SgtBlackStar

Membros
  • Total de itens

    26
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Sobre SgtBlackStar

  1. Campeão mundial se envolve em briga com lutador de MMA e apanha até a morte Eles teriam se entranhado dentro de uma cafeteria e decidiram resolver suas diferenças do lado de fora do estabelecimento 21/08/2017 12:09:32 - Atualizada às 21/08/2017 12:11:27 O Dia Rússia - Andréi Drachev, campeão mundial de levantamento de peso, foi assassinado brutalmente após se envolver em briga de rua com o Anva Zinárov, lutador de MMA. A confusão aconteceu dentro de uma cafeteria na cidade de Khabarovsk, no oriente da Rússia. O russo de 32 anos e o azerbaijano Anva Zinárov teriam se entranhado dentro do estabelecimento e decidiram resolver suas diferenças do lado de fora. Andréi Drachev sofreu lesões cranianas e faleceu Reprodução Internet As câmeras colocadas na rua onde a briga ocorreu registraram em detalhes o confronto. Embora o atleta russo fosse muito mais forte fisicamente, o azerbaijano é praticante de artes marciais e deu um pontapé que derrubou Andréi Drachev. Quando ele se levantou, já levou outro soco que o fez cair mais uma vez e então depois de quatro socos ficou inconsciente. Após a briga, a vítima foi encaminhada para um hospital próximo, mas segundo os médicos, Andréi Drachev sofreu lesões no crânio e não resistiu aos ferimentos. Já Anva Zinárov de 27 anos, está foragido, sendo procurado pela polícia do país.
  2. Perfeito. Acredito também que foi isso que aconteceu.
  3. TJ: Aldo precisa de 'instinto assassino' para voltar ao topo do UFC Atleta da divisão peso galo do UFC, TJ Dillashaw já declarou diversas vezes no passado ser fã do brasileiro José Aldo. Mas na opinião do ex-campeão, o manauara precisa recuperar seu "instinto assassino" para voltar ao topo do mundo das lutas. Em entrevista ao Fight Hub TV, Dillashaw comentou a última apresentação de Aldo, quando perdeu para Max Holloway em disputa de cinturão dos penas ocorrida em junho passado.- Ele pareceu um pouco diferente naquela luta. Não vi o lutador que via no passado. Ainda sou fã desse cara, mas queria ver de volta aquele instinto assassino. Sinto que não vejo esse lutador há tempos. Para tentar ser de novo o melhor peso-por-peso do mundo ele precisa recuperar isso - avaliou. Apesar de se dizer fã, Dillashaw já declarou que gostaria de enfrentar José Aldo no octógono. Ambos estão sem lutas marcadas no momento. https://br.yahoo.com/esportes/noticias/tj-aldo-precisa-apos-instinto-160610987.html
  4. Concordo totalmente com você.
  5. Entendo e condordo com o Bibiano. Sei que muitos adoram essa novela mexicana para promover as lutas que o UFC faz, mas, preferia a época que promoviam o lutador pelas suas habilidades, cartel de lutas e a luta, pela importância do combate...sem para isso denegrir um ao outro, o país, família, etc.
  6. Ótima luta antes de mais nada. Para mim o Jones ganhou o 1 round, o 2 round a meu ver podia ir para qualquer um....ele mostrou uma enorme maturidade em não se desesperar ao perceber que o Cornier ficou tonto, foi frio e inteligente em bandar ele. Outra coisa que achei muito inteligente do Jones, foi que a luta toda ele golpeou muito, mais muito o corpo, deve ter percebido que o DC sente bastante golpe no corpo (igual Cerrone), e investiu nisso....obs.: contra o Anderson, o DC já tinha demonstrado sentir naquele chute que levou....por fim, sempre achei o Fedor GOAT (é meu ídolo), mas inegavelmente o seu final de carreira, está triste. Enquanto o motor era novo, atropelou todos, não soube/sabe a hora de para. Com isso, a meu ver, até o Jones é Goat sim, mas, se no final da carreira dizer igual o Fedor (não saber a hora de parar), ponho os dois lado a lado como Goat, até lá considero o Jones Goat.....Anderson, GSP e Aldo, fechando o top 5 de P4P de todos os tempos
  7. Cara! Referente a Cornier x Jones, acho que é 50% para cada. Estou na torcida para o Jones, Demian e Cris. Vou torcer também, para que sejam ótimas lutas antes de mais nada, principalmente a última.
  8. Que isso cara! Não dá para acreditar, no dia da luta
  9. Ótima entrevista. Gostei do que falou da Cyba, Fedor e Sonnen....Do mais, descobri que tenho algo em comum com o Wand, ambos somos mão de vaca....rs
