Entre para seguir isso  
Seguidores 0
lost

Dana cutuca Werdum: "Tinha que nocautear, mas foi no double leg"

26 posts neste tópico

Presidente não entende revolta do brasileiro, após juízes apontarem vitória de Overeem, e elogia Whittaker: "Defesas de quedas incríveis e com uma perna só"

Após Bruce Buffer anunciar que os juízes anotaram Alistair Overeem como vencedor por decisão majoritária (28-28, 29-28 e 29-28) na co-luta principal do UFC 213, Fabricio Werdum não escondeu sua frustração e discordância do resultado oficial, inclusive, postando uma imagem em uma rede social que mostrava as estatísticas da luta contra o holandês. No entanto, muitos fãs acreditam que o resultado poderia ter sido outro, se o brasileiro tivesse aproveitado o bom momento no terceiro round do combate, quando o adversário estava "entregue" após seguidos golpes. Um que compartilha desse sentimento é Dana White, presidente do Ultimate, que, após o evento, não entendeu a irritação do peso-pesado gaúcho.    

- A loucura é que não acho que seja ciência, mas, ao ir para o terceiro round, eu achava que o Werdum precisava nocautear ou finalizar. Como alguém poderia pontuar 10-8 naquela luta? Não vejo possibilidade. E o mais próximo disso foi justamente no terceiro round, quando o Werdum o machucou, mas levou para o chão e deixou na mão dos juízes. O cenário é você está com o cara rezando pela própria vida, está golpeando à vontade, e decide dar um double leg e segurar o cara no chão. Com o que você fica chateado? - questionou Dana White, na coletiva de imprensa após o UFC 213. 

O presidente do Ultimate, entretanto, mudou o tom ao falar do grande destaque da noite, o novo campeão interino dos pesos-médios, Robert Whittaker. Dana White mostrou empolgação com o desempenho do australiano na vitória "de virada" sobre o cubano Yoel Romero e elogiou a qualidade das defesas de queda do lutador de 26 anos.

- Whittaker pareceu absolutamente incrível. Se você assistir sua luta com Jacaré, eu disse antes daquela luta que ela seria determinada pelo primeiro clinche. Robert escapou e venceu. Aí você vê nessa luta com o Romero, que ele praticamente estava lutando com uma perna só. Sua defesa de queda foi inacreditável, e seu córner foi insano. Eu ouço o córner em todas as lutas, e seus treinadores o orientaram bem round a round, tiraram seu foco da perna. Foi incrível. Ele parecia realmente lesionado no primeiro round, sua perna estava completamente destruída e sua performance foi incrível. Aos 26 anos de idade, você pensa, como será esse cara quando tiver 29? E seu time também é muito bom - disse o presidente. 

Segundo Dana White, agora, a companhia trabalha para que a luta de unificação dos cinturões aconteça em novembro, em Sydney, Austrália. De acordo com o presidente do UFC, esse é o caminho natural, descartando totalmente o confronto entre Bisping e Georges St-Pierre. 

- O "barco" do Georges St-Pierre partiu e essa luta não vai mais acontecer. Tivemos uma coletiva de imprensa para aquela luta, mas não aconteceu. Temos que seguir adiante. Ainda mais depois de uma luta como essa de hoje. Esta (Bisping x Whittaker) é a luta que tem que acontecer, e vai acontecer. Não (estamos planejando fazer), mas adoraria fazer essa luta na Austrália. Não digo que faremos isso, mas gostaria de fazê-lo - afirmou Dana. 

O presidente do UFC ainda lamentou o desempenho do experiente Travis Browne, que foi finalizado pelo russo Alexey Oleynyk, revelando ainda que acredita que chegou o momento do americano se aposentar do MMA. Por fim, Dana White também mostrou empolgação com o desempenho de Justin Gaethje, na luta principal do TUF 25 Finale, na sexta-feira.

