Barbas

Membros
  • Content count

    1504
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutra

About Barbas

Profile Information

  • Gender
    Male

Recent Profile Visitors

1514 profile views
  1. Salvo engano, não há multa se o lutador se aposenta. Por que acham que o UFC virou essa máfia, com compra de resultados? Na minha opinião, esse papo não vai rolar nos bastidores, e se rolasse, o Floyd se recusaria, porque me parece a ele ser mais importante conseguir chegar ao cartel de 50-0. Aliás, vejo em sentido completamente contrário, a luta foi escolhida a dedo pelo Floyd pra ele ganhar. Bela relação de custo/benefício. Maior retorno e menor (na minha opinião zero) risco de perder possíveis.
  2. kkkkkk Concordo. Lutador profissional, em tese, não tem medo de outro homem. Mas tem sim medo de perder a cinta, ainda mais se numa luta com pouco retorno financeiro. Nesse aspecto, acho Randaime e Conor piores, porque nunca defenderam a cinta. Bisping ainda enfrentou o Henderson.
  3. Dando um pitaco na conversa de vocês, se o Saki tiver com essa mentalidade, tem tudo pra ser um novo Pat Barry. Sempre torci muito pro Saki e pro Zabit Samedov no K1 porque eram caras de aproo. 1.80, com menos de 100 kg que lutavam contra gigantes maiores e mais pesados como Bonjaski, Schilt, Overeem, Hari (esse também era magro) e davam show. Mas se for pro MMA com essa cabeça de "sou um monstro no kickboxing, vou lá pra fazer kickboxing" vai se dar mal. Esses caras deveriam aprender com o Chuck Liddell, não precisa ser monstro de chão, tem que ser monstro em não ir pro chão. Será que não foi o fato de a gente ter envelhecido alguns anos também desde então? Apenas um exemplo, eu quando tinha algum show bom de heavy metal que fosse começar 8, 9 da noite, era 4, 5 da tarde eu já tava na fila pra ficar num lugar bom na pista. Hoje não tenho paciência nem de ir ao show. Concordo. Não dá pra saber. Mal comparando, o Duke Roufus disse que se surpreendeu quando descobriu que o CM Punk não tinha experiência prévia nenhuma em luta. Cara passou não sei quantos anos no marmelo e nunca se interessou em treinar "luta de verdade". Então pode ser o mesmo raciocínio, como o Saki era "apenas" kickboxer, vai saber se tinha interesse também em treinar wrestling ou jiu. Natural o ser humano só fazer algo quando realmente precisa.
  4. kkkkk. Pior que você tem toda razão, Dana é assim mesmo. É que agora o Dana deve estar se achando ainda mais importante né, casando lutas de boxe do Floyd Mayweather e tal... nem deve tar dando bola pra holandesa Abs,
  5. Vocês têm razão SE ela estiver falando a verdade. Será que está? Honestamente, meu palpite seria que o evento deu um primeiro aviso do tipo "se não assinar o contrato para a luta contra a Cyborg irá perder o cinturão". Ela publicamente disse que não lutaria, e aí o evento não deve ter dado um segundo aviso, apenas cumpriu a promessa. Nesse caso, acho que o evento não foi escroto, mas repito, é achismo meu. Mestrão, confesso que não sei se concordo ou discordo (Bustamante style, kkkkk). Você tem toda razão quando diz que os campeões devem ser tratados dessa forma. E quando um Conor da vida em vez de defender o cinturão sai fazendo luta com Nate Diaz, Floyd Mayweather, a gente percebe que o evento não os trata de forma igual. Mas até onde o erro em uma situação justifica o erro em outras? Porque, convenhamos, uma campeã que se recusa publicamente a enfrentar a desafiante número 1 tem de perder o título mesmo, não há outro caminho correto a meu ver, então nesse caso o UFC fez certo, duro é não fazer nos outros também. Enfim... análise difícil mesmo, porque envolve valores como igualdade, justiça etc. Abração,
  6. Bonita a frase do Dida, e eu sempre pensei assim, mas depois que o Aldão perdeu do irlandês em 13s, comecei a repensar. O fator mental realmente faz diferença, e se o cara se deixar sua cabeça ser dominada pelo adversário, fica embaçado. Eu não entendo disso, mas considerando que o Wand tem 40 anos, e não luta há mais de 4 anos, acho que você tem razão, não dava para esperar muito mais que isso não.
  7. Ganhando ou perdendo, o irlandês não precisará voltar, pois terá feito dinheiro suficiente para si e para mais algumas gerações. Agora, se vai querer ou não voltar para aumentar ainda mais o patrimônio, não dá para saber, todos estarão especulando. E o cara falar que o Conor vai nocautear no primeiro round é promoção de luta pra enganar incauto. Nos próximos dois meses tentarão nos convencer que o irlandês tem alguma chance, a fim de buscar alavancar a venda de ppv.
  8. Hendricks, 3:05
  9. Realmente, muitos fariam a mesma coisa se tivessem a oportunidade, concordo. Pena que o evento deixa isso acontecer e ainda aplaude. Sem stress também e fique à vontade para não concordar comigo e dizer onde estou mandado mal, estou aqui também para aprender com os outros e evoluir nas minhas opiniões.
  10. De acordo com o UOL, faleceu mesmo, que Deus o tenha em bom lugar. https://esporte.uol.com.br/ultimas-noticias/ag-fight/2017/06/18/morre-ex-ufc-que-foi-duramente-nocauteado-em-luta-de-boxe.htm
  11. Você mesmo fez o que está criticando. Se você também evitar esse tipo de adjetivo - lover, hater etc - creio que estará contribuindo com um debate melhor aqui. No mais, quanto à discussão em si, na minha opinião, contra fatos não há argumentos, eu falei sobre os fatos, sobre a ordem das coisas no tempo, e você está buscando argumentos para defender o fato do Conor não ter defendido cinturão nenhuma vez, o que pra mim, não tem defesa. Então, concordamos que discordamos. Segue o jogo.
  12. Na minha opinião, vc esqueceu da maior de todas, Cris. Totalmente de acordo.
  13. Putz... foi só falar.
  14. Achava que a essa hora a Bethe já estaria nocauteada, pode falar que a Holm tá de freio de mão puxado, mas a Bethe também teve mérito até agora, ao menos de não se expor muito.
  15. Com todo respeito a ela, marido, etc, bonita essa moça do corner da Beth, alguém reparou?