrisia. Alguém fica de frescurinha se um cara desses não bate peso? Fica com a piadinha "shape de gordinha" pra qualquer dopado desses aí que sua gasolina, mas não consegue botar uma gota de água a mais pra fora?

E daí se ela não bateu o peso "em 2 ou 3 oportunidades": o evento manteve, multou a lutadora e ela foi vitoriosa. Vida que segue. Na próxima, o evento cancela a luta, mete no rabo dela e talvez ela se manque.

Agora fica um bando de marmanjo sentado na frente do computador a bom definir se a atleta é responsável ou não, guerreira ou não, comprometida ou não, patriota ou não, brasileira ou não...

Resumindo: Mackenzie errou, foi multada, lutou, venceu, assumiu o erro, se comprometeu a fazer melhor. O evento chancelou. A partir daí é outra história. Ou o UFC não tem parte da culpa nisso tudo?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora