LAWYER

Membros
  • Content Count

    3079
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutra

About LAWYER

Profile Information

  • Gender
    Male
  • Location
    ponte aérea...

Recent Profile Visitors

14651 profile views
  1. LAWYER

    A Lenda Renan Pitanguy luta por sua vida!

    Muito obrigado a vocês TODOS! Vocês são meus IRMÃOS!!!
  2. LAWYER

    A Lenda Renan Pitanguy luta por sua vida!

    Bom dia meus amigos Nosso irmão Renan descansou agora de manhã! Vamos concentrar nossas energias e pensamentos nele! Força Resignação e Fé para os familiares !! Descanse em paz meu Irmão !! Osss🙏🏽 Til Valhala Warrior!!! The Crabman lives forever!!!
  3. Amigos, A lenda do Surf e do Jiu-Jitsu Renan Pitanguy luta por sua vida na CTI do Hospital Unimed da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Ele tem um quadro de septicemia e precisa de doações de sangue de qualquer tipo, para vencer esta batalha. Amigos do Rio que puderem doar sangue podem participar dessa corrente do bem por nosso grande amigo. Doação em nome de Renan Pitanguy Pinheiro Chagas, O Ponto de coleta: é na Unimed Botafogo, Rua Conde de Iraja, 183, das 08:00 até as 16:00 hs (sábados, de 08:00 às 12:00 hs), 2537-7440. Obs: "Qualquer tipo sanguíneo", não precisa estar em jejum. "Em tempos de guerra, ELE lutou por nós! É hora da retribuição!" Força e Honra!
  4. LAWYER

    Treinos a porta fechada

    A lenda do Surf e do Jiu-Jitsu Renan Pitanguy luta por sua vida na CTI do Hospital Unimed da Barra, no Rio. Amigos do Rio que puderem doar sangue podem participar dessa corrente do bem por nosso grande amigo. Doação em nome de Renan Pitanguy Pinheiro Chagas, Ponto de coleta: Unimed Botafogo, Rua Conde de Iraja, 183, até as 16:00 hs, 2537-7440. Obs: "Qualquer tipo sanguíneo" Força e Honra!
  5. Eu racho de rir quando vejo vocês fazerem essa diferenciação entre Jiu-Jitsu e Emeemea, hehehe... Aí vejo alguns tópicos onde o minino diz: "Rickson foi o número 1 no Jiu-Jitsu, no vale-tudo foi zero", jhahahahahahahahahaha... Lamento aí pelo que vocês entendem como Jiu-Jitsu. Eu aprendi tudo com o Jiu-Jitsu, não levar chute, não levar soco na cara, não perder uma montada, não sofrer danos, não causar grandes danos, vencer, sempre, na maciota, com calma, sem afetação, sem grosseria, respirando... Aprendi principalmente a "sempre estar pronto". Mas realmente vejo aí hoje "faixas-pretas" que perdem a montada, que largam posições para "botar giro e pontuar", que se desesperam com um "clinch" (cinturada), que não sabem o que é base, botar peso, que se tomarem um tapão na cara vão chorar e sair da academia, processar ... O Jiu-Jitsu que eu aprendi é a guerra, é o inferno. Eu sei viver lá, sei sair de lá, lá é a minha casa. Vocês podem chamar ele de Emeemeá, vale-tudo, briga, porrada, desafio, pode botar o nome que quiserem, só não chamem de Jiu-Jitsu esportivo, porque isso eu não sei direito o que é...
  6. LAWYER

    Treinos a porta fechada

    O Lacombe eu conheço... Do Kyokushin eu não tenho muito conhecimento
  7. LAWYER

    Treinos a porta fechada

    Cara, você está falando sobre o Sensei Naoyuki? Se for, a resposta é sim, através do Mestre Furusho que deu uma retaguarda a ele no Rio. Naoyuki vem da linhagem do Sadamu Uriu... Olha, é um cara completo tá! Não estou brincando quando falo isso... é um japonês que treinou tudo desde criança, judô, karate-do, shorinji kempo, toda a parte de armas... um verdadeiro Samurai! Eu sempre procurei bons treinos, treinei com muita gente boa e não me apeguei a panelinhas. Respeito e bico calado só trazem coisas boas. Vocês encontrarão bons ensinamentos em outros Mestres, outras linhagens, abordagens diferentes. Fica a dica ... Pessoal, obrigado pelas palavras e tenham em mente que sou sempre um aluno, um aprendiz e a honra é minha em conviver com vocês!
  8. LAWYER

