CALBAIANO

Kai Greene aconselhando os "guindastes" de academia

Recommended Posts

Em cutting é isso mesmo, o cara já ta todo fudido pelas restrições da dieta e dos colaterais. Não pode correr risco de se lesionar e jogar uma preparação toda no lixo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

É isso mesmo. Não há como comparar o treinamento com as doses de anabolizantes que os fisiculturistas profissionais usam com o treinamento sem drogas. As doses usadas por fisiculturistas são inacreditáveis, até mesmo se comparadas com as doses utilizadas por atletas de outras modalidades. Estamos falando de milhares de mg/dia dos mais variados ésteres de testosterona e de andrógenos análogos, tanto na forma IM quanto oral.

Isso gera situações grotescas como a do vídeo, onde uma pessoa que pesa provavelmente mais de de 130 kg, com BF abaixo de 10%, e um braço que deve ter quase 60 cm, não consegue fazer mais do que 10 repetições com um halter de 13,5 kg, e no final ainda fica sem fôlego, de tanto que o seu sistema cardiovascular está sobrecarregado por causa do peso muscular excessivo. É uma massa muscular completamente disfuncional.

Sieger, você conhece o Dr. Paulo muzy? O cara é gigante e jura de pé junto que nao toma nada e nem receita nada pros pacientes. Já até chegou a postar um exame de testo no instagram.

Você acha que é possível um cavalo daquele não tomar nada?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sieger, você conhece o Dr. Paulo muzy? O cara é gigante e jura de pé junto que nao toma nada e nem receita nada pros pacientes. Já até chegou a postar um exame de testo no instagram.

Você acha que é possível um cavalo daquele não tomar nada?

Esse não é o médico da Gabi Garcia?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sieger, você conhece o Dr. Paulo muzy? O cara é gigante e jura de pé junto que nao toma nada e nem receita nada pros pacientes. Já até chegou a postar um exame de testo no instagram.

Você acha que é possível um cavalo daquele não tomar nada?

Esse Paulo Muzy tem vários estigmas clínicos de uso de andrógenos/anabólicos, de maneira qua a probabilidade de ele usar é tão grande que um teste anti-doping negativo tem chances enormes de estar errado (ou seja, o valor preditivo negativo de um teste nesta situação é tão pequeno que um resultado negativo é provavelmente um falso-negativo). Além disso, para que um teste seja normal, basta acertar o momento de realizar o exame (geralmente após algumas semanas do término do uso, quando o corpo está retomando a produção de testosterona endógena).

Há nas redes sociais até um termo cunhado para designar pessoas como o Paulo Muzzy: Fake Nattys. O Youtube está infestado de vídeos e canais de Fake Nattys.

Em termos práticos vou dizer o seguinte: se um indivíduo tem sinais de hipertrofia da musculatura mastigatória, associados a aumento considerável da musculatura corporal de maneira geral, a probabilidade de estar ocorrendo uso de andrógenos/anabólicos exógenos é imensa. Afirmaria inclusive que hipertrofia acentuada da musculatura mastigatória significa uso de anabolizantes até prova em contrário. Principalmente em mulheres. Toda mulher em uso de anabolizantes em doses suficientes para induzir ganho de massa muscular fica com a musculatura mastigatória especialmente proeminente.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Esse Paulo Muzy tem vários estigmas clínicos de uso de andrógenos/anabólicos, de maneira qua a probabilidade de ele usar é tão grande que um teste anti-doping negativo tem chances enormes de estar errado (ou seja, o valor preditivo negativo de um teste nesta situação é tão pequeno que um resultado negativo é provavelmente um falso-negativo). Além disso, para que um teste seja normal, basta acertar o momento de realizar o exame (geralmente após algumas semanas do término do uso, quando o corpo está retomando a produção de testosterona endógena).

Há nas redes sociais até um termo cunhado para designar pessoas como o Paulo Muzzy: Fake Nattys. O Youtube está infestado de vídeos e canais de Fake Nattys.

Em termos práticos vou dizer o seguinte: se um indivíduo tem sinais de hipertrofia da musculatura mastigatória, associados a aumento considerável da musculatura corporal de maneira geral, a probabilidade de estar ocorrendo uso de andrógenos/anabólicos exógenos é imensa. Afirmaria inclusive que hipertrofia acentuada da musculatura mastigatória significa uso de anabolizantes até prova em contrário. Principalmente em mulheres. Toda mulher em uso de anabolizantes em doses suficientes para induzir ganho de massa muscular fica com a musculatura mastigatória especialmente proeminente.

