Henry Chinasky

Moderador
  • Content Count

    4470
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutra

2 Followers

About Henry Chinasky

  • Birthday 05/17/1968

Profile Information

  • Gender
    Male
  • Interests
    MMA

Recent Profile Visitors

3906 profile views
  1. Henry Chinasky

    OUTRA entrevista de IGOR VOVCHANCHYN

    Alô, @rivvithead! Da uma olhada nisso e ve se vc acha interessante (claro, se dispuser de tempo) traduzir essa matéria. Pra falar melhor, trata-se de uma crônica do ex campeão mundial de Boxe Michael Bentt sobre seu drama vivido apos um nocaute devastador e a mudança que isso alavancou em sua vida. Fiquei sabendo desse texto através da ótima série documental "Losers" da qual ele participa. Era isso, irmão. Não quero te abusar , mas fica ai a sugestão. Abraço http://michaelbentt.com/anatomy-of-a-knockout-2/
  2. Henry Chinasky

    PBP UFC São Petersburgo - Overeem x Oleynik

    Obrigado, friend!
  3. Henry Chinasky

    PBP UFC São Petersburgo - Overeem x Oleynik

    Acho dificil colocar russos e poloneses pra trocar porrada e a coisa ser ruim. Pode até não envolver muita tecnica mas o pau canta.
  4. Henry Chinasky

    PBP UFC São Petersburgo - Overeem x Oleynik

    Comecou na base do slugfest.
  5. Henry Chinasky

    PBP UFC São Petersburgo - Overeem x Oleynik

    PQP!Que porradaria!
  6. Henry Chinasky

    PBP UFC São Petersburgo - Overeem x Oleynik

    No SporTV 2 ja ta rolando. Quem tiver link por favor vai postando que eu adiciono no post original. Valeu!
  7. Espetacular! Luan “Miau” é o novo campeão do Brave Redação MMA Premium Luan Miau é o novo campeão do Brave. (Imagem: Divulgação/Brave) Durante sua preparação para o duelo contra Abdul-Kareem Al-Selwady, pelo Brave 23, Luan “Miau” Santiago não escondia sua confiança na vitória, chegando a prometer que iria vencer o então campeão peso leve do Brave Combat Federation ainda no primeiro round. E ele cumpriu o prometido, dando um show diante da torcida jordaniana, que apoiava o compatriota Al-Selwady. Com uma cotovelada rodada que instantaneamente apagou o rival, Luan se tornou o novo campeão peso leve do Brave. Muito vaiado na entrada para o duelo, em Amã, na Jordânia, “Miau” foi aplaudido de pé no seu discurso pós-vitória e não escondeu a emoção ao ser declarado o vencedor e novo dono do cinturão do Brave. “Todo mundo sabe que eu considero o Bahrein (sede do Brave) minha segunda casa. Mas depois da recepção que eu tive aqui, agora a Jordânia é a minha terceira casa. Vocês foram maravilhosos. Aplaudam seu grande atleta, Abdul-Kareem, e aplaudam a si mesmos. Quero lutar aqui de novo, mas desta vez com o apoio dessa galera”, declarou o novo campeão. Sem sentir a pressão da torcida, e aparentando estar muito relaxado, “Miau” começou dominando e rapidamente achou a distância na trocação com o adversário jordaniano. A partir daí, começou a conectar diversos golpes, até que Al-Selwady avançou com mais contundência e foi contra-atacado com uma bela cotovelada giratória, que terminou a luta imediatamente. “Miau” agora tem quatro triunfos no Brave e apenas uma derrota, sofrida para Lucas “Mineiro”. O novo campeão vencia a luta nas papeletas dos juízes laterais, quando sofreu uma lesão no fim da luta, vinda de uma queda bem-sucedida de “Mineiro”. Outros resultados Além do brasileiro, outros dois campeões foram coroados no Brave 23. Eldar Eldarov tornou-se o primeiro dono de um cinturão mundial superleve na história do MMA ao superar Mounir Lazzez por decisão, enquanto Abdoul Abdouraguimov, em decisão polêmica, superou o dono da casa Jarrah Al-Selawe e lhe tirou o título peso meio-médio na luta principal. O Brave 23 também foi marcado por outros dois nocautes brutais, cortesias de Hashem Arkhagha e Khamzat Chimaev, que usaram contra-ataques mortais para apagarem Jeremy Smith e Ikram Aliskerov, respectivamente. Ex-UFC, Jose Torres abriu o card principal com boa vitória por decisão diante de Amir Albazi. Resultados completos do Brave 23: Card principal Meio-médio: Abdoul Abdouraguimov venceu Jarrah Al-Selawe por decisão dividida. Superleve: Eldar Eldarov venceu Mounir Lazzez por decisão unânime Leve: Luan Santiago venceu Abdul-Kareem Al-Selwady por KO – Round 1 Peso casado: Hashem Arkhagha venceu Jeremy Smith por KO – Round 1 Meio-médio: Khamzat Chimaev venceu Ikram Aliskerov por KO – Round 1 Mosca: Jose Torres venceu Amir Albazi por decisão unânime Card preliminar Galo: Aidan James venceu Jalal Al Daaja por TKO – Round 3 Leve: Anas Siraj Mounir x Alex Martinez – No Contest (golpe baixo acidental) Galo: Ali Qaisi venceu Georges Bardawil por decisão unânime Pena: Akhmed Magomedov venceu Steven Gonçalves por decisão unânime Leve: Ahmed Amir x Sam Patterson – empate dividido Pena: Hassan Talal venceu Mohammad Aly por TKO – Round 2 https://mmapremium.com.br/luan-miau-cinturao-brave/
  8. Henry Chinasky

