victorrsantoss

Membros
  • Total de itens

    1,964
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Sobre victorrsantoss

Últimos Visitantes

4,323 visualizações
  1. Possibilidade totalmente implausível. Quando foi a última vez que o Fedor se apresentou como se tivesse com suco? Se é que ele tomava suco no Pride, desde então nunca mais o vi com desempenho digno de doping. Sem falar no corpo de padeiro, que sempre teve, mas antes era mais rígido, agora claramente mais flácido... enfim... acho irrazoável essa possibilidade. Ele com suco destruiria mesmo, concordo, mas é improvável de acontecer. O mais provável, infelizmente, é que virá gordinho e lento, como tem sido ultimamente.
  2. Fedor venceu bem, mas estava bem lento. Algo normal para alguém da idade dele. Muito difícil ele vencer alguém top no auge, o Mitrione mesmo e outros. Foi MUITO lenta a velocidade dele de reação àquele primeiro chute do Mir e os golpes seguintes. Ainda assim, vimos: uma queda excelente – o judô dele é foda –, o sangue nos olhos que ele sempre teve e continua tendo, e esse senso bizarro dele que sempre (ou quase sempre, considerando as últimas lutas) consegue arranjar uma saída para vencer, como fez com o Arlovski. Aquele golpe no queixo vindo de baixo foi perfeito. Mas o Mir foi louco também de entrar na trocação maluca com o Fedor. Se fosse um cara superior na trocação, beleza, mas o Mir não. O caminho era muito óbvio, e bem diferente – o mesmo que o Sonnen deverá tentar: derrubar e ficar por cima no GNP ou no jiu jitsu. Tem que ser na baiana (double leg) mesmo, porque no clinch é muito difícil já que o Judô do Fedor é excelente. Agora, uma obs. que eu queria fazer antes da luta, mas o fórum caiu: acho muito injusto o Fedor, com 42 anos, lutar com um cara 10kg mais pesado, seco, muito provavelmente no suco, enquanto ele é gordinho e não toma suco. Sei que vão falar que sou ingênuo, mas realmente acho que hoje o Fedor não toma – no Pride até acho que tomava. Porra, o corpo e a perfomance dele são de quem não toma, gordinho, lento. Ganha no talento mesmo. E, ainda que ele tome algo, é MUITO menos do que esses oponentes. O Mir estava gordão antes, secou rapidasso, ficou definido, e ainda assim 10 kg mais pesado que o Fedor, que nunca teve um físico invejável, mas está claramente mais flácido atualmente. Acho injusto. Queria apenas dizer isto.
  3. Pessoal, eu pensei numa hipótese esses dias... O Mir falou em uma entrevista que o Fedor manda mal nos EUA porque as lutas são em Cage. E que ele só sabe lutar em ringue. Eu pensei em outra coisa. Eu acho que o Fedor não tem nenhuma pinta de que toma "sucos". Acho que no Pride até tomou algo, mas atualmente o cara é todo religioso, todo certinho. Então se ele diz que não toma, eu acredito – podem me chamar de inocente. Considero o corpo dele também... Mas eu reparei um negócio... posso estar enganado: eu estou com a impressão de que na Rússia e no Japão ele sempre apresenta um desempenho consideravelmente melhor. Gás, potência e velocidade maiores. Não falo do Pride, estou falando de lutas já da fase decadência. E nos EUA sempre manda meio mal. Olhem a luta contra o Pedro Rizzo, na Rússia. O Fedor estava duro ali, rápido, forte. Tudo bem que durou muito pouco, então é difícil dizer. Na luta contra aquele Jaideep, no Japão, idem. Destruiu. Lembra o Fedor do Pride. Sangue nos olhos. Na luta contra o Maldonado, na Rússia, mandou meio mal, mas não faltou resistência. O Fedor aguentou apanhar MUITO e o gás aguentou a luta toda. Deu umas porradas boas também. Talvez se ele não tivesse tomado aquele golpe de encontro no queixo a história seria outra. Já quando ele luta nos EUA, sinto que ele parece mais lento, mais fraco, mais cansado. Basta ver as lutas contra o Henderson, o Pezão, o Mitrione. Até naquela do Brett Rogers achei ele meio fraco. O que vocês acham dessa hipótese? Já tinham pensado nisso? Admito que pode ser uma ideia furada, porque nessas lutas que ele venceu que eu mencionei talvez os adversários tenham colaborado, e foram muito rápidas. E algumas que ele perdeu, também muito rápidas: Henderson e Mitrione (sem falar na do Werdum, que não deu para analisar nada também). Mas sei la... sinto que na Rússia e no Japão ele sempre tem aquele "sangue nos olhos" a mais. Essa minha impressão está certa? Não da para saber? Se estiver certa a impressão, serão substâncias? Ou eram os adversários mais fracos mesmo? O que acham?