- Obviamente, aquele garoto (Justin Gaethje) entra no top 5 da categoria, após aquela performance. E tem Khabib NNurmagomedov e Tony Ferguson  ali. Há muitas lutas boas para serem marcadas enquanto Conor não volta. Ainda quero ver Khabib x Tony. Não tem que acontecer antes, mas gostaria de vê-la. Vamos ver o que acontece. Khabib deveria vir a Las Vegas para o instituto de performance e trabalhar com nossos nutricionistas, mas, se ele não estiver pronto para lutar, eu faria Tony x Gaethje - concluiu Dana White.

http://sportv.globo.com/site/combate/noticia/2017/07/dana-cutuca-werdum-tinha-que-nocautear-mas-foi-no-double-leg.html

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tb não sei do que o Werdum tá reclamando, vendo que ele mesmo admite que teria vencido por uma "pequena" diferença....Quando deixa para os juizes não adianta reclamar se a luta foi morna.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pra mim o erro foi do Rafael Cordeiro, que afirmou pra ele que ele venceu o round 1.Considerando isso, o werdum botou pra baixo no round 3, o que lhe garantiria a vitória.

Rafael é um dos grandes treinadores de MMA, um cara com uma experiência gigante, não poderia dar como ganho um round parelho daqueles, e traçar a estratégia restante da luta se baseando como garantido que ele venceu o round 1.

E recorrer vai ser perda de tempo. Não vai arrumar nada.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O Werdum se auto-destruiu ali. Concordo. 

O Wnitaker realmente foi impressionante em todos os aspectos: Psicológico, defesa de quedas, inteligência, frieza e etc. 

O Justin (Vândalo) podiam casar pra gente o interino entre ele e o Ferguson em 5 rounds. Por favor, façam isso. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O mais estranho foi o Werdum fazer nada no chão??

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
13 minutos atrás, NEGO DÁGUA disse:

O mais estranho foi o Werdum fazer nada no chão??

Ele achou quetinha ganhado o 1º round. Isso só prova que o erro foi dele mesmo. Não dos juízes. Porque você ter a chance de acabar a luta, daí derruba, e se não bastasse, fica de cobertor... é foda. A intenção foi manter o Bomba no chão e ganhar na decisão dos juízes em uma luta apertada daquela. Viajou legal e pagou por isso. 

Pra mim, Overrem venceu o 1º e 2º round e Werdum o 3º. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
27 minutos atrás, cisao disse:

Ele achou quetinha ganhado o 1º round. Isso só prova que o erro foi dele mesmo. Não dos juízes. Porque você ter a chance de acabar a luta, daí derruba, e se não bastasse, fica de cobertor... é foda. A intenção foi manter o Bomba no chão e ganhar na decisão dos juízes em uma luta apertada daquela. Viajou legal e pagou por isso. 

Pra mim, Overrem venceu o 1º e 2º round e Werdum o 3º. 

Penso igual. Werdum tinha o nocaute na mão e o mais difícil de entender é porquê não aproveitou. Saná está bem correto nas declarações, gostem dele ou não.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, digo138 disse:

Pra mim o erro foi do Rafael Cordeiro, que afirmou pra ele que ele venceu o round 1.Considerando isso, o werdum botou pra baixo no round 3, o que lhe garantiria a vitória.

Rafael é um dos grandes treinadores de MMA, um cara com uma experiência gigante, não poderia dar como ganho um round parelho daqueles, e traçar a estratégia restante da luta se baseando como garantido que ele venceu o round 1.

E recorrer vai ser perda de tempo. Não vai arrumar nada.

 

Esse é um problema da maioria dos corners. Para eles o lutador sempre está fazendo um bom trabalho, sempre ganha round.

Ficam passa do à mão na cabeça do lutador como se estes tivessem que ser mimados.

Fala a verdade logo pro cara! O primeiro foi apertado, não dá pra se colocar no boné dos juízes e pronto.

