Entre para seguir isso  
Leo Pateira

Mesa redonda com Junior Cigano (Vídeo)

Recommended Posts

Eu sei, eu sei, não é um bom momento para afirmar uma coisa dessas ainda mais se olharmos os resultados.

Mas o que o Velasquez faz?

Ele nocauteia com chute, com soco, aguenta porrada, muda de estilo durante uma luta?

Eu acho que não.

O problema é que o que ele faz, que é esse estilo de luta wrestlers, ele faz muito bem.

O Cigano tem totais condições de bate-lo, mas não será do jeito que ele sempre fez.

Vai ter que se reinventar.

O que o Velasquez fez?

Bateu no Cigano durante 10 Rounds.. só isso!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu acho que as últimas lutas mostraram que de fato o Velasquez é melhor que o Cigano em todos os fundamentos do MMA, na minha opinião como fator motivacional, ao invés do Cigano ficar achando que é o melhor, ele deveria aceitar esse fato de que o Cain é melhor que ele e correr atrás de treinos que o façam evoluir e conseguir se tornar melhor que o Cain.

Sim,e bem isso... Se motivar e acreditar que ele pode ser melhor! Sim o Cain superou o Cigano de todas as formas... Mas se ele e melhor em tudo venceria o Cigano em uma luta valendo so boxe? Sera?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu n sei se essa coisa de inovar com jiu e e tentar cair por cima funciona com o Cain... E um caminho difícil! No começo da segunda luta Cigano estava girando em volta e bloqueando quedas..l Se ele conseguisse fazer isso e encaixar os seus golpes e ate possivelmente ir pro Gnp(tbm e difícil se manter em cima do Cain) tbm possa ser um idéia!

Cain e complicado ele pode anular o jogo de praticamente qualquer um! Ele e perigoso na trocacao,queda qualquer um tem um Gnp perigoso e praticamente nao cansa! Uma maquina! Cigano e outro monstro esses dois dificilmente perdem pro resto da categoria! Provavelmente so sendo finalizados!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu sei, eu sei, não é um bom momento para afirmar uma coisa dessas ainda mais se olharmos os resultados.

Mas o que o Velasquez faz?

Ele nocauteia com chute, com soco, aguenta porrada, muda de estilo durante uma luta?

Eu acho que não.

O problema é que o que ele faz, que é esse estilo de luta wrestlers, ele faz muito bem.

O Cigano tem totais condições de bate-lo, mas não será do jeito que ele sempre fez.

Vai ter que se reinventar.

concordo com vc, vejo dessa mesma forma, e Acredito que ele consegue um dia vencer novamente o cain

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

3

Também acho isso, seria mais coerente o Cigano falar: É, no momento o Cain é melhor que eu, é o melhor do mundo. Mas eu tenho certeza que posso evoluir meu jogo, acrescentar coisas novas e superá-lo.

Porque depois das 2 surras ainda achar que o cara não é melhor que ele é forçado.

A entrevista foi boa, mas em relação a luta do Anderson, eu discordo de tudo. Ele falar que o Weidman quando levou pro chão não fez nada só pode ser piada, e falar também que o AS está certo nas palhaçadas e que tem que continuar com elas... tá doido Ciganão!!!!

Porque o Anderson não fez dancinha contra o Henderson? porque não fez contra o Bel4? por que sabia que os caras tinham poder de nocaute, acho que agora ele descobriu que o Weidman também tem, e não deve ficar de firula na frente dele.

É como o Wand falou, se fizer palhaçada de novo, eu torço contra.

Otimo post, concordo em tudo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mas o que o Velasquez faz?

Ele nocauteia com chute, com soco, aguenta porrada, muda de estilo durante uma luta?

Eu acho que não.

Não teve nenhuma luta que precisou fazer algum golpe plástico para surpreender o adversário, pq ele dominou todos sem dar chance...a única vez que nao deu certo foi na volta do tempo parado onde ele levou aquele golpe bem aplicado do Cigano. Agora ele sim, aplicou todos esses golpes que vc citou no Cigano... deu chute como quis e quando quis no Cigano, socou o Cigano por todos ângulos possíveis e imagináveis...ele não precisa mudar a estratégia pq é justamente isso que confunde tanto os adversários, quando pensam que ele vai derrubar são castigados em pé, quando pensam que ele vai chutar ele deruba...e o que é mais surpreendente é que o gás e ritimo não diminuem em nenhum round....basicamente se o adversário não conseguir surpreender aplicando um golpe certeiro no ângulo perfeito não terá a mínima chance. Ou seja Adversário do estilo do Cigano vai viver e morrer de um único golpe certeiro...rezando para entrar a tempo antes de ser dominado na luta.. pq nos outros fundamentos da luta Cigano mostrou que esta muito atras.