  4. Você está certo. O Fedor é meu lutador predileto, sou muito fã do cara como um atleta e como pessoa, mas concordo com você. Só atentaria para um cuidado: considerar o que a pessoa foi na época dela, comparando às pessoas da geração dela. Não há como analisar isso com um critério absoluto. É claro que se pegarmos AQUELE exato Fedor de 2005 e colocarmos imediatamente contra um Miocic, um Ngannou, provavelmente ele apanhará. Ou então se pegarmos aquele Pelé de 1970 e colocarmos para jogar hoje, sem tempo para se adaptar, acho que teria um péssimo desempenho. Mas podemos considerar a genialidade do cara proporcionalmente ao tempo dele. Ou seja, quão melhor o cara era em relação aos demais do tempo dele, e compararmos com o melhor hoje. Aí já é outro critério. Outra coisa: podemos especular como aquele Fedor de 2005 seria se tivesse 25 anos hoje, e se utilizasse métodos mais modernos de treinamento, nutrição etc. Será que não seria o melhor do mundo? Não sabemos. Acho que é isso que muita gente pensa quando considera o Fedor ou o Pelé "o melhor de todos". Nem todos (talvez a minoria) está dizendo que o Fedor ou o Pelé eram melhores tecnicamente e fisicamente que os melhores atuais. Mas que ele, na época dele, era mais dominante. Não que eu concorde, mas as pessoas levam isso em conta. Enfim... todas essas ponderações podem ser feitas. Então a questão é mais complexa. Não dá para dizer que um cara x é absolutamente o melhor de todos os tempos, sob todos os critérios. Há vários fatores. Entrando no mérito, na minha opinião, levando em conta todas essas ponderações que mencionei acima, é evidente que o Fedor foi muito grande. Ele foi o melhor de todos pelo menos de 2002 a 2006, com uma distância relativamente grande dos adversários. Depois daí, já começaram a aparecer outras melhores e ele começou a cair também. Mas não estou dizendo que ele é o "melhor de todos os tempos". Não consigo escolher UM melhor de todos justamente por essa complexidade que mencionei acima. Mas um dos melhores, considerando a época, ele certamente foi. Mesma coisa para Pelé e Maradona.