Aposto que o werdum nunca teria ido para a queda caso o Cordeiro lhe dissesse que perdeu o primeiro round

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Concordo em partes com Dana.  Pra mim foi 10x8 o terceiro round.  Alistair venceu os dois primeiros, ou seja, resultado final empate 28x28. Mas sim, foi inacreditável aquele double leg.  Werdum respeita demais a trocação do Alistair. Holandês tava se entregando e mesmo assim ele evitou a troca franca.  

E se de fato o Cordeiro disse q ele ganhou o primeiro round, tem grande parcela de culpa nisso. Não tem como Werdum ter ganho aquele round, e como não é praxe dar 10x10, a vitória foi do Alistair que controlou a distância e chegou a desequilibrar o Werdum com um soco. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Infelizmente Grana White está certo. Werdum perdeu a luta quando desistiu do nocaute e botou pra baixo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
10 minutos atrás, junior-sjc disse:

Esse é um problema da maioria dos corners. Para eles o lutador sempre está fazendo um bom trabalho, sempre ganha round.

Ficam passa do à mão na cabeça do lutador como se estes tivessem que ser mimados.

Fala a verdade logo pro cara! O primeiro foi apertado, não dá pra se colocar no boné dos juízes e pronto.

Aposto que o werdum nunca teria ido para a queda caso o Cordeiro lhe dissesse que perdeu o primeiro round

Antigamente os corners eram mais linha dura. Hoje em dia só faltam fazer carinho nos lutadores.

Se eu estivesse no corner eu daria uma escroteada no lutador e exigiria que ele fizesse melhor no round seguinte.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, junior-sjc disse:

Esse é um problema da maioria dos corners. Para eles o lutador sempre está fazendo um bom trabalho, sempre ganha round.

Ficam passa do à mão na cabeça do lutador como se estes tivessem que ser mimados.

Fala a verdade logo pro cara! O primeiro foi apertado, não dá pra se colocar no boné dos juízes e pronto.

Aposto que o werdum nunca teria ido para a queda caso o Cordeiro lhe dissesse que perdeu o primeiro round

Entendo o lado de querer motivar o atleta, mas essa coisa de afirmar que o cara venceu um round, só se for incontestável! Um cara com a vasta experiência do Rafael, conhecendo o comportamento dos juízes, não poderia ter dado essa certeza pro Werdum de que ele venceu o round. Isso custou a luta.

Volto a dizer que acho o Cordeiro um dos melhores coachs de MMA da atualidade. Mas nesse luta ele cometeu um erro grave. O Werdum perdeu, pois confiou na avaliação equivocada dele de que tinha vencido o round 1.

Nenhum dos 3 juízes deu o round 1 pro Werdum. Na transmissão do Combate, cada comentarista deu pra um lado. Aceita e segue em frente.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, digo138 disse:

Pra mim o erro foi do Rafael Cordeiro, que afirmou pra ele que ele venceu o round 1.Considerando isso, o werdum botou pra baixo no round 3, o que lhe garantiria a vitória.

Rafael é um dos grandes treinadores de MMA, um cara com uma experiência gigante, não poderia dar como ganho um round parelho daqueles, e traçar a estratégia restante da luta se baseando como garantido que ele venceu o round 1.

E recorrer vai ser perda de tempo. Não vai arrumar nada.

 

Isso que comentei no outro tópico, sobre o recurso do Werdum. Se o Cordeio disse isso, também acho que ali foi o grande equívoco. Só pode falar que ganhou o round quando for muito claro e ali obviamente não era o caso.

Sobre o Gaethje, estou curioso para ver uma luta dele contra o Ferguson ou contra o Cerrone (se conseguir lutar novamente de leve).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nao vejo como dar o primeiro round pro bomba...simples assim. O justo seria o empate no round...mas se for dar o round para alguem, nunca que seria o bomba...nao fez absolutamente nada no round.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Concordo, tá na conta do Cordeiro essa.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar Agora
Entre para seguir isso  
Seguidores 0