Editado por Mark Twain

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu sei, eu sei, não é um bom momento para afirmar uma coisa dessas ainda mais se olharmos os resultados.

Mas o que o Velasquez faz?

Ele nocauteia com chute, com soco, aguenta porrada, muda de estilo durante uma luta?

Eu acho que não.

O problema é que o que ele faz, que é esse estilo de luta wrestlers, ele faz muito bem.

O Cigano tem totais condições de bate-lo, mas não será do jeito que ele sempre fez.

Vai ter que se reinventar.

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não teve nenhuma luta que precisou fazer algum golpe plástico para surpreender o adversário, pq ele dominou todos sem dar chance...a única vez que nao deu certo foi na volta do tempo parado onde ele levou aquele golpe bem aplicado do Cigano. Agora ele sim, aplicou todos esses golpes que vc citou no Cigano... deu chute como quis e quando quis no Cigano, socou o Cigano por todos ângulos possíveis e imagináveis...ele não precisa mudar a estratégia pq é justamente isso que confunde tanto os adversários, quando pensam que ele vai derrubar são castigados em pé, quando pensam que ele vai chutar ele deruba...e o que é mais surpreendente é que o gás e ritimo não diminuem em nenhum round....basicamente se o adversário não conseguir surpreender aplicando um golpe certeiro no ângulo perfeito não terá a mínima chance. Ou seja Adversário do estilo do Cigano vai viver e morrer de um único golpe certeiro...rezando para entrar a tempo antes de ser dominado na luta.. pq nos outros fundamentos da luta Cigano mostrou que esta muito atras.

Mas esses dez rounds que a galera ta falando ai. Foi um monólogo do Velasquez pra cima do Cigano. Então não da pra avaliar muito como ele se comporta quando a parada ta indigesta pro lado dele.

Só por isso que o pessoal fala desse tão famoso gás do Velasquez. Pra mim ta provado que batendo ele é um leão, mas apanhando vira um gatinho. O Soco do Cigano na primeira luta, nem pegou direito e ele já caiu tremendo.

Basta uma derrota do Velasquez, para que o resto da galera comece a apontar os erros do jogo dele.

Que ele não tem chão, que ele não tem boxe, que ele não sabe lutar andando pra trás, que só sabe lutar na grade, não tem resistência a golpes na cabeça, enfim uma série de coisas.

O Cigano e seu córner erraram muito feio na terceira luta. A segunda luta blz, o Cigano tomou aquela bomba e entrou no automático.

Mas na terceira tinha que ter trabalhado todos os aspectos da luta (Solo, Parte em pé e quedas). Faltou soltar o repertório ali. O Cigano ficou muito preso no Boxe e no Wrestling pra se manter em pé.

Ai ficou fácil pro Velasquez ficar naquele jogo de ir pra frente, prensar o Cigano na grade e ficar usando o Dirty Boxing. Desse jeito o Cigano nunca iria ganhar do Velasquez.

O Cigano tinha que ter levado a luta pro meio do octagon (tirando a grade do mexicano), empurrado o mexicano pra trás e soltado mais cotoveladas e joelhadas.

Caindo mesmo pra dentro, sem medo de ser feliz, sem ficar naquele jogo de longa distancia pra acertar um pombo, isso é muito pouco para um cara do potencial do Cigano.

O Velazquez não usou nada a mais do que o mestre Marco Ruas já ensinou. (Quando vc acha que eu vou trocar, eu levo pro chão. Quando vc acha que eu vou pro chão eu vou pra trocação.)

Pra mim é muito claro essa dúvida na cabeça do Cigano na hora da luta. Ele tava tomando um atraso do Velasquez em pé e não queria ir pro chão de jeito nenhum. Ou seja, ficou sem estratégia e ficou sem saber o que fazer, enquanto ele pensava o Cain enchia ele de porrada.

O que o Dórea deveria ter feito ali na hora (eu sei que falar agora é fácil) era ter orientado o Cigano pra buscar algo diferente no chão, botar uma dúvida na cabeça do Velasquez, trazer algo novo pro combate.

De repente o Cigano até conseguia alguma coisa melhor ali, sei lá ficar por cima, sobrar um braço pra pegar, um pescoço.