    Treinos a porta fechada

    Caralho, irmão, quanto tempo! Você é outro faixa-preta sinistro!!! Forte abraço!
  9. LAWYER

    Treinos a porta fechada

    O GM Reyson é porradeiro sim, não leva desaforo pra casa, hehehe... outros tempos, outra mentalidade, não vão fazer isso por aí! Eu treino sim, do jeito que dá... minha rotina é puxada e metódica. Não tem segredo, motivação, organização e planejamento, pra na minha idade a coisa dar certo! Acordo muito cedo, antes das 5:00 hs, durmo cedo também. Dieta bem rígida, não tem outro jeito. Com a idade você tem que ir tirando alimentos inflamatórios do seu cardápio! Não bebo, não fumo, não tomo refrigerante, não como biscoito, não uso qualquer tipo de droga, não uso bomba (quem quer crescer tem que ir ao supermercado diariamente, não na farmácia), não tomo remédios, só vitamina C com zinco. Treino musculação 6 vezes por semana PARA O JIU-JITSU! Não é pra ficar fortão, embora eu não esteja mal treinando tanto.... é pra blindar o corpo de lesões! Jiu-Jitsu duas ou três vezes por semana. Corrida na esteira pra não foder articulações. Natação no mar, no fim de semana... É uma gincana maluca, mas vai dando certo... Não existe vida fácil, não existe caminho fácil, não existe treinamento fácil. Se está fácil pra você, alguma coisa está errada! O corpo sempre vai reclamar, ele quer repouso! Eu não ouço o meu corpo, minha mente é que me empurra nos piores dias. Antes do treino, qualquer um, eu me sinto um lixo. Depois do treino me sinto magnífico! Eu nunca fui o melhor cara do karate, muito menos do Jiu-Jitsu. Nunca fui fenômeno em nada na vida!!! Mas pensa num cara chato, enjoado mesmo, que se submete à pior rotina possível, que encara fisioterapia como um dia de treino, o cara que não desiste, que não aceita um "você não vai conseguir", que não liga pra dia frio, chuvoso, quente, triste??? Eu sou um desses caras... Isso está dentro de cada um. É só tirar lá de dentro... Sou feliz assim. E desejo o melhor a cada um de vocês! Força e Honra!
  10. LAWYER

    Treinos a porta fechada

    O Pedro teve o famoso "choque de realidade" na infância. Tinha uns 15, 16 anos e o Rickson colocou o Royler, com 9 anos, pra dar um rola com ele. Depois que Royler finalizou ele 10 vezes, ele entrou pro Jiu-Jitsu. É meu amigo, um cara totalmente do bem, um grande Professor, mas já falei disso aqui por este imenso tópico. Não dá pra ficar se repetindo... Mestre Alm está bem demais. Forte pra caralho esse puto... Vou entregar: o Alm é aquele coroa que você vai treinar com ele e ele fala: - pô, vai devagar, tô velho, sou fraco, etc... E o rola começa e ele vem igual um trator por cima, te amassa de todas as formas possíveis e já dá vontade de bater no cem kilos... é foda! Um grande abraço, vão treinar! Não deixem o tatame esvaziar na terça!!! Semana tá só começando...
  11. LAWYER

    Treinos a porta fechada

    Cara, essa turma tá uma geração acima de mim... Acho que Mestre Alm conviveu com eles, eu não. Reylson eu conheço, bem como o GM Reyson. Carley e Rosley estão nos EUA há muito tempo... Carlion? Acho que não tem ligação com o Jiu-Jitsu... De Carlos eu conheço os mais velhos, Carlson e Carlos Robson (amigos do meu pai) e os mais novos, Carlinhos, Rillion, Crolin... Robin já é de uma geração mais nova e filho de Hélio. Esse eu conheci criança. Dá aulas em Barcelona há muitos anos... Bicho, a família é grande pra caralho e as letras R, C e K no meu celular são enormes, hehehe... Ontem foi aniversário do Mestre Sylvio Behring! Grande cara, grande Professor! Um irmão querido! Que tenha vida longa e feliz!
  12. LAWYER

