Henry Chinasky

Colaboradores
  • Total de itens

    2,764
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

2 Seguidores

Sobre Henry Chinasky

Profile Information

  • Gender
    Male
  • Interests
    MMA

Últimos Visitantes

2,486 visualizações
  1. Devia desafiar é o ditador checheno não aceitando a recepção e o carro dele. Pra completar , originalidade zero.
  2. Henry Chinasky

    Moicano x Mendes UFC 231 (rumor)

    Se o Holloway cair imagino que a disputa será pelo interino. E hoje Moicano merece mais que Mendes. Pensando melhor qualquer que caia o brasileiro deveria substituir.
  3. Henry Chinasky

    Moicano x Mendes UFC 231 (rumor)

    Bem colocado.
  4. https://sportv.globo.com/site/combate/noticia/khabib-nurmagomedov-visita-a-chechenia-e-ditador-o-presenteia-com-carro-de-luxo.ghtml Sacaneia mendigo e paga pau pra ditador. Já gostei mais desse cara.
  5. Henry Chinasky

    Moicano x Mendes UFC 231 (rumor)

    Lutão do caralho. Acho que Moicano roda nessa.
  6. Henry Chinasky

    Moicano x Mendes UFC 231 (rumor)

    UFC planeja luta entre Renato Moicano e Chad Mendes para o UFC 231 Por Tarso Doria | 14/10/2018 12:55 No UFC 231, o campeão peso pena Max Hollowaybate de frente com Brian Ortega para defender o título, mas tem brasileiro de olho no confronto. Conforme apurado de forma exclusiva pelo MMA Brasil, Renato Moicano vai ganhar vaga no card e o adversário pretendido pelo UFC é o ex-desafiante Chad Mendes. Embora o contrato não esteja assinado por ambas as partes ainda, a presença de Moicano no card é quase certa. A organização, inclusive, teria outros nomes em mente caso Chad não pegue a luta, como do outro top 10 Mirsad Bektic e do top 15 Alexander Volkanovski. Isso tudo pois o UFC quer estar prevenido caso um dos dois lutadores da luta principal não esteja apto a competir na noite. Nesse caso, Renato Moicano será o substituto automático. O brasileiro conhece bem o desafiante peso pena doUFC 231. Ortega e Moicano se enfrentaram no UFC 214, em 2017. Na ocasião, os atletas travaram uma luta parelha e que possivelmente definiria o próximo desafiante ao título, mas com um descuido no terceiro round, Moicano acabou finalizado. Desde então, o brasileiro conquistou duas vitórias seguidas e despontou como um dos principais nomes da categoria. Chad Mendes encerrou o longo período inativo, após a suspensão de dois anos por doping, com uma vitória por nocaute sobre Myles Jury, em julho. Aos 33 anos, Mendes tem duas disputas de título nas costas. Ambas contra José Aldo e com o mesmo resultado: derrota. O UFC 231 será realizado no dia 8 de dezembro na Scotiabank Arena em Toronto, Ontario, Canadá. Confira o card do evento até o momento: UFC 231 Disputa de cinturão peso pena: Max Holloway (c) vs. Brian Ortega Disputa de cinturão peso mosca: Valentina Shevchenko vs. Joanna Jedrzejczyk Peso meio-pesado: Thiago Marreta vs. Jimi Manuwa Peso pena: Renato Moicano vs. Chad Mendes* Peso mosca: Jessica Eye vs. Katlyn Chookagian Peso palha: Claudia Gadelha vs. Nina Ansaroff Peso leve: Gilbert Durinho vs. Olivier Aubin-Mercier Peso meio-médio: Chad Laprise vs. Dhiego Lima Peso pena: Kyle Bochniak vs. Hakeem Dawodu Peso meio-pesado: Aleksandar Rakic vs. Devin Clark Peso galo: Brad Katona vs. Matthew Lopez Peso médio: Eryk Anders vs. Elias Theodorou Peso leve: John Makdessi vs. Carlos Diego Ferreira *Luta ainda não confirmada oficialmente
  7. Henry Chinasky

    PBP - Bellator 208: Fedor x Sonnen

    Concordo. Contra o Mir já senti algum progresso.
  8. Henry Chinasky

    PBP - Bellator 208: Fedor x Sonnen

    Não vi a luta mas esse desfecho aí foi esquisito. Sonnen já havia sido machucado por golpes anteriores?
  9. Henry Chinasky

    PBP - PFL 2018 #9 - decisão de finalistas meio-pesado e leve

    Tranquilo. Vírus no Face? Fala, @dvd1975, vc pode entrar direto na página, amigão. Eu só copiei e colei.👍
  10. Henry Chinasky