Como quase aconteceu no final da luta, quando o Cigano já pra lá de Marrakesh de tanto apanhar, quase pegou o pescoço do Velasquez.

Mostrando que o Cain não tem esse conhecimento todo de chão, pois a vacilada que ele deu ali no final da luta, foi muito grande e mostrou até uma ingenuidade dele ali.

Mas voltando ao Head coach, esse tipo de orientação, nós sabemos que nunca virá do Dórea. Ele é um cara do Boxe, só o nocaute interessa, o que torna o jogo do Cigano um tanto quanto previsível.

Ali na hora do vamos ver, o Cigano precisava de um cara, com uma visão de MMA/Vale Tudo. Pra orientar no sentido de buscar alternativas para o que estava acontecendo ali.

Falar algo do Tipo "Campeão, leva ele pro chão, pressiona ele, vai pra cima, encurta, chuta mais e vamos vencer essa luta, porrada nele. Aquela instrução de 1-2 pra sparring, nunca ia fazer efeito contra um cara como o Velasques.

Pra finalizar o grande erro do Cigano e seu staff, não foi ter encarado a primeira derrota, como uma derrota verdadeira, uma derrota real, e que talvez o cara tinha encontrado alguma formula pra vence-lo.

Na primeira derrota, eles trataram como, acidente de percurso, golpe de sorte do velasquez e não deram os devidos créditos ao mexicano por ter vencido o Cigano em 5 rounds. E com isso eles não incorporaram os aprendizados que somente uma derrota proporciona. O resultado disso foi que eles foram pra terceira luta com o mesmo gameplan errado da segunda.

Eles precisaram perder do mesmo jeito duas vezes, pra perceber que vão ter que inventar alguma coisa diferente pra vencer o mexicano.

E depois dessa traulitada, eu acredito que o Cigano, vai incorporar outras técnicas, vai ampliar seu repertório e vai ser um lutador muito diferente do que ele é agora.

Ele é muito Novo (29 anos), e tem ainda muita lenha pra queimar no UFC.

A Derrota nunca é boa, mas se podemos tirar algo de positivo, é que ela veio em um momento importante da carreira do Cigano.

No momento exato em que ele possuí juventude e experiência ao mesmo tempo, para aprender novas técnicas que talvez se ele ficasse nessa de nocautear todo mundo com um soco, nunca teria a chance de aprender e evoluir.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mas esses dez rounds que a galera ta falando ai. Foi um monólogo do Velasquez pra cima do Cigano. Então não da pra avaliar muito como ele se comporta quando a parada ta indigesta pro lado dele.

Só por isso que o pessoal fala desse tão famoso gás do Velasquez. Pra mim ta provado que batendo ele é um leão, mas apanhando vira um gatinho. O Soco do Cigano na primeira luta, nem pegou direito e ele já caiu tremendo.

Basta uma derrota do Velasquez, para que o resto da galera comece a apontar os erros do jogo dele.

Que ele não tem chão, que ele não tem boxe, que ele não sabe lutar andando pra trás, que só sabe lutar na grade, não tem resistência a golpes na cabeça, enfim uma série de coisas.

O Cigano e seu córner erraram muito feio na terceira luta. A segunda luta blz, o Cigano tomou aquela bomba e entrou no automático.

Mas na terceira tinha que ter trabalhado todos os aspectos da luta (Solo, Parte em pé e quedas). Faltou soltar o repertório ali. O Cigano ficou muito preso no Boxe e no Wrestling pra se manter em pé.

Ai ficou fácil pro Velasquez ficar naquele jogo de ir pra frente, prensar o Cigano na grade e ficar usando o Dirty Boxing. Desse jeito o Cigano nunca iria ganhar do Velasquez.

O Cigano tinha que ter levado a luta pro meio do octagon (tirando a grade do mexicano), empurrado o mexicano pra trás e soltado mais cotoveladas e joelhadas.

Caindo mesmo pra dentro, sem medo de ser feliz, sem ficar naquele jogo de longa distancia pra acertar um pombo, isso é muito pouco para um cara do potencial do Cigano.

O Velazquez não usou nada a mais do que o mestre Marco Ruas já ensinou. (Quando vc acha que eu vou trocar, eu levo pro chão. Quando vc acha que eu vou pro chão eu vou pra trocação.)

Pra mim é muito claro essa dúvida na cabeça do Cigano na hora da luta. Ele tava tomando um atraso do Velasquez em pé e não queria ir pro chão de jeito nenhum. Ou seja, ficou sem estratégia e ficou sem saber o que fazer, enquanto ele pensava o Cain enchia ele de porrada.

