Entre para seguir isso  
Seguidores 0
MestreHulk

Comissão aprova novas regras para corte de peso e cria mais 4 categori

15 posts neste tópico

combate

Comissão aprova novas regras para corte de peso e cria mais 4 categorias

Medidas como multa maior para lutadores que falharem na pesagem e verificação do peso no dia da luta são alguns dos pontos aprovados para prevenir forte desidratação

17/05/2017 08h00 - Atualizado em 17/05/2017 16h01

Por Combate.com

Los Angeles, EUA

Nesta terça-feira, a Comissão Atlética do Estado da Califórnia (CSAC, sigla em inglês) aprovou um plano de 10 pontos contra a prática de corte extremo de peso, visando uma maior proteção aos atletas envolvidos no evento. Propostas pela primeira vez em março, as medidas passaram na reunião em Los Angeles por unanimidade (6-0) e começarão a ser implementadas em 15 de junho, antes do UFC 214, que acontece no dia 29 de julho, em Anaheim.

Pesagem Johny Hendricks UFC 207 (Foto: Evelyn Rodrigues )

Johny Hendricks é um dos lutadores que sempre apresentam dificuldades com a balança (Foto: Evelyn Rodrigues )

Entre os principais tópicos que constam nas medidas aprovadas pela CSAC, estão multa maior para o atleta que não conseguir bater o peso, sugestão para criação de mais quatro categorias, dando assim mais opções aos lutadores, restrições a quem falhar na pesagem mais de uma vez e uma segunda pesagem oficial, no dia do evento.

Organizações de MMA como o UFC, Bellator e Invicta FC apoiaram o pacote de mudanças no estado, em demonstração de preocupação com a saúde dos atletas. Associações de boxe também estão de acordo com as novas medidas.

- As partes interessadas (organizações de MMA) estavam envolvidas neste processo. Posso dizer com certeza que os promotores de lutas concordam que o corte extremo de peso é um grande problema também. Isso não é apenas unilateral. Este é um problema para eles, este é um problema para toda a indústria - disse Andy Foster, diretor executivo da CSAC.

Ainda que os promotores e representantes das organizações estejam de acordo com as mudanças, isso não significa que eles devam imediatamente adotar, como a criação de novas categorias. O Bellator, por exemplo, enviou uma carta solicitando a implementação gradual das novas divisões de peso.

No pacote de mudanças se encontra uma pesagem dos lutadores 30 dias e 10 dias antes, em caso de "disputa de título de alto nível". Assim, os organizadores e a própria Comissão teriam condições de avaliar se, realmente, os lutadores se encontram na categoria segura para que haja o corte de peso no dia anterior ao combate.

- Se temos um lutador contratado para os pesos-leves (até 70kg), mas estão com 88kg um mês antes, então, talvez, seja hora do promotor, dos médicos, analisarem e questionarem se é, realmente, a categoria ideal - afirmou Foster.

Veja abaixo o plano de 10 pontos aprovados pela Comissão da Califórnia:

1) Solicitar que os lutadores de MMA selecionem a categoria de peso mais baixa para competir. Fazer perguntas sobre o corte de peso e desidratação para que seja aprovado para competir. A divisão escolhida deve ser declarada segura por um médico;

2) O lutador que falhar na pesagem oficial é multado em 20% da sua bolsa, com 10% indo para a Comissão e 10% para seu adversário. Além de um desconto de 20% no bônus de premiação, em caso de vitória, com o dinheiro indo integralmente para o oponente;

3) Quatro classes de peso adicionais - 165 libras (74,8kg), 175 libras (79,4kg), 195 libras (88,5kg) e 225 libras (102,1kg) - para dar aos atletas mais opções;

4) Alterações de política para a forma como as lutas são aprovadas, com ênfase na categoria de peso apropriada;

5) Restrições de categoria de peso para lutadores que falharem na pesagem mais de uma vez. Esses atletas podem ser obrigados a competir em uma divisão mais alta até que um médico certifique que é apropriado e a Comissão aprove;

6) Continua o procedimento de pesagem mais cedo, na véspera da luta, para permitir aos lutadores o tempo máximo para reidratação;

7) Uma segunda verificação do peso no dia do evento, para garantir que os lutadores não ganharam de volta mais que 10% do seu peso corporal. Atletas que ganharem peso excessivo podem ser convidados a passar para uma categoria de peso mais alta;

8) Verificar a desidratação por gravidade específica da urina e/ou física por médicos da CSAC.