  10. Cara! Acompanhei muito o vale-tudo no início. Estava no Tijuca Tênis Clube em 1997 . Adorava o Pride, gostava muito do UFC antigamente, gostava do IVC também. Porém, com o fim do Pride e o forte monopólio do UFC e várias condutas do mesmo, desanimei muito com o caminho que foi tomado o esporte. Hoje praticamente, só vejo as lutas no outro dia, na internet e somente as que me interessam ou as que ouvir falar terem sido boas lutas. Até por que, poucas lutas vão me fazer perder uma noite de sono ultimamente. Acho certo falar que os fãs estão dispersos em outros sites (antes era só aqui, tentei anos me cadastrar e não conseguia, porém, acompanhava as notícias e discussões). Concordo que os mais velhos, têm outras prioridades, não se dedicam tanto aos fóruns dos sites como antigamente (eu sou um destes). Entretanto, acho que no Brasil, deu uma estagnada e acredito que a tendência de fãs hardcore é diminuir, mas, acredito que os fãs casuais devam aumentar. No mundo não sei dizer qual é a tendência, até porque, cada país possui suas peculiaridades, culturas etc. Contudo gostaria que o MMA tivesse tomado outro caminho, um mais profissional e bem menos de entretenimento, que os lutadores subissem por meritocracia, que se seguissem um ranking decente, que tivesse juízes decentes, etc, etc. Por fim. Sempre fui apaixonado por luta e acredito que o MMA (antigo vale-tudo) nunca irá acabar, porém, me entristece o fato de não terem catapultado o mesmo, para um patamar bem maior, pois acredito que se tenha potencial para isso.
  11. Ex-campeão do UFC sofre acidente de carro e está internado em estado crítico Caminhonete do norte-americano colidiu com um trem em movimento O Dia 16/06/2017 16:27:51- Atualizada às16/06/2017 16:31:14 Estados Unidos - O mundo do UFC está em choque. O ex-campeão mundial da categoria meio-médio, Matt Hughes, sofreu um grave acidente de carro e está internado em estado crítico em um hospital no estado de Illinois, nos Estados Unidos. Matt Hughes sofreu grave acidenteDivulgação / UFC Hughes, de 43 anos, dirigia sua caminhonete quando colidiu com um trem em movimento. Ele foi resgatado do local e levado de helicóptero para uma unidade médica. As informações foram passadas pelo presidente do UFC, Dana White. O norte-americano conquistou o título meio-médio em uma luta polêmica com Carlos Newton. Depois disso, ele conseguiu defender o cinturão cinco vezes mas acabou derrotado por BJ Penn. O título foi recuperado com uma vitória sobre o lendário Georges St. Pierre no UFC 50."Aparentemente ele tem um trauma na cabeça. Sua família está viajando para encontrá-lo agora", afirmou Dana ao canal de televisão 'ESPN' norte-americano. Ainda não há mais detalhes sobre o acidente. Matt Hughes está incluído no Hall da Fama do UFC, como lutador e como participante de uma das maiores lutas da história, quando enfrentou Frank Trigg. http://odia.ig.com.br/esporte/2017-06-16/ex-campeao-do-ufc-sofre-acidente-de-carro-e-esta-internado-em-estado-critico.html
  12. 12/06/2017 12:30:02 O Dia Paris - O Glory 42, é um famoso evento de kickboxing, que foi disputado em Paris, na França, terminou de forma de lamentável e com cenas de briga de rua. O lutador holandês Murthel Groenhart nocauteou Harut Grigorian de forma polêmica, no segundo round e depois apanhou de dois torcedores que invadiram o cage. Na decisão do torneio peso-leve, Groenhart conectou uma joelhada voadora, e, inexplicavelmente, Grigorian se virou de costas para o rival. O holandês não pestanejou e aproveitou o momento para desferir um duro gancho de direita, por trás, certeiro no queixo. O armênio caiu apagado na lona, com os olhos vidrados. Groenhart subiu no córner para comemorar, mas foi atacado por dois torcedores não identificados, que invadiram o ringue e desferiram socos. Membros de sua equipe e seguranças da arena intervieram em seguida e retiraram os invasores do local. "Um dos caras me pegou com um gancho no rosto. Levantei minha guarda. Com aquelas mãos sem luvas, acertou meu queixo e meus dentes. Acho que minha mandíbula está quebrada, não sei. Está doendo demais", disse Groenhart em declarações ao 'MMA Fighting'. GOLPE NÃO FOI ILEGAL O golpe não foi considerado ilegal, já que o árbitro não havia interrompido a luta. Nicky Hemmers, técnico do Grigorion, inocentou o holandês e descartou qualquer hipótese de trapaça, embora tenha considerado que o golpe "não foi gentil, mas não foi ilegal". O holandês se desculpou diretamente a Grigorian depois da luta. "Quando você está no calor da luta, você simplesmente continua. Ele virou de costas. Eu fui atrás dele e o acertei com o gancho de direita, só isso. Não fiz nada de errado. Eu estava na luta, nas regras. Todo mundo diz nas regras para se proteger a todo momento. O árbitro não entrou no meio. Entrei com o gancho de direita. Ele caiu, e depois vi o árbitro chegar. Não fiz nada de errado", afirmou Groenhart. http://odia.ig.com.br/esporte/2017-06-12/video-lutador-apanha-de-torcedores-depois-de-vencer-duelo-com-nocaute-polemico.html Obs.: É o primeiro tópico que crio. Espero o ter feito corretamente.
  13. Boa luta, na verdade um lutão. Espero que saia.
  14. Mais ou menos isso.....rs Concordo com você. Querem tirar o DJ como um iniciante, que está querendo um lugar ao sol, só esquecem que ele está longe de ser um iniciante e tão pouco de ser um lutador qualquer. Estou com o DJ nessa.