cabrió

Membros
  • Total de itens

    3,011
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Sobre cabrió

  1. Dana White revela que UFC trabalha para promover McGregor x Ferguson ainda este ano... .... mas que irá acontecer se e quando Conor quiser.
  2. TT de alto nível.
  3. Resumiu sem dizer uma única palavra. Parabéns.
  4. Parabéns, Gabriel! Striker e invicto. Muito sucesso pra você!
  5. Luta para o Aldo de recuperar e voltar com mais confiança e gana. Nenhum apelo. * Card tá bom, hein?
  6. Luta difícil para o brasileiro. Já vi nego aqui falar que o Barboza tem bom nível de wrestling (não lembro). Espero que sim, vai precisar. E, como disse o Mendoza acima, não vai poder abusar da sua principal arma, que são os kicks / low kicks. Espero que o russo sinta a inatividade e o brasileiro faça a luta de sua vida.
  7. Nos meio pesados? Sarafian talvez tivesse futuro nos meio médios (e olha que ele ainda é pequeno lá).
  8. Aguentou até que bem. Diferença absurda de condicionamento e técnica. Se de um lado é legal ver que a vontade ainda está lá, de outro é muito ruim ver o Pesão lutando sem qualquer condição de fazer frente.
  9. Acho que o objetivo é chocar a cultura local, incomodar pessoas, costumes e tradições locais (não estou dizendo que é certo, muito pelo contrário).
  10. Sim, é verdade. De fato tem uma incongruência aí. Acho que a igualdade entre homens e mulheres deve prevalecer independente da cultura, ainda mais em solo nacional.
  11. Verdade, o islamismo é bruto demais. Muito sangue, muita guerra, morte aos inimigos e infiéis... Mas eu sou contra essas charges e outras formas de desrespeito, não só porque o fim já sabemos (com eles o buraco é mais embaixo, haverá retaliação), mas também porque com fé alheia não se brinca. Quem se indigna quando profanam símbolos cristãos (como eu), por coerência deveria no mínimo se solidarizar quando profanam símbolos de outras religiões, mesmo não gostando ou sendo adepto. Aliás, aquela revista ridícula tinha sátiras a Jesus, aos católicos, ao Papa (veja: https://www.google.com.br/search?q=charges+charlie+hebdo&dcr=0&prmd=inv&source=lnms&tbm=isch&sa=X&ved=0ahUKEwiF-bLE_-7WAhWMDZAKHaHfAJgQ_AUICSgB&biw=314&bih=537). Mas ficaram marcados pelos muçulmanos, justamente porque esses não levam na esportiva. * O que não justifica o que fizeram. Em suma, todos errados.
  12. Vi para entender a repulsa. Chocante mesmo, uma afronta aos Cristãos e às famílias. Como é que escreve criança viada? E o MBL tá ali tirando uma casquinha. Essa radicalização dos ativistas tá afastando o grosso da população do foco principal, que é de luta por igualdade. Não é a toa que nomes conservadores estão muito fortalecidos.
  13. Não tinha visto essa aberração, na verdade nem procurei ver porque me incomoda. Por exemplo, não vi as imagens do homem nu com crianças (tocando e de mãos dadas), apenas li a respeito. Retiro o que eu disse, achei que você estivesse exagerando, até porque você exagera as vezes na argumentação. É profundamente chocante e não sei a qual propósito serve, já que nem toda História de mau gosto precisa ser retratada nas telas.
  14. O curioso é que temos o costume de chamar o comportamento radical de xiita, quando esses são minoria (10% dos muçulmanos). A maioria dos muçulmanos e também dos grupos radicais é sunita (Al-Qaeda, Taliban, Estado Islâmico, Hamas)... dos mais conhecidos, acho que só o Hezbollah é xiita. Acredito que isso tenha se propagado porque um dos grandes inimigos dos EUA, o Irã, é de maioria xiita. A Arábia Saudita, por exemplo, é de maioria sunita.