Scolfield

Hugo, Wallid e Eugênio relembram briga no Pepê e invasão da Ac. Gracie

Recommended Posts

Mestre já ouvir dizer que o Behring dei um tapão no Rickson por ficar nervoso na hora, mais no final porrou o Hugo feio.

Agora vem uma matéria boa.

veja apos 9:20, aonde o Flavio desafiou o Marcelo que aceitou, mais veja o ar de preocupação do Rickson pelo Molina está completo!!

Mas como eu digo e repito o Rickson era o cara dessa época e só o Ruas fazia frente.

Excelente vídeo! Obrigado por compartilhar!

Molina era foda! Pena que partiu cedo!

Marcelo Behring também...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vou jogar uma polêmica, eu sei que eram outros tempos, rivalidade acirrada, todo mundo brigando por espaço e visibilidade querendo mostrar o melhor da sua arte etc e tal.. Mas não vejo graça em briga de rua invasão de academia, a honra de um lutador deve ser derramada no ringue e no tatame!

Isso é coisa de moleque, tipow vamos pegar os caras na saída do colégio! Imagina se esses 100 caras resolvem partir pra porrada com a derrota do hugo iria ser uma desgraça total, iria sujar o nome das duas artes.. polícia chegando atirando q q é isso?

É uma atitude que representa falta de responsabilidade que foge dos princípios de um artista marcial (CORTESIA, INTEGRIDADE, PERSEVERANÇA, AUTO-DOMINIO e ESPIRITO INDOMÁVEL)

Por que não marcaram um luta no ringue entre Rickson e Hugo Duarte? Rickson vs Walid?

Rivalidade boa de se ver é a do Wanderlei vs Arthur Mariano, se mataram no ringue e acabou alí, e a luta é vista até hoje, alí sim houvem honra e sangue derramados!

Na boa galera podem meter o pau, mas tem muita falação aí, isso não é exemplo!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eram outros tempos Fubá. Não se analise a história sob a perspectiva do presente. O MMA só chegou ao momento atual por conta destes guerreiros loucos do passado. Para você entender este contexto te aconselho tres livros: Filho Teu não foge a luta (felipe Awi), Carlos Gracie o criador de uma dinastia (Reila Gracie) e Do Vale Tudo ao MMA, 100 anos de luta (Marcelo Alonso). Se ler qualquer um dos três, mesmo que continue não concordando, vai entender melhor a historia deste esporte que hoje da emprego pra tanta gente no mundo todo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eram outros tempos Fubá. Não se analise a história sob a perspectiva do presente. O MMA só chegou ao momento atual por conta destes guerreiros loucos do passado. Para você entender este contexto te aconselho tres livros: Filho Teu não foge a luta (felipe Awi), Carlos Gracie o criador de uma dinastia (Reila Gracie) e Do Vale Tudo ao MMA, 100 anos de luta (Marcelo Alonso). Se ler qualquer um dos três, mesmo que continue não concordando, vai entender melhor a historia deste esporte que hoje da emprego pra tanta gente no mundo todo.

Isso é verdade, não da pra analisar baseando no hoje. Também recomento Do Vale Tudo ao MMA, muito bom e dar pra ter uma noção legal de como era essa galera. Tiro o chapéu pra todos e o bom é saber que hoje se respeitam d+.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vou jogar uma polêmica, eu sei que eram outros tempos, rivalidade acirrada, todo mundo brigando por espaço e visibilidade querendo mostrar o melhor da sua arte etc e tal.. Mas não vejo graça em briga de rua invasão de academia, a honra de um lutador deve ser derramada no ringue e no tatame!

Isso é coisa de moleque, tipow vamos pegar os caras na saída do colégio! Imagina se esses 100 caras resolvem partir pra porrada com a derrota do hugo iria ser uma desgraça total, iria sujar o nome das duas artes.. polícia chegando atirando q q é isso?

É uma atitude que representa falta de responsabilidade que foge dos princípios de um artista marcial (CORTESIA, INTEGRIDADE, PERSEVERANÇA, AUTO-DOMINIO e ESPIRITO INDOMÁVEL)

Por que não marcaram um luta no ringue entre Rickson e Hugo Duarte? Rickson vs Walid?

Rivalidade boa de se ver é a do Wanderlei vs Arthur Mariano, se mataram no ringue e acabou alí, e a luta é vista até hoje, alí sim houvem honra e sangue derramados!

Na boa galera podem meter o pau, mas tem muita falação aí, isso não é exemplo!

Era outra época. Outra forma de pensar. Outra forma de fazer as coisas.

Mas em parte concordo com você. Isso não é arte marcial, era mais uma coisa de marketing é domínio de território mostrando a superioridade do JJ!

Tanto que teve uma vez que os Gracie acho que o Rolls e o Carlson foram na academia de um dos pioneiros do Karate (acho que foi o Takeuchi) e desafiaram só que a mentalidade do mestre de Karatê era outra, ele passou a chave na porta e disse que ia defender a honra dele com a vida! O desafio seria até a morte!

Daí os caras ficaram meio sem jeito, não é que tivesse medo do mestre mas eles não tinham ido ali pra isso. Na cabeça deles era um lance de provar a eficiência do JJ e ficar no topo da cadeia alimentar, tanto que diante disso saíram fora porque eles não tavam ali pra matar ninguém nem mesmo pra machucar mas era pra provar a superioridade.