  5. O Fedor, meu atleta favorito, tem um ponto fraco muito perigoso para ele: de costas para o chão. Principalmente sofrendo GnP. Ele sempre teve esse ponto fraco, mesmo no auge. Basta ver as lutas contra o Coleman 1 e contra o Hunt. Mas, no tempo do auge (2002-2006, a meu ver), ele compensava esse defeito com 3 coisas: 1) As pessoas não sabiam desse ponto fraco; 2) Ele era um dos lutadores mais fortes, fisicamente mesmo, então evitada facilmente ser quedado; e 3) ele tinha (e tem) um Judô sinistro. Atualmente, ele perdeu os dois primeiros elementos compensadores desse ponto fraco dele: 1) desde a luta contra o Pezão ficou evidente demais para todos esse ponto fraco; 2) atualmente ele é um peso pesado pequeno e fraco, não só pela idade, mas também pela evolução do MMA. Resumindo: esses gigantes pesos pesados têm uma imensa vantagem se colocarem o Fedor de costas para o chão. É muito difícil para ele sair, sendo pequeno e já sem aquela força que tinha nos tempos áureos. Já em relação à trocação, teoricamente ele tem vantagem contra o Mir. Deveria ter. Mas, também, a trocação dele nunca foi tudo isso. Ele compensava com imensas força, explosão, velocidade, gás e inteligência. Atualmente, restou apenas a inteligência disso tudo aí. E explosão também, mas já com menos pressão. Então... complicado. Novamente, um cara mais pesado e bom tecnicamente, como o Mir, pode nocautear, como fez o Mitrione. Tá difícil para o Fedor. Já o famoso GnP do Fedor, não vemos há séculos. Morreu do nada! Sei lá por que. Já li em sites boatos de que ele teria um lesão nas costas que impede o GnP, mas me parece inverossímil. Sei lá, realmente não entendo, porque era a maior força dele, combinar a trocação com quedas e GnP (ganhando inclusive nos pontos assim). Do jeito que está, é mais provável ele sofrer o GnP. Por isso ele não é mais o mesmo. Claro que a idade é parte disso tudo. Outra coisa: atualmente não existe a chance de o Fedor vencer nos pontos, como ele espertamente fez com o Minotauro (1 e 2) e com o Cro Cop. Ele não tenta essa estratégia mais! É estranho isso. Ele sempre parte para o tudo ou nada. Exemplo: na luta contra o Maldonado. Por que ele não usou o Judô foda dele para quedar, fazer GnP e ganhar nos pontos? Ele disse, expressamente, numa entrevista, que quis "testar o boxe dele". Estranho... O resumo de tudo é: o Fedor sem aquela incrível força física que ele tinha no auge, tanto pela idade quanto pelo fato de o MMA ser menos desenvolvido (e talvez suquinhos também), com aquela força ele conseguia usar a inteligência dele foda e a técnica boa e vencia. Agora, sem isso, fica difícil, lutando contra caras gigantes E técnicos. Enfim... torcendo para o padeiro. São dois caras experientes, para não dizer "velhos", o que retira a desculpa de que ele estaria lutando com alguém no auge. Não. A luta é totalmente justa, entre dois caras que lutaram na mesma época, que têm idades similares, e inclusive eram os melhores do seu tempo. Tem todo o meu interesse, porque sou muito fã do Fedor, como atleta e como pessoa. Enquanto a saúde dele não estiver em risco, vou gostar de assistir e sempre na esperança e torcendo! Isso aí! Na torcida!!!
  6. Tem que ser muito nerd (no mal sentido) pra cair nas presepadas desse Conor. O cara é playboy, po. Faz showzinho pra aparecer o tempo todo, é tudo blefe Como falaram ai, tá pior que WWE. Homem mesmo não faz essas palhaçadas.
  7. Lyoto deu o máximo, resistiu bem, teve preparo, movimentou-se, tentou VÁRIOS golpes. Se a potência do cara diminuiu, ou se ele aguenta menos porrada, não é culpa dele po. É a idade ou outra razão bioquímica. Lyoto lutou bem, mas o outro cara era uma pedra também, não sentia nenhum golpe. Parecia estar no suco sinistro. Isso que eu não entendo no MMA atual. Como alguns conseguem ficar no suco sinistramento (como overeem e ngannou) e outros são pegos ou não conseguem usar tanto. Acabou de sair o resultado da luta: achei que ele não mereceu ganhar.
  8. HAHAHAHHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH porra, galera. assisti ao vídeo da pesagem aqui e é obviamente humor! eu achei engraçado HAHAHA o mais engraçado é serem japoneses que fazem isso. Que que esses japas têm na cabeça? pqp kkkk obs.: essa luta não vai rolar não, né?