9) Recomendação de uma verificação de peso de 30 dias e 10 dias antes para "lutas de título de alto nível", semelhante àquelas feitas por algumas organizações de boxe;

10) Exame e educação para matchmakers, promotores de evento, treinadores e atletas na oferta, aceitação e contratação de lutas.

Banner institucional Combate (Foto: Editoria de arte)

Assine o Combate e assista ao vivo e com exclusividade a todos os eventos do UFC

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

acho que (88,5kg)lbs 195 seria a categoria ideal para o Lyoto Machida xD

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

acho que (88,5kg)lbs 195 seria a categoria ideal para o Lyoto Machida xD

no caso do lyoto não fica muito pesado e lento como 93 e nem muito fraco como 84, menor desgaste no corte de peso uma categoria muito boa para os cara mais velhos no esporte cara acima de 38 anos que já não batem o peso de 84 com facilidade sem se desgastar muito, este peso acho que seria ideal para o belfort por exemplo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Gostei, fica de 10 em 10 libras dos moscas até os meio-pesados, só não acho essa de 225 necessária. O resto acho ótimo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu sugeriria a pesagem apenas algumas horas antes do evento.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ruim se acontecer. Menos lutas entre os principais lutadores, banalização de cinturão e evento todo fim de semana com cards de uma/duas lutas boas.

Melhor seria o ponto 5 funcionar forte.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Postado (editado)

Duplo

Editado por danielxisto

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

no caso do lyoto não fica muito pesado e lento como 93 e nem muito fraco como 84, menor desgaste no corte de peso uma categoria muito boa para os cara mais velhos no esporte cara acima de 38 anos que já não batem o peso de 84 com facilidade sem se desgastar muito, este peso acho que seria ideal para o belfort por exemplo.

Lyoto não era lento na 93!

Em compensação, comprando com os monstros de hoje, muito fraco para 93kg.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

eu gostei hein,uma entre meio pesados e pesados e outra entre médios e meio pesados...Shogun pegando gusta e jones parecia médio contra pesado

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ruim se acontecer. Menos lutas entre os principais lutadores, banalização de cinturão e evento todo fim de semana com cards de uma/duas lutas boas.

Melhor seria o ponto 5 funcionar forte.

A curto prazo sim, você tem razão.

Mas a longo prazo vai ser muito bom, muito, principalmente para os atletas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ruim se acontecer. Menos lutas entre os principais lutadores, banalização de cinturão e evento todo fim de semana com cards de uma/duas lutas boas.

Melhor seria o ponto 5 funcionar forte.

Concordo com você nesse ponto, mas quando se está em jogo a saúde dos atletas, eu prefiro que a mesma seja priorizada, desde que não seja algo muito exagerado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ruim se acontecer. Menos lutas entre os principais lutadores, banalização de cinturão e evento todo fim de semana com cards de uma/duas lutas boas.

Melhor seria o ponto 5 funcionar forte.

Concordo. Acho q vai banalizar, vai ter mt campeao e categoria mediocre, mts q deveriam se enfrentar n vao se enfrentar. Pra mim tinha apenas q criar uma categoria e desmembrar os meio pesados em 2 pq ta desigual (mt peso pesado lutando de meio pesado) ai teriamos lyoto, Shogun, Rashad, Minotouro, Bader(sei q ja saiu fora é só um exemplo) em uma, Gusta, Jon Jones, Ovince, Glover, Cormier, Phil Davies(coloquei apenas como exemplo), Rumble em outra categoria.

Só vejo discrepância nos meio pesados atualmente.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ruim se acontecer. Menos lutas entre os principais lutadores, banalização de cinturão e evento todo fim de semana com cards de uma/duas lutas boas.

Melhor seria o ponto 5 funcionar forte.

Tb fiquei com esse grilo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Achei a 77 e a 79 muito próximas. No restante, eu aprovo as novas categorias.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar Agora
Entre para seguir isso  
Seguidores 0