    Treinos a porta fechada

    Então amigo... esse teste das 100 lutas é uma jornada interior dos expoentes do kyokushin né... O Ademir Costa passou por ele e o Francisco Filho também. Aliás, Chiquinho saiu inteiro do teste, sem precisar de cuidados médicos, o que demonstra preparo e resistência além de limites normais... O Reid é um cara muito forte, wrestler olímpico, um atleta completo, mas você vê que em determinado momento o joelho dele sai do lugar, ou coisa parecida... Isso aí vai fundo numa linha do karate mais tradicional de Okinawa, onde ainda treinam de forma bem antiga e aí vem "calejamento", kote kitai, pedra, parede, madeira... A JKA não adota isso e fica relegado aos bem tradicionais, embora não exista um karateca raiz que não tenha batido uma makiwara na vida... Eu só faço a seguinte ponderação. Alguns mergulham muito fundo nas artes marciais, até nos aspectos mais sombrios. Buscam uma vida de acordo com os princípios do bushido, ou coisa semelhante...ou, apenas são mal orientados por professores. Eu só acho que deve-se ter em mente que alguns danos que você causa a seu corpo são irreparáveis e vão te acompanhar na vida adulta, velhice... você vai sentir dores por lesões que você sofreu 20, 30 anos antes. Eu sofri muitas lesões e sinto dores, principalmente em dias mais frios. Isso é chato e eu não tinha muita noção disso na juventude, então é bom estar ciente de que ações geram consequências... Um forte abraço e bom treino!
  13. LAWYER

    Quem o maior stricker da história do Brasil?

    Então, Master, eu vejo o Lirton na categoria "Pioneiros", primeiro faixa-preta carioca, um desbravador que veio do judo e foi buscar o esporte em São Paulo. No aspecto esportivo, sem nenhum demérito, acho que o filho Richard, que já lutou comigo, superou o pai em conquistas (e isso é uma alegria para qualquer pai...). o Ronaldo eu já falei muito dele por aí.... um cara incrível, inesquecível... muito difícil treinar com ele, não perdia a viagem, e onde um soco dele pegava não crescia mais pelo, pqp... Por justiça histórica a gente tem que lembrar do Flávio Molina, que era um casca-grossa no Taekwondo e abraçou os primórdios do que viria a ser o muay-thai. Grande lutador, policial, e sujeito homem que não fugiu de desafios.. Nos 90 tinha um karateca, o Altamiro "Didi" Cruz, que tinha uma dominấncia absurda entre os pesados, mas eu já estava "de saída" do mundo do karate e não acompanhei muito sua carreira. Outro atleta que não pode ser esquecido como striker é o Anderson Silva. A dominância dele no MMA é um fato histórico e sua visão do jogo em pé é muito avançada... Bom, Brasil é foda na porrada, brasileiro gosta disso e tem muita gente boa por aí... Abração pessoal, bom treino!
  14. LAWYER

    Quem o maior stricker da história do Brasil?

    É sempre muito difícil fazer esse tipo de lista, mas ... segue um pitaco sobre o karate: Luis Tasuke Watanabe - impossível qualquer lista sem ele. Simplesmente o primeiro brasileiro campeão mundial da história, em 72, vencendo 8 lutas por ippon. Depois vem os outros da geração de ouro: o monstro Ronaldo Carlos, Ugo Arrigoni, Ricardo D'Elia, Robson Maciel, os Caribé, Paulão Góes, Vitor Hugo, Antonio Pinto, os Fernandos Soares e Athaíde, Johanes Freiberg... mas o Watanabe é que trouxe o caneco. Francisco Filho - fez história no Mundial da Kyokushin e no K1, mas o Mestre dele, Ademir Costa tem que ser citado. Era muito grande, muito forte e foi escandalosamente garfado pelos japas enquanto competia no Japão... Lyoto - Foi campeão do UFC lutando Karate Shotokan. Botou o karate no mapa novamente e já mereceria uma estátua por isso.