Sieger, obrigado pela resposta!

O problema desse tipo de gente é que eles nos fazem achar que há algo errado conosco. Parece que é só treinar/comer/descansar que ficaremos iguais a eles, só que o tempo passa, e independente do nosso esforço nunca chegamos nem perto.

Minha mulher, por exemplo, acredita nele e acha que não fico grande por que não me alimento direito, que não treino direito, etc., sendo que sigo dieta para hipertrofia recomendada por nutricionista esportiva, treino por profissional, enfim, me dedico pra caralho.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não tem a mínima chance desse Paulo Muzy ser "natural".

Pior que o Sieger falou a real, ta cheio desse tipo mesmo, por exemplo praticamente todos os competidores do Mens Physique, todos tomam bomba e todos alegam ser naturais

Share this post


Link to post
Share on other sites

Fuçando lá no hipertrofia achei isso aqui, que é o padrão que tenho em mente quando pratico, mantendo-me obviamente as devidas distâncias e proporções, que se contrapõe a esse mundo do bodybuilding atual.

EDIT: empolgou-se com a repercussão do vídeo e exagerou no Sadol e outros biotônicos... hoje em dia perdeu já o visual "das antigas".

Mais informações em:

http://www.hipertrofia.org/forum/topic/167071-bodybuilder-de-hoje-padrao-old-school

Edited by Jaraqui

Share this post


Link to post
Share on other sites

Meio precipitado dizer isso por aquelas duas fotos ali.

Mas talvez ele resolveu aumentar de tamanho porque quer ser um fisiculturista competitivo, e não um modelo de internet. Ou queria apenas alcançar o tamanho do mestre Arnold, afinal ainda faltava um bocado a ele:

954832_461577313920379_1458785568_n.jpg

283960507_202dcbe95d_o.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sieger, obrigado pela resposta!

O problema desse tipo de gente é que eles nos fazem achar que há algo errado conosco. Parece que é só treinar/comer/descansar que ficaremos iguais a eles, só que o tempo passa, e independente do nosso esforço nunca chegamos nem perto.

Minha mulher, por exemplo, acredita nele e acha que não fico grande por que não me alimento direito, que não treino direito, etc., sendo que sigo dieta para hipertrofia recomendada por nutricionista esportiva, treino por profissional, enfim, me dedico pra caralho.

Mesmo com tanta informação nos dias de hoje, ainda tem gente que acredita que esse povo NUNCA usou "bomba" (não que eu seja contra usar, eu se tivesse mais coragem e informação até usaria, e até possa ser que algum dia faça uso)

Eu fui a um nutricionista esportivo uma vez (eu tenho chassi de grilo) ele quis me mostrar uns antes e depois dos pacientes dele

Mostrou um cara que obvio tinha tomado "coisas". Eu já falei "vc receita anabolizantes? vc acha que eu deva tomar" (perguntei de curiosidade mesmo de repente eu ate tomava) O cara ficou sem reação e disse: "Esse paciente eu ACHO que não tomou nada e tal, da pra chegar assim só com dieta". Quer dizer até mesmo um especialista é hipocrita com relação a isso.

E algumas mulheres fisiculturistas profissionais, tem a cara de pau de dizer que NUNCA usaram nada. Pra que mentir, melhor nem falar nada.

Eu conheço um fisiculturista amador, o cara é muito gente fina, ele é o unico que conheço que fala sem medo que faz uso de anabolizantes

Share this post


Link to post
Share on other sites

Agora: sempre houve, há e sempre haverá aquele tipo de gente que treina com carga acima de suas capacidades. Tal mal não vem sozinho. Costumam incomodar todo mundo para "darem uma ajudinha", onde a ajuda consiste no ajudador fazer levantamento terra na barra do cara enquanto ele faz supino.

E aí, quando gente de bem precisa daquela ajudinha na última série de supino, rosca, agachamento, acaba caindo na reação popular por causa de um marimbondo que fica perambulando na academia incomodando a todos.

Mas isso é atemporal, ao meu modo de ver a coisa.

Não pedindo ajuda acaba acontecendo isso aqui:

E olha que o piá estava tentando 150 kg e ainda com uma safety-bar. Foi meio faixabranquice por que morrer na primeira fazendo sozinho é estranho.

[]´s

uhahahahahahahaha sensacional o cara literalmente quase "se morreu"

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now