  9. Cara, sinceramente, depois da USADA, não sei o que esses gringos fazem para continuarem com gás bizarro e, em outros casos, GIGANTES (overeem, ngannou). O que esses caras fazem? Brasil tomou muito no rabo nisso.
  10. Discordo. Enquanto ele estava com gás, com ritmo, estava segurando a luta. Chutando e tal. Perdendo por MUITO pouco. A diferença começou a aparecer quando o ritmo começou a cair. Segundo round. Começou a "amolecer", e o Holloway nada de cansaço, estava 100%. Incrível. Quando o Aldo partiu para a trocação maluca, ele já estava pedido. Ele foi para o all win. Sim, o Holloway tem uma técnica de boxe bem melhor que a do Aldo. Mas não foi isso que o fez ganhar. Aldo chuta, por exemplo. Holloway não. O que fez o Holloway ganhar foi o ritmo e o gás. Na luta ficou MUITO claro: 1) os dois começaram iguais, ou quase iguais; 2) Aldo começou a cair de ritmo, Holloway se manteve 100%. 3) Holloway venceu. Sei la se isso é idade, ou treinamento, ou algum suco, algum segredo. Sei la. Mas achei IMPRESSIONANTE o gás. Na entrevista com o Joe Rogan o cara parecia que nem tinha lutado.
  11. 30 anos não é o auge físico nem fudendo. É uns 26...
  12. Cara, o Aldo fez o máximo que pode. MESMO! Mas o Holloway simplesmente é (ou "está") melhor. Muito melhor. Ele não cansa. Desde o início estava claro que venceria, exceto que entrasse um golpe perdido do Aldo. Quando, no 2o round, o Aldo já estava começando a ficar "mole", Holloway ainda estava inteiro. A meu ver, é basicamente preparo físico mesmo. Na técnica, estava empatado mesmo. Enquanto o Aldo estava segurando a onda, estava empatado. Quando Aldo começou a diminuir o ritmo, a "amolecer", a cansar, o Holloway ainda segurou 100%. Ai não da mesmo. Não sei se é idade, ou algum segredo ai, algum suco, sei la! Mas a questão física ficou clara. Que isso, cara... Assistindo à entrevista do Holloway com o Joe Rogan neste momento..... o cara não está NADA cansado. Que gás é esse???
  13. Ué, eu tbm odiaria ver esses meus ídolos, principalmente o Fedor, apanhando e lutando mal. Mas justamente por isso que eu acho bom um evento de veteranos (ou "decadentes", como você falou). Não vejo mais sentido no Fedor lutar com os melhores, disputar cinturão e tal. Mas lutar com caras de 40 anos, beleza. Se ele continua treinando, se está saudável, acho justo. Me divertiria e acho que o cara merece tirar a grana dele. Mas concordo com você que se o cara estiver estragado, lutando nada, sequelado, aí não quero também. Por fim, eu não rotulei nada, disse que "TALVEZ" você começou a ver recentemente. Mas tá tranquilo, vc explicou bem
  14. Discordo totalmente. Talvez você pense assim vc começou a assistir ao esporte recentemente. Ou não Pelo menos para mim, que sou fanzasso do Fedor, desde 2004, é um evento foda! E o fato de ter caras mais velhos eu acho bom e justo. Não acho apropriado cara de 42 anos ficar lutando contra cara no auge de 28. Esse torneio é algo naquele sentido que o Belfort tinha proposto: uma divisão para mais velhos. Acho bom: não mata os velinhos, lutas justas e não tira o emprego dos caras também, mantém as lendas lutando.
  15. Que foda! Muito bom! Torço para o Fedor nisso, como sempre torço Mas o cara está com 41 anos, ou 42. E o rendimento caiu muito. Acho que ele tem que dar um jeito de tomar uns negocinhos ai, voltar a ser forte como antes, e treinar pra valer. Senão vai apanhar e sair na primeira já