Agora eu concordo que isso tudo tinha que ser feito em cima do ringue. Pode muita gente ter raiva do Rorion mas é fato que ele profissionalizou o negócio, principalmente porque a mentalidade dos americanos entrou na parada.

Quando Randleman enfrentou o Erikson geral ficou de cara porque os caras foram tomar uma cerveja juntos depois. O lance era só profissional mas a gente ainda não tinha essa mentalidade aqui.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eram outros tempos Fubá. Não se analise a história sob a perspectiva do presente. O MMA só chegou ao momento atual por conta destes guerreiros loucos do passado. Para você entender este contexto te aconselho tres livros: Filho Teu não foge a luta (felipe Awi), Carlos Gracie o criador de uma dinastia (Reila Gracie) e Do Vale Tudo ao MMA, 100 anos de luta (Marcelo Alonso). Se ler qualquer um dos três, mesmo que continue não concordando, vai entender melhor a historia deste esporte que hoje da emprego pra tanta gente no mundo todo.

Sim tudo bem eu concordo com vc que temos que analisar sob a perspectiva da época.

Eu acompanho o VT desde 97, os anos 80 e anteriores eram outras histórias, sabemos que a necessidade de se testar entre as modalidades e as rivalidades desses malucos foram os precursores para o VT e o MMA de hoje em dia. Mas eu só não acho legal essas atitudes e nem o pessoal se vangloriar dessas histórias, pois tem muito nego cabeça fraca por aí capaz de querer fazer igual. Naquela época pode ter sido legal e tudo, mas hoje sou a favor da luta limpa no ringue. Levou décadas para esse esporte ser descriminalizado e ser aceito passar em rede aberta e tals. E o problema de ter sido na porrada na academia e não ter sido em um ringue pode ter contribuído pra isso.

Mas é só uma opinião, talvez não havia a possibilidade de ser no ringue.. então paciência!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Agora eu concordo que isso tudo tinha que ser feito em cima do ringue

Então vc concorda ao menos parcialmente comigo meu jovem 2handed

Share this post


Link to post
Share on other sites

Excelente vídeo! Obrigado por compartilhar!

Molina era foda! Pena que partiu cedo!

Marcelo Behring também...

Marcelo era muito casca, mas quem encontrou ele em alguma balada em São Paulo na época sabia que o pior poderia acontecer a qualquer momento...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vou jogar uma polêmica, eu sei que eram outros tempos, rivalidade acirrada, todo mundo brigando por espaço e visibilidade querendo mostrar o melhor da sua arte etc e tal.. Mas não vejo graça em briga de rua invasão de academia, a honra de um lutador deve ser derramada no ringue e no tatame!

Isso é coisa de moleque, tipow vamos pegar os caras na saída do colégio! Imagina se esses 100 caras resolvem partir pra porrada com a derrota do hugo iria ser uma desgraça total, iria sujar o nome das duas artes.. polícia chegando atirando q q é isso?

É uma atitude que representa falta de responsabilidade que foge dos princípios de um artista marcial (CORTESIA, INTEGRIDADE, PERSEVERANÇA, AUTO-DOMINIO e ESPIRITO INDOMÁVEL)

Por que não marcaram um luta no ringue entre Rickson e Hugo Duarte? Rickson vs Walid?

Rivalidade boa de se ver é a do Wanderlei vs Arthur Mariano, se mataram no ringue e acabou alí, e a luta é vista até hoje, alí sim houvem honra e sangue derramados!

Na boa galera podem meter o pau, mas tem muita falação aí, isso não é exemplo!

O que passou, passou... certo ou errado tudo isso é parte de uma história capitaneada pela família Gracie por décadas que nos levou ao MMA e temos o Brasil como top mundial junto com EUA, hoje. Pois um bom tempo ficamos na frente de todos...

Esses caras tops não saíam batendo em qualquer um, era parada entre academias e artes, território...e organizar evento sempre, toda hora...acho que seria impossível...

Se fosse tudo bonitinho, mundo perfeito, melhor...mas vamos focar na herança disso, no resultado...

Ganhamos Pride, UFC...um novo esporte, assistimos ao vivo na TV. Um garoto como Aldo e outros conseguiram sair da pobreza e vivem de MMA.

Edited by Axiotis

Share this post


Link to post
Share on other sites

O que passou, passou... certo ou errado tudo isso é parte de uma história capitaneada pela família Gracie por décadas que nos levou ao MMA e temos o Brasil como top mundial junto com EUA, hoje. Pois um bom tempo ficamos na frente de todos...

Esses caras tops não saíam batendo em qualquer um, era parada entre academias e artes, território...e organizar evento sempre, toda hora...acho que seria impossível...

Se fosse tudo bonitinho, mundo perfeito, melhor...mas vamos focar na herança disso, no resultado...

Ganhamos Pride, UFC...um novo esporte, assistimos ao vivo na TV. Um garoto como Aldo e outros conseguiram sair da pobreza e vivem de MMA.

Também penso assim...talvez aqui caiba o velho ditado "A males que vem para o bem"

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tanto que teve uma vez que os Gracie acho que o Rolls e o Carlson foram na academia de um dos pioneiros do Karate (acho que foi o Takeuchi) e desafiaram só que a mentalidade do mestre de Karatê era outra, ele passou a chave na porta e disse que ia defender a honra dele com a vida! O desafio seria até a morte!

Sério isso? Muito massa, o cara estava disposto a morrer a portas fechadas pela honra. Olha que loucura?

Engraçado pensar que ambas artes marciais compartilham do mesmo lugar de origem com menos de 100 anos de diferença.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now