O que o Dórea deveria ter feito ali na hora (eu sei que falar agora é fácil) era ter orientado o Cigano pra buscar algo diferente no chão, botar uma dúvida na cabeça do Velasquez, trazer algo novo pro combate.

De repente o Cigano até conseguia alguma coisa melhor ali, sei lá ficar por cima, sobrar um braço pra pegar, um pescoço.

Como quase aconteceu no final da luta, quando o Cigano já pra lá de Marrakesh de tanto apanhar, quase pegou o pescoço do Velasquez.

Mostrando que o Cain não tem esse conhecimento todo de chão, pois a vacilada que ele deu ali no final da luta, foi muito grande e mostrou até uma ingenuidade dele ali.

Mas voltando ao Head coach, esse tipo de orientação, nós sabemos que nunca virá do Dórea. Ele é um cara do Boxe, só o nocaute interessa, o que torna o jogo do Cigano um tanto quanto previsível.

Ali na hora do vamos ver, o Cigano precisava de um cara, com uma visão de MMA/Vale Tudo. Pra orientar no sentido de buscar alternativas para o que estava acontecendo ali.

Falar algo do Tipo "Campeão, leva ele pro chão, pressiona ele, vai pra cima, encurta, chuta mais e vamos vencer essa luta, porrada nele. Aquela instrução de 1-2 pra sparring, nunca ia fazer efeito contra um cara como o Velasques.

Pra finalizar o grande erro do Cigano e seu staff, não foi ter encarado a primeira derrota, como uma derrota verdadeira, uma derrota real, e que talvez o cara tinha encontrado alguma formula pra vence-lo.

Na primeira derrota, eles trataram como, acidente de percurso, golpe de sorte do velasquez e não deram os devidos créditos ao mexicano por ter vencido o Cigano em 5 rounds. E com isso eles não incorporaram os aprendizados que somente uma derrota proporciona. O resultado disso foi que eles foram pra terceira luta com o mesmo gameplan errado da segunda.

Eles precisaram perder do mesmo jeito duas vezes, pra perceber que vão ter que inventar alguma coisa diferente pra vencer o mexicano.

E depois dessa traulitada, eu acredito que o Cigano, vai incorporar outras técnicas, vai ampliar seu repertório e vai ser um lutador muito diferente do que ele é agora.

Ele é muito Novo (29 anos), e tem ainda muita lenha pra queimar no UFC.

A Derrota nunca é boa, mas se podemos tirar algo de positivo, é que ela veio em um momento importante da carreira do Cigano.

No momento exato em que ele possuí juventude e experiência ao mesmo tempo, para aprender novas técnicas que talvez se ele ficasse nessa de nocautear todo mundo com um soco, nunca teria a chance de aprender e evoluir.

muito bom!

se o cigano finaliza no ultimo round( o que nao rolo por muito pouco)era a maior vitoria da historia do UFC..entao tem que ter calma na hora de analisar mesmo..

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

muito bom!

se o cigano finaliza no ultimo round( o que nao rolo por muito pouco)era a maior vitoria da historia do UFC..entao tem que ter calma na hora de analisar mesmo..

Seria que nem gol de bicicleta, no último minuto da prorrogação, na final da copa do mundo, contra a argentina, no maraca lotado, jogando com dois a menos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mas esses dez rounds que a galera ta falando ai. Foi um monólogo do Velasquez pra cima do Cigano. Então não da pra avaliar muito como ele se comporta quando a parada ta indigesta pro lado dele.

Só por isso que o pessoal fala desse tão famoso gás do Velasquez. Pra mim ta provado que batendo ele é um leão, mas apanhando vira um gatinho. O Soco do Cigano na primeira luta, nem pegou direito e ele já caiu tremendo.

Basta uma derrota do Velasquez, para que o resto da galera comece a apontar os erros do jogo dele.

Que ele não tem chão, que ele não tem boxe, que ele não sabe lutar andando pra trás, que só sabe lutar na grade, não tem resistência a golpes na cabeça, enfim uma série de coisas.

O Cigano e seu córner erraram muito feio na terceira luta. A segunda luta blz, o Cigano tomou aquela bomba e entrou no automático.

Mas na terceira tinha que ter trabalhado todos os aspectos da luta (Solo, Parte em pé e quedas). Faltou soltar o repertório ali. O Cigano ficou muito preso no Boxe e no Wrestling pra se manter em pé.