    PBP - PFL 2018 #9 - decisão de finalistas meio-pesado e leve

    Por favor, friend. Seria bem bacana. Olho no Schulte. Essa cara tem qualidade.
  11. PFL 2018 #9 terá decisão de finalistas dos pesos meio-pesado e leve no sábado Por Rafael Oreiro | 12/10/2018 16:31 Mesmo sem UFC, o final de semana no mundo do MMA será mais que movimentado. Além de duas edições do Bellator, teremos também a realização do segundo evento de playoffs da Professional Fighters League. O PFL 2018 #9 acontecerá no Long Beach Convention & Entertainment Center, em Long Beach, na Califórnia, e trará as quartas e semifinais dos pesos meio-pesado e leve, começando as 19:45h – no Horário de Brasília. De acordo com as diretrizes do torneio, e seguindo as regras unificadas de MMA – que dizem que cada lutador pode lutar por no máximo 25 minutos em uma noite – as quartas de final do torneio tiveram a duração de somente dois rounds, com os vencedores passando para a semifinal, que foi disputada na mesma noite em combate de três rounds. Uma das categorias mais cheias de talento na competição, o peso leve deve trazer boas lutas na noite. Em uma das semifinais, o vencedor do combate entre o surpreendente Natan Schulte e do ex-UFC Johnny Case enfrentará ou Chris Wade, ou Robert Watley. No outro lado da chave, o ex-campeão do Bellator, Will Brooks, enfrentará o russo Rashid Magomedov, enquanto Islam Mamedov encara o veterano Thiago Tavares. Já no peso meio-pesado, o grande favorito Vinny Pezão lutará contra Rakim Cleveland, encarando na semifinal o vencedor do duelo entre Bozigit Ataev e Emiliano Sordi. Enquanto isso, o outro finalista será decidido no chaveamento com os confrontos entre Dan Spohn e Sean O’Connell, e Maxim Grishincontra Smealinho Rama. Como feito no evento de playoffs anterior, foram marcados também dois combates reservas, para a eventualidade de haver um substituto para caso algo aconteça com os lutadores do torneio. Enquanto no peso leve Ramsey Nijem enfrentará Yuki Kwana, Brandon Halsey e Ronny Markes duelarão na categoria dos meios-pesados. PFL 2018 #9 SF Peso meio-pesado: Pezão/Cleveland vs. Ataev/Sordi SF Peso leve: Schulte/Case vs. Wade/Watley SF Peso meio-pesado: Spohn/O’Connell vs. Grishin/Rama SF Peso leve: Brooks/Magomedov vs. Mamedov/Tavares QF Peso meio-pesado: Vinny Pezão vs. Rakim Cleveland QF Peso leve: Natan Schulte vs. Johnny Case QF Peso meio-pesado: Bozigit Ataev vs. Emiliano Sordi QF Peso leve: Chris Wade vs. Robert Watley QF Peso meio-pesado: Dan Spohn vs. Sean O’Connell QF Peso leve: Islam Mamedov vs. Thiago Tavares QF Peso meio-pesado: Maxim Grishin vs. Smealinho Rama QF Peso leve: Will Brooks vs. Rashid Magomedov Peso meio-pesado: Brandon Halsey vs. Ronny Markes Peso leve: Ramsey Nijem vs. Yuki Kawana *SF = Semifinal, QF= Quarta de final Link para transmissão ao vivo: https://www.facebook.com/PFLmmaLive/videos/938134083039708/
  12. Henry Chinasky

    PBP-Bellator 207: Ryan Bader vs Matt mitrione

    Se Fedor passar do Sonnen amanhã - o que eu acho bem possível - dificilmente ele arruma algo contra o Bader. Seria uma zebraça. Só se o americano se expuser e fizer o que fez contra o Lyoto. O russo ainda é pegador.
  13. Henry Chinasky

    "Nota para McGregor" by Sean Sherk

    Não ouso tirar mérito de vencedor. Mas TB enxerguei um tanto assim como você. Mas ele mostrou melhoras na parte defensiva de grapling.
  14. Henry Chinasky

    "Nota para McGregor" by Sean Sherk

    O ex-campeão dos leves do UFC Conor McGregor não obteve sucesso em seu esperado confronto com o UFC 229 com Khabib Nurmagomedov. Que contou a verdadeira história da luta foi o campeão russo. Mais de uma vez , Nurmagomedov arrastou McGregor para a tela, onde intimidou-o com ataques e, finalmente, o finalizou. Desde a derrota de Conor McGregor para Khabib Nurmagomedov, já houve conversas sobre uma possível revanche entre os dois. Se McGregor vai ganhar essa revanche em potencial, é claro, ele terá que fazer algumas melhorias sérias em seu wrestling - e o ex-campeão dos leves do UFC Sean Sherk espera ajudá-lo com isso. O ex-campeão fez sua oferta para Conor McGregor em sua página oficial no Facebook: https://m.facebook.com/seansherk/posts/10155515788805583?refsrc=http%3A%2F%2Fwww.bjpenn.com%2Fmma-news%2Fufc%2Fformer-ufc-lightweight-champ-sean-sherk-offers-to-train-conor-mcgregor-for-khabib-nurmagomedov-rematch%2F Nota para McGregor " Não sei se essa revanche acontecerá, mas contratar um cara como Jordan Burroughs para te ensinar como lutar não é a chave para a vitória. Você não pode aprender a lutar com um cara como Khabib, que luta desde o nascimento em questão de semanas, apenas treinando com um campeão mundial. Não funciona assim. A chave para a vitória em uma revanche seria contratar um cara como eu, por exemplo, que tinha um estilo de luta quase idêntico ao de Khabib. Eu, durante toda minha carreira, usei minha habilidade de Wrestling superior para enfrentar adversários em uma gaiola, permanecendo ainda tridimensional. Eu sei como vencer caras que lutam como eu. Eu sei o que funciona para parar as quedas, contra a luta agarrada, como parar o ground and pound e ser efetivo ao escapar com base nas mesmas técnicas e filosofias que eu mesmo utilizava. Artes marciais mistas não é mais um jogo de estilo vs estilo. É homem versus homem, gameplan/ execução de gameplan e desenvolvimento disso. Os melhores atletas do mundo têm na derrota uma oportunidade para aprender e evoluir. Eu tenho a experiência e as credenciais para provar isso."
  15. Henry Chinasky

    Derreck Lewis: "Eu não sei porque ganhei a chance antes do Stipe"

    Sugiro uma reflexão a vocês, my friends: Se uma revanche imediata para um campeão dominante( o mais dominante da história da HW) não é tão aceitável, seria mais aceitável um campeão de outra categoria, sem enfrentar nenhum dos outros desafiantes da categoria em questão ter o direito de ser alçado direto ao título. Eu acho que nesse caso a revanche é um tanto justa, não?