    PBP UFC São Petersburgo - Overeem x Oleynik

    Pesagem :
  9. UFC São Petersburgo Sábado, 20 de abril de 2019, TRANSMISSÃO à partir das 11hs DA MANHÃ. (SporTV 2 transmitirá o card preliminar) CARD PRINCIPAL (14h, Horário de Brasília): Peso-pesado: Alistair Overeem x Alexey OleynikPeso-leve: Islam Makhachev x Arman TsarukyanPeso-pesado: Sergei Pavlovich x Marcelo GolmPeso-meio-pesado: Ivan Shtyrkov x Devin ClarkPeso-mosca: Roxanne Modafferi x Antonina ShevchenkoPeso-médio: Krzysztof Jotko x Alen Amedovski CARD PRELIMINAR (11h, horário de Brasília):Peso-galo: Movsar Evloev x Seung Woo ChoiPeso-meio-médio: Sultan Aliev x Keita NakamuraPeso-leve: Alexander Yakovlev x Alex LekoPeso-pesado: Marcin Tybura x Shamil AbdurakhimovPeso-meio-pesado: Gadzhimurad Antigulov x Michal OleksiejczukPeso-leve: Magomed Mustafaev x Rafael Fiziev Links : https://fight-live.com/live/ufc-live-stream-1/channel-2/ ****************************************** Bom dia, amigos. Resolvi abrir o PBP mais cedo por decorrência de dois motivos. O primeiro nasce do horário pouco usual desse evento - ele começará ainda pela manhã, e eu entendo que colocar o tópico ja em destaque desde as primeiras horas do dia chamará a atenção dos desavisados. O segundo é menos um motivo e mais uma conseqüência, digamos, um efeito colateral da insônia que veio ter comigo. Sendo assim, passo a considera-la - essa infausta irregularidade do sono - por hoje, algo desejável e bom. Então, meus caros, divirtam-se. Pq eu, quando a pancadaria toda começar, provavelmente estarei dormindo um bom pedaço. Abraços!
  10. Sim. Mas, retóricas à parte, eu posso ver Khabib ( se não se lesionar ou pular 😎defendendo essa cinta por um bom tempo ainda. O bicho é um fio de alta tensão desencapado. Só não pode dar espaço pra soberba, pq a categoria já um desafio enorme. *pular 8 ( não sei como a figurinha foi para lá em cima)
  11. Eu geralmente sou pouco objetivo mas aqui , para mim, a coisa é muito clara. Se Khabib sai do UFC, ou se aposenta, o campeão legítimo é o Poirier que, por sinal, bateu mais cascas grossas que o campeão nas últimas 5 lutas.
  12. Henry Chinasky

    [UFC FN 148] Alistair Overeem vs. Alexey Oleinik

    @lost descupe o equívoco. 14 hs é o card principal. Segue a programação do Combate: No sábado, 20, a partir de 11h (de Brasília), o Combate traz a transmissão ao vivo de todo o evento, enquanto o Combate.com exibe as duas primeiras lutas ao vivo e acompanha todo o evento em Tempo Real. O SporTV 2exibe todo o card preliminar do torneio.
  13. Henry Chinasky

    Amanda Nunes promete defender cinturão peso-pena após UFC 239

    Ameaçou mesmo. Mas depois mudou o plano, que agora é bater Holly, Cris e ai sim, jogar bola. O problema é se tomar um bola nas costas do destino. Pq se perder da Cris é certo que deve ter trilogia e tudo pode mudar de novo...
  14. Ele tb precisa do UFC. E ele ainda tem a provar. Tem apenas uma defesa. Ninguém vence ninguém de véspera. Tem Poirier, Ferguson, Gaethje chegando, Lee e Pettis ( que subiram mas ainda consta como top 10), um rapaz chamado Gillespie... Enfim, a categoria é excelente mesmo sem ele. E tem ainda o desafeto dele que, não duvido, traz mais dinheiro que a categoria toda junto, e contra quem certamente ele vai querer lutar de novo.
  15. Henry Chinasky

    Amanda Nunes promete defender cinturão peso-pena após UFC 239

    Verdade. Tem a Holm antes e depois o deserto da FW feminina, logo, a revanche com a Cris. Alias, é bastante obvio que ela só vai subir de novo se for pela revanche.