Henrique1

Membros
  • Content count

    511
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutra

About Henrique1

  1. É óbvio que o critério do UFC não se aplica a todos. Mas independente disso a Germanie não está certa. Uma categoria recem criada e a menina evita lutar contra a contender número 1? Sendo que nem um plantel essa categoria ainda tem formada? Mais cedo ou mais tarde ela sabia que iria lutar com a Cyborg. Se tivesse jogado aberto com o UFC desde o começo na luta contra a holm, afirmando que não lutaria com a Cyborg, com certeza o UFC não lhe daria uma luta pelo título.
  2. Khabib sugeriu Dos Anjos vs Masdival. Seria foda mesmo.
  3. Eu acho que o Conor não luta mais MMA. Depois de uma bolsa de 100 milhões de dólares não vejo ele lutando para ganhar bem menos.
  4. Organização garante a data para último card do Brasil em 2017, mas ainda falta acertar o pagamento para oficializar. Será a oitava vez do Ultimate em São Paulo 12/06/2017 16h44 - Atualizado em 12/06/2017 16h44 Por Raphael Marinho Rio de Janeiro UFC reservou o Ibirapuera para o dia 28 de outubro (Foto: Marcelo Barone) O Ultimate já tem engatilhado o local de seu último evento no Brasil em 2017. A organização fez uma reserva para o dia 28 de outubro no ginásio do Ibirapuera, em São Paulo, conforme apurou o Combate.com com fontes próximas à organização. Esta será a oitava vez que a companhia desembarca em São Paulo, sendo a sexta na capital (duas foram em Barueri). De acordo com funcionários do Ibirapuera, ainda falta o UFC realizar o pagamento para confirmar o evento, mas o ginásio já não está mais aceitando reservas para o dia 28 de outubro, contando com o acerto com o UFC. No último evento realizado em São Paulo, em novembro do ano passado, a cidade recebeu o "UFC: Bader x Nogueira", que teve a vitória de Ryan Bader sobre Rogério Minotouro na luta principal. Ainda não há confirmação de nenhum atleta no card de outubro.
  5. Não final estavam somente se arrastando no octagon. Cada uma.
  6. Essa luta do Hunt e Lewis provou porque Cigano e Werdum ainda são top 5 fácil na categoria. Preparo físico horroroso e luta em câmara lenta.
  7. Brunson pediu luta contra o Cara de Sapato. Na verdade o Cara de Sapato tinha pedido a luta contra o vencedor da luta entre o Kelly e o Brunson. E o Brunson parece que aceitou. Só não sei se o UFC vai casar essa luta.O que o Brunson disse foi que queria lutar com alguém pela chance pelo título, mas também aceitaria lutar contra António Silva, aí o Stann o corrigiu falando que era António Carlos Junior e ele disse que não se importava com o nome que ele não sabia quem era e tal.
  8. Oportunista, ele e o Joe Rogan que falou que o melhor peso pena da história seria o McGregor. Não possuem envergadura para cravar nada sobre isso.
  9. Ele estava puto, é compreensível. No mais tem jogo para bater o Holloway.
  10. It was a good night, financially, for the Brazilians at UFC 212 last night in Rio de Janeiro. Before we go any further, we should note that most international athletic commissions don’t release fighter pay info, so none of the following salary data for the event is official. However, you can get a fairly accurate picture of a fighter’s pay based on official purse info released from past fights. So, based on that info, here is the estimated pay breakdown for the 24 fighters that traded blows at the event. But please remember – this is only an estimate, not official info. Attendance: 15,412 Gate: N/A Vitor Belfort: $515,000 ($300,000 to show, $200,000 win bonus, $15,000 Reebok sponsorship) Jose Aldo: $490,000 ($400,000 to show, $50,000 Fight of the Night bonus, $40,000 Reebok sponsorship) Max Holloway: $410,000 ($160,000 to show, $160,000 win bonus, $50,000 Fight of the Night bonus, $40,000 Reebok sponsorship) Raphael Assuncao: $113,000 ($49,000 to show, $49,000 win bonus, $15,000 Reebok sponsorship) Claudia Gadelha: $106,500 ($27,000 to show, $27,000 win bonus, $50,000 Performance of the Night bonus, $2,500 Reebok sponsorship) Nate Marquardt: $78,000 ($58,000 to show, $20,000 Reebok sponsorship) Brian Kelleher: $72,500 ($10,000 to show, $10,000 win bonus, $50,000 Performance of the Night bonus, $2,500 Reebok sponsorship) Yancy Medeiros: $59,000 ($27,000 to show, $27,000 win bonus, $5,000 Reebok sponsorship) Antonio Carlos Junior: $55,000 ($25,000 to show, $25,000 win bonus, $5,000 Reebok sponsorship) Marlon Moraes: $52,500 ($50,000 to show, $2,500 Reebok sponsorship) Erick Silva: $46,000 ($36,000 to show, $10,000 Reebok sponsorship) Iuri Alcantara: $41,000 ($26,000 to show, $15,000 Reebok sponsorship) Paulo Borrachinha: $26,500 ($12,000 to show, $12,000 win bonus, $2,500 Reebok sponsorship) Matthew Lopez: $26,500 ($12,000 to show, $12,000 win bonus, $2,500 Reebok sponsorship) Viviane Pereira: $26,500 ($12,000 to show, $12,000 win bonus, $2,500 Reebok sponsorship) Karolina Kowalkiewicz: $23,500 ($21,000 to show, $2,500 Reebok sponsorship) Luan Chagas: $22,500 ($10,000 to show, $10,000 win bonus, $2,500 Reebok sponsorship) Deiveson Figueiredo: $22,500 ($10,000 to show, $10,000 win bonus, $2,500 Reebok sponsorship) Johnny Eduardo: $21,000 ($16,000 to show, $5,000 Reebok sponsorship) Eric Spicely: $16,500 ($14,000 to show, $2,500 Reebok sponsorship) Marco Beltran: $16,500 ($14,000 to show, $2,500 Reebok sponsorship) Oluwale Bamgbose: $14,500 ($12,000 to show, $2,500 Reebok sponsorship) Jamie Moyle: $14,500 ($12,000 to show, $2,500 Reebok sponsorship) Jim Wallhead: $12,500 ($10,000 to show, $2,500 Reebok sponsorship)
  11. "Fique contente em agir. Deixe a fala para os outros" – Baltasar Gracián
  12. Aldo tem como vencê-lo. É sacudir a poeira e recomeçar. Olhando agora depois da luta é fácil, acho que ao invés de ter se apostado na força, deveria ter apostado na velocidade contra um cara maior.
  13. Belfort desistiu da aposentadoria? Se ele fez isso foi maluco, não dá mais.
  14. Não entendi porque o Aldo não puxou para guarda quando levou o knockdown