Ai ficou fácil pro Velasquez ficar naquele jogo de ir pra frente, prensar o Cigano na grade e ficar usando o Dirty Boxing. Desse jeito o Cigano nunca iria ganhar do Velasquez.

O Cigano tinha que ter levado a luta pro meio do octagon (tirando a grade do mexicano), empurrado o mexicano pra trás e soltado mais cotoveladas e joelhadas.

Caindo mesmo pra dentro, sem medo de ser feliz, sem ficar naquele jogo de longa distancia pra acertar um pombo, isso é muito pouco para um cara do potencial do Cigano.

O Velazquez não usou nada a mais do que o mestre Marco Ruas já ensinou. (Quando vc acha que eu vou trocar, eu levo pro chão. Quando vc acha que eu vou pro chão eu vou pra trocação.)

Pra mim é muito claro essa dúvida na cabeça do Cigano na hora da luta. Ele tava tomando um atraso do Velasquez em pé e não queria ir pro chão de jeito nenhum. Ou seja, ficou sem estratégia e ficou sem saber o que fazer, enquanto ele pensava o Cain enchia ele de porrada.

O que o Dórea deveria ter feito ali na hora (eu sei que falar agora é fácil) era ter orientado o Cigano pra buscar algo diferente no chão, botar uma dúvida na cabeça do Velasquez, trazer algo novo pro combate.

De repente o Cigano até conseguia alguma coisa melhor ali, sei lá ficar por cima, sobrar um braço pra pegar, um pescoço.

Como quase aconteceu no final da luta, quando o Cigano já pra lá de Marrakesh de tanto apanhar, quase pegou o pescoço do Velasquez.

Mostrando que o Cain não tem esse conhecimento todo de chão, pois a vacilada que ele deu ali no final da luta, foi muito grande e mostrou até uma ingenuidade dele ali.

Mas voltando ao Head coach, esse tipo de orientação, nós sabemos que nunca virá do Dórea. Ele é um cara do Boxe, só o nocaute interessa, o que torna o jogo do Cigano um tanto quanto previsível.

Ali na hora do vamos ver, o Cigano precisava de um cara, com uma visão de MMA/Vale Tudo. Pra orientar no sentido de buscar alternativas para o que estava acontecendo ali.

Falar algo do Tipo "Campeão, leva ele pro chão, pressiona ele, vai pra cima, encurta, chuta mais e vamos vencer essa luta, porrada nele. Aquela instrução de 1-2 pra sparring, nunca ia fazer efeito contra um cara como o Velasques.

Pra finalizar o grande erro do Cigano e seu staff, não foi ter encarado a primeira derrota, como uma derrota verdadeira, uma derrota real, e que talvez o cara tinha encontrado alguma formula pra vence-lo.

Na primeira derrota, eles trataram como, acidente de percurso, golpe de sorte do velasquez e não deram os devidos créditos ao mexicano por ter vencido o Cigano em 5 rounds. E com isso eles não incorporaram os aprendizados que somente uma derrota proporciona. O resultado disso foi que eles foram pra terceira luta com o mesmo gameplan errado da segunda.

Eles precisaram perder do mesmo jeito duas vezes, pra perceber que vão ter que inventar alguma coisa diferente pra vencer o mexicano.

E depois dessa traulitada, eu acredito que o Cigano, vai incorporar outras técnicas, vai ampliar seu repertório e vai ser um lutador muito diferente do que ele é agora.

Ele é muito Novo (29 anos), e tem ainda muita lenha pra queimar no UFC.

A Derrota nunca é boa, mas se podemos tirar algo de positivo, é que ela veio em um momento importante da carreira do Cigano.

No momento exato em que ele possuí juventude e experiência ao mesmo tempo, para aprender novas técnicas que talvez se ele ficasse nessa de nocautear todo mundo com um soco, nunca teria a chance de aprender e evoluir.

Não teve nada de Marco Ruas ali, o Cain entrou trabalhar na grade, forçar o cigano a trabalhar força isométrica, cansar o braço do Cigano.

Na primeira luta ele ficou muito exposto nas entradas no centro do octagon e dessa vez evoluiu a estratégia, é tipo a kriptonita do Cigano.

Aposto que numa terceira luta a estratégia seria a mesma e o Cigano só venceria com um golpe de sorte na aproximação do Cain, depois de clinchado seria um round do Cain pressionando e batendo no clinche, com o passar dos rounds veríamos um cigano mais lento e cansado... O Cigano sempre estará atrás do Cain nesse aspecto físico, ou acerta um pombo sem asa ou perde surrado.

Editado